Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Nove atletas representam o Brasil na abertura da Copa do Mundo de Canoagem Velocidade em Milão

30 de abril de 2014 0
Foto CBca/Divulgação

Foto CBca/Divulgação

Nove atletas da Canoagem Velocidade do Brasil estão em Milão, na Itália, para a disputa da primeira etapa da Copa do Mundo de Canoagem Velocidade, que acontece de 2 a 4 de maio e é considerado o primeiro grande desafio da equipe brasileira na Europa. A segunda etapa da competição ocorre ainda no mês de maio, entre os dias 16 e 18, em Racice, na República Tcheca.

Celso Oliveira, que compete no K1 1000m e 5000m enxerga a competição como parte da preparação para o Campeonato Mundial.

- Essa disputa é muito importante, tendo em vista que será a única que irei participar antes do Mundial. Quero aproveitar ao máximo para ver o nível que estou e, assim, quando voltar aos treinos no Brasil, focar nas necessidades apresentadas lá para irmos ao Mundial bem preparados – conta.

Para o técnico da seleção de caiaque, Rui Fernandes, a meta principal é chegar a Final A.

- Vamos lutar para chegar a Final A, assim poderemos conquistar medalhas – explica.

Celso acredita que isso pode acontecer.

- Vou conseguir entrar na água de igual para igual. Meus tempos aqui no Brasil não estão longe dos melhores para esta época da temporada, agora quero fazê-los na Itália – afirma.

O caiaque masculino conta também com Edson Isaías no K1 200m. Já o feminino será representado pela dupla Mayara Cardozo e Ariela Pinto no K2 1000m, 500m e 200m e Ana Paula Vergutz no K1 500m e 200m. O quarteto talentoso da canoa masculina também estará presente: Isaquias Queiroz no C1 500m, 1000m e 5000m; Ronílson Matias e Erlon Souza no C2 1000m, 500m e 200m e Nivalter Santos no C1 200m.

A comissão técnica será composta por Rui Fernandes (treinador caiaque), Jesús Morlán (treinador canoa) e Lauro de Souza Júnior (assistente canoa e caiaque). Para Lauro, assistente técnico da Canoa, o mais importante na competição será a análise do desempenho dos atletas.

- O foco da equipe da canoa é o Campeonato Mundial. A Copa do Mundo vai servir para analisarmos nossa evolução e o dos adversários e, assim, podermos trabalhar no que precisa ser aperfeiçoado para o mundial. A expectativa é de competir bem, em alto nível – explica.

As provas serão realizadas no lago artificial de Idroscalo que fica dentro de um complexo esportivo de cerca de um milhão e meio de metros quadrados, na parte leste de Milão. A equipe brasileira participa da competição com apoio do Comitê Olímpico Brasileiro e Solidariedade Olímpica Brasil.

Atletas:
Ana Paula Vergutz
Mayara Cardozo
Ariela Pinto
Celso Dias de Oliveira Júnior
Edson Isaías Freitas da Silva
Erlon de Souza Silva
Isaquias Queiroz dos Santos
Nivalter Santos Jesus
Ronílson Matias de Oliveira

Equipe técnica:
Jesús Morlán
Rui Fernandes
Lauro de Souza Júnior

Site oficial do evento: http://www.milanworldcanoesprint.com/index.php/en/

Envie seu Comentário