Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Posts de julho 2010

Maira Viana é destaque no México

30 de julho de 2010 0

O primeiro dia de disputas do Zicatela Mexico Pro começou, ontem, em ondas perfeitas, em Puerto Escondido. A brasileira Maira Viana foi o grande destaque das disputas, garantindo sua presença no terceiro round da etapa mexicana. No primeiro dia, ocorreram as duas primeiras fases das categorias Drop Knee e Profissional Feminino, adiando a estreia dos homens para esta sexta-feira.

A carioca Maira Viana caiu na água diante da também brasileira Cláudia Ferraria, campeã mundial e radicada no Havaí. A bateria foi bastante disputada, mas Maira aproveitou melhor suas duas ondas e avançou para a terceira fase, quando enfrenta a venezuelana Ruth Parra. Para o terceiro round da categoria profissional feminino estão previstas as estreias das cabeças de chave do evento. A basca Eunate Aguirre e a porto-riquenha Luz Marie Perez competem ao lado das brasileiras Maylla Venturin, vice-líder do ranking mundial e latino, e Karla Costa.

Já na categoria Drop Knee, que oferece 1.000 pontos no ranking mundial, destaque para os líderes do tour. O peruano Cesar Bauer, vencedor do Peruvian Inka Challenge e líder do tour, garantiu sua presença na terceira fase, bem como o havaiano, campeão mundial, Dave Hubbard, e o canário Ardiel Jimenez.

Nesta sexta-feira estavam previstas as estreias da categoria profissional masculino. Entre os brasileiros, destaque para o capixaba Magno de Oliveira que luta pelo bicampeonato latino. O Zicatela Mexico Pro 2010 tem transmissão ao vivo através do site www.zicatelapro.comFotos: Edwin Morales

Rodrigo Cutelo confirmado no Red Nose Tow In, em Maresias

29 de julho de 2010 0

 

O surfista local da Atalaia, Rodrigo Cutelo, teve sua inscrição confirmada no Red Nose Tow In Championship International 2010, que teve sua janela de espera aberta no dia 15 de Julho e vai até o dia 30 de Novembro.

O tradicional evento de ondas grandes é realizado na Praia de Maresias, em São Sebastião, litoral de São Paulo. Rodrigo vai participar da categoria OPEN, que vai premiar com cinco mil reais o surfista que realizar o maior drop na remada.

Ele acumula experiência em ondas grandes. Já realizou cursos para surfar na modalidade Tow-in e inúmeras quedas na laje do Jagua, localizada no sul de Santa Catarina. Além disso, o surfista já correu boa parte do litoral sul e sudeste brasileiro, sempre atrás de ondas grandes e na remada.

Inclusive já teve foto publicada na revista Parafina, numa bomba em Paúba. Teve também participação no programa Globo Mar, exibido na rede Globo, que destacou o surfe nas ondas de Jaguaruna.


Como possui equipamento próprio (Jet Ski, capacete, colete, quiver de prancha) para ondas grandes, fica mais fácil o treino. O preparo físico também não foi deixado para trás. Além da alimentação, faz um trabalho específico para condicionamento no mar e respiração, além de apnéia para os caldos sinistros.


Cutelo é free surfer e eletricista naval, fato que dificulta um pouco sua organização logística para o evento. “Estou recebendo apoio da Prefeitura Municipal de Itajaí, através da lei de incentivo ao esporte neste ano de 2010, mas os gastos com equipamento e deslocamento estão pesados,” revela o surfista que está procurando apoiadores para a barca rumo a São Paulo.

“Como o evento é confirmado num pequeno espaço de tempo, estou com carro, Jet ski próprio, quiver de pranchas e todo o material disponível, oferecendo uma estrutura completa para divulgação ao empresário que queira divulgar sua marca no maior evento de ondas grandes do Brasil. A visibilidade de um evento deste porte, onde os melhores do mundo no tow in estarão participando, é uma boa oportunidade para agregar valor, além do incentivo ao esporte.”

Os interessados em apoiar esta jornada e conversar com o atleta podem entrar em contato pelo telefone (47) 3045-1140, (47) 8806-1229 ou pelo email rodrigocutelo@hotmail.com.

Vídeos com Rodrigo Cutelo: http://www.youtube.com/watch?v=Tje3FbzsXNM&feature=related

Vídeo filmado e relatado por Rodrigo Cutelo na Laje do Jagua. http://www.youtube.com/watch?v=wNxhkOyURgI

O novo ranking brasileiro de bodyboard

27 de julho de 2010 0

Após o desfecho da primeira etapa do circuito brasileiro de bodyboarding, encerrada no último fim de semana em Campos dos Goytacazes, Rio de Janeiro, a CBRASB (Confederação Brasileira de Bodyboarding) divulgou os rankings de cada uma das seis categorias.

As disputas pelas vagas no ISA Bodyboarding Games prometem acirrar ainda mais a briga pelo título nacional. Entre as mulheres, destaque para a cearense Isabela Sousa, líder do circuito brasileiro e mundial em 2010. Já entre os homens, o atleta capixaba Hellinton Loureiro aparece na frente após sua vitória em Campos.

A próxima etapa do circuito brasileiro acontece entre os dias 08 e 10 de outubro, em Vila Velha, Espírito Santo, na Praia da Barra do Jucu.

Confira os cinco primeiros de cada categoria.

Super Top Masculino:

1 – Hellinton Loureiro – ES – 1000 pontos

2 – Bruno Invyk – RJ – 860 pontos

3 – Israel Eduardo – RJ – 730 pontos

3 – Eder Luciano – SC – 730 pontos

5 – Lucas Nogueira – ES – 610 pontos

5 – Luis Villar – SC – 610 pontos

5 – Roberto Bruno – CE – 610 pontos

5 – Stephan Stamm – RJ – 610 pontos

 

Profissional Feminino:

1 – Isabela Sousa – CE – 1000 pontos

2 – Maria Helena – RJ – 730 pontos

2 – Aline Mello – RN – 730 pontos

4 – Suzane Oliveira – PR – 610 pontos

5 – Maylla Venturin – ES – 555 pontos

5 – Pérola de Souza – PR – 555 pontos

 

Pro/AM Masculino:

1 – Wanderson Araujo – ES – 1000 pontos

2 – Ronieres Viana – ES – 670 pontos

3 – Giovani Ferreira – PR – 610 pontos

4 – Diego da Silva – ES – 555 pontos

4 – Lucas de Paula Rodrigues – ES – 555 pontos

4 – Vinicius de Souza – ES – 555 pontos

 

Amador Masculino:

1 - Amilton Junior – RJ – 1000 pontos

2 – Tiago Souza – BA – 860 pontos

3 – Thiago Correa – RJ – 730 pontos

4 – Gabriel Henrique – ES – 670 pontps

5 – Andre Andrade – RJ – 610 pontos

 

Amador Feminino:

1 – Kyrtis Montenegro – PE – 1000 pontos

2 – Joany Duarte – ES – 860 pontos

3 – Marina Macedo – RJ – 670 pontos

4 – Gabriela Gaihger – ES – 610 pontos

4 – Priscila Medeiros – RN – 610 pontos

 

Junior Masculino:

1 – Ailton Junior – RJ – 1000 pontos

2 – Marco Aurélio – RJ – 860 pontos

3 – Ariel Santana – ES – 730 pontos

4 – Rodrigo Fernandez – RJ – 670 pontos

5 – Wanderson Castelane – ES – 610 pontos

 

Danilo Caboclo – Assessoria de Imprensa

Filipe Toledo é campeão no Quiksilver Groms

27 de julho de 2010 0

Dono das melhores atuações em toda a competição, Filipe Toledo “reinou em casa” na seletiva inicial do Quiksilver King of the Groms, encerrado no último domingo, na Praia de Itamambuca, em Ubatuba. A disputa, com ondas de até um metro, reuniu surfistas com até 16 anos de idade e definiu o primeiro brasileiro para a final mundial do evento, na França, no final de setembro.

Para garantir o título, Filipinho superou o capixaba de Jacaraípe, Rodrigo Cardoso, em mais um desempenho perfeito.

Com o apoio da torcida e muitos familiares, incluindo o pai, Ricardo Toledo, ex-bicampeão brasileiro de surf profissional e hoje técnico, o surfista de Ubatuba mostrou estar credenciado à vaga, desde a sua primeira atuação. Foi o dono das quatro melhores somatórias da etapa, em seis apresentações, com 16,75, 16,0 e 15,25 (uma delas na decisão), de 20 possíveis. Também garantiu as quatro maiores notas do final de semana, com 9,25, 8,75 (na final para assegurar o caneco), 8,5 e 8,25.

Como prêmio, Filipe terá a passagem aérea, hospedagem e ajuda de custo durante o Quiksilver Pro France, etapa do World Tour, em Hossegor. Já no pódio recebeu a coroa e um bônus de R$ 900, uma vez que a Quiksilver decidiu dividir o total das inscrições entre os quatro primeiros colocados. Para chegar ao título, ele trilhou um caminho de sucesso.

Nas duas primeiras fases, onde os surfistas competiam e buscavam as melhores somatórias para se classificar entre os 16 primeiros, ele foi o dono das melhores notas, incluindo a maior do evento, 9,25. Já no round 3, ficou em segundo, superado, justamente por Rodrigo Cardoso (por uma diferença só de meio ponto), que viria a enfrentar novamente na decisão.

Já nas quartas-de-final, no sistema homem x homem, enfrentou Deivid Silva, de Guarujá, atual líder do ranking brasileiro mirim e o segundo melhor nas fases iniciais. Na semifinal, onde parou no ano passado, protagonizou o maior confronto contra o baiano de Itacaré, radicado em Guarujá, Yagê Araújo. A bateria teve os maiores scores – 16 a 14,5.

Na finalíssima, com 25 minutos de duração, Filipinho usou muita estratégia e se aproveitou do total conhecimento do pico. Rodrigo Cardoso pegou as quatro primeiras ondas, mas todas fracas. Então, depois de aguardar no outside por 16 minutos, o campeão pegou uma direita, explorou bem a onda para garantir 8,75 e abrir o caminho para a vitória.

Na sequência mais duas ondas, com um 3,5 e um 6,5, liquidando a fatura – 15,25 a 5,05. Ao sair do mar, foi erguido nos ombros do pai e também teve a companhia do avô, João Maria. O vice-campeão da etapa, apesar da derrota, saiu feliz do mar. Na fase inicial, ele foi o décimo melhor. Depois, superou Filipinho no round 3, o que lhe deu segurança, e no domingo enfrentou Fábio Pereira, de São Sebastião, e Cainã Barletta, de Florianópolis. Na final, não achou boas ondas e sua melhor nota foi um 2,55.

Já os dois terceiros colocados, Cainã Barletta e Yagê Araújo embolsaram R$ 250 cada. O gerente de marketing da Quiksilver no Brasil e ex-top da elite mundial, Piu Pereira, ficou satisfeito com o resultado do evento.

Com a experiência de uma vida dedicada ao surf de alto rendimento, Piu relacionou a importância do evento para a nova geração. “Este campeonato é reconhecido mundialmente para fomentar novos valores. A final acontecerá em paralelo com o World Tour na França e esta garotada, só de ir para lá, já acumula uma grande experiência com a convivência com os maiores nomes do surf mundial”, falou.

“Este é um incentivo que faz  com que o atleta se dedique cada vez mais  na sua carreira adquirindo cada vez mais experiência, o que é muito importante para o desenvolvimento de qualquer surfista”, acrescentou Piu. “Esperamos boas ondas para a próxima etapa que é o mais importante para que tenhamos um bom espetáculo. Vamos com tudo para escolher o companheiro do Filipinho e, com certeza, a equipe brasileira será muito forte lá na França”, finalizou.

HOSSEGOR – O Quiksilver King of the Groms reúne surfistas com até 16 anos de idade e garante ao vitorioso da etapa uma vaga à final do mundial do evento, realizado em paralelo ao Quiksilver Pro France, etapa do World Tour, em Hossegor, a partir do dia 23 de setembro. São 16 surfistas classificados em todo o mundo.

As seletivas do Brasil, Austrália, Estados Unidos e Europa garantem dois classificados. Já no Havaí, África do Sul, Nova Zelândia, Indonésia, Ilhas Reunião, Japão, Taiti e Argentina, garantem um concorrente cada. A segunda disputa brasileira será realizada nos 7 e 8 de agosto, em Itajaí (SC), com a escolha da praia que oferecer melhores condições de ondas. Mais informações pelo e-mail: woodbrothers@terra.com.br.

2 TÍTULOS – Em cinco anos de Quiksilver King of the Groms, o Brasil faturou dois títulos na final mundial da França. Logo na primeira edição, em 2005, Wiggolly Dantas, o Guigui, de Ubatuba, foi coroado (o campeão senta num trono, recebe a coroa). Já no ano passado, domínio brasileiro, com vitória de Gabriel Medina, de São Sebastião, sobre Caio Ibelli, de Guarujá, com direito a duas notas 10.

A seletiva inicial do Quiksilver King of the Groms 2010 teve o patrocínio da Quiksilver, apoios da Prefeitura Municipal de Ubatuba, Revista e Site Hardcore, com supervisão da Federação de Paulista de Surf, da Associação Ubatuba de Surf e da Confederação Brasileira de Surf.

RESULTADOS OFICIAIS DA SELETIVA QUIKSILVER KING OF THE GROMS:

FINAL

1 Filipe Toledo – Ubatuba/SP

2 Rodrigo Cardoso – Jacaraípe/ES

CRÉDITO: RENATO BOULOS/FMA NOTICIASSEMIFINAL

3 Yagê Araújo – Itacaré/BA (Guarujá/SP)

3 Cainã Barletta – Florianópolis/SC

Messias garante o título e Tomas fica em 3º lugar

25 de julho de 2010 0

 

Com dois aéreos fantásticos nas duas primeiras ondas da bateria final, o cearense Messias Felix faturou, neste domingo, o título da Seletiva Petrobras de Surfe Masculino de Pernambuco na Praia do Cupe, em Ipojuca. O carioca Leandro Bastos até tentou reagir, mas não conseguiu superar a grande vantagem do atual campeão brasileiro na etapa nordestina da principal competição da Divisão de Acesso em 2010.

O catarinense Tomas Hermes dividiu o terceiro lugar no pódio com o potiguar Alan Jhones e manteve a ponta no ranking que classifica 15 atletas para a elite nacional. A terceira e última Seletiva Petrobras 2010 será em setembro, em Saquarema (RJ).

O título valeu o prêmio de R$ 10 mil para o cearense, que liquidou a fatura com seus aéreos sensacionais logo nas duas primeiras ondas que surfou na bateria final. Na primeira onda, ganhou nota 8 com uma rasgada seguida por um aéreo rodando incrível. Na segunda, começou com um aéreo muito alto e emendou duas rasgadas invertendo a direção da prancha, jogando a rabeta, para arrancar um 8,6, dos juízes e estabelecer um novo recorde para a Praia do Cupe, com o placar de 16,60 x 14,17 pontos.

O carioca Leandro Bastos também fez uso da sua principal característica para tentar reverter a grande vantagem inicial do cearense. E foi com a potência das batidas e rasgadas de backside (de costas para a onda) que ele conseguiu uma nota 8,17, mas ainda precisava de 8,44 pontos para a vitória. O tempo foi passando, não entrou nenhuma outra série com potencial para tirar notas altas e Messias Felix foi anunciado como campeão da Seletiva Petrobras de Pernambuco.

No último dia, Leandro primeiro passou pelo paulista Bruno Moreira e depois pelo catarinense Tomas Hermes, que continua liderando a competição.

“Espero que seja assim até o fim do ano para ganhar o título brasileiro da Divisão de Acesso e também o do Petrobras”.

Tomas dividiu o terceiro lugar no pódio com o potiguar Alan Jhones, único que ainda podia lhe tirar essa liderança no domingo. Alan ganhou o duelo com o conterrâneo Danilo Costa, mas foi barrado por Messias Felix no confronto do atual campeão brasileiro com o líder da corrida pelo título deste ano no Brasil Surf Pro 2010.

 

Ele venceu a primeira Seletiva Petrobras de Surfe Masculino. em Imbituba, e agora foi terceiro colocado e permanece em segundo na Divisão de Acesso.

A Seletiva Petrobras de Surfe Masculino 2010 parte agora para o seu terceiro e último desafio na Praia de Itaúna, de 16 a 19 de setembro, em Saquarema (RJ).

 

 

FINAL DA SELETIVA PETROBRAS DE PERNAMBUCO:

Campeão: Messias Felix com 16,60 pontos – R$ 10.000 e 2.000 pontos no ranking

Vice-campeão: Leandro Bastos com 14,17 pontos – R$ 6.000 e 1.720 pontos

SEMIFINAIS – 3.o lugar – R$ 3.000 e 1.460 pontos:

1: Messias Felix (CE) 11.80 x 10.36 Alan Jhones (RN)

2: Leandro Bastos (RJ) 9.83 x 8.93 Tomas Hermes (SC)

QUARTAS DE FINAL – 5.o lugar – R$ 1.500 e 1.220 pontos:

1: Messias Felix (CE) 12.63 x 9.66 Bino Lopes (BA)

2: Alan Jhones (RN) 9.50 x 8.37 Danilo Costa (RN)

3: Leandro Bastos (RJ) 11.50 x 10.50 Bruno Moreira (PE)

4: Tomas Hermes (SC) 11.40 x 10.23 Hizunomê Bettero (SP)

RANKING DA DIVISÃO DE ACESSO 2010 – após 15 etapas:

1: Tomas Hermes (SC) – 5.530 pontos

2: Alan Jones (RN) – 5.000

3: Bino Lopes (BA) – 4.440

4: Jean da Silva (SC) – 3.890

5: Leandro Bastos (RJ) – 3.704

6: Halley Batista (PE) – 3.655

7: Robson Santos (SP) – 3.500

8: Rudá Carvalho (BA) – 3.495

9: Danilo Costa (RN) – 3.408

10: Pedro Henrique (RJ) – 3.387

11: Patrick Tamberg (FN) – 3.380

12: Igor Morais (RJ) – 3.365

13: David do Carmo (SP) – 3.280

14: Caio Ibelli (SP) – 3.265

15: Krystian Kymmerson (ES) – 3.238

16: Flávio Nakagima (SP) – 3.210

17: Greg Cordeiro (SC) – 3.165

18: Gilmar Silva (SP) – 3.130

18: Saulo Junior (SP) – 3.130

20: Edvan Silva (CE) – 3.125

21: Messias Felix (CE) – 2.970

22: Ricardo Ferreira (SP) – 2.960

23: Emerson Piai (SP) – 2.860

24: Marcio Farney (CE) – 2.828

25: Hizunomê Bettero (SP) – 2.818

Eder Luciano dá show no Farol de São Thomé

24 de julho de 2010 1

O sábado foi repleto de emoções e muitas disputas no segundo dia de competições da primeira etapa do circuito brasileiro de bodyboarding. Em condições ainda mais complicadas do que na sexta-feira, os atletas se esforçaram bastante para garantir um show de bodyboarding ao público que compareceu em peso a Praia do Farol de São Thomé.

Os atletas tops estrearam com destaque para os desempenhos de Eder Luciano e Bruno Invyk. O catarinense Eder Luciano foi o primeiro atleta a obter um grande desempenho. Com duas boas ondas, o atleta de Itapema achou ondas 8,25 e 7,00 e somou 15,25 pontos em 20,00 possíveis.

“Estou muito feliz de ter achado duas ondas boas nessa bateria que teve um nível de final. Tive que usar um pouco da prioridade para não deixar sobrar onda para eles. Ano passado fui campeão na Pro/Am e aqui tem muitos atletas bons. Espero ir com tudo para ir bem nessa etapa e conseguir o título de campeão brasileiro”, disse.

Assim como Eder, o local Bruno Invyk mostrou que está em plena sintonia com as ondas onde treina rotineiramente e com ondas 8,25 e 7,00 somou, ao lado do catarinense, o maior score da categoria Super Top, 15,25 em 20 possíveis. Questionado sobre como se sentia competindo em casa, Invyk foi enfático.

Quem também se destacou foi a cearense Isabela Sousa. Líder do circuito mundial feminino, a atleta de Fortaleza passou suas baterias e proporcionou muitas emoções a sua torcida. Em seu duelo pelas quartas de final, a atleta ficou precisando de duas ondas para virar a disputa e se garantir na semifinal. Com duas ondas salvadoras, Isabela virou nos segundo finais comemorou a passagem para o domingo.

Para encerrar o dia em grande estilo, o capixaba Wanderson Araujo deu um show nas ondas do Farol de São Thomé. Com duas belas atuações o atleta do Espírito Santo achou boas esquerdas e abusou dos ARS´s para carimbar seu passaporte para a grande decisão da Pro/AM. “Achei boas ondas. O intuito é ser campeão e ano que vem voltar para a categoria Super Top. Se Deus quiser vai ocorrer tudo bem e eu vou voltar para o lugar onde eu deveria estar”, disse.

Neste domingo estão previstas para ocorrer as finais das seis categorias que apontarão os campeões da primeira etapa do circuito brasileiro de bodyboarding. Uma nova chamada está prevista para acontecer as 07:30.

O evento conta com transmissão ao vivo através do site www.paipo.com.br

TexIsabela Sousato: Danilo Caboclo – Assessoria de Imprensa

Supremacia em Ilhabela

24 de julho de 2010 0

A previsão do tempo anunciava que a penúltima regata da 37ª Rolex Ilhabela Sailing Week seria debaixo de muita chuva, porém, a previsão não se confirmou e o sol apareceu para prestigiar os primeiros campeões da maior flotilha do evento. Às 11h10min, as embarcações da Classe BRA-RGS largaram em frente ao Yacht Club de Ilhabela para realizar a regata de percurso médio entre os extremos sul e norte da ilha.

Com apenas sete pontos perdidos, o Cinco Los Niños conquistou o lugar mais alto do pódio, na RGS-A, com um dia de antecipação. Com a vitória garantida, a tripulação optou por não competir a regata deste sábado e já prepara o barco para retornar a Santa Catarina, logo após a premiação.

Enquanto na RGS-A, o Cinco Los Niños é preparado para retornar ao Iate Clube de Santa Catarina, o companheiro de clube, Moleque voltou ao Canal da Ponta das Canas, no norte da Ilha, para realizar as últimas regatas em formato Barla-Sota.

A flotilha de Santa Catarina também conta com um campeão na RGS-C. Com apenas seis pontos perdidos e quatro regatas vencidas, o comandante Tarcísio Mattos, do veleiro Zephyrus, prefere ser mais cauteloso e comemorar a vitória só depois da última regata.

Empatados com oito pontos perdidos, os veleiros Apoena, um Bramador 34, e Cocoon, um Delta 36, disputam o primeiro lugar na RGS-Cruiser.

BRA-RGS A

sétima regata

1- Cinco los Niños (Osvaldo Ceccon)

2- Jazz (Valéria Ravani)

3- Fram (Felipe Aidar)

FOTO: Aline Bassi

Acumulado

após sete regatas, com 1 descarte

1- Cinco los Niños (Osvaldo Ceccon) – 7 (3+1+1+1+2+1+1)

2- Jazz (Valéria Ravani) – 15 (2+4+4+2+1+5+2)

3- Jylic II (Martim Bonato) – 20 (4+3+3+4+4+2+6)

4- Fram (Felipe Aidar) – 21 (5+2+2+6+5+4+3)

5- Kybyxu (Carlos Oliveira Freitas) – 27 (13+6+6+5+3+3+4)

BRA-RGS B

sexta regata

1- Pandorga (Gilberto Muller)

2- BL3/Bematech (Clauberto Andrade)

3- Moleque (Marcelo Gusmão)

FOTO: Eduardo Grigaitis

Acumulado

após seis regatas, com 1 descarte

1- Moleque (Marcelo Gusmão) – 9 (3+1+4+1+1+3)

2- Blue Too/Lalampe (Pedro Rodrigues) – 16 (2+6+3+2+3+11)

3- Albatroz (Marinha do Brasil) – 19 (7+3+1+6+2+7)

BRA-RGS C

sexta regata

1- Zephyrus/Tempo (Tarcísio Mattos)

2- Xilki (Renato Michel Bosso)

3- Ariel (Luis Pimenta)

FOTO: Aline Bassi

 

Acumulado

após seis regatas, com 1 descarte

1- Zephyrus/Tempo (Tarcísio Mattos) – 6 (1+2+1+1+2+1)

2- Xiliki (Renato Michel Bosso) – 11 (3+3+3+2+1+2)

3- Santeria (Rodrigo Martins) – 19 (6+1+4+5+5+4)

BRA-RGS Cruiser

sexta regata

1- Coccon (Luiz Marcelo Caggiano)

2- Geronimo (Mauro Diomelli)

3- Apoena (Marcos de Oliveira Cesar)

Acumulado

após seis regatas, com 1 descarte

1- Apoena (Marcos de Oliveira Cesar) – 8 (1+1+1+2+5+3)

2- Coccon (Luiz Marcelo Caggiano) – 8 (4+2+2+1+2+1)

3- Geronimo (Mauro Diomelli) – 14 (3+3+3+3+3+2)

 

TEXTO: Conexão Press – Mariana Sales

Barra do Sul palco do surfe universitário

23 de julho de 2010 0

A Vida Marinha e a Edei Notebooks apresentam o Sul Brasileiro de Surf Universitário que acontece em Barra do Sul, no litoral norte catarinense neste final de semana com a participação dos melhores surfistas universitários do país, nas ondas da Praia do Bispo.
A competição distribui cinco notebooks, cinco pranchas de surf e kits de produtos variados de surf para os melhores surfistas nas cinco categorias em disputa: open masculino, open feminino, formados, soul surf (estreantes) e clegial (sub-18) somando um total de R$10 mil em prêmios.
A previsão das condições do mar indica ondas  de meio metro até um metro de altura com o vento soprando do quadrante Norte. As inscrições ainda estão abertas e poderão ser feitas na sede da Federação Catarinense de Surf através do telefone (48) 3025-1880 com o Leco.
O evento é apresentado pela Vida Marinha e Edei Notebooks e tem o patrocínio do Governo do Estado de Santa Catarina com a parceria do Fundesporte e Secretária de Estado de Cultura, Esporte e Turismo, com a supervisão da ABRASU, FECASURF e ASB.

Fotos e resultados da Seletiva Petrobrás na Praia do Cupe

23 de julho de 2010 0

Campeão brasileiro 2008, Guga Fernandes segue vivo na Seletiva.

PRIMEIRA FASE – 96 competidores:

1ª-1-Felipe Martins (CE), 2-Rafael Joaquim (RN), 3-André Silva (CE), José Junior (RN)
2ª-1-Messias Felix(CE),2-Alexandre Ferraz(PE),3-Beto Mariano(SC),4-JuniorLagosta(PE)
3ª-1-John Max (RN), 2-Michel Roque (CE), 3-Phelipe Maia (CE), 4-Tamaê Bettero (SP)
4ª- 1-Marcio Farney(CE), 2-Guga Fernandes(RJ),3-Alan Saulo(PB),4-Manuel de Assis (PE)
5ª-1-Jorge Spanner (RJ), 2-Emerson Piai (SP), 3-Victor Ribas (RJ), 4-Thales Luis (PE)
6ª-1-Robson Santos (SP), 2-Luel Felipe (PE), 3-Diego Rosa (SC), 4-Osvaldo Cajá (PE)
7ª-1-Edvan Silva (CE),2-Caia Souza(FN),3-Bruno Rodrigues (PE),4-Raphael Becker(SC)
8ª-1-Bino Lopes(BA),2-Antonio Eudes(CE),3-Eerbel Andrade(PB),4-Caetano Vargas(PR)
9ª-1-Yure Nogueira(PB), 2-Marco Fernandez (BA), 3-Saulo Junior (SP), 4-Caio Ibelli(SP)
10ª-1-Felipe Ximenes (SC),2-Danilo Costa (RN),3-Gabriel Farias(PE), 4-Sergio Pontes(AL)
11ª-1-Pedro Henrique (RJ),2-Ulisses Meira(PB),3-Argus Diniz(CE),4-Jackson Santos(PE)
12ª-1-Tomas Hermes (SC),2-Gustavo Henrique(SP),3-K.Kymmerson(ES),4-W.Martins(PE)
13ª-1-Robson Gobbato (RS), 2-Alan Jhones (RN), 3-Leo Moraes (PB), 4-Betinho Rosa(CE)
14ª-1-Bruno Galini (BA), 2-Igor Morais (RJ), 3-Peterson Filho(BA)
15ª-1-Beto Fernandes(SP),2-Charlie Brown(CE),3-Gilmar Silva(SP),4-Nando Leque(PR)
16ª-1-Isaias Silva (CE), 2-Jean da Silva (SC),3-F. Nakagima (SP), 4-David Silva(SP)
17ª-1-Alandreson Martins(BA), 2-Marcelo Nunes(RN),3-Gui Ferreira(SC),4-Anderson C.(PE)

Messias Felix começou bem na Praia do Cupe. Foto Fábio Minduim/Maxports/Divulgação

Baterias que abrem a sexta-feira:

18ª- Dunga Neto (CE), Itim Silva (CE), Del Gama (ES), Flavio Nunes (CE)
19ª-Greg Cordeiro (SC), Alan Donato (PE), Bruno Moreira (SP), Pedro Lima (PE)
20ª- Tânio Barreto (AL), Halley Batista (PE), Felipe Teixeira (SC), Marco Aurelio (SP)
21ª- Leandro Bastos (RJ), Patrick Tamberg (FN), Aurélio Santana(BA),Julio Pereira (PE)
22ª- Jano Belo (PB), Hizunomê Bettero (SP), Thiago de Sousa (CE), Olavo Aguiar (PE)
23ª-David do Carmo (SP), Ricardo Ferreira (SP), Luciano Brulher (SP), Saul Moura (BA)
24ª- Rudá Carvalho (BA), Franklin Serpa (BA), Emerson Silva (SP), Frank Cordeiro (PE)

Robson Gobbato está surfando com as pranchas MM da praia do Rosa. Foto Fábio Minduim/Maxports/Divulgação

SEGUNDA FASE – 48 competidores – baterias já formadas:

1ª: Messias Felix (CE), Felipe Martins (CE), Alexandre Ferraz (PE), Rafael Joaquim (RN)
2ª: Gustavo Fernandes (RJ), Marcio Farney (CE), Michel Roque (CE), John Max (RN)
3ª: Jorge Spanner (RJ), Emerson Piai (SP), Robson Santos (SP), Luel Felipe (PE)
4ª: Bino Lopes (BA), Edvan Silva (CE), Antonio Eudes (CE), Caia Souza (FN)
5ª: Danilo Costa (RN), Felipe Ximenes (SC), Marco Fernandez (BA), Yuri Nogueira (PB)
6ª: Tomas Hermes (SC), Pedro Henrique (RJ), Ulisses Meira (PB), Gustavo Henrique (SP)
7ª: Alan Jhones (RN), Bruno Galini (BA), Igor Morais (RJ), Robson Gobbato (RS)
8ª: Jean da Silva (SC), Beto Fernandes (SP), Charlie Brown (CE), Isaias Silva (CE)

Luel Felipe rasgando nas ondas irregulares da praia do Cupe. Foto Fábio Minduim/Maxports/Divulgação

Com informações de João Carvalho- Assessoria de Imprensa da ABRASP.

SC na briga pelo título

22 de julho de 2010 0

Com média de 9 nós de vento, o terceiro dia de regata da 37ª Rolex Ilhabela Sailing Week foi marcado por vitórias catarinenses na Classe BRA-RGS. Localizada ao norte da Ilhabela, as regatas Barla-Sota foram realizadas na Ponta das Canas. Nesta quinta-feira, a maior flotilha da Semana de Vela voltaou às águas de São Sebastião para realizar a regata de médio percurso.

Na RGS-A, o grande favorito ao título de 2010, mais uma vez mostrou que esta pronto para ganhar a 37ª edição do maior evento de vela oceânica da América Latina. Sob os comandos do capitão Osvaldo Ceccon, o Cinco Los Niños lidera a classificação com apenas seis pontos perdidos.

O veleiro Jazz, da comandante Valéria Ravani, segue na segunda posição, com 12 pontos perdidos, dois a menos que o campeão de 2009, Jylic II. Quem também comemora o bom aproveitamento da flotilha de Santa Catarina na Semana de Vela de Ilhabela é o velejador Marcelo Gusmão.

Fotos: Edu Grigaitis/Divulgação

A bordo do veleiro Moleque, um Fast 360, Gusmão comanda a tripulação com a sabedoria de quem possui na bagagem mais de 30 anos dedicado ao iatismo. Em busca de mais um título, agora na RGS-B, Gusmão disputa o lugar mais alto do pódio com outros 21 barcos.

No comando da tripulação do Velamar 29, Tarcísio Mattos é só alegria com o bom trabalho que a tripulação tem feito na Semana de Vela. Com apenas cinco pontos perdidos e uma diferença de seis para o segundo colocado, o Zephyrus é um dos grandes favoritos na RGS-C.

Enquanto a flotilha de Santa Catarina lidera as divisões A, B e C da Classe BRA-RGS, na RGS-Cruiser, o veleiro Apoena, comandado por Marcos Cesar vem se destacando a cada regata, com apenas cinco pontos perdidos.

Fotos: Edu Grigaitis/Divulgação

Resultados

BRA-RGS A - Terceira regata

1- Cinco de los Niños (Osvaldo Ceccon)

2- Fram (Felipe Aidar)

3- Jylic II (Martin Bonato)

 

Quarta regata

1- Cinco de los Niños (Osvaldo Ceccon)

2- Jazz (Valéria Ravani)

3- Inaê/Transbrasa (Bayard Umbuzeiro Filho)

 

Acumulado – após quatro regatas

1- Cinco de los Niños (Osvaldo Ceccon) – 6 (3+1+1+1)

2- Jazz (Valéria Ravani) – 12 (2+4+4+2)

3- Jylic II (Martim Bonato) – 14 (4+3+3+4)

4- Fram (Felipe Aidar) – 15 (5+2+2+6)

5- Inaê/Transbrasa (Bayard Umbuzeiro Filho) – 16 (1+7+5+3)

 

BRA-RGS B – Terceira regata

1- Albatroz (Marinha do Brasil)

2- Conquista 3 (Mauro Dottori)

2- Blue Too/Lalampe (Pedro Rodrigues)

 

Quarta regata

1- Moleque (Marcelo Gusmão)

2- Blue Too/Lalampe (Pedro Rodrigues)

3- BL3/Bematech (Clauberto Andrade)

 

Acumulado – após quatro regatas

1- Moleque (Marcelo Gusmão) – 9 (3+1+4+1)

2- Blue Too/Lalampe (Pedro Rodrigues) – 13 (2+6+3+2)

3- Albatroz (Marinha do Brasil) – 17 (7+3+1+6)

 

BRA-RGS C – Terceira regata

1- Zephyrus (Tarcísio Mattos)

2- Nemo (Mauro Ribeiro)

3- Xiliqui (Renato Michel Bosso)

 

Quarta regata

1- Zephyrus (Tarcísio Mattos)

2- Xiliqui (Renato Michel Bosso)

3- Nemo (Mauro Ribeiro)

 

Acumulado – após quatro regatas

1- Zephyrus (Tarcísio Mattos) – 5 (1+2+1+1)

2- Xiliqui (Renato Michel Bosso) – 11 (3+3+3+2)

3- Santeria (Rodrigo Martins) – 16 (6+1+4+5)

 

BRA-RGS Cruiser – Terceira regata

1- Apoena (Marcos de Oliveira Cesar)

2- Coccon (Luiz Marcelo Caggiano)

3- Geronimo (Mauro Diomelli)

 

Quarta regata

1- Coccon (Luiz Marcelo Caggiano)

2- Apoena (Marcos de Oliveira Cesar)

3- Geronimo (Mauro Diomelli)

 

Acumulado – após quatro regatas

1- Apoena (Marcos de Oliveira Cesar) – 5 (1+1+1+2)

2- Coccon (Luiz Marcelo Caggiano) – 9 (4+2+2+1)

3- Geronimo (Mauro Diomelli) – 12 (3+3+3+3)