Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Karen Elson - The Ghost Who Walks

24 de março de 2010 1

A modelo Karen Elson, ou “Senhora Jack White”, lança em maio também o seu primeiro álbum, The Ghost Who Walks, segundo a revista britânica NME. E até que a atual primeira-dama de Nashville manda bem. O maridão divide boa parte das composições e chamou para compor a banda que gravou o disco o chapa de The Dead Weather Jack Lawrence para o baixo, Carl Broemel (do My Morning Jacket) no pedal steel, Rachelle Garniez no arcodeon e o guitarrista Jackson Smith.

Bookmark and Share

Juiz dá cartão vermelho para FCC e mantém "campinho" do CIC

24 de março de 2010 0

Isso vai para pauta do próximo Bola nas Costas da Atlântida: A Fundação Catarinense de Cultura recebeu cartão vermelho da justiça. A Associação dos Funcionários da Fundação Catarinense de Cultura obteve liminar que obriga a própria Fundação e a empresa responsável por uma mostra de decoração a retirarem os banheiros, escadas e passagens para operários montados no campo de futebol da associação. A área foi doada aos funcionários pelo governo do Estado.
Preocupados com a possível destruição do campo, a associação recorreu à Justiça, que garantiu a posse da área. Com isso, todos os equipamentos deverão ser retirados imediatamente do local, sob pena de multa diária de R$ 30 mil. A ação foi assinada pelos advogados Joel de Menezes Niebuhr e Leonardo Mendes e a decisão é do juiz Hélio do Valle Pereira, da Vara da Fazenda Pública da Capital.
(Contracapa, 24 de março)

Bookmark and Share

Sombras

24 de março de 2010 0

Eis aí a capa do novo álbum do Teenage Fanclub. Intitulado Shadowns, o trabalho contará com 12 faixas e segundo o site da banda será lançado em datas distintas: dia 31 de maio na Europa, Japão e Austrália, e dia 8 de junho na América do Norte. Abaixo vai o tracklist. E no site você pode ouvir a faixa Baby Lee (a segunda do novo álbum) e conferir a singela homenagem do TF ao cantor Alex Chilton, morto na semana passada.

Sometimes I Don’t Need To Believe In Anything
Baby Lee
The Fall
Into The City
Dark Clouds
The Past
Shock And Awe
When I Still Have Thee
Live With The Seasons
Sweet Days Waiting
The Back Of My Mind
Today Never Ends

Bookmark and Share

Caravana sonora...

24 de março de 2010 0

Segue o servição do Itaú Rumos, que começa nesta quinta-feira. Lembarando que ainda nesta quinta-feira tem a festa do projeto Sambacana Groove, lá na Célula, reunindo todo o povo do evento.

“A cena musical na capital de Santa Catarina e as políticas públicas nesta área são os temas principais do debate que uma equipe formada por membros do Itaú Cultural, músicos, produtores e jornalistas leva à cidade, em parceria com o projeto 12:30; o evento faz parte da divulgação dos editais do programa Rumos que abriu as inscrições em Literatura, Pesquisa, Música e, pela primeira vez, Teatro

Nos dias 25 e 26 de março (quinta-feira e sexta-feira) o Teatro da Universidade Federal de Santa Catarina recebe a Caravana Rumos 2010 que leva à cidade debates sobre a cena musical e suas políticas públicas, apresentação de documentários e um laboratório de experiências e ações inovadoras. O evento é uma parceria com a Universidade de Santa Catarina, e o Projeto 12:30, realizado pelo Departamento Artístico Cultural (DAC), vinculado à Secretaria de Cultura e Arte da UFSC, integrando as comemorações dos 50 anos da universidade.

Com foco em música, trata-se de uma das viagens que levam equipes do Itaú Cultural a todas as capitais do Brasil até o final deste semestre para informar sobre o os editais do programa Rumos, edição 2010 _ Literatura, Pesquisa, Música e, pela primeira vez, Teatro, cujas inscrições vão até 30 de junho (com exceção de Literatura, que as encerra em 31 de julho). Em Florianópolis, esta caravana conta com a presença de Edson Natale, gerente do Núcleo de Música do instituto. “Vamos envolver os participantes em uma discussão sobre as políticas públicas, ou a falta delas, na área da música”, explica ele.

Segundo o jornalista Israel do Vale, que vai mediar as mesas de debates com Natale, a passagem do Rumos Música por Santa Catarina está cercada de boas expectativas, já que integra as comemorações de 50 anos da UFSC, iniciadas esta semana. “Mas também porque tende a ser um marco, em um momento riquíssimo de mobilização e articulação do meio, que é fruto justamente do esforço coletivo da rede de parceiros envolvida.”

Além da UFSC, o evento conta com a Universidade do Estado do Estado de Santa Catarina (UDESC), única com curso de música no Estado; do coletivo Insecta, e, entre outros, do Sconectada, fórum de coletivos de música que fez ontem um giro intensivo por cidades importantes do interior do estado (como Iatajaí, Camboriú e Joinville), entre outros, para mobilizar representantes da cadeia produtiva da música para o evento.

Reflexão conceitual

Outro tema a ser tratado nos debates é o próprio conceito do Rumos Música. Os debatedores vão se debruçar sobre o projeto para discutir questões diversas que acompanham a evolução do próprio programa na medida em que este estabelece intercâmbios entre músicos, produtores e artistas.

O assunto deve desembocar em uma reflexão factual: a baixa participação de Santa Catarina no histórico destes editais. “Por que isso acontece?”, questiona o jornalista Israel do Vale, que divide a medição dos debates com Natale. “Não há coisas relevantes sendo feitas no Estado? Os produtores e artistas não conhecem as oportunidades ou não sabem nem conseguem posicionar o seu trabalho fora do Estado?”, provoca.

Os temas das mesas são Circulação Regional, Difusão e Cooperativas de Música _ A Experiência de São Paulo com 1.500 Associados (veja a programação abaixo). Elas contam com os seguintes debatedores: a gaúcha Dedé Ribeiro, dramaturga e jornalista; os paranaenses Beth Moura, produtora cultural, e Abonico Smith, jornalista e produtor cultural; o brasiliense residente em São Paulo Carlos Zimbher, cantor, curador musical e diretor da Cooperativa de Música; a cantora paulistana Janine Durand; o santista residente em Santa Catarina, Marcos Espíndola; e a jornalista catarinense Fabiane Tomaselli.

Vídeos e show

Além dos debates, está programada a apresentação do DVD que é resultado do Rumos Música 2007/2009, com show do grupo catarinense Cravo da Terra _ um dos selecionados naquela edição do programa _ realizado no Itaú Cultural em 2008. A banda também realiza espetáculo no dia 25, às 21h.

Cravo da Terra tem na pesquisa da música tradicional do Sul, Sudeste e Nordeste do Brasil a base de suas composições e de seus arranjos. Seus cinco integrantes utilizam instrumentos de sopro, corda e percussão e, em busca da simplicidade e da delicadeza, convidam o público para uma viagem pela música brasileira e por uma verdadeira experimentação de gêneros musicais.

Criado em 2000, o grupo tornou-se conhecido e respeitado por sua particularidade sonora, assim como pela poesia destilada em suas canções. O começo de sua história, em bares e cafés da cidade de Florianópolis, rendeu arranjos preciosos de clássicos da MPB.

Na mesma ocasião será exibido, ainda, o documentário Rumos_Brasil da Música 2004/2005, uma coletânea da cartografia musical brasileira realizada durante estes dois anos e que conta com a participação dos músicos Samba de Coco Raízes de Arcoverde, Leandro Carvalho, Chico Correia, Orquestra Popular do Recife, Leandro Braga, Lilissacar, Regina Spósito, Pexbaa.

Caravana Rumos

Os quatro núcleos que estão com editais abertos neste ano (Música, Literatura, Pesquisa, e, pela primeira vez, Teatro) formaram equipes com profissionais, estudiosos, jornalistas e pesquisadores de suas respectivas áreas e com elas visitarão todas as capitais do país. A caravana começou por Maceió (AL), Recife (PE) e João Pessoa (PB), com foco em literatura. Segue, com este viés, para São Luis (MA), Aracaju (SE), Brasília (DF) e Florianópilis (SC).

A caravana focada em música começa por Florianópolis (SC) e prossegue por Vitória (ES), Boa Vista (RR), Campo Grande (MS), Fortaleza (CE) e Macapá (AP). Teatro passa por Porto Velho (RO), Goiânia (GO), Belo Horizonte (MG), Palmas (TO), Natal (RN), Curitiba (PR) e Teresina (PI). Os destinos com foco em pesquisa são Cuiabá (MT), Porto Alegre (RS), Belém (PA), Manaus (AM), Rio Branco (AC), Rio de Janeiro (RJ) e Salvador (BA).

Além de debater questões relacionadas com a sua área e a cena das cidades visitadas, em paralelo, as equipes divulgam os novos editais do Rumos Itaú Cultural. Parte das ações permanentes da instituição desde 1997, o programa Rumos fomenta a produção artística e intelectual do Norte ao Sul do país.

Pioneiro no mapeamento da produção artística contemporânea, em 13 anos o Rumos soma aproximadamente 20 mil projetos inscritos, com o apoio ao desenvolvimento de cerca de 900 projetos em Arte Cibernética, Artes Visuais, Cinema e Vídeo, Dança, Educação, Jornalismo Cultural, Literatura, Música e Pesquisa Acadêmica. Levou a obra dos selecionados a mais de 2 milhões de pessoas em todo o país, (sem contar o público atingido pelos seminários e demais ações das itinerâncias do programa). As obras selecionadas foram divulgadas, ainda, por mais de 310 emissoras de rádio e televisão parceiras.

Durante o período de inscrição, em 2010, serão realizadas palestras, debates e oficinas em todas as capitais brasileiras. Para saber mais sobre o programa acesse: www.itaucultural.org.br/rumos . O programa também mantém um blog com notícias: http://www.itaucultural.org.br/blogdorumos.

Projeto 12:30

Realizado pelo Departamento Artístico Cultural (DAC), vinculado à Secretaria de Cultura e Arte da UFSC, o Projeto 12:30 apresenta semanalmente atrações de cunho cultural, grupos de música, dança e teatro, nas versões ao ar livre na Concha Acústica e na versão acústico, quinzenalmente, no Teatro da UFSC.

Criado em 1986, foi a partir de 1993 que os shows passaram a ser realizados semanalmente na praça central do campus, a Praça da Cidadania. A cada ano, em cerca de 60 shows, mais de 300 artistas se apresentam para um público estimado em 20 mil pessoas. Em 1999, o Projeto gravou um CD com composições próprias de doze grupos locais e neste ano teve aprovado seu projeto para captação de recursos e gravação de um novo CD. O trabalho deverá privilegiar o formato acústico.”

PROGRAMAÇÃO

Dia 25/03 – quinta-feira

* 12h30min – Vídeo: Programa Rumos Música 2007/2009 _ Cravo da Terra (30′)

* 13h – Documentário: Rumos_Brasil da Música 2004/2005 (45′)

* 17h – Debate: Circulação Regional. Com Dedé Ribeiro (RS), Beth Moura (PR), Guilherme Zimber (SC), e mediação de Edson Natale.

* 19h – Debate: Difusão. Com Marcos Espíndola (SC), Abonico Smith (PR), Fabiane Tomaselli (SC) e mediação de Israel do Vale

* 21h – Show: Cravo da Terra

Dia 26/03 _ sexta-feira – Laboratório de Experiências e Ações Inovadoras

* Das 14h às 17h: As Redes Associativas da Nova Ordem Digital. Com Espaço Cubo; Fórum Permanente de Música; Música Para Baixar; SConectada

* 17h – Debate: Cooperativas de Música _ A Experiência de São Paulo com 1.500 associados. Com Carlos Zimbher (SP) e Janine Durand (SP), mediação de Israel do Vale

Local: Teatro da UFSC. Praça Santos Dumont, Trindade, Florianópolis.

Contato DAC: (48) 3721-9348 e 3721-9447 ou www.dac.ufsc.br.

Entrada franca

http://www.dac.ufsc.br/institucional_espacos_culturais_teatro.php

Bookmark and Share

Grito solitário

23 de março de 2010 1

Um mashup visual, Scream Home Alone, via Blame.

Bookmark and Share

Sereia

23 de março de 2010 0

Yannet Briggiler informa que a animação Sereia, de sua autoria e da Mago Realizações, está disponível na íntegra no Youtube. A produção está pronta desde o ano passado, mas em compensação o governo do Estado não honrou o pagmento integral do Prêmio Cinemateca de 2008. Para quem não lembra, tratei desse caso na Contra do sábado passado:

Me obrigo a ser implicante, para que esse governo que caminha para o fim não perpetue o calote que lhe foi servido pelo antecessor, ao criar o Prêmio Cinemateca Catarinense, mas sem a devida dotação para o pagamento. Resultado, dois anos para honrar o compromisso. Pois o atual Edital Catarinense de Cinema caminha para o mesmo destino. Há não só produções paradas a espera dos recursos, como outras que já foram concluídas, exibidas e premiadas e que ainda não viram a cor do dinheiro. A Associação Cultural O Mago Realizações, de Floripa, vive este dilema. Em 2008 levou dois prêmios, sendo que um resultou na bela animação Sereia, lançada no ano passado e exibida na Capital e em festivais pelo país afora. Outra animação, Pandemonium, espera apenas pela finalização. Detalhe é que, segundo os realizadores Rodrigo Amboni, Yannet Briggiler e Felipe Vernizzi, a prestação de contas referente a primeira parcela dos dois projetos já foi feita (Sereia em 2009 e Pandemonium no início deste ano), mas até agora nem sinal da restante do dinheiro. E aí na esteira disso uma série de compromissos empenhados.
O que complica o quadro é que se trata de um ano eleitoral, cuja legislação impõe limites para a liberação de verbas até seis meses antes das eleições. E pior, marca o encerramento da administração Luiz Henrique. Essa novela não merece sequência!”

Bookmark and Share

Garimpo bom!

23 de março de 2010 0

O site Rock SC, a videoteca da música catarinense, contabiliza seis meses de atividade com a marca histórica de mais de 200 vídeos em seu acervo. Vivas para o abnegado jornalista Alexandre Gonçalves, que muito além de apenas receber vídeos, promove um verdadeiro garimpo no meio musical catarinense. É indiscutivelmente hoje o maior acervo para pesquisa sobre a nossa música. Pense em alguma banda daqui. Pensou? Então duvido que você não a encontre no www.rocksc.com.br. Se não encontrar, ele achará para você! Temos que comemorar, pois trata-se de uma das mais importantes trincherias da nossa música.

A inspiração para a criação do Rock SC veio do conceito e, sobretudo, da simplicidade de sites como o BeatlesTube, StonesTube e ElvisTube. Ou seja, o site reúne num único endereço os vídeos de bandas de rock de Santa Catarina. Sócio na agenteinforma (www.agenteinforma.com.br), Gonçalves conta que o “clique” para a criação do site veio da observação no aumento na produção de clipes e na iniciativa de bandas como a Liss, que deixou um link de um vídeo no Coluna Extra (www.colunaextra.com.br), também editado por ele, e Rodrigo Daca, que lançou seu trabalho mais recente através de clipes semanais. “Além de divulgar clipes recentes, o Rock SC também publica clipes antigos de bandas como Expresso Rural, Tubarão, Bandeira Federal, o que acaba sendo um grande barato para mim porque cresci na época em que essas bandas eram as referências do rock no estado”, afirma. 

Junto com a publicação dos vídeos, os posts do Rock SC trazem sempre o link para um endereço da banda na internet, que pode ser o site oficial ou até mesmo uma página no MySpace, a rede social mais popular entre os músicos. Eventualmente, quando necessário, uma nota do editor é incluída para esclarecer ou situar o visitante sobre o vídeo ou o artista. “Considero o link para as bandas como a parte principal do meu trabalho no Rock SC porque transformo a lista de bandas, mais de 200 atualmente, num grande catálogo com bandas de todos os estilos, para todos os gostos e de vários cantos do estado”, festeja o criador do site. “O mais importante é que o Rock SC chegou para fazer parte de uma engrenagem de apoio e divulgação da música feita em Santa Catarina”.

A atualização do Rock SC é feita a partir de pesquisa em sites, blogs e Twitter, mas também e, principalmente, com a participação efetiva das bandas que enviam links de vídeos no YouTube pararocksc@agenteinforma.com.br ou preenchem o cadastro disponível em http://tinyurl.com/cadastro-bandas-sc. As novidades do Rock SC podem ser acompanhadas via Twitter, seguindo o endereço http://twitter.com/rock_sc.”

Bookmark and Share

Sons de Austin

22 de março de 2010 0

E o South By Southwest desse ano, hein? Delirante! Na edição 2009 do grandioso festival de Austin, no Texas (EUA), formos representados pelo Cassim & Barbária (da experiênica na América do Norte rendeu um DVD que custa a ser lançado). Neste ano até rolou o convite, mas faltou a verba. Só para atiçar a saudade do XuXu e do Zimmer segue o vídeo promocional da corrente edição.

Em seguida vai outro registro, de autoria do Lucio Ribeiro (vale conferir a cobertura do Popload direto do epicentro do festival): Mike Snow arrebatando com Animal (dica do Matias).


Bookmark and Share

MGMT - Congratulations

22 de março de 2010 0

Novo do MGMT vazou e pode ser ouvido no site oficial do projetoDando sequência às boas novas da gringa, já está na rede o nome álbum do MGMT. Congratulations suscede o aclamado Oracular Spetacular, dos hitaços radiofônicos e dançantes Time To Pretend, Kids e Electric Feel. Cabe uma advertência aqui, você não ouvirá nada do gênero neste novo trabalho. O MGMT já havia dado a letra de que voltaria com algo mais experimental nessa segunda investida. Passa ao largo das rádios e pista, mas possibilita bons momentos na audição. A cada nova ouvida o disco fica mais interessante, está mais encorpado, instigante – salvo uma derrapada em Flash Delirium e Congratulations com seus cansativos 10 minutos. Deixou de ser apenas um duo, incorporando de vez a formação em cinco que já fazia parte dos seus shows, e com uma presença mais constante das guitarras_ como na última edição do TIM Festival em 2008. E o site da New Music Express (NME) quer saber o que você achou do disco… Opine e aqui também!

Diante do vazamento do disco, o projeto disponibilizou todas as músicas para streaming em seu site (siga aqui). Ao acessar a página, prestem atenção para a intrigante mensagem: “Ei todo mundo, o álbum vazou, e nós gostaríamos que você pudesse ouví-lo diretamente de nós. Nós queríamos disponibilizá-lo como download gratuito mas isso não fez sentido pra ninguém além da gente.” Mas afinal, não liberaram o download porque o disco vazou? Ou porque não fazia sentido para a gravadora?

1. It’s Working

2. Song For Dan Treacy

3. Someone’s Missing

4. Flash Delirium

5. I Found A Whistle

6. Siberian Breaks

7. Brian Eno

8. Lady Dada’s Nightmare

9. Congratulations

Bookmark and Share

Gal volta a Desterro em junho...

22 de março de 2010 1

…Para o Dia dos Namorados. A cantora baiana se apresentará novamente no Floripa Music Hall, palco que ela inaugurou em 2006, depois de três décadas longe da capital catarinense _ desde o episódio da prisão do Gilberto Gil por “porte de maconha” durante a turnê de Os Doces Bárbaros, Gal havia jurado que jamais botaria os pés na Ilha. O Luiz Meira conseguiu desmontar a marra da Gal com Floripa e pelo vista a cantora agora quer recuperar o tempo perdido e retorna para mais um show no dia 12 de junho.

Dos Doces Bárbaros, só Maria Bethânia não ainda não se apresentou na capital catarinense. Ainda, pois está tudo encaminhado para que a irmão do Caetano venha para Florianópolis ainda este ano.

Bookmark and Share