Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Posts de janeiro 2011

Região Meio-Oeste quase de fora do PAC 2

31 de janeiro de 2011 0

O pequeno número de projetos apresentados ao Governo Federal, mais especificamente no Programa de Aceleração do Crescimento (PAC 2), pelos municípios de Joaçaba, Herval d’ Oeste e Luzerna e também foi um dos principais assuntos da reunião da diretoria da Associação Comercial e Industrial de Joaçaba (Acioc) na manhã desta segunda-feira. A queda no índice de novos empregos formais no município de Joaçaba no ano de 2010 também esteve na pauta.

O Ministério das Cidades divulgou a relação dos municípios com projetos aprovados na primeira fase do PAC 2. Um estudo feito pela Acioc demonstra que em Santa Catarina 53 prefeituras tiveram 106 projetos aprovados que totalizam R$ 595,8 milhões. O Governo do Estado aprovou mais R$ 204 milhões a serem aplicados nos municípios.

Da região Meio-Oeste foram contemplados recursos para os municípios de Videira, Caçador, Campos Novos, Capinzal e Concórdia. De acordo com as informações do site, nenhum projeto dos municípios de Joaçaba, Herval d’Oeste e Luzerna foi aprovado. A prefeitura de Joaçaba havia apresentado um projeto para pavimentação de vias, que não foi aprovado.

As verbas disponibilizadas incluem saneamento, habitação, urbanização, pavimentação e drenagem, com recursos do Orçamento Geral da União ou financiamentos. Esta primeira fase corresponde a 40% do total dos recursos disponíveis no PAC 2.

Na segunda fase, que disponibilizará mais R$ 1,2 bilhão inicia em abril de 2011, quando os municípios deverão novamente apresentar projetos a serem aprovados. A apresentação de projetos bem elaborados e que atenda as exigências técnicas e legais é fundamental para a sua aprovação, além da apresentação detalhada, chamada de entrevista técnica, que deve ser feita em Brasília junto à equipe do Ministério.

Pelo que se percebe nos levantamentos, os municípios da região não estão apresentando e aprovando projetos “estruturantes” para a região, através do PAC2. Apenas recursos pontuais estão sendo obtidos, em função de programas extensivos do próprio Governo Federal, como é o caso das UPAs e UBS e das retro-escavadeiras.

Projetos específicos para a região na área do saneamento, meio ambiente, pavimentações, urbanização e habitação não estão sendo propostos e aprovados no Ministério das Cidades. Segundo Odivan Carlos Cargnin, presidente da entidade, várias demandas que a Acioc apresentou no Voz Única, como a viabilização de um anel viário, a revitalização do centro da cidade e mesmo obras de saneamento básico poderiam estar sendo feitas com recursos do governo federal no âmbito do PAC2.

Na avaliação da diretoria da entidade, a elaboração de projetos é uma expertise que toda prefeitura, assim como toda empresa, deveria ter. Projetos bem elaborados e bem fundamentados, e alinhados às necessidades da região têm grandes chances de serem aprovados, pois há recursos disponíveis.

- Resta aguardar que haja mobilização dos poderes executivos municipais para que apresentem projetos de qualidade e tenham sucesso nesta segunda fase do Programa –  diz o presidente.

Bookmark and Share

Casa é consumida pelo fogo em linha Três Barras, interior de Herval d’Oeste

30 de janeiro de 2011 0

Uma residência foi completamente destruída pelo fogo por volta da meia-noite deste sábado na linha Três Barras, interior de Herval d’Oeste, no Meio-Oeste catarinense. Ao chegar ao local, os bombeiros encontraram a casa destruída.

Um dos fatores que dificultou o atendimento à ocorrência foi o difícil acesso à localidade. A estrada de terra estava bastante danifica por conta das chuvas da última semana e a comunidade fica distante cerca de seis quilômetros do centro da cidade.

Como chovia no momento em que a residência pegou fogo, a suspeita do Corpo de Bombeiros é de que tenha ocorrido um curto-circuito. Um laudo completo, que será divulgado esta semana, deve confirmar as causas.

A residência tinha cerca de 100 metros quadrados e era mista, com partes de madeira e de concreto. Os bombeiros utilizaram cerca de 2 mil litros de água para fazer o rescaldo do local.

Bookmark and Share

Quatro casos confirmados de tuberculose em Joaçaba

28 de janeiro de 2011 0

A Secretaria Municipal de Saúde de Joaçaba está  reforçando o alerta que é dado à população contra o bacilo de Koch, responsável pela disseminação da tuberculose. Com quatro casos confirmados no município, a Secretaria teme que a população desconheça os sintomas e principalmente a cura, que está disponível em qualquer unidade de saúde.

A tuberculose é uma doença altamente contagiosa, passando de uma pessoa para outra através da saliva, do espirro, da tosse ou até mesmo pela fala. Segundo a Coordenadora da Vigilância Epidemiológica de Joaçaba, Sônia Pozza, existem quatro casos confirmados.

- No nosso município são quatro casos confirmados, sendo que um é pela segunda vez. Ou seja, o paciente depois de curado, manifestou novamente a doença.

Dentre os principais sintomas está a tosse prolongada por mais de quatro semanas, perda de peso, inapetência, suor excessivo e fraqueza.

A cura

Todos os pacientes que suspeitam possuir a tuberculose devem procurar o Estratégia Saúde da Família (ESF).

- O exame é chamado de baciloscopia. A pessoa escarra num potinho e através disso será constatado se ela possui ou não a tuberculose. Se o resultado for positivo, serão seis meses de tratamento. Ainda é bom ressaltar, que tantos os exames quanto o tratamento são 100% gratuitos – finaliza Pozza.

Bookmark and Share

Estrada quase intransitável em Duas Casas

28 de janeiro de 2011 0


Moradores cumpriram o papel do município - Foto: Daisy Trombetta

Moradores de linha Duas Casas, no interior de Joaçaba, arregaçaram as mangas na manhã desta sexta-feira para tapar buracos e arrancar pedras que dificultam a passagem de veículos pela estrada geral da localidade.

Eles alegam ter solicitado o trabalho à prefeitura diversas vezes, mas teriam ficado sem respostas. Segundo os moradores, a última vez que a estrada recebeu reparos foi há quase dois anos.

O aposentado Sadi Bianchi, que ajudou no mutirão de recuperação, disse ter cansado de esperar e resolveu convocar os vizinhos para o trabalho. Munidos com enxadas, picaretas e foices, os moradores de Duas Casas cumpriram o papel que deveria ser do município.

O secretário de Infraestrutura do município, Venilton Teles, não foi encontrado para comentar o assunto.

Bookmark and Share

Agências bancárias de Herval d’ Oeste devem instalar guarda-volumes

28 de janeiro de 2011 0

As agências bancárias do município de Herval d’ Oeste têm até o dia 17 de março para instalar guarda-volumes. O Projeto de Lei Executivo nº CM 012/2010, de autoria do vereador Juarez de Souza (PMDB), foi aprovado por unanimidade pelos vereadores em dezembro de 2010 e sancionado pelo prefeito Nelson Guindani.

O prazo para entrada em vigor da nova Lei é de 90 dias após o projeto ser sancionado. Se neste período as agências não se adaptarem à regra, estarão sujeitas a multa diária de R$ 1 mil.

O vereador destaca que a falta de guarda volumes nas agências bancárias é um problema sério. Ele destaca que o local para guardar os objetos pessoais será de acesso público, antes das portas detectoras de metais.

- Eles deverão possuir chaves individuais, que possam ficar com o cliente enquanto este permanecer no interior da agência. Além disso, deverá haver número compatível de unidades, de acordo com o fluxo de pessoas de cada banco.

A ideia é evitar, também, que os clientes processem as agências bancárias por algum tipo de constrangimento.

Bookmark and Share

Escolas de samba intensificam preparativos

27 de janeiro de 2011 0


Trabalhos da Aliança se concentram em carros-alegóricos - Foto: Daisy Trombetta

O ritmo é acelerado nos barracões das três escolas de samba de Joaçaba e Herval d’ Oeste. Depois de meses de muito trabalho, a produção de fantasias e alegorias entra na etapa final para os desfiles dos dias 5 e 7 de março.

Na Aliança, primeira escola a entrar na avenida em 2011, o trabalho se concentra em dois carros alegóricos. Um está em fase de acabamento, enquanto o outro começa a ganhar forma.

Segundo Carlos Fett, carnavalesco, tudo deve ser concluído nas próximas duas semanas.

- Das 17 alas, 95% estão com as fantasias prontas. Faltam apenas alguns detalhes. Podemos adiantar que dois carros alegóricos vêm com esculturas em movimento. Elas foram criadas por artistas de Parintins

A agremiação, que aposta em muitas cores e brilho para apresentar o enredo Tic-Tac, vai para a avenida com 1.300 integrantes, 17 alas e cinco alegorias. E, assim como em outros desfiles da verde e branco, os espectadores podem esperar novidades.

Novidades também prometem marcar o desfile da Vale Samba, que abordará o enredo No espelho, me inspirei. Por seu reflexo, me apaixonei. No compasso da Vale Samba, você pode ser o rei. De acordo com a diretora de Carnaval, Ane Rodrigues, a escola já concluiu uma alegoria e as fantasias de 10 alas.

O objetivo, segundo ela, é finalizar todo o trabalho até o dia 15 de fevereiro. Em 2011, a Vale Samba desfila com aproximadamente 1.300 integrantes, 15 alas e cinco carros alegóricos. O diferencial ficará por conta dos espelhos e das esculturas, também produzidas por artistas de Parintins.

- A nossa intenção é deixar apenas os ajustes para as semanas que antecedem o evento.

No barracão da Unidos do Herval, os preparativos também seguem dentro do previsto. Mais de 95% das fantasias das alas já estão prontas, enquanto as alegorias estão 50% concluídas. De acordo com o carnavalesco Zezzo Henzze, a previsão é finalizar tudo até o dia 25 de fevereiro.

- Estamos forrando os carros para, na sequência, encaixar as peças. Podemos dizer que o trabalho está adiantado.

A escola hervalense, através de 1.200 integrantes, 14 alas e cinco alegorias, leva à avenida a história do sorvete, o Le Creme Gellato. A Unidos promete encantar espectadores com o abre-alas e a comissão de frente do Teatro Guaíra, de Curitiba.

Bookmark and Share

Rainha do Carnaval 2011 será convidada pela Liesjho

27 de janeiro de 2011 0

A Liga Independente das Escolas de Samba de Joaçaba e Herval d’ Oeste (Liesjho) informa que em 2011 não será realizado o concurso para a escolha da rainha do Carnaval. A decisão foi tomada nesta semana, em reunião com membros da diretoria.

De acordo com o presidente da Liesjho, Gilmar Bonamigo, a nova rainha será convidada.

- A escolha sempre foi dessa forma, com exceção do ano passado, quando realizamos o concurso. Percebemos que a procura não foi expressiva. Nesse ano, até por uma questão de economia, optamos pelo convite.

Conforme Bonamigo, algumas meninas já mostraram interesse em assumir o posto. A indicação, entretanto, será em conjunto com representantes das três escolas de samba.

A rainha do Carnaval 2011 terá a missão de substituir Tainara Natus, que brilhou em 2010. Ao lado do rei momo Luiz Girão, ela mostrou muito samba no pé, beleza e simpatia. Esses, junto com postura, boa comunicação e espírito carnavalesco, são requisitos fundamentais para quem busca a coroa.

A rainha e o rei momo serão presenças indispensáveis nos desfiles das escolas de samba, nos dias 5 e 7 de março, na Avenida XV de Novembro. Na primeira noite, quando abrem oficialmente o evento, eles recebem do prefeito Rafael Laske a chave da cidade.

Bookmark and Share

Uniarp lançará curso de Engenharia Civil este ano

27 de janeiro de 2011 0

A Universidade Alto Vale do Rio do Peixe (Uniarp) inicia as tratativas para implantar em Caçador o curso de Engenharia Civil. O presidente da instituição, Gilberto Seleme, ressaltou a importância do curso para atender a demanda de profissionais da área em toda a região, citando os programas de incentivo à construção de moradias do Governo Federal.

- A Universidade tem que caminhar onde as necessidades existem. Fizemos uma pesquisa que demonstrou que a região está carente de profissionais da área e nesta reunião, apresentamos a proposta e pedimos opiniões.

O curso será ofertado no Seletivo de Verão no final deste ano. O engenheiro civil projeta, gerencia e acompanha todas as etapas de uma construção ou reforma. Sua atuação inclui a análise das características do solo, o estudo da insolação e da ventilação do local e a definição dos tipos de fundação. Com base nesses dados, o profissional desenvolve o projeto, especificando as redes de instalações elétricas, hidráulicas e de saneamento do edifício e definindo o material que será usado.

No canteiro de obras, chefia as equipes de trabalho, supervisionando prazos, custos, padrões de qualidade e de segurança. Cabe a ele garantir a estabilidade e a segurança da edificação, calculando os efeitos dos ventos e das mudanças de temperatura na resistência dos materiais. Ele também pode dedicar-se à administração de recursos prediais, gerenciando a infraestrutura e a ocupação de um edifício.

O curso

Disciplinas como matemática, física, estatística, desenho e lógica são o forte do currículo. Portanto, o candidato deve se preparar para exercitar suas habilidades em cálculo e desenho. Há atividades em laboratório e matérias das áreas de administração e economia que ensinam técnicas e métodos de gerenciamento de projetos e equipes. Nos três anos finais, cursa disciplinas mais ligadas às áreas de especialização escolhidas: estruturas, construção civil, hidráulica e saneamento, transportes ou geotecnia. Para obter o diploma, o estágio é obrigatório, assim como um trabalho de conclusão de curso.

Bookmark and Share

Trabalhos de Odontologia focados nas crianças

27 de janeiro de 2011 0

Foto: Divulgação

No mês de fevereiro o Estratégia Saúde da Família (ESF) do Centro de Joaçaba estará realizando, através do Sistema Único de Saúde (SUS), o exame bucal nas crianças de 0 a 14 anos. O objetivo do projeto é o diagnóstico precoce de cárie ou outras lesões na boca. Os agendamentos devem ser feitos com as agentes de saúde que atendem cada bairro.

Segundo a dentista Rita Valéria Weiss, responsável pelos atendimentos no ESF do Centro, este projeto abrange somente o Posto Central, pois cada Unidade  trabalha de uma forma.

- Os bairros que são atendidos e que participarão deste programa são o Cruzeiro do Sul, o Flor da Serra, o Bairro Tobias, o Centro, a Linha Duas Casas e a Linha Antinha. É bom ressaltar que os agendamentos devem ser efetuados com as agentes de saúde que atendem cada bairro.

O foco deste projeto é o diagnóstico precoce de possíveis problemas bucais, já que a prevenção é mais eficaz em qualquer área da saúde, inclusive na odontologia. De acordo com a dentista, muitas crianças bem pequenas já têm os dentes comprometidos com a cárie e isso gera muitos transtornos que vão desde agravamentos na saúde até situações de preconceito social.

Bookmark and Share

Mais de 130 aves silvestres são apreendidas em residência no bairro Vila Pedrini, em Joaçaba

26 de janeiro de 2011 0

Policiais fizeram a triagem das aves - Foto: Daisy Trombetta

Pelo menos 130 aves silvestres foram apreendidas em uma residência no bairro Vila Pedrini em Joaçaba, no Meio-Oeste catarinense, por volta das 17h desta terça-feira. A Polícia Militar Ambiental (PMA) realiza a triagem das espécies. Todas devem ser encaminhadas esta semana ao Centro de Tratamento de Animais Silvestres (Cetas), em Florianópolis.

Entre as aves, há espécies nativas de todas as regiões brasileiras. Algumas, na lista das ameaçadas de extinção. Os animais estavam em gaiolas e viveiros na residência de um homem de 34 anos, que deve responder a um Termo Circunstanciado (TC) e pagar multa por tráfico de animais silvestres, que pode chegar a R$ 80 mil.

Tucanos, azulão, trinca-ferro, marianinha da cabeça amarela e pichochó, uma ave nativa da região nordeste, estão entre as espécies apreendidas. Alguns animais estavam com anilhas sem numeração, utilizadas para tentar burlar a fiscalização.

Segundo Teylor Comunello, soldado da PMA, algumas aves apresentam ferimentos. Um sabiá, por exemplo, tem um dos olhos furados. Por enquanto, todos permanecem no viveiro da polícia, que fica em Herval d’Oeste, cidade vizinha à Joaçaba.

- Os animais estão recebendo comida, água e sendo catalogados. Em seguida, serão encaminhados ao Cetas, onde devem ser reabilitados para voltar à natureza.

O policial ainda revela que o dono das aves teria alegado manter os animais em casa por hobby. Há informações de que todas as espécies seriam comercializadas. O homem já responde por um crime semelhante, por conta de uma apreensão feita em 2005.

A PMA chegou à residência onde estavam as aves depois de uma denúncia anônima.

Multa

O homem de 34 anos flagrado com as aves deve pagar multa de R$ 500 por animal. Exceto os que estão na lista de ameaçados de extinção, que devem render uma pena de R$ 5 mil cada um. Além disso, ele deve responder criminalmente pelo tráfico de animais silvestres.

Bookmark and Share