Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Escolha da madrinha do Grupo de Bolão Explosivo, de Galópolis, em 1959

24 de novembro de 2015 0

Novembro de 1959: Carmen Fabris recebe a faixa de madrinha do Explosivo da senhora Assunta Dal Prá. Foto: Studio Geremia, acervo de família, divulgação

Carmen Fabris entre as jovens Carmem Silva e Teresinha Comerlato e os senhores José Dal Prá, Miguel Bertelli e Rui Dal Prá (mais à frente). À direita, a senhora Assunta Dal Prá. Foto: Studio Geremia, acervo de família, divulgação

O trio: Carmen Fabris (sentada), Teresinha Comerlato (à esquerda) e Carmem Silva. Foto: Studio Geremia, acervo de família, divulgação

Em 1959, ano em que comemorava 30 anos de fundação, o Grupo de Bolão Explosivo, de Galópolis, promoveu um concurso para a escolha de sua madrinha. Foi na sede do Sindicato dos Trabalhadores das Indústrias de Fiação e Tecelagem, na BR-116, quando três jovens, Carmen Fabris, Teresinha Comerlato e Carmem Silva, concorreram ao título.

Com 12.565 votos, Carmen Fabris venceu o certame e, durante um badalado baile em 21 de novembro de 1959, foi oficializada madrinha – com as atenções dos pais, Evaristo Nicola Fabris e Armelinda Dal Bosco Fabris.

Participaram também da festa o fundador do Explosivo, José Dal Prá, com a esposa Assunta, e os senhores Miguel Bertelli, Eduardo Dal Prá, Luiz Gazola, João Antonio Vial, Valter Marchioro, Sisto Muner, Marcelino Felippi e Hugo Seidl, todos com suas respectivas esposas.

Nas fotos a seguir, uma matéria do Pioneiro de outubro de 1959 destacando a escolha e outros momentos daquela noite.

Clique nas imagens para ampliar.

Grupo de Bolão Explosivo em 1945.

Galópolis: os 75 anos de um sindicato.

Foto: reprodução jornal Pioneiro

Foto: reprodução jornal Pioneiro

Carmen Fabris, a madrinha do Explosivo, após receber a faixa oficial. Foto: Studio Geremia, acervo de família, divulgação

Carmen Fabris com as amigas Noeli Marchioro (ao centro) e Salli Felippi. Foto: Studio Geremia, acervo de família, divulgação

Carmen Fabris com as amigas Noeli Marchioro (ao centro) e Salli Felippi. Foto: Studio Geremia, acervo de família, divulgação

Foto: Studio Geremia, acervo de família, divulgação

Carmen Fabris e o fundador do Grupo de Bolão Explosivo, José Dal Prá. Foto: Studio Geremia, acervo de família, divulgação

Em família

Abaixo, Carmen Fabris em um registro com os pais, Evaristo Nicola Fabris e Armelinda Dal Bosco Fabris. Na sequência, um flagrante do baile, quando a madrinha do Explosivo dançou com o futuro marido, Affonso Borges de Abreu.

Eles casaram em 29 de outubro de 1960. E vivem juntos até hoje…

Clique nas imagens para ampliar.

Vinhos Pranzo, de Galópolis, na Festa da Uva de 1958.

Um casamento em Galópolis em 1940.

Carmen Fabris e os pais, Evaristo e Armelinda. Foto: Studio Geremia, acervo de família, divulgação

No baile: Carmen e o namorado e futuro marido Affonso. Foto: Studio Geremia, acervo de família, divulgação

No baile: Carmen e o namorado e futuro marido Affonso. Foto: Studio Geremia, acervo de família, divulgação

Foto: Studio Geremia, acervo de família, divulgação

Carmen Fabris, para a posteridade em 1959. Foto: Studio Geremia, acervo de família, divulgação

Envie seu Comentário