Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

O Capitel da Mariana e as lembranças de dona Suely Bascú

07 de novembro de 2015 1

Clássicos da Rua Matteo Gianella: dona Suely Bascú, o casarão e o capitel em um registro de agosto de 1994. Foto: Cacalos Carrastazu, banco de dados/Pioneiro



A solenidade especial em torno do recém recuperado Capitel da Mariana, na Rua Matteo Gianella, neste sábado (7) é também oportunidade para recordar da trajetória da professora e educadora Suely Bascú (1914-1999).

Personagem emblemática da cidade, dona Suely foi por décadas a guardião de um dos símbolos religiosos mais queridos e visitados do bairro Santa Catarina. E não foram poucas as reportagens que enalteceram sua figura ao longo das últimas décadas.

Clicando nas imagens desta página você passa a limpo alguns momentos dessa vida dedicada à educação e aos vínculos comunitários, com destaque para uma crônica escrita pela própria dona Suely no jornal Pioneiro em fevereiro de 1975, quando se comemoravam os exatos 100 anos de imigração italiana na região.

Outra raridade é a nostálgica coluna Olho Nela, escrita pelo historiador e ex-diretor do Museu Municipal de Caxias do Sul Juventino Dal Bó para o extinto jornal Folha de Hoje, há 25 anos, em 1990 (abaixo).





Comentários (1)

  • Maqria Helena Muratore diz: 7 de novembro de 2015

    Uma excelente reportagem.Lembrei da querida Professora Suely Bascú ,grande amiga e colega da minha Mãe.Parabéns Rodrigo Lopes e ao Jornal Pioneiro .

Envie seu Comentário