Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Morte do UFSCão repercute nacionalmente

28 de julho de 2009 26

www.flickr.com/rafaelvilela

A morte do UFSCão Catatau ultrapassou as fronteiras de Santa Catarina e alcançou repercussão nacional. O site de notícias G1 também informou que o mascote universitário foi encontrado morto em um dos córregos do campus no último dia 24. A suspeita é de envenenamento. Segundo a reportagem de Luciana Rossetto, a morte de Catatau não poderá ser investigada, já que não existem câmeras no local. O UFSCão que era famoso por acompanhar os estudantes em eventos acadêmicos, foi enterrado ainda na sexta-feira perto do monumento Pira da Resistência.

>>> Para ler a matéria completa do G1, clique aqui
>>> Outros posts sobre o Catatau

Postado por Renan Koerich

Bookmark and Share

Comentários (26)

  • Ro diz: 29 de julho de 2009

    Mas a criatura que fez isso deve ser muito mal amada e muito ciumenta , pois porque matar o cão.E ainda dizem que os humanos são os seres racionais , será , neste caso quem é o irracional?

  • Adeyvison Sousa diz: 29 de julho de 2009

    Catatau era “icone” da UFSC, sempre simpatico rodava pela maioria dos centros da universidade. Fico triste pela falta dele e indignado com o tipo desprezível de pessoa que tira a vida de um animal tão amistoso.

  • Elaine diz: 6 de agosto de 2009

    Quero acreditar que a morte do Catatau foi natural,minha filha o via seguidamente pela região e reparou que ultimamente no periodo de ferias ele andava com aspecto doentio e mancando de uma das perninhas.

  • José diz: 5 de agosto de 2009

    Catatau marcou sua história na UFSC, com seu pelo “parafinado” e seu carisma, não me lembro muito bem se era ele, mas no fim do ultimo semestre, saindo do RU deixei um pedaço de carne no gramado quando estava deitado e ele esnobou por um tempo eem seguida abocanhou e mandou bala na carne! Vai deixar saudade!

  • Silvana diz: 29 de julho de 2009

    Tomara que esse cão não tenha morrido envenenado.É muito triste saber dessas maldades,principalmente quando se tem certeza da impunidade desses assassinos.Parabéns aos alunos e funcionários da UFSC por todo carinho e dedicação a esse anjinho que vai deixar muita saudade.

  • CacáFloripa diz: 29 de julho de 2009

    Se a morte de um cão consegue, ainda, sensibilizar alguns corações, isso me dá esperança de um tempo melhor, com mais afeto, mais respeito, mais tolerância. Se um cão marcou sua passagem por essa vida de forma tão positiva, que tal tentarmos fazer o mesmo?

  • ricardo diz: 29 de julho de 2009

    mais um crime que ficara impune nesse país..

  • Jean diz: 29 de julho de 2009

    Uma perda lastimável… Mas deve ter sido de velhice mesmo, com o frio que deu nos últimos dias. Se envenenaram o coitado mereciam ter o mesmo fim!

  • Luisa diz: 2 de agosto de 2009

    Alguém que faz mal aos animais e à natureza fará mal a uma pessoa!!!! Temos de tentar achar os culpados, pois se ninguém denunciar, irão ficar impunes…

  • zamzibar boell diz: 29 de julho de 2009

    Em Porto Alegre, na PUC, mataram um cachorro que ajudava no tratamento de doentes, um professor o tinha sempre junto, somente ficava sozinho À noite no campus.Teve morte violenta, que chocou alunos e professores.Vai fazer muita falta, enquanto não acham um substituto, que pode demorar muito, os pacientes sentirão saudades do cãozinho doutor.

  • Pedro diz: 29 de julho de 2009

    Tudo bem falarem do caozinho… mas é muita especulação. Envenamento?? O cachorro não pode morrer de velho?!?! Entrei pra UFSC em 2003 e ele já estava lá… Sai da universidade no ano passado, só ai já são 5 anos. Se um cao domestico vive em média 13 anos, um de “rua” vive pouco menos! Não me surpeeenderia se ele já tivesse 7 anos em 2003. Entao chega, o cachorrinho morreu, coitadinho, e pronto! Acabou

  • Luís Abrianos diz: 29 de julho de 2009

    A criatura que fez o que fez, não pode ser chamado de “gente”… e pode fazer o mesmo com um semelhante!
    Renan, parabéns pelo post!

  • dayana diz: 29 de julho de 2009

    Tadinhooo…
    Ele me acompanho umas 3 vezes até em casa.. tão fofinhoo
    =\
    A Pessoa que fez isso deve ser sem coração, e com certeza não é aluno da UFSC.

  • Jose diz: 29 de julho de 2009

    Ai que pecado!! eu vi esse cachorro fofinho num dia que fui fazer um concurso na USFC. Dar veneno para cachorro é uma crueldade sem tamanho!! :(

  • Fabrício Barcellos Aguirre diz: 29 de julho de 2009

    Báh, que mal, esse cachorro era muito legal. Não podem ter feito maldade a ele, deve ter sido morte natural.

  • Arnaldo Muller diz: 29 de julho de 2009

    O ser Humano é trash…mata por prazer e imbecilidade.

  • John diz: 30 de julho de 2009

    :( esse cão marcou.

  • Larissa diz: 29 de julho de 2009

    Na UFRGS em Porto Alegre tambem estao matando os cachorros a tiros, pauladas, afogados, envenenados, etc!!! Ate onde onde um ser humano pode ser tao desumano?? MAltrato de animais é crime, que façam um inquerito e prendam os culpados!

  • Ronaldo Daniel Bastos diz: 29 de julho de 2009

    Se fazem mal a um cão que nada faz de mal as pessoas, imaginem bem oque pessoas assim podem fazer aos seus semelhantes. É muita maldade.

  • Luiz Antonio Bittencout diz: 29 de julho de 2009

    Ficam minhas homenagens ao Catatau fiel companheiro de todos na UFSC, peço fiscalização para que não ocorram mais mortes lá. Estou profundamente triste de termos pessoas que não valem nada. Fé em Deus que ele é justo.

  • Julia diz: 29 de julho de 2009

    O catatau era um cachorro bem participativo e ativo na Ufsc,ele era praticamente um patrimonio da UFSC,tadinho.
    Vai deixar muitas saudades.

  • Fernando Silva diz: 29 de julho de 2009

    Podem não existir câmeras no local, mas certamente alguma das centenas de câmeras da UFSC pode esclarecer sobre a morte do mascote.

  • ANA MARTA DEMERTINE diz: 29 de julho de 2009

    QUERIDO CÃOZINHO…SE UM TE FEZ MAL, FIQUE SABEDO QUE MUITOS TE AMARAM. PERDOE-NOS POR SERMOS HUMANOS.

  • Claire diz: 13 de agosto de 2009

    será que era ele que seguia os alunos até o onibus na frente da biblioteca universitária?
    sim, deve ser ele, percebo no olhar carinhoso. cumprimentando os alunos/visitantes amigos.

  • Hive diz: 29 de julho de 2009

    conheci ainda quando era filhotinho em 1997… minhas idas a ufsc não serão mais as mesmas…

  • Ana Paula Elias diz: 30 de julho de 2009

    Fiquei e estou muito emocionada por saber ainda existem pessoas com coração bom! Meu amor por animais é gigante, amo-os de uma forma incondicional! Tenho 4 animais de estimação e não vivo sem eles! Sei muito bem o que esses estudantes estão sentindo com a morte desse cachorrinho tão lindo e amado! Com certeza ele virou um anjinho, e a pessoa que teve a capacidade de fazer uma maldade dessas, com certeza vai penar muito na hora de sua morte! PARABÉNS a todos os estudantes por esse ato de AMOR!

Envie seu Comentário