Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Memória, patrimônio e preservação no projeto UCS Portas Abertas

17 de outubro de 2014 0
Professora doutora Luiza Iotti coordena o Instituto Memória Histórica e Cultural da UCS, que receberá visitantes e comunidade em geral neste domingo. Foto: Porthus Junior, banco de dados

Professora doutora Luiza Iotti coordena o Instituto Memória Histórica e Cultural da UCS, que receberá visitantes e comunidade em geral neste domingo. Foto: Porthus Junior, banco de dados

A segunda edição do projeto UCS Portas Abertas é uma oportunidade para se conhecer melhor o trabalho desenvolvido pelo Instituto Memória Histórica e Cultural (IMHC) da Universidade de Caxias do Sul.

Neste domingo, dia 19, das 14h às 18h, ocorrem diversas atividades relativas à preservação da memória e da identidade regional. O IMHC, coordenado pela professora Luiza Iotti, funciona na sala 105, Bloco 46, defronte ao Zoológico.

A entrada é franca.

Confira algumas atrações:

* Visitas orientadas aos setores que compõem o Instituto.
* Exposição fotográfica Benditas Raízes.
* Câmara escura: entenda como funciona uma câmera fotográfica.
* Quebra cabeça com imagens do acervo, jogo da memória, caça ao tesouro e fotos para colorir (atividades para o público infanto-juvenil).
* Exibição de filmes (de curta duração) das Festas da Uva de 1950, 1954, 1965 e 1972.

Preservação da memória audiovisual da região é uma das frentes de trabalho do IMHC. Foto: porthus Júnior, banco de dados

Preservação da memória audiovisual da região é uma das frentes de trabalho do IMHC. Foto: porthus Júnior, banco de dados

Composição

A estrutura do Instituto Memória Histórica e Cultural inclui o Laboratório de Estudo de Arqueologia (Lepar), o Programa Ecirs (Elementos Culturais da Imigração Italiana no Nordeste do Rio Grande do Sul), o Programa Iris (Investigação e Resgate de Imagem e Som), o Centro de Documentação da Universidade de Caxias do Sul (Cedoc) e o Centro de Memória Regional do Judiciário (CMRJU).

Acervo do IMHC, com diversas raridades audiovisuais da história local, é mantido no Bloco 46. Foto: Porthus Júnior, banco de dados

Acervo do IMHC, com diversas raridades audiovisuais da história local, é mantido no Bloco 46. Foto: Porthus Júnior, banco de dados

Envie seu Comentário