Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts na categoria "aniversário"

Onde vai ser a festa

18 de junho de 2012 3

Todos os posts de Fabiana SparrembergerCada aniversário do pequeno é a mesma dúvida: como e onde será a festa de aniversário? E na balança da decisão é preciso pesar sempre itens como tempo disponível para organizar a festa, e claro, limite de orçamento. Para tentar ajudar na avaliação dos prós e contras, reuni dicas de mães do blog especialistas no assunto e profissionais que trabalham em casas especializadas. (Fabiana Sparremberger)

Festas em casa ou em salões alugados
Vantagens
É mais econômico porque é possível pesquisar fornecedores, avaliando custos e qualidade do produto/serviço
Como sai mais em conta, dá para convidar mais pessoas. Ou fazer uma festa íntima para poucas pessoas
O aniversariante pode participar dos preparativos, o que costuma deixá-lo muito satisfeito
É uma festa única, fora do padrão. E é um prazer para os pais personalizarem cada momento, e os elogios sempre vêm
A criança se sente mais à vontade no seu ambiente, assim como os convidados
Não há limite de horário para a festa terminar
Contar com a mão de obra da família é muito bacana
A festa se adapta ao orçamento familiar dos pais: corta aqui, ajeita ali, e fica de acordo com o bolso

Desvantagens
Exige muito tempo e dedicação. Para quem trabalha fora, fica complicado ou até inviável
O trabalho começa muito tempo antes da festa
Se você não tem experiência, é preciso pesquisar muito cada detalhe da festa. E se você peca em planejamento e organização, talvez não obtenha o resultado sonhado
É preciso contar com a disposição de familiares para ajudar, e nem sempre isso é possível. Às vezes, os pais ficam sozinhos na organização de tudo
Você não vai conseguir dar atenção aos convidados
O local pode ser um limitador, uma vez que pode faltar lugar para todos sentarem, por exemplo
É uma correria antes, durante e após a festa. Os convidados já chegaram, e você ainda nem tomou banho
Os convidados se vão, e fica a bagunça, que precisa ser arrumada

Festa em bufê (casa de festas)
Vantagens
Ganha pela praticidade e comodidade. Seu único envolvimento é na definição do número de convidados, na escolha do tema da festa, cardápio, dia e horário. A festa completa é organizada pelo bufê. Caso queira, você será apenas convidado da festa
São mais elaboradas e costumam ser bem mais atraentes para as crianças que ficam encantadas com a variedade das atrações
Tem muitos profissionais para ajudar e você pode dar mais atenção para os convidados
Como tem horário para acabar, você não precisa se preocupar se alguém vai ficar até muito tarde e você esteja querendo descansar
Você não precisa ficar correndo de um lado para o outro para ver se as crianças vão destruir alguma coisa

Desvantagens
Em Santa Maria, há casas que têm todos os finais de semana do ano já agendados. Ou seja, você precisa decidir com muita antecedência sobre a festa do seu filho
Como são mais caras, nem sempre é possível convidar o número de pessoas que você gostaria
As festas têm hora para acabar. E se você não quer pagar mais para ficar mais algum tempo, os convidados ainda podem estar se divertindo quando a festa estiver terminando
Na maioria das casas, não é possível escolher os fornecedores, e você pode não gostar de algum item do cardápio como salgados/doces/bolos
A festa não tem a “cara” do aniversariante, porque a decoração é genérica. Há pouco espaço para personalizações

Ajudaram na elaboração das dicas Rosanita Moschini Vargas, Renata Souza, Greice Martins, Luciane Leal Santos, Paola Condessa, Michele Costa Joris  e Crisleine Cassânego

Coluna Em Nome do Filho publicada nesta segunda-feira no Diário de Santa Maria

Aniversário caseiro

25 de maio de 2012 0

Este ano, decidimos fazer o aniversário de 7 anos do pequeno só em casa (nem em casa de festa nem na escola). Só para pais, avós, dindos, dindas e coleguinhas bem próximos. Na escola, a correria seria imensa e, no meio da semana, a situação fica muito complicada, para não dizer inviável.

E não vou mentir, que o gasto é sempre um fator a ser considerado. O guri, mais uma vez, não reclama de não ter um grande festerê. E, para ajudar, ele mesmo se dispôs a fazer os convites desenhando a turma do Meu AmigãoZão numa folha de ofício dividida ao meio. A mãe sugeriu um convite um pouco mais elaborado (caseiro também), e combinamos que serão, então, dois convites distribuídos para a mesma festa.

Sabem que eu nunca tive um festerê grande em aniversário, mas tenho absolutamente todas as fotos  que a mãe fazia em casa, com a gente indicando quantos anos fazia mostrando os dedos das mãos… Sei que ela fazia um esforço tremendo para conseguir fazer a festinha, e, mesmo tendo só a família e poucos amigos em volta, sempre dei muito valor a isso. Adoro rever as fotos, e lembro de como a gente era feliz na época. E isso é o que importa! E acho que com o guri, não será diferente.

Dia desses ele me perguntou:

- Mãe, tu tá assim tão animada porque o meu aniversário tá chegando, né?

Nem me lembro porque estava feliz, mas não resisti a confirmar a sentença do pequeno.

Vou me esforçar para fazer uma festa muito divertida, e tenho certeza que assim será. Se ele estiver feliz, isso é o maior presente. E se o pequeno está achando legal a comemoração para lá de caseira, então, tá tri!

7 anos, como o tempo voa…

E como disse um leitor do blog, dia desses, num e-mail: “As febres passam, as manhas passam, passam também os colos, as artes, os monstros nas sombras do armário…”. O que se conserva é a intensidade do amor!

Bolo de osso para comemorar

21 de abril de 2012 6

Este Feriado de Tiradentes tem festa de aniversário lá em casa.

Não é minha.

Nem do marido.

Nem do pequeno.

É do integrante mais novo da família, que está fazendo 4 anos.

E o cardápio da festa: bolo de osso (encomendado pelo melhor amigo do aniversariante)

Teve até convite personalizado para a inusitada festa (artesanais, feitos pelo guri e entregues com pompa e circunstância a cada um dos poucos convidados)

Para a mãe, o pedido: além do bolo de osso, negrinho e branquinho.

E vai rolar a festa, de manhã até a noite, avisou o pequeno aos convidados. O presente, pode ser qualquer coisa porque o aniversariante, assim como o dono, se contenta com uma lembrancinha.

Por essa, nem o Zulu esperava!

Parabéns, Pedrão!

04 de abril de 2012 4

A pedido, o recado dos pais corujas:

“Pedro Henrique,

Hoje, é um dia que você completa seu segundo ano de vida.

Mamãe e papai querem lhe dizer que mesmo antes de você nascer, você já era muito amado e aguardado por nós.

Quando você nasceu foi uma alegria imensa não apenas para a mamãe e para o papai, mas também, para todos que o rodeavam.

O tempo foi passando e a cada dia, com o seu jeitinho meigo e carinhoso foi conquistando o coração de cada um que te cercava. O seu sorriso simpático e contagiante, às vezes um pouco tímido, conquista a todos.

Gostaríamos que você soubesse como esse dia é importante pra nós!

É o dia de comemorarmos a data mais importante de nossas vidas, dia de festejar o seu aniversário! O nosso maior presente!

Quando você chegou, nossas vidas se transformaram, ficou mais gostosa, mais cheia de vida, mais sorridente e alegre, com novos ideais e novos objetivos a serem alcançados, tudo ficou maravilhoso com a sua chegada. Você é o nosso maior troféu!

A festa é sua, mas o presente é todo nosso, você!

Te amamos muito!

Feliz Aniversário!!

Mamãe Kátia e papai Fábio “

 

A criação de um ritual

27 de março de 2012 6

Todos os posts de Camila Saccomori

O que vocês fazem nos aniversários dos seus filhos?

Não estou falando só de festa, mas sim de hábitos e rituais.

Eu e minha mãe tínhamos um no Dia das Mães, por exemplo. Eu sempre fazia panquecas com mel para comermos na cama de manhã cedo no domingo. Era uma delícia! Só não faço mais porque não moramos juntas, é claro.

Sei de famílias que no dia do aniversário, por exemplo, deixam as crianças dormir bem mais tarde do que o horário habitual. Ou irem todos juntos ao cinema. Ou a um lugar especial comemorar.

Amanhã, quarta, minha Pietra faz 1 aninho. É uma data tão emocionante para mim que não quero deixar passar batido (apesar da festinha estar programada para o fim de semana com família e amigos próximos).

Combinei com meu marido algo que será simbólico: vamos tomar café-da-manhã no mesmo lugar onde no dia 28 de março do ano passado nós 3 fomos (eu, o marido e a Pi dentro do barrigão).

Não tenho dúvidas de que vai ser sensacional reviver aquele dia no “nosso” local especial desta vez com a nenê FORA da barriga! E o melhor de tudo: ela vai participar brincando, “conversando” e comendo também.

Vou contar a ela timtim por timtim das 24h do dia mais importante da minha vida. Tenho certeza de que ela vai entender tudo! E de que as lágrimas vão rolar do meu rosto nesse momento. Acho melhor levar o kleenex também!


Como organizar uma festa de 1 aninho do seu filho

16 de fevereiro de 2012 4

Para quem curte a tendência FAÇA VOCÊ MESMO, indico um tutorial pra lá de bacana:  é do blog da Malu, mãe do Pedro, leitora do blog e do caderno Meu Filho.

A querida Malu organizou tudinho para comemorar o primeiro aniversário do seu filhote aqui em Porto Alegre. A festa ficou lindona, como vocês podem ver nas fotos abaixo (são do Carlos Edler, ex-colega de ZH que anda mandando muito bem em cobertura de festinhas infantis).

O post do blog da Malu (http://malumaedopedro.wordpress.com/2012/01/06/diy-festa-de-1-aninho/) indica tudo o que se deve pensar para fazer a festa, desde local, convites, decoração e comida até brinquedos, lembrancinhas e música para animar a tarde.

Esteja preparada para muito trabalho nos dias anteriores à festa, hein? Mas também a recompensa de ver tudo o que se planejou dando certo e sendo elogiado pelos convidados não tem preço! Boa sorte e bons preparativos! Depois volte aqui ao blog para contar como foi a sua comemoração :-)


O que uma criança de dois anos faz

09 de dezembro de 2011 14

- Chantagem emocional.

- Diz que tem “dodói” no pé só pra ganhar colo.

- Surpreende a todos com seu vocabulário, acumulado há dois anos, mas revelado todo de uma só vez. Na mesma semana.

- Diz “gol mamãe” quando você tropeça no ventilador.

- Não fica mais doente por causa de um espirro.

- Tem vontade própria.

- Te elogia.

- Tem gosto próprio.

- Te manda longe.

- Se faz.

- Diz que te ama.

- Te deixa de queixo caído.

- Deixa de ser nenê. (para o mundo)

- Aprende uma coisa nova por segundo.

- Lembra você que a beleza está nos mínimos detalhes.

- Relembra você que a vida é um eterno aprendizado.


Sejam bem-vindos, dois aninhos.



Calculadora de festas

28 de setembro de 2011 0

Dúvidas na hora de preparar a festa de aniversário do seu filho? Para ajudar, o site da revista Pais & Filhos traz um link com uma calculadora que projeta automaticamente a quantidade ideal de doces, salgados e bebidas.

Se ficou interessado, clique aqui

Reprodução

Futebol, sempre ele...

26 de maio de 2011 4

O gosto pela gorduchinha foi revelado muito cedo, nos primeiros chutes  em balões de aniversário. O desejo da mãe era aproveitar o título do campeonato gaúcho para fazer a festinha de 6 anos com um motivo tricolor. Mas, infelizmente, não foi possível. O guri chorou com a derrota, e os pais, aversos a qualquer fanatismo (inclusive o futebolístico), decidiram abandonar a ideia. Até para não dar asas a esse fanatismo. Poderíamos, claro, mostrar a ele que a torcida pelo time não muda, mesmo em tempos difíceis, mas achamos melhor deixar para outra oportunidade.

- Mãe, tive uma grande ideia. A gente pode fazer uma festa só sobre futebol, sem time. Pode ser com as cores do Brasil.

Seria o ideal, mas este ano, particularmente, eu não estava com disposição e tempo para fazer um convite personalizado como os demais anos, em que eu mesma fazia. Mas, em ano que não é de Copa do Mundo, onde é que eu vou achar um convite de aniversário sobre futebol, com uma bola como a sonhada pelo guri?

E não é que eu achei… E fui eu mesma, porque a atendente da loja nem tinha visto aquele ali (reprodução dele abaixo)… Resolvido!!!

O futebol será, então, o motivo do festerê, bem modesto (na escolinha, e, em casa, só para os pais, avós e padrinhos), mas organizado com muito amor. O guri me convenceu a fazer os brigadeiros e os “branquinhos”, só pra ter o prazer de me ajudar. Já disse pra vocês que meus dotes culinários deixam a desejar, mas vou colocar a mão na massa. Se é com amor, não pode dar errado, né? Ou será que pode?

Se você tem dicas ou receita de um brigadeiro que não dá errado (não fica muito duro nem muito mole e faz sucesso entre a garotada…), por favor, pode ajudar essa pobre mãe sem muita afinidade com as panelas, mas esforçada para fazer a alegria do seu pequeno craque…

Ele só pensa naquilo...

13 de maio de 2011 1


Bem difícil controlar a ansiedade do pequeno diante do anúncio da festinha do 6ª aniversário. Já me arrependi de contar pra ele, faltando tantos dias…

Toda hora, ele puxa o assunto e quer falar sobre…  Depois da oração da noite, o convite: “agora, vamos falar sobre o meu aniversário”.

“Já falou com a tia que eu quero balão de borboletas para as meninas e balão de espada para os meninos?”

“O bolo de chocolate, bem que a Tuti poderia fazer (Tuti é minha tia, que faz um bolo que ele adora)…”

“Mãe, eu vou te ajudar a fazer os docinhos aqui em casa. Sabe que eu sei enrolar muito bem…”

“Na cama elástica, só podem ir três coleguinhas de uma vez…”

“Eu vou ter três festas: uma na escolinha, uma em casa e uma na casa da vó….”

“A lembrancinha pode ser o balão que a tia vai fazer pra cada um…”

Minha nossa!!! É de cansar. Uma frase atrás da outra, sem respirar. E nem dormir, o guri quer mais…

“Puxou por quem?” pergunta o pai.
Pela mãe, é claro.

Sempre que tem algo me deixando ansiosa, preocupada, estressada, eu preciso, desesperadamente, falar com alguém sobre. E falar muuuuiiiittttooooo, compartilhar.

O guri saiu igual, e faz a mãe refletir se, muitas vezes, não encheu demais o ouvido alheio.

Mas faltam só 18 dias, e eu resisto até lá…

1 aninho da Maria Catarina

10 de maio de 2011 0

Quem manda a foto é a mamãe orgulhosa da Maria Catarina, que fez 1 aninho no dia 7 de maio, e realizou a festinha no último domingo, Dia das Mães.

“Tava linda a minha princesa. Eu só queria agradecer aos meus amigos que vieram e aos dindos e dindas que adoram a minha pequena… Obrigado a todos” – é a mensagem da Patricia da Rosa.

Muito graciosa essa aniversariante… Parabéns a ela e a toda a família!!!



No mês do aniversário...

10 de maio de 2011 2

Já estamos no 5º mês de 2011, a exatos 22 dias do 6º aniversário do guri. E me dei conta na segunda-feira (ou seja, ontem) que está mais do que na hora de começar a organizar as coisas, não?
Claro que a festinha vai ser bem modesta, só na escolinha e para os familiares mais próximos, em casa mesmo…. Mas está mais do que na hora de começar a pensar nos pequenos e nem tão pequenos detalhes necessários…

Em que dia faremos?
Qual será o personagem da festa?
Os comes?
As atrações da festinha na escolinha? (com ou sem cama elástica?)
As lembrancinhas?
Os convites?
Ah, e quanto custa essa diversão toda? Há como?

Por mais singela que seja a festinha, sempre dá trabalho, e eles merecem nossa dedicação e empenho. Mas tenho de confessar que ando meio cansada da correria… Mas é preciso começar e resgatar as energias em nome da alegria do guri, que, ao contrário da mãe, anda bem entusiasmado porque chegamos ao mês do SEU aniversário!!!
Mãos à obra que os dias voam… Vou contando a vocês as novidades e pedindo dicas…

O dia da festinha na escolinha, acabo de conseguir marcar!!!
E neste domingo, devemos nos decidir sobre o “motivo” da festa. Só vai depender de quem será o campeão do Gauchão 2011… Aguardemos, pois.


Parabéns Isadora!

19 de abril de 2011 1

A apressadinha fez um ano e a mamãe presta a merecida homenagem…

” Sou visitante assídua e adoro o blog!!!

Tive dois filhos “apressadinhos” e mandei a minha história para vocês.

Dia 06 de abril a Isadora fez 1 aninho e gostaria de compartilhar com todas mamães e papais a minha alegria nesta data depois de passarmos por momentos tão difíceis.

Isadora…Te amei no segundo em que ouvi os batimentos do seu coração. Te amei mesmo antes de tu nascer. Quando vi tua carinha fiquei ainda mais apaixonada. Tu só tinhas 1 min de vida,era tão pequeninha e já sabia que daria a minha vida por ti, e hoje ainda penso assim. Quando escolhemos ter filhos, tomamos a decisão consciente de permitir que o nosso coração possa caminhar fora do nosso corpo.És nossa “pequena” grande guerreira!!!

Te amamos muito,muito,muito…nossa “estátua” de beijos….Mamãe Anamaria,Papai Diego e mano Arthur “

Felicidades Vinícius!!!

13 de abril de 2011 0

A supermami Marcia está toda feliz pelo níver do pequeno que amanhã completa um ano de muita alegria e vida para a família. Aí vai a homenagem da mami…

“Meu bebezão está completando 1 aninho..de muitas alegrias, fulias, noites com o coração apertado, saudades quando tenho que deixá-lo na escolinha, enfim um ano maravilhoso

Depois que o Vinícius nasceu descobrimos a cada dia como é maravilhoso ser mãe, ser pai, como é bom formar família.

Marcia e Marcos – Caxias do Sul”

O Leo da Sabrina. Parabéns!!!

06 de abril de 2011 0


Leonardo….
Há dois anos atrás vivemos a melhor experiência de nossas vidas com a tua chegada. Hoje, neste dia tão especial, desejamos que tu seja sempre muito feliz filho, que tu siga sempre o caminho do bem nos proporcionando mais alegria e felicidade. Te amamos!!! Papai Thiago e Mamãe Sabrina

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...