Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Posts do dia 26 maio 2011

Julian Wilson rouba a cena em Saquarema

26 de maio de 2011 0

Julian Wilson quer escapar do corte do ASP Tour no segundo semestre. Foto Pedro Monteiro

O australiano Julian Wilson roubou a cena no segundo dia do Oakley Saquarema Prime ao estabelecer nesta quinta-feira novos recordes de nota e pontos para o campeonato em ondas de dois a três pés, mas ainda com boa formação. Foram realizadas as 13 baterias de complemento da primeira fase e 7 das 12 da rodada dos 48 melhores. A oitava bateria, com o paulista Miguel Pupo e os australianos Adam Robertson, Tom Whitaker e Shaun Cansdell, abrirá a sexta-feira na Praia de Itaúna. Uma chamada está marcada para as 6h45min, para um possível início às 7h.
O australiano usou a tática certa e conseguiu evitar repetir o resultado do ano passado, quando foi eliminado de cara:
- As ondas estão pequenas, difíceis, nessas baterias de quatro atletas você tem que ir lá e se divertir apenas e eu não estava querendo colocar muita pressão em mim mesmo – disse Julian Wilson, que recebeu 9,87 na onda que acertou uma batida muito forte, seguida de um aéreo rodando de backside.

Jadson fez dobradinha com Raoni. Foto Daniel Smorigo/ASP South America
Depois dessa primeira onda, Julian fechou o placar com 18,34 com a última onda, quando acertou dois aéreos. Só o australiano superou as marcas do potiguar Jadson André, que acabado de fazer os recordes do dia – nota 9,27 e 16,77 pontos – na dobradinha com Raoni Monteiro.
- Não está fácil e é chato competir quando o mar está assim, ainda mais aqui em Itaúna que é um point break e todo mundo fica disputando as mesmas ondas – opinou Jadson André, que acertou dois aéreos na onda que valeu a vitória na bateria.

Willian Cardoso e sua tradicional rasgada de backside, com muita pressão, abrindo o leque. Foto Daniel Smorigo /ASP South America
O catarinense Willian Cardoso usou a força nas manobras para arrancar a primeira nota excelente do dia (8,90), após uma sequência de quatro manobras numa esquerda da série. .
- Sei que vai ser difícil conseguir outra vitória aqui, o evento agora é Prime, com mais atletas do World Tour, mas o objetivo é esse. Só dei o primeiro passo e minha concentração é degrau por degrau, bateria por bateria, sem pensar lá na frente – declarou.

A maior estrela do campeonato não passou da estreia. Adriano de Souza foi barrado na primeira bateria do dia, iniciada às 7h, quase sem ninguém na praia. Mineirinho não achou as melhores ondas da bateria e foi eliminado pelo seu conterrâneo do Guarujá, Junior Faria, e pelo espanhol Hodei Collazo.

Dois tops não compareceram para competir em Saquarema. O cabeça de chave número 1, o francês Jeremy Flores, contraiu dengue na semana passada e foi substituído pelo compatriota Romain Cloitre. O norte-americano C.J. Hobgood não se recuperou de uma lesão sofrida no Rio e deu lugar para Kiron Jabour. O catarinense Alejo Muniz também tinha se machucado na etapa brasileira do Tour, mas tentou competir e sua coluna travou de novo. Ele saiu do mar direto para a ambulância, eliminado com o terceiro lugar na bateria.

Damien Hobgood fez a mala da nova geração. Foto Daniel Smorigo /ASP South America

Sem a companhia inseparável do irmão gêmeo, Damien Hobgood fechou a primeira fase com uma bela apresentação, ao derrotar três surfistas da nova geração. Mason Ho passou em segundo, eliminando o compatriota John John Florence e o brasileiro Krystian Kymerson.
- Hoje o mar baixou, as ondas ficaram mais cheias, mais lentas, as séries demorando para entrar, mas eu queria passar essa primeira bateria porque vai entrar um swell (ondulação) mais consistente no fim de semana e quero ver se consigo chegar até lá – falou Damien Hobgood.

Resultados de quinta-feira:
1ª fase: 3º=49ºlugar (US$ 1 mil e 400 pts) / 4º=73º(US$ 750 e 380 pts):
12ª: 1-Junior Faria (BRA), 2-Hodei Collazo (ESP), 3-Gilmar Silva (BRA), 4-Adriano de Souza (BRA)
13ª: 1-Hizunomê Bettero (BRA), 2-Shaun Cansdell (AUS), 3-Romain Cloitre (FRA), 4-Yan Guimarães (BRA)
14ª: 1-Tim Boal (FRA), 2-Tom Whitaker (AUS), 3-Dylan Graves (PRI), 4-Yuri Sodré (BRA)
15ª: 1-Miguel Pupo (BRA), 2-Masatoshi Ohno (JAP), 3-Neco Padaratz (BRA), 4-Tomas Hermes (BRA)
16ª: 1-Adam Robertson (AUS), 2-Kai Otton (AUS), 3-Alejo Muniz (BRA), 4-Eric Geiselman (EUA)
17ª: 1-Kai Berger (HAV), 2-Kiron Jabour (HAV), 3-Robson Santos (BRA), 4-Heath Joske (AUS)
18ª: 1-Glenn Hall (IRL), 2-Tanner Gudauskas (EUA), 3-Jeronimo Vargas (BRA), 4-Messias Felix (BRA)
19ª: 1-Willian Cardoso (BRA), 2-Sebastien Zietz (HAV), 3-Richard Christie (NZL), 4-Marlon Lipke (ALE)
20ª: 1-Chris Davidson (AUS), 2-Jessé Mendes (BRA), 3-Marco Polo (BRA), 4-Blake Thornton (AUS)
21ª: 1-Adam Melling (AUS), 2-Charlie Brown (BRA), 3-Pablo Paulino (BRA), 4-Wiggolly Dantas (BRA)
22ª: 1-Nathaniel Curran (EUA), 2-Josh Kerr (AUS), 3-Joan Duru (FRA), 4-Gustavo Fernandes (BRA)
23ª: 1-Dion Atkinson (AUS), 2-Royden Bryson (AFR), 3-Gabe Kling (EUA), 4-Jano Belo (BRA)
24ª: 1-Damien Hobgood (EUA), 2-Mason Ho (HAV), 3-Krystian Kymerson (BRA), 4-John John Florence (HAV)

Segunda fase (48 Melhores)- 3º=25ºlugar (US$ 2 mil e 800 pts)/4º=37º(US$ 1,5 mil e 650 pts):

1ª: 1-Michel Bourez (TAH), 2-Simão Romão (BRA), 3-Ben Dunn (AUS), 4-Marc Lacomare (FRA)
2ª: 1-Yadin Nicol (AUS), 2-Lincoln Taylor (AUS), 3-Jay Quinn (NZL), 4-Bernardo Pigmeu (BRA)
3ª: 1-Jadson André (BRA), 2-Raoni Monteiro (BRA), 3-Leandro Bastos (BRA), 4-Matt Wilkinson (AUS)
4ª: 1-Nathan Yeomans (EUA), 2-Cory Lopez (EUA), 3-Aritz Aranburu (ESP), 4-Stu Kennedy (AUS)
5ª: 1-Julian Wilson (AUS), 2-Pedro Henrique (BRA), 3-Hodei Collazo (ESP), 4-Jihad Khodr (BRA)
6ª: 1-Gabriel Medina (BRA), 2-Junior Faria (BRA), 3-Nic Muscroft (AUS), 4-Patrick Gudauskas (EUA)
7ª: 1-Masatoshi Ohno (JAP), 2-Kai Otton (AUS), 3-Hizunomê Bettero (BRA), 4-Tim Boal (FRA)

Baterias que ficaram para abrir a sexta-feira:

8ª: Miguel Pupo (BRA), Tom Whitaker (AUS), Shaun Cansdell (AUS), Adam Robertson (AUS)
9ª: Glenn Hall (IRL), Kai Barger (HAV), Jessé Mendes (BRA), Sebastien Zietz (HAV)
10ª: Chris Davidson (AUS), Tanner Gudauskas (EUA), Willian Cardoso (BRA), Kiron Jabour (HAV)
11ª: Adam Melling (AUS), Nathaniel Curran (EUA), Mason Ho (HAW), Royden Bryson (AFR)
12ª: Damien Hobgood (EUA), Josh Kerr (AUS), Dion Atkinson (AUS), Charlie Brown (BRA)

Terceira fase (24 melhores) – baterias já formadas – 2º=13º lugar – US$ 3 mil e 1,2 mil pontos:

1ª: Michel Bourez (TAH) x Lincoln Taylor (AUS)
2ª: Yadin Nicol (AUS) x Simão Romão (BRA)
3ª: Jadson André (BRA) x Cory Lopez (EUA)
4ª: Raoni Monteiro (BRA) x Nathan Yeomans (EUA)
5ª: Julian Wilson (AUS) x Junior Faria (BRA)
6ª: Gabriel Medina (BRA) x Pedro Henrique (BRA)

Com informações de João Carvalho, assessoria de imprensa da ASP South America