Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Tihuá, a cadela voadora

29 de dezembro de 2008 0

Uma história inacreditável aconteceu no final da tarde de domingo, dia 28, no bairro Itacorubi, em Florianópolis. Para desespero dos donos, uma linda cadelinha da raça Border Collie pulou da janela do terceiro andar de um edifício. Por incrível que pareça, ela não morreu. Graças ao anjo protetor dos animaizinhos.

Perturbada com o barulho dos fogos e rojões, Tihuá empurrou com a cabeça a janela, que estava entreaberta, pulou (provavelmente atrás dos donos) e caiu sobre uma planta. Ela ficou perambulando pelo condomínio até que alguém abriu o portão eletrônico e ela deixou o pátio.

Quando chegaram da praia, os donos Mariana e Santelmo notaram que a “Titi”, como é carinhosamente chamada, não estava no apartamento. Ao perceber que ela só poderia ter pulado, começaram uma busca desenfreada pelas redondezas e becos do Itacorubi gritando por ela até 1h da manhã de segunda-feira. Depois de cinco horas de busca, voltaram para casa desconsolados, mas esperançosos.

Para a alegria deles, às 3h de segunda-feira tocou a campainha. Era um vizinho avisando que o Marco, segurança do Supermercado Rosa, tinha encontrado a cadelinha perdida. Ele disse que a Titi estava correndo desnorteada pela rua. Ao avistá-la, ele fez o favor de avisar os donos, que foram dormir só depois de muita emoção e alegria.

Postado por Santelmo Marin

Bookmark and Share

Envie seu Comentário