Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Os 50 anos da Liga Caxiense de Futebol de Mesa

04 de maio de 2015 0

Paixão de meio século: um encontro de gerações em meados dos anos 1960. Foto: Studio Real, acervo pessoal de Adauto Celso Sambaquy, divulgação

O futebol de mesa brasileiro ganha uma programação temática e prá lá de especial a partir desta segunda (4), no Shopping São Pelegrino. Trata-se da Futmesa Expo 2015: Um Cinquentenário em Exposição.

Até sábado, dia 9, uma série de atividades destacará os 50 anos da Liga Caxiense de Futebol de Mesa, fundada em junho de 1965 e embrião da atual Associação de Futebol de Mesa (AFM) Caxias.

Entram aí uma exposição de fotos históricas, oficinas abertas ao público, rodadas de competições internas da AFM, além do aguardado Torneio Nacional do Cinquentenário, no sábado, dia 9.

Antes disso, a quarta-feira, dia 6, promete uma sessão nostalgia: disputarão uma partida dois integrantes master da associação, os sócios-fundadores Adauto Celso Sambaquy (primeiro presidente da Liga) e Marcos Zeni.

Clique nas imagens para ampliar.

Integrantes da Liga Caxiense de Futebol de Mesa representando a delegação do Rio Grande do Sul no 1º Campeonato Brasileiro de Futebol de Mesa, em 8 de janeiro de 1970, em Salvador. Da esquerda para a direita vemos os botonistas Angelo Slomp, Walmor Medeiros, Jorge Compagnoni, Adauto Celso Sambaquy e Airton Dalla Rosa. Foto: acervo pessoal de Adauto Celso Sambaquy, divulgação

Em 1972: Adauto Celso Sambaquy, Mário Sá Mourão (presidente do Conselho Municipal dos Desportos) e Marcos de Lucena Barbosa, quando Caxias sediou a 1ª Taça Brasil de Futebol de Mesa, após campeonatos nacionais em Salvador (1970) e Sergipe (1971). Foto: acervo pessoal de Adauto Celso Sambaquy, divulgação

Em ação: Marcos de Lucena Barbosa e Adauto Celso Sambaquy no início dos anos 1970. Foto: acervo pessoal de Adauto Celso Sambaquy, divulgação

O início

Atualmente morando em Camboriú (SC), o aposentado Adauto Celso Sambaquy, 79 anos, é um dos convidados de honra do encontro.

Apaixonado pelo esporte, o primeiro presidente da Liga tomou contato com o futebol de mesa aos 10 anos, em 1947. À época, Sambaquy e os colegas da Escola Normal Duque de Caxias reuniam-se para as partidas na casa do senhor Décio Vianna, cujo filho Marco Antonio Barão Vianna integrava a turma.

Conforme o aposentado, de 1947 até 1963, muita gente jogava em Caxias, sem contudo haver uma organização. Ao assumir uma vaga no Banco do Brasil, Sambaquy deparou com um Departamento de Futebol de Mesa, então administrado pelo funcionário Raymundo Antonio Rotta Vasques. Foi quando organizou na AABB aquele que foi o primeiro campeonato com início, meio e fim – além de troféus para os campeões.

São desse pioneiro torneio na sede da Associação Atlética Banco do Brasil as duas imagens a seguir.

Na AABB em 1963: Paulo Fabião (à esquerda)  e Adauto Sambaquy (à direita, de perfil). Foto: acervo pessoal de Adauto Celso Sambaquy, divulgação

Torneio na AABB em 1963: o vencedor Adauto Celso Sambaquy entre Paulo Fabião (vice) e Ivam Mantovani (3º lugar). Foto: acervo pessoal de Adauto Celso Sambaquy, divulgação

Adauto Celso Sambaquy: primeiro presidente da Liga e um dos grandes incentivadores do esporte até hoje. Foto: acervo pessoal de Adauto Celso Sambaquy, divulgação

Adauto Celso Sambaquy nos anos 1960: primeiro presidente da Liga é um dos grandes incentivadores do esporte até hoje. Foto: Studio Real, acervo pessoal de Adauto Celso Sambaquy, divulgação

Liga surge em 1965

Com a repercussão do torneio de 1963, os demais colegas começaram a se interessar, motivando o presidente do Sindicato dos Bancários de Caxias do Sul, Dauro Brandão de Mello, a realizar uma competição da classe.

A iniciativa rendeu outros frutos: dela nasceu o primeiro campeonato da cidade de Caxias do Sul, cujo campeão foi Marcos Pedro Amoretti Lisboa. Em 1964, as disputas continuavam a ser promovidas, porém o grupo caxiense não era convidado a participar do campeonato estadual, promovido pela Federação Riograndense de Futebol de Mesa.

Surgia aí a Liga Caxiense de Futebol de Mesa, fundada em junho de 1965 junto ao Centro Acadêmico Amaro Cavalcanti, da então Faculdade de Ciências Econômicas, onde Sambaquy estudava.

Uma entidade que, desde aquela época, marcou presença constante em campeonatos brasileiros, do centro-sul e estaduais, individuais e por equipes. E sempre congregando gerações de aficionados, dos 8 aos 80.

Na AABB em 1972

Confira a seguir uma série de imagens históricas da 1ª Taça Brasil de Futebol de Mesa, realizada na AABB de Caxias do Sul em julho de 1972, após campeonatos nacionais realizados em Salvador, em 1970, e Sergipe, em 1971.

Elas integram o acervo do botonista Adauto Celso Sambaquy e em breve devem compor um museu da Associação de Futebol de Mesa de Caxias do Sul, localizada no bairro Pio X.

Foto: acervo pessoal de Adauto Celso Sambaquy, divulgação

Foto: acervo pessoal de Adauto Celso Sambaquy, divulgação

Foto: acervo pessoal de Adauto Celso Sambaquy, divulgação

Foto: acervo pessoal de Adauto Celso Sambaquy, divulgação

Pioneiros

Além de Sambaquy, participaram da fundação os botonistas Raymundo Vasques, Sérgio Calegari, Antonio Carlos Oliveira, Delesson Pavão Orengo, Deodatto Maggi, Marcos Zeni, Vanderlei Duarte e Saul Vanelli.

Falecido na última semana, aos 84 anos, Sérgio Calegari, o Calígula, foi velado com uma camisa da entidade que ajudou a fundar, uma homenagem da atual AFM Caxias.

Marcos de Lucena Barbosa e Sambaquy. Foto: acervo pessoal de Adauto Celso Sambaquy, divulgação

Foto: acervo pessoal de Adauto Celso Sambaquy, divulgação

Foto: acervo pessoal de Adauto Celso Sambaquy, divulgação

Foto: acervo pessoal de Adauto Celso Sambaquy, divulgação

Foto: Studio Real, acervo pessoal de Adauto Celso Sambaquy, divulgação

Em 1970: Adauto Celso Sambaquy durante o primeiro Campeonato Brasileiro de Futebol de Mesa, realizado em Salvador. Foto: acervo pessoal de Adauto Celso Sambaquy, divulgação

Um espaço para história e estórias…

No blog acolunadeadautocelsosambaquy.blogspot.com.br, o botonista conta histórias, traz fotos, emite opiniões e avalia tudo que envolve o universo do futebol de mesa, ontem e hoje. Visita obrigatória!

Envie seu Comentário