Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts do dia 19 janeiro 2010

Fé e religião

19 de janeiro de 2010 1

Não importa a religião ou crença, mas acredito que os pais têm a missão de inserir os filhos na espiritualidade. O pão de cada dia dos nossos filhos não pode ser só o alimento para o corpo. Quando eles tiverem o discernimento necessário para decidir, aí, sim, a escolha pode – e deve – ser deles. Mas, até então, acredito ser dos pais a tarefa de levar aos filhos também esses valores morais e de fé.
Fiz isso pela primeira vez na sexta-feira passada. E não me arrependi. Ele se comportou bem, e até arriscou um resumo do que foi tratado.
- O tio falou da família, né, mãe? Dos pais, dos filhos e do amor… – disse o pequeno.
Como não acredito no acaso, o tema do encontro era justamente a importância da família, a necessidade de aprender com as diferenças e a missão que os pais têm em educar os filhos – principalmente os mais problemáticos e que demandam dedicação maior – com paciência, compreensão, tolerância, bondade e amor, acima de todas as coisas.
Tinha uma preocupação inicial que a paciência do guri não duraria os 40 minutos da palestra, mas, mais uma vez, tive a certeza de que a hora é essa. Achar que os pequenos não entendem as mensagens é simplificar demais o processo e não acreditar nas imensas potencialidades que eles carregam em si.
Na noite daquele dia, quando, juntos, fizemos a nossa prece, as palavras do Bruno – que faz questão de dar início à oração – adquiriram um significado ainda mais especial.
- Obrigada, amigo Jesus, por mais esse dia de luz…

33 semanas de gestação

19 de janeiro de 2010 5

(Foto Charles Guerra / Montagem Fernando Bastos)

Cada semana é uma vitória. Nesta terça comemoramos a 33ª semana de gravidez. De acordo com a literatura especializada, a Antonela deve estar medindo aproximadamente trinta centímetros (entre a nuca e a bunda) e pesando dois quilos.

Nesta fase da gestação o barrigão pesou de vez e atrapalha os movimentos básicos e principalmente para dormir. É difícil encontrar uma posição adequada para dormir. Apesar do lado esquerdo ser o mais recomendado para dormir, passo a noite me mexendo… Dói e viro para o outro lado, depois de barriga para cima, de novo para o lado esquerdo. Sem dizer nas idas ao banheiro.

Resultado: o sono é interrompido inúmeras vezes e a cada agito, demoro para dormir novamente. Coitado do pai… Por mais que tente não fazer barulho, é impossível não interferir no sono dele. Outro dia, ele comentava:

- Dizem que o sono nunca mais é mesmo depois que nasce. Acho que tudo isso é para a gente se acostumar.

E no fim das contas, o pobre pai trabalha cansado. A mãe, mesmo seguindo o repouso por orientação médica (já que tive trabalho de parto prematuro), tem o cansaço também como companhia constante.

Apesar dos pequenos percalços do destino de uma gravidez, seguimos na torcida por uma gestação tranqüila até o final. Apesar de estar “apta a vir ao mundo” (frase que ouvi estes dias de um médico radiologista), seria como uma frutinha que não está totalmente madura. Se for apanhada (da árvore) antes do tempo, é preciso passar por cuidados especiais… esperar alguns dias em repouso no cesto até que amadureça e esteja pronta para ser consumida… No caso da Antonela, até que esteja totalmente pronta para fazer parte da nossa sociedade de “consumo”.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...