Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Catamarãs da Extreme Sailing Series já estão nas águas da Baía Norte de Florianópolis

12 de novembro de 2013 0
Foto Ricardo Wolffenbuttel.

Foto Ricardo Wolffenbuttel.

O trabalho intenso para a montagem dos velozes Extreme 40 no Trapiche da Av. Beira Mar se estendeu desde o fim de semana e foi concluído pelas oito equipes internacionais nesta terça-feira (12). Após minuciosa retirada dos equipamentos, peça por peça, dos containers organizados no Race Village, os veleiros ficaram prontos e entraram na água na tarde desta terça-feira. O público terá acesso gratuito ao Race Village entre sexta-feira (15) e domingo (17) e poderá acompanhar, de perto, as regatas que definirão o campeão da temporada 2013.

Um dos primeiros barcos a ganhar forma e ficar pronto para navegar foi o GAC Pindar, da equipe neozelandesa, sexto colocado na classificação geral.

Não víamos a hora de fazer os últimos reparos e poder, finalmente, partir para o reconhecimento da raia. Nunca velejamos aqui, esse treino de adaptação será fundamental — avalia o tripulante britânico do GAC Pindar, Shaun Mason.

Entre os velejadores estrangeiros, quem já teve a oportunidade de ir para a raia, elogiou a inédita sede do Extreme Sailing Series™, instalada na capital catarinense.

As condições para velejar estão perfeitas e pelo que observei devem melhorar nos próximos dias. Florianópolis com certeza vai oferecer muita ação dentro e fora da água. Tem tudo para ser um show — afirma o velejador português Diogo Cayolla, tripulante do Extreme 40 Land Rover, barco especial para os convidados VIPs da Land Rover.

Diogo terabalhou a tarde inteira na montagem do barco da Land Rover, patrocinadora da ESS. Foto ZDL/Divulgação

Diogo trabalhou a tarde inteira na montagem do barco da Land Rover. Foto ZDL/Divulgação

Cayolla velejou nos últimos dias com o Team Brazil Mapfre em Florianópolis e já havia tripulado o barco brasileiro em 2012, quando a competição veio pela primeira vez ao País e foi disputada na Baía de Guanabara. O otimismo do português em relação à raia deve se confirmar. A previsão é de que o vento nordeste aumente de 10 para 15 nós (cerca de 30 km/h) entre quinta e sexta-feira. Para sábado e domingo, deve variar de sudeste a leste em torno de 12 nós. De acordo com o site Tempo OK, não há probabilidade de chuva para o período da tarde nos quatro dias.

Team Brazil Mapfre completo

Além das oportunas informações recebidas do velejador português, especialista em Extreme 40, sobre alguns segredos da classe, o Team Brazil Mapfre passou a treinar completo nesta semana com os reforços do timoneiro Clínio de Freitas e dos tripulantes Cláudia Swan, a Cacau, e Bruno di Bernardi, que disputaram o Sul-Americano de Nacra 17 no final de semana em Porto Alegre, com vitória do casal Clínio e Cacau.

Os velejadores receberam o barco com antecedência, há uma semana, para que pudessem ter alguns dias a mais para a adaptação mínima necessária. A equipe nacional está treinando sob comando de André Mirsky, que também é o tático. Daniel Santiago e André Chang completam o time. O coordenador Lars Grael chega à Florianópolis nesta quarta-feira (13). Os times dos outros países, competindo desde março, estão bem mais entrosados e adaptados ao veloz catamarã.

Foto Ricardo Wolffenbuttel.

Foto Ricardo Wolffenbuttel.

Classificação geral após seis etapas
1 – The Wave, Muscat (Omã) – 56 pontos
2 – Alinghi (SUI) – 54 pontos
3 – Red Bull Sailing Team (AUT) – 45 pontos
4 – SAP Extreme Sailing Team (DEN) – 41 pontos
5 – Realteam (SUI) – 35 pontos
6 – GAC Pindar (NZL) – 30 pontos
7 – Barco do País (tripulação convidada) – 26 pontos
8 – Team Korea (KOR) – 16 pontos

Com informações da ZDL Comunicação

Envie seu Comentário