Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Hasta la vista, baby!

02 de janeiro de 2012 3

Nunca fui boa na arte do desapego. É sempre dolorido me desfazer de algo, alguém ou situação. Enrolo, nego, empurro com a barriga, adio, choro, mas por fim, fatalmente, chega a hora em que preciso assumir o derradeiro grand finale.

Talvez por isso este seja um dos textos mais difíceis que escrevo. Pois é amigos, chegou o momento de me despedir. Quem ainda acompanhou o blog nestes últimos meses de sobrevida já devia estar imaginando que isso aconteceria. Estava difícil conciliar, os posts foram ficando cada vez mais espaçados, o tempo cada vez mais insuficiente, a cabeça cada vez menos criativa. Mas ainda assim tentei resistir, neguei, ignorei. Agora, no entanto, é o fatídico momento de dizer “até logo”.  Uma ruptura necessária, não por isso menos dolorida, mas que vai ser benéfica (espero!).

Encerro o Matinê cheia de idéias que não consegui tirar da cabeça, cheia de textos que não consegui escrever, cheia de filmes que não consegui assistir. Encerro o blog do mesmo jeito que comecei: amando Audrey Hepburn, tendo Casablanca como filme preferido, chorando em comédias românticas bobas e gostando de cinema de qualidade.

Encerro o blog com medo porque a palavra “mudança” para uma pessoa como eu tem um peso cinco mil vezes maior do que deve ter para a maioria. Mas assim como em  grandes filmes, na vida real as mudanças também são necessárias.

Por uma destas coincidências mágicas, acabo de me despedir de uma amiga que proferiu a seguinte frase: “A gente tem que arriscar.  Se a gente não arrisca, a gente não sai do lugar”.

Acho que chegou minha hora de sair do lugar.  Este ainda não é o meu grand finale, apenas o início de um novo ato ou, quem sabe, o meu momento de virada.  Mas isso é cena de um próximo capítulo.  :)

Um beijo a todos!

Comentários (3)

  • Angelo diz: 2 de janeiro de 2012

    Ju, to vendo ir uma das minhas melhores amigas de todos os tempos. Torço muito por ti e quero te ver grande onde tu estiver. Não vai me decepcionar!
    Beijão

  • Terena diz: 2 de janeiro de 2012

    Juju, lindo texto e lindo gran finale de uma bela história. O bom é que agora começa uma nova, e quem sabe mais à frente um novo blog? Boa sorte!

  • Ju Ramiro diz: 5 de janeiro de 2012

    Ju, adorei teu texto. Sempre acompanho o blog de longe e até presenciei um pouco da tua luta em busca do que por aqui. Perdi minha companheira de filmes exóticos, mas tenho certeza que foi por uma boa causa. Sucesso neste ou em qualquer outro caminho que optares. Conta comigo!

Envie seu Comentário