Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.

Lenzi, Trekinho e Kalay são os campeões do Over Limits

27 de novembro de 2011 0


Foto Ricardo Fuchs

Alessander Lenzi levou a melhor na disputa com Tiago Geitens.


O catarinense Alessander Lenzi, de Jaraguá do Sul, o carioca Marcelo Trekinho e o paulistano Kalay Marques conquistaram neste domingo, os títulos da primeira edição do Over Limits, nas modalidades de Jet Waves (manobras com jet nas ondas), Sling Shot (surf aéreo) e Paraquedismo Swoop (pouso radical), respectivamente. As disputas, que começaram na sexta-feira foram realizadas na praia da Ferrugem, em Garopaba, no Litoral Sul, de Santa Catarina.

O tempo colaborou e sol voltou a brilhar neste domingo para as decisões do Jet Waves e Sling Shot e possibilitou a realização de vários saltos de Swoop.


Foto Ricardo Fuchs

Sling Shot foi a novidade do evento inédito promovido em Garopaba.


No Jet Waves, categoria PRO, a baterial final entre Lenzi e o gaúcho Tiago Geitens, de Canoas foi das mais equilibradas, com alto nível técnico. Lenzi devolveu a derrota sofrida na etapa brasileira do mundial e levou o título. O catarinense explicou que o mar estava melhor que nos dois dias anteriores, por isso foi possível colocar em prática o que havia planejado. Antes da final, Lenzi ganhou do baiano Bruno Jacob. Na decisão do terceiro lugar, o piloto de Salvador ganhou do catarinense Everardo Souza.

Na categoria amador, o título ficou com o gaúcho Marçal Muller, que derrotou na final o catarinense Everardo Souza, de Florianópolis. O terceiro colocado foi Dioceles Vieira, seguido pelo gaúcho André Martins.


Foto Ricardo Fuchs

Os paraquedistas do Swoop encontraram boas condições neste domingo. Foto Ricardo Fuchsm que


Boa parte das 31 baterias do Sling Shot foram equilibradas e apresentaram alto nível técnico. Marcelo Trekinho era um dos favoritos para conquista do título. Com boa performance nas cinco baterias que disputou, Trekinho passou pelo paulista Nathan Brandi, o baiano Wilson Nora, e o paulista Marcos Sifu. Na semifinal, ele derrotou o pernambucano radicado em Florianópolis, Paulo Moura. Na decisão, ele enfrentou o catarinense Gustavo Schilikmann e depois de uma boa disputa, levou a melhor.

Na modalidade do Swoop as condições climáticas estiveram desfavoráveis na sexta-feira, com céu nublado à tarde, impedindo a realização dos saltos. Entretanto no sábado, o tempo colaborou e alguns dos melhores paraquedistas do país puderam mostrar toda técnica e habilidade, realizando saltos de um helicóptero a cinco mil metros de altura, com objetivo de pousar em um local determinado.
Kalay, que soma cinco títulos brasileiros de Swoop no currículo, foi o destaque com excelente performance.

Além disso, o pentacampeão brasileiro realizou algumas apresentações extras, com vento de cauda, em que o paraquedista atinge uma velocidade ainda maior, passando sobre a água e pousando na areia. Ele terminou com o título da competição, seguido por Paulo Perini e José Palhares, ambos de São Paulo.

Com informações de Renato Fabretti, assessoria de imprensa do Over Limits


Envie seu Comentário