Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts com a tag "Música Eletrônica"

Ouça She Knows, novo single do Elekfantz. Projeto de Floripa lança álbum em junho

13 de maio de 2014 0

elekfantz1

Dark Tales & Love Songs é o título do álbum de estreia do duo de música eletrônica (ou indie dance) Elekfantz, dos catarinenses Daniel Kuhnen e Leo Piovezani. Previsto para o dia 2 de junho, o trabalho sairá pelo selo e gravadora alemã Kompakt em dois formatos: digital e em LP duplo. Nesta semana, a dupla lançou um novo single do disco, She knows, na versão original e em remixes do produtor Gui Boratto.

Miss Kittin: Muita expectativa para o encontro com a madame das pistas

08 de maio de 2014 0

miss set up

São pelo menos 15 anos desde a primeira passagem por Santa Catarina da francesa Caroline Hervé, que nas pistas do mundo é conhecida como a lendária Miss Kittin. Ocasião marcada por performances históricas, como no club Ibiza de Balneário Camboriú, e em algumas controvérsias _ Kittin teria reclamado de algumas das escalas pelo país e acabou batendo boca com fãs. De volta, a agora veterana e incontestável DJ fará a sua estreia em Floripa hoje à noite, na pista do Terraza.

Além do último trabalho solo, Callin From The Stars (2013), Miss Kittin deve apresentar um arsenal poderoso de outros temas, dos seus (I Com e Batbox) e de parcerias (The Hacker, Golden Boy, DJ Hell, Kris Manace). Sua história no techno e no eletroclash faz jus ao peso da expectativa para este encontro em Florianópolis. Ninguém espera menos do que se impressionar … positivamente.

Aliás, a madame mandou um “croqui” do seu set up de amanhã, que está lá no perfil da SIC Radio no Facebook junto com outros cinco convites vips para sorteio!

DJ catarinense Blancah lança EP na Alemanha, mas prova que pode fazer milagre em casa

23 de abril de 2014 0
foto Patylaus, divulgação

foto Patylaus, divulgação

Passo aqui a dica para os ouvidos dos leitores sobre o trabalho da DJ e produtora catarinense PatyLauss: o projeto Blancah. Bem sacada no cenário das artes visuais, ela estreou neste mês seu EP Who’s That, lançado pelo selo alemão Steyoyoke e já disponível no site Beatport. São quatro faixas, partindo da original composta e produzida por ela, e remixes de Sasch e Soul Button. Som interessante, bem ao momento de grande projeção do deep house, o que favorece também a bela voz de Paty, ou melhor, Blancah. Mas não estamos falando de uma principiante. São 14 anos de estrada com a música eletrônica, sendo que desde 2008 ela também atua na produção. O resultado é esse aí, que encantou a consagrada cena berlinense, onde a catarinense abriu um flanco promissor de trabalho. Agora, quer também fazer milagre em casa.

blancah ep1

Veterana do electroclash, Miss Kittin toca no Terraza (Floripa) em maio!

11 de abril de 2014 1

miss-kittin-elle-de

Para um Estado que se gaba da condição de “polo da música eletrônica no país” é preciso reconhecer que demorou muito para trazer a Miss Kittin. A DJ francesa virá a Florianópolis no dia 9 de maio para um único show no Terraza Music Park, anexo à Pacha.

Caroline Hervé é o nome desta DJ e cantora francesa com uma carreira histórica a partir dos anos 1990 e responsável pelo surgimento do chamado electroclash. Tem seis álbuns no currículo, incluindo as parcerias com o produtor The Hacker. Dali saíram grandes hits, como 1982 e Frank Sinatra, que a projetaram no fervo da cena clubber e das raves pelo mundo.

Seu último álbum, Batbox, é de 2008, ocasião que a trouxe pela primeira vez ao Brasil, mas apenas para uma apresentação em São Paulo. Agora ela está de volta e, além de Floripa, fará uma escala no dia 7 de maio, no D-Edge, em São Paulo.

Green Valley perde o título de melhor club do mundo da revista britânica DJ Mag; Warung (de Itajaí) e Matahari (Indaial) figuram na ranking

27 de março de 2014 0

Durou apenas um ano a hegemonia do Green Valley como o melhor Club do Mundo segundo a revista britânica DJ. No novo ranking da publicação divulgado ontem a casa de Camboriú voltou para a segunda posição, atrás da Space Ibiza e à frente da Pacha Ibiza. Há três anos, o GV se mantém entre os três maiores do globo. Outros dois clubes catarinenses figuram no top 100: Warung, de Itajaí (17º), e Matahari, de Indaial, citado pela primeira vez na lista como 47º da preferência. A lista foi definida em votação pela internet.

Happy Holi: Floripa deve ser uma das escalas da franquia eletrônica em 2014

28 de fevereiro de 2014 1
Happy Holi Festival, Divulgação

Happy Holi Festival, Divulgação

Outra franquia internacional da música eletrônica deve chegar a Florianópolis neste ano. O Happy Holi surgiu na Índia, inspirado na tradicional Festa das Cores, que consiste numa grande celebração onde o público se diverte pintando o corpo e lançando pigmentos coloridos. O festival incorporou a brincadeira à música, com DJs e bandas e de lá se alastrou pelo mundo. O Brasil já faz parte da rota do Happy Holi, com edições recentes em Campo Grande e Fortaleza, e a programação deste ano ainda incluirá Manaus e Curitiba. A Capital catarinense é uma das possíveis escalas que serão anunciadas em breve.

Lollapalooza Brasil escala projeto catarinense Elekfantz para a edição de 2014

11 de novembro de 2013 0

elekfantz elefante
Eu já tinha dito que esse Elekfantz não está para brincadeira. O projeto do DJ Daniel Kuhnen e do músico Leo Piovezani não tardará a provar que a produção autoral de música eletrônica em Santa Catarina rompeu a barreira da possibilidade para se consolidar como um fato. Eles foram anunciados entre as atrações do festival Lollapalooza 2014, que ocorrerá nos dias 5 e 6 de abril em São Paulo. O Elekfantz está escalado para a primeira noite do palco eletrônica, ocasião em que o Lolla receberá também Phoenix, Muse, Julian Casablancas, New Order, Nine Inch Nails, Nação Zumbi e outros grandiosos. O próximo sábado marcará o desembarque oficial da dupla no Brasil, depois de uma retumbante estreia na Europa (Bordeaux, Amsterdã, Paris e Berlin) em outubro.

lollapalooza

Vão “jogar em casa”, no Dream Valley (às 21h, no Mistic Stage) e trazem na bagagem um novo single, Diggin’ On You, que está pedindo passagem no top 100 das mais vendidas do site especializado Beatport _ figura na segunda posição na categoria Indie Dance/Nu Disco e em 28º na classificação geral do portal. Mas vocês não tem noção o que será o estouro desta manada sonora. Em março virá o primeiro álbum, a ser lançado pelo selo D.O.C. (do Dj e produtor Gui Boratto), e isso sim será uma atropelo. Deixem os elefantes passarem.

Elefantes na pista: Daniel Kuhnen e Leo Piovezani levam o blues para o lado eletrônico da força

03 de setembro de 2013 0
Foto Rodrigo Vypch, Divulgação

Foto Rodrigo Vypch, Divulgação

Este blog orgulhosamente apresenta o Elekfantz, projeto do DJ catarinense Daniel Kuhnen e do músico Leo Piovezani, com produção do DJ e produtor paulista Gui Boratto que será lançado em novembro na Holanda. Toda a letra sobre o Elekfantz eu trago na edição do Variedades desta terça-feira (leia a íntegra aqui), mas eu adianta um trecho deste estouro de manada nas pistas do planeta:

 

O que será dito aqui soará para os puristas como um sacrilégio: o blues foi seduzido pelo lado eletrônico da força. E os arquitetos dessa trama agiram nos últimos meses na sombra, apenas sob a denominação de Elekfantz. Agora chegou o momento de dar os nomes aos “elefantes”: os catarinenses Daniel Kuhnen e Leo Piovezani. O primeiro é produtor e DJ, residente do clube Warung, e o segundo é um baterista com os pés e a alma solidificados no blues e no jazz que resolveu atravessar a fronteira para os beats. Na retaguarda deste processo está o produtor paulista Gui Boratto, um dos seletores brasileiros mais benquistos no circuito internacional. O cartão de visitas foi a música Wish, uma audaciosa intervenção no legado de um dos cânones do blues: o guitarrista americano Muddy Waters.
Wish é o codinome para a versão original sampleada, nada menos que a clássica Rollin’ Stone. Mexer e transgredir com instituições da música sempre gera reações intensas. Nos anos 1960 Bob Dylan foi execrado por “contaminar” o seu folk pelas guitarras e no Brasil, a cantora Elis Regina marchou contra a eletrificação da MPB no que era considerado uma afrontosa interferência imperialista na pura música popular brasileira. Não que o house blues do Elekfants vá gerar um novo cisma, mas promoveu um estouro de manada pelo menos entre o circuito eletrônico. A faixa foi postada na rede social Soundcloud em abril deste ano, por ocasião do centenário de nascimento de Muddy. Até agora foram 80 mil players.”

Novo club da Ilha vai ocupar terraço do hotel Majestic

09 de julho de 2013 0

Não sei quanto à música, mas no quesito paisagem o clube que está em vias de entrar em operação na Beira-Mar Norte será imbatível. O céu é o limite para o novo espaço que vai ocupar um andar inteiro no último piso do Hotel Majestic, com vista para o deslumbre da Ilha e seu mar. Há quem já tenha enxergado também no projeto as digitais dos sabidos capos da Confraria Club. Imagine só na Copa?

Fatboy Slim pisa na areia de Balneário Camboriú, em Janeiro, com o Big Beach Boutique

06 de dezembro de 2012 3

O DJ inglês Fatboy Slim está com retorno marcado ao Estado para o dia 3 de janeiro, só que desta vez com o projeto Big Beach Boutique, o eletrizante gig que já foi visto por mais de 700 mil pessoas no mundo. Vai desembarcar com o barulho na Barra Sul, em Balneário Camboriú, e com direito a fim de tarde com os pés na areia.

A cidade será o único ponto da tour Big Beach pelo Brasil onde a performance ocorrerá nos moldes da versão inglesa _ ou seja: na praia, ao ar livre. O Green Valley e a Indústria de Entretenimento estão na linha de frente do projeto aqui e os ingressos estão à venda no site www.ingressonacional.com.br, com preços de pistas a partir de R$ 40 (feminino) e (R$ 60) masculino.

Fatboy é um habitue dos nossos verões, mas só agora ele chega com o gig que o projetou o como o “lorde chacrinha das picapes”, naquela edição de estreia (2001) em Bringhton, na Inglaterra.  A festa para 200 mil pessoas virou um DVD.