Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

Posts na categoria "Retratos"

O refúgio de Eva Sopher

16 de fevereiro de 2013 12

Eva Sopher está em casa. Não a sua casa profissional – e também do coração –, o Theatro São Pedro (TSP), mas o lugar para onde vai quando a jornada diária chega ao fim. A tarde de sábado está ensolarada, e a luz entra pelas grandes janelas do apartamento de cobertura para onde se mudou pouco tempo depois da morte do marido, Wolfgang Klaus Sopher, em 1987. O silêncio é reconfortante, assim como o visual da rua arborizada.
Dona Eva se dedica à prazerosa tarefa de preparar o almoço do domingo, dia em que faz questão de reunir a família em sua casa:
– Minha avó fazia isso, e quero que meus netos e bisnetos tenham esse “encosto” familiar.

Em junho, Eva Sopher fará 90 anos, e o TSP, 155. Mas as novidades começam antes, no dia 27 de março, data em que algumas salas do Multipalco serão entregues. Prestes a completar nove décadas de vida, a presidente da Fundação Theatro São Pedro diminuiu o ritmo: passa 36 horas por semana no trabalho.
– E as demais pensando nele – diz.
De fato, o teatro está por todos os lados: no quadro antigo (abaixo), no folder afixado na porta da geladeira, nos livros. Em breve, a dedicação à cultura renderá a dona Eva mais uma homenagem: Beto Herrmann está escrevendo um musical sobre ela – que já ouviu algumas canções. Com um sorriso suave, fica tímida ao falar das tantas honrarias que já recebeu ao longo da vida:
– O mais importante é a obra, não a gente.

A coluna mostra um pouco da intimidade da mulher que comanda o Theatro São Pedro desde 1975.

Receitas

A salada de cenoura com iogurte é garantia de sorrisos no domingo:
– Todos adoram – diz Eva Sopher, que também gosta de fazer e saborear molhos.
Outra receita aprovada por netos e bisnetos é o abacate batido com iogurte e açúcar mascavo, na sobremesa:
– Não uso creme de leite ou leite condensado, são essas coisas que engordam.
Prática, dona Eva congela o que sobra do almoço de domingo para comer durante a semana. E ensina:
– Cozinhar refresca e alimenta a mente.



Família

Idealmente, os almoços reúnem as filhas, Renata Rubim e Ruth Pereyron, os quatro netos e os seis bisnetos.

Mas é difícil estarem todos na cidade. Quando chegam, trazem os cachorros, vão para a piscina e batem papo:
– Minha família foi separada pelo nazismo. Quero que eles tenham esse conforto familiar.

Rotina

O trânsito afetou a rotina de Eva Sopher no Theatro São Pedro. Hoje, em dia de espetáculo, ela prefere ir mais tarde e ficar até a noite:
– Gosto de receber as pessoas, é um traço marcante estar lá para dar a entrada no público. Então, vou mais tarde, porque o trânsito está terrível. Como a cidade fica mais civilizada em janeiro e fevereiro, não é? – atesta quem viu Porto Alegre se transformar em meio século como cidadã honorária.
– Mas a senhora ainda dirige? – pergunto.
– Não preciso dirigir, o carro já vai sozinho – sorri dona Eva Sopher.

Fotos: Adriana Franciosi

Juliana Paes: musa até no frio

14 de fevereiro de 2013 0

Juliana Paes é a estrela da nova campanha da malharia Anselmi, que lança a 12ª edição da sua revista com as tendências e novidades para o inverno 2013. A inspiração é a brasilidade, com toques de luxo na coleção apresentada pela atriz.

O cenário do ensaio fotográfico é o palacete carioca Julieta de Serpa, construído em 1920, na Praia do Flamengo, e que hoje funciona como centro cultural.

Fotos: Gustavo Zylberztajn, divulgação

Ana Aita: kaftans originais

10 de fevereiro de 2013 0

A ideia surgiu em agosto do ano passado e se tornou sucesso no verão. Depois de muito procurar por kaftans que a agradassem, a psicóloga e artista plástica Ana Aita uniu arte e conforto e criou sua própria linha da peça de roupa. Ana, reconhecida por seu trabalho de esculturas em terracota e resina, só usa algodão puro e cria modelos pintando-os a mão, um por um.

Dos primeiros seis que fez para seu guarda-roupa, sobrou apenas um. As amigas queriam e encomendavam – e Ana transformou os kaftans em negócio que já se expandiu para outros Estados. O local de trabalho é uma das salas do apartamento em Porto Alegre, com a companhia do gato Fred e os palpites animados dos filhos, Carolina, 21 anos, e Arthur, 18.

O hobby que virou negócio também ganhou página no Facebook: www.facebook.com/LoveKaftans.

Fotos: Andréa Graiz

Pelotas: Anna Luiza di Cameli

07 de fevereiro de 2013 1

A produtora rural Anna Luiza Sampaio Quinto Di Cameli, filha de Antoninha Berchon Sampaio e tia da atriz Guilhermina Guinle, é a capa de março da revista We, fotografada na histórica Estância da Gruta.

A edição terá uma reportagem especial sobre Pelotas, assinada pelo jornalista Flávio Mansur.

O lançamento está marcado para 25 de março, no Country Club de Porto Alegre.

2013: coragem, superação e vida

26 de janeiro de 2013 0


O blog encerra hoje a série de imagens produzidas por fotógrafos gaúchos, revelando as expectativas de cada um para 2013. Nattan Carvalho escolheu uma foto que representa a coragem de se atirar na vida e encarar novos desafios.


Felix Zucco registrou a fotógrafa americana Amy Hildebrand, que é cega, enquanto ela clicava a Redenção, representando superação e sensibilidade.


E Leandro Selister fotografou as fontes do Circuito Mágico das Águas, em Lima, no Peru: “A ideia é pegar leve, aproveitar a vida, que é tão curta”.

Cindy Crawford estrela capa brasileira de revista internacional

24 de janeiro de 2013 1

Eterna top model, Cindy Crawford é a capa da Harper’s Bazaar brasileira de fevereiro. A bela, que completa 47 anos no mesmo mês em que a publicação chega às bancas, fez parte do primeiro grupo de supermodelos, na década de 1990, ao lado de Claudia Schiffer, Linda Evangelista, Naomi Campbell e Stephanie Seymour.
Cindy foi fotografada pelo japonês Nagi Sakai, com styling de Juan Cebrian, diretor de moda da Harper’s Bazaar espanhola, e Kristen Ingersoll, diretora de moda e entretenimento da Hearst Magazines International.

A edição brasileira, a única com a modelo na capa, traz as tendências do verão internacional e do inverno nacional.

Ricardo Felizzola: dedicação ao turfe

20 de janeiro de 2013 0

O engenheiro Ricardo Felizzola ocupa a vice- presidência do Jockey Club do Rio Grande do Sul há quatro gestões. A atribulada agenda empresarial não impede que ele dedique os sábados a seu hobby: cavalos.
Às quintas- feiras, também vai ao clube exercer funções na diretoria: – A atividade voltou a crescer com a transmissão das corridas pela internet e as apostas virtuais.

Felizzola viaja pelo mundo frequentando hipódromos – entre os quais o Longchamp, em Paris, que realiza o GP Arco do Triunfo em outubro:

– É a Fórmula 1 dos cavalos e atrai cerca de 80 mil pessoas para o Longchamp.

Já Hong Kong tem hoje o maior hipódromo do mundo – que chega a movimentar US$ 100 milhões por reunião ( conjunto de 10 páreos).  Nos Estados Unidos, esse valor é de US$ 10 milhões, em média, por reunião, e em Porto Alegre, US$ 300 mil.

Fotos: Andréa Graiz

2013: harmonia

14 de janeiro de 2013 0

Compaheirismo e harmonia.
Esses são os desejos da fotógrafa Andréa Graiz para 2013.
– Vivemos tempos de individualismo, e essa imagem transmite sentimentos de parceria e paz – justifica.
A foto faz parte da série produzida por fotógrafos gaúchos, a convite da coluna, revelando suas expectativas para o ano que começa.

2013: o olhar de Letícia Remião

10 de janeiro de 2013 0

Letícia Remião resumiu no clique da pequena correndo seus desejos para 2013: um ano de novos ares, movimento e muita esperança. A foto faz parte da série de instantâneos produzidos por fotógrafos gaúchos, a convite da coluna.
Nos primeiros dias de janeiro, eles revelam, em imagens, suas expectativas para o ano. Acompanhe.

Hildegard Angel: mulher de opinião

09 de janeiro de 2013 0

Hildegard Angel é destaque da nova edição da Revista Kur.

Na entrevista exclusiva, a filha da estilista Zuzu Angel e ex-colunista social dos jornais O Globo e Jornal do Brasil se define como uma pessoa com opinião:

– Sou aquela que pode não ter a melhor opinião, pode não ter a sua opinião, mas tem opinião.

Hilde também fala sobre sua trajetória profissional e sobre o Instituto Zuzu Angel, fundado por ela em 1993.