Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Luan Wood pronto para o Mundial Júnior ISA na Nicarágua

31 de maio de 2013 0

Sequência de Luan em Pavones, na Costa Rica. Foto Rafael Freire

O catarinense Luan Wood está na Costa Rica, onde tem aproveitado as esquerdas perfeitas de Pavones para treinar para o Mundial Júnior ISA que acontece no mês de junho na Nicaraguá. Terceiro colocado do ranking brasileiro na categoria mirim em 2012, o surfista de 17 anos foi convocado para disputar o Dakine ISA Júnior World Championship na categoria júnior, onde tentará conquistar mais um título para Santa Catarina e o Brasil, repetindo os feitos de Alejo Muniz e Matheus Navarro.

Após o Mundial ISA, Luan segue para o México, onde disputa uma etapa do WQS quatro estrelas em Acapulco. O retorno ao Brasil está marcado para 10 de julho, mas em seguida, o atleta já embarca para o Peru, onde corre uma etapa do Pro Júnior da ASP, seguido de mais uma etapa do circuito ALAS, na Venezuela.

Cavando já de olho no lip. Foto Rafael Freire

Contando apenas com o apoio do governo do Estado (Fundesporte), Luan também corre atrás de um patrocínio forte para esse período de transição da carreira iniciada ao lado do irmão mais velho, Cauê Wood. Juntos, ao lado pai, Paulo Wood, eles montaram a Woodbrothers, uma agência de marketing esportivo para buscar o apoio e dar a devida resposta aos futuros patrocinadores.

Atualmente, no circuito latinos americano de surfe, o Ala Latin Tour, Luan é o 13º colocado na categoria profissional e segundo melhor brasileiro no ranking do circuito Alas Latin Tour, liderado pelo argentino Martin Passeri e que tem o paraíbano radicado na Praia do Rosa, Alan Saulo, na vice-liderança.

E na categoria júnior, o surfista de Floripa também é o segundo melhor brasuca, em terceiro lugar no ranking que é liderado por outro local da Praia do Matadeiro, Yrvin Ravi dos Santos. Por e-mail, após um fim de tarde de ondas, Luan conversou com o blog Mar Aberto.

Mar Aberto – Como você recebeu a convocação para o Mundial ISA ?

Luan Wood - Fiquei sabendo após uma troca de mensagem pelo Facebook entre meu pai (Paulo Wood) e os responsáveis (Confederação Brasileira de Surf). Com certeza foi uma grande surpresa, mas sabia que tinha essa possibilidade. Eu estava na minha casa, na Armação, em Florianópolis.

Mar Aberto – O catarinense Matheus Navarro foi campeão no ano passado. Isso aumenta a tua responsabilidade e dos representantes do Brasil?

Luan WoodIsso não muda muito não, porque é um evento novo, são outros adversários e outra onda. Então vou lá e independente do que ele fez ano passado, vou surfar tranquilo e fazer meu melhor.

Foto Rafael Freire

Mar Aberto – Você já conhece a onda da praia da Nicarágua?

Luan WoodPô, conheço só de ouvir os outros falando, mas nunca vi imagens desse lugar. Dificuldade sempre tem, mas é igual pra todo mundo.

Mar Aberto – Como está sendo correr etapas do circuito latino-americano (Alas), ainda por cima, em duas categorias (júnior e pro)?

Luan Wood - Vem sendo muito bom. Estou conhecendo lugares diferentes, ondas boas, outras pessoas, outra cultura e sempre que puder estarei competindo no ALAS.

Mar Aberto – Pela primeira vez em 11 anos você está sem um patrocínio forte. Como você está trabalhando isso, já que está naquele momento de transição para o surfe profissional?

Luan WoodInfelizmente isso aconteceu, mas isso só me deu mais força para correr atrás de outro patrocínio que possa estar me ajudando nesse momento importante da minha carreira. Até agora ainda não encontrei esse patrocínio, mas se Deus quiser isso logo logo acontecerá e fica aqui minha deixa para se alguém quiser ajudar.

Pow! Foto Rafael Freire

Mar Aberto – Gostaria de deixar um recado para os amigos no Brasil?

Luan Wood - Queria agradecer primeiro a todos que me ajudaram a chegar aonde estou hoje, com essa oportunidade incrível de ir pro Mundial e dizer a todos que eu vou dar meu máximo junto com os outros integrantes pra trazer esse título para o Brasil. Aloha!

Envie seu Comentário