Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts de março 2015

Tatiana Filomeno assume presidência da AsBEA-SC

30 de março de 2015 0

 

_MG_5454_FOTO MARIANA BORO

Tatiana Filomeno (D) e a sócia Andréa Hermes Silva, na AT Arquitetura. Foto de Mariana Boro durante lançamento do anuário ArqSC, da qual a dupla participa e a AsBEA é apoiadora.

Pela primeira vez a Associação Brasileira dos Escritórios de Arquitetura, seção Santa Catarina (AsBEA/SC) terá uma presidente mulher. A arquiteta Tatiana Filomeno, formada pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) em 1998, assume no próximo dia 31 de março a presidência, em evento que marcará a posse da diretoria à frente da entidade até o fim de 2016. Será um happy hour para convidados na loja Bontempo, no centro de Florianópolis.

Especialista em arquitetura sustentável e bioclimática pela Unisul, a arquiteta faz parte da entidade desde 2011 e ocupava o cargo de vice-presidente Administrativo e Financeiro na gestão de Ricardo Fonseca, que terminou em 2014.  “Uma das propostas da nova gestão é investir na interiorização da AsBEA/SC, abrindo portas em outros municípios e ampliando as frentes de atuação”, diz Tatiana.

A primeira grande ação da nova diretoria será o road show ‘Bairros Industriais – Quais os benefícios sustentáveis, urbanísticos, sociais e econômicos para os municípios’, que ocorrerá no auditório da Sociesc, em Joinville, no norte do Estado, no dia 29 de abril.

Diretoria que toma posse no próximo dia 31 de março:

Presidente – Tatiana Filomeno, da AT Arquitetura

Vice-presidente de Comunicação e Cidadania – Eduard Wolfgang V. E. Nardi, da Nardi Ventura Arquitetos Associados

Vice-presidentes

Vice-presidente de Administrativo e Financeiro – Ana Luiza Trindade Trevisan, da Ana Trevisan Arquitetos Associados

Vice-presidente de Marketing e Eventos – Luiz Eduardo Dado de Andrade, da Arquidois Arquitetura e Interiores

Vice-presidente de Relações Institucionais – Henrique Pimont Berndt, da Pimont Arquitetura

 Suplentes

André Lima de Oliveira, do Studio Methafora

Luiz Fernando Zanoni, da AD Arquitetos Associados

 Conselho Deliberativo

Ricardo Martins da Fonseca, da Pinheiro e Serrano Fonseca Arquitetura

Giovani Bonetti, da MarchettiBonetti + Arquitetos Associados

Ronaldo Matos Martins, da EA + Studio Arquitetura

Conselho Fiscal

Juliana Castro, da Jardins e Afins Arquitetura Paisagística

Maria Lúcia Mendes Gobbi, da Gobbi Arquitetos Associados

 

Perfil da arquiteta:

Tatiana Filomeno, arquiteta e urbanista (UFSC) especialista em arquitetura sustentável e bioclimática (Unisul), nascida e criada em Florianópolis.

Principais hobbys:

Praticar stand up paddle e estar com os amigos e a família. Adora ler blogs e publicações sobre viagens, música e gastronomia. “Estou sempre em busca da próxima aventura!”

Livros de cabeceira:

Apaixonada pela França, Tatiana está sempre lendo algo relacionado ao assunto. No momento a obra de cabeceira é ‘E foram todos para Paris’, do jornalista Sérgio Augusto. É uma espécie de guia de viagem onde ele faz um mapeamento da Paris dos anos 1920 e marca os lugares frequentados por Hemingway, Fitzgerald, Pablo Picasso e outros nomes memoráveis. “De vez em quando dou uma olhadinha no ‘Bistrôs de Paris’, de Alex Herzog, que tem várias dicas de restaurantes na cidade, separados por bairros e com fotos. Esse não sai da cabeceira. Outro que considero clássico é ‘Menino do Pijama Listrado’, de John Boyne, sobre a amizade verdadeira, independente de qualquer rotulação e classificação” diz Tatiana.

Missão Casa 10 anos apresenta novidades no programa de hoje

30 de março de 2015 2

mc_esboco

Esta segunda-feira começa com muitas novidades em relação ao programa. O Missão Casa completa 10 anos em 2015 e damos início efetivo a nova temporada com uma linguagem muito mais limpa, leve e simples, valorizando elementos que considero muito importantes na história da arquitetura brasileira: os cobogós ou elementos vazados. Sim, eles foram a nossa referência e inspiração para a nova identidade visual do programa, muito bem desenvolvido pelo competente designer Tiago Kawata. As cores partiram de uma paleta que mistura tons do lima ao cobalto, passando pelo esmeralda e turquesa. O resultado é uma cor sóbria e elegante. Já a letra assumiu um caráter moderno e reto da Bauhaus.

A linguagem é uma área que me instiga e a partir dessa temporada propomos novos olhares para o cenário da cidade e das casas. O protagonista é o morador e o profissional que traduziu seu jeito de morar, tudo conduzido pelos atores principais de forma suave e leve, solta, com cenas de improviso e bastidores.

Tudo isso só foi possível com a equipe super afinada do programa: o olhar atento do cinegrafista Marcos Felipe e da editora Thalita Franzoni, ambos da Cyco Vídeo.

O programa inédito é toda segunda-feira, às 23h, na TVCOM (canal 36 da NET).

IMG_3139

Editora Thalita Franzoni e designer gráfico Tiago Kawata em reunião do Missão Casa.

CONTEÚDO

Para o primeiro programa com nova identidade iremos apresentar duas casas monolíticas projetadas pelo arquiteto Marcos Martins; o escritório butique da arquiteta Roberta Zimmermann Buffon; e o espaço cultural O Sítio.

IMG_3058

Com arquiteto Marcos Martins, que nos conta sobre as duas casas monolíticas, uma delas ganhou menção honrosa no 2º Prêmio de Arquitetura Catarinense. 

IMG_3127

Conversa com a curadora Kamilla Nunes no O Sítio, um lugar de encontro, na Lagoa da Conceição.

 

IMG_3119

Com o arquiteto Marcos Frugoli, em conversa sobre a obra no O Sitio.

 

IMG_3123

Também conversamos com a arquiteta Denise Le Maitresobre O Sitio.

IMG_3114

Com a arquiteta Roberta Zimmermann Buffon que nos apresenta o seu novo escritório butique.

 

Coleção Jader Almeida 2015: o refinamento da própria linguagem

24 de março de 2015 1
Ambiente da exposição Boas Novas 2015, de Jader Almeida, em São Paulo. No conjunto, os destaques da coleção: cadeira da linha CLAD e cristaleira da linha TIME. Foto de André Ligeiro.
Ambiente da exposição Boas Novas 2015, de Jader Almeida, em São Paulo. Ambiente da exposição Boas Novas 2015,
de Jader Almeida, em São Paulo. No conjunto, os destaques da coleção: cadeira da linha CLAD e cristaleira da linha TIME. Foto de André Ligeiro.

 

As águas de março trazem mais uma vez o lançamento da coleção 2015 da Sollos – essa é a 9ª edição que acontece em São Paulo. E a cadeira da linha CLAD já “nasce” para se tornar um clássico do design. A peça é a síntese do pensamento do autor, o arquiteto e designer Jader Almeida, que promove exposição Boas Novas 2015 até o dia 29 de março, em São Paulo (com agendamento). São 2 mil m² de área para mostrar produtos que carregam o DNA Jader Almeida: modelos de alta qualidade que não são simplesmente expressão de uma moda ou momento, mas podem se tornar um ‘clássico’, aos quais o tempo confirma sua validade e prestígio.

Avesso a rótulos, Jader Almeida reafirma, a cada coleção, a necessidade de criar uma mobília atemporal, pensada para se tornar longeva, e respeitando a proporção, o equilíbrio entre passado e presente, a memória afetiva e harmonia do conjunto independente do material utilizado. A preocupação é com a performance dos materiais e não sua nacionalidade, por isso o mix de tecidos e escolhas de diferentes origens. A linearidade também revela o pensamento do designer, que não acredita na inovação por si só, mas em novas abordagens e surpresas inseridas na linguagem das coleções já existentes. Processo que envolve elementos como tipologia, técnica, materiais, além do refinamento da própria linguagem. A poltrona DORA e ISLA ganham novas versões de sofá/namoradeira. A linha MATRIZ, que nasceu em 2008, vai para o quarto com o lançamento de uma cama.

São recorrentes em sua produção madeira, vidro, latão, cortiça, mármore, aço e o acrílico vem como a novidade deste ano na linha TIME, que transformou peças tradicionais como a cristaleira e o bar. As formas obedecem a uma única regra: o conforto do usuário a partir de uma leitura crítica e cotidiana sobre o modo de vida contemporâneo. Dois exemplos ilustram o pensamento: o espelho com suporte porta-treco e a cama com apoio e tomada para carregar dispositivos móveis. “O bom design pode estar em qualquer lugar”, afirmou ao acompanhar o grupo de Florianópolis que foi convidado pela ICON Interiores para visitar a exposição – ICON é o exclusivo showroom do designer localizado em Florianópolis. Durante a conversa, Jader  contou que o local escolhido – um galpão que estava fechado há 15 anos – é um invólucro fundamental para mostrar o produto. Foram 150 páginas de projeto para fazer a cenografia do espaço de 2.500 mil m² projetado pelo próprio arquiteto.

CLAD e TIME são dos destaques de 2015. A primeira traz peças com referências da Cyclad Art, com linhas orgânicas que aparecem em cadeiras e poltronas em madeira maciça. A segunda, são produzidas em metal, mármore, madeira e acrílico instigam pela transparência proporcionada pelo material aplicado.

Álvaro Siza – Outra novidade é o licenciamento para a produção de peças desenhadas pelo arquiteto português Álvaro Siza, Prêmio Pritzker de Arquitetura em 1992. As peças são produzidas pela Sollos em madeira Faia e  marca uma nova etapa da empresa, que pretende unir grandes nomes em seu portfólio para os próximos anos.

IMG_3299
Uma nova abordagem para uma peça clássica e tradicional: a cristaleira na versão aço, metal e acrílico.
Foto minha.

 

 

IMG_3270

Bar da coleção TIME.

IMG_3256

Peças desenhadas pelo arquiteto português Álvaro Siza licenciada para Sollos.

IMG_3247

Cadeira Star em latão e couro solo.

IMG_3251

Jader Almeida apresentando a coleção.

AND_6772

Foto de André Ligeiro.

IMG_3312

Cenário da mostra.

IMG_3291

Detalhe da cama com tomada para carregar celular e tablets.

IMG_3289

Espelho com cabide e porta-treco é resultado da observação do cotidiano.

IMG_3287

Quarto.

IMG_3279

Sutil cabideiro fixado no teto.

AND_6585
Uma praça central une os espaços e traz o respiro necessário aos cenários.Foto de André Ligeiro.
Abeu Junior, Luciana de Moraes, Jana Hoffmann, Jader Almeida e Simone Bobsin
Turma de Florianópolis recebida por Jader Almeida durante a abertura especial para a imprensa. Arquiteto Abreu Jr. (esquerda), jornalistas Luciana de Moares, Jana Hoffmann e Simone Bobsin.Foto de André Ligeiro.

 

 

 

"Canasvieiras, um laboratório para o Design Brasileiro”, de Ethel Leon, é lançado hoje na UDESC

17 de março de 2015 0

Imagem livro - divulgacao

O LBDI - Laboratório Brasileiro de Desenho Industrial – completa 30 anos em 2015, ganha exposição na Bienal Brasileira de Design Floripa e publicação que será lançada hoje, no Centro de Artes (Ceart) da Universidade do Estado de Santa Catarina (Udesc). “Canasvieiras, um laboratório para o Design Brasileiro”, da jornalista e pesquisadora Ethel Leon, resgata a história do Laboratório, pioneiro entre os laboratórios associados de desenho industrial do país.

O lançamento está marcado para as 19h no auditório da Udesc Ceart, com distribuição gratuita da publicação. Também será realizada a abertura de uma exposição que conta momentos da história do LDP/LBDI em Santa Catarina, por meio de projetos que foram desenvolvidos no laboratório – os projetos ficarão expostos até o dia 24 de março no hall do Bloco Amarelo da Udesc Ceart.

A publicação traz uma contextualização do cenário político e econômico das décadas de 70 e 80, com uma ampla visão do setor produtivo. Foram realizadas entrevistas com alguns profissionais que trabalharam no laboratório e levantados alguns projetos desenvolvidos na época. O livro faz parte de um projeto da Udesc intitulado “Resgate Histórico do Design no Estado de Santa Catarina: do LBDI aos dias de hoje”, coordenado pela professora Albertina Pereira de Medeiros, e contou com recursos da Fapesc.

Paralelamente ao desenvolvimento do livro, o projeto teve também como resultado uma pesquisa feita pela Udesc, sob coordenação da professora Albertina Medeiros, que procurou levantar o número e o perfil dos cursos de Design em Santa Catarina e identificar se o LBDI teve alguma influência no ensino de Design no Estado, uma vez que o laboratório tinha também como foco a capacitação de profissionais da área. O resultado da pesquisa também estará em exposição na Udesc Ceart após o lançamento da publicação.

 

LBDI

Localizado no bairro de Canasvieiras, em Florianópolis, o laboratório esteve ativo entre os anos de 1983 e 1997, sendo coordenado inicialmente pelo renomado designer alemão Gui Bonsiepe, e, posteriormente, pelos designers Eduardo Barroso e Marcelo de Resende.

“O Laboratório foi um centro importantíssimo de formação e também de coordenação da atividade do design no Brasil durante mais de uma década. Supriu a carência de cursos de formação para professores com pequena experiência projetual; promoveu encontros nacionais e internacionais e atendeu um grande número de empresas, sobretudo do Estado de Santa Catarina, mas também de outros lugares do país”, afirmou a autora Ethel Leon em entrevista para a Agitprop – Revista Brasileira de Design.

 

Feira de Arte e Design acontece a partir de hoje no O Sítio, na Lagoa da Conceição

13 de março de 2015 0

Novo desafio aceito: participar da Feira de Arte e Design no O Sitio Arte Educação Coworking, que acontece a partir de hoje, às 17h. Será minha primeira experiência atuando ao lado das galerias de arte da cidade e acredito que a primeira vez que o design é inserido com destaque em uma feira de arte. Obrigada Kamilla Nunes, curadora do espaço, e O Sitio pela oportunidade. A programação completa está no final desta post.

Minha participação esta sendo construída em conjunto com os queridos parceiros que convidei para abraçar comigo essa primeira experiência. Penso que expor é essencial para difundir a cultura do design, mas para compreender o que se vê, é preciso ser alfabetizado visualmente, como diz a jornalista Adélia Borges. Incluir o design na 1ª Feira de Arte e Design do O Sitio é despertar o olhar para produtos que estão no nosso dia a dia das pessoas.

O design está relacionado a sociedade, ao comportamento e busca, atualmente, conceitos como a valorização do artesanal na produção industrial, uma leitura do passado para olhar o futuro, a inclusão da nova revolução com o surgimento da tecnologia 3D. Hoje, o processo ganha importância assim como o produto e ressignifica valores atribuídos à criação contemporânea.

Para a feira foram selecionadas peças premiadas e que trazem um pensamento em seu processo de criação e produção e servem para que as pessoas percebam a complexidade e abrangência do design.

Barriguda03

Poltrona Barriguda - ganhadora de menção honrosa em 2004 pelo Museu da Casa Brasileira,  primeira peça a utilizar o processo de rotomoldagem. Criada pelo designer Célio Teodorico, professor Doutor do Departamento de Design da Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC), e do Programa de Pós Graduação em Design (PPG Design). Pesquisador, um dos fundadores do LBDI e designer premiado nacionalmente. É diretor da Paradesign.

PARADESIGN - LINHA ALBA 1

Banheira  – A quinta edição do Idea Brasil 2012, que vem se destacando como a premiação anual mais importante do design brasileiro, sob a coordenação de Joice Leal. O Estúdio Paradesign de Florianópolis foi o destaque da noite na cerimônia de premiação, dos três projetos enviados para o certame trouxe quatro premiações: Prata – Linha Alba de banheiras (estes produtos são comercializados pela empresa Sabbia de Tijucas – SC). O IDEA Brasil é a edição Nacional do Prêmio de Design dos Estados Unidos, O International Design Excellence Awards (IDEA), um dos mais respeitados do mundo que há mais de 30 anos premia empresas de todos os continentes. A equipe Paradesign é composta por: (Célio Teodorico, Felipe Cunha, Ricardo Antônio Álvares Silva, Altino Alexandre Cordeiro Neto e Ivor Braga).

 

ipsilon Produtos em conjunto

Ipsilon Design – os criativos da Ipsilon Design – Altino Cordeiro, Maurício Scoz e Andre Ramos, ficaram em segundo lugar, na categoria iluminação com a peça Charlie, e receberam menção honrosa com a cadeira Alpha, na 28ª edição do Prêmio Museu da Casa Brasileira. As peças são concebidas sob a premissa de ocupar o menor espaço possível para ser comercializada pela Internet e não exceder o tamanho limite estipulado para envio pelos Correios. Como resultado, produtos inovadores pelo processo construtivo e de montagem.  

 

coleção entomofagia 1

 o tropicalista

O artista plástico Marco Julio e o psiquiatra Marcelo Fialho são criativos inquietos que fundaram o estúdio o tropicalista em 2012 focado em design de superfície para decoração e moda. Amantes da natureza, do artesanato e da arte, levaram a paixão para o desenvolvimento de produtos que fazem a fusão da tradição com as novas tecnologias.  No portfólio da dupla consta  o 1º lugar na categoria Design de Superfície sobre Papel no Salão Internacional de Design de Superfície, promovido pelo Museu de Arte de Santa Maria.

 

Prancha de surfe, skates e balance board – união dos conceitos de artesania e tecnologia. A Siebert Woodcraft Surfboards nasceu em Florianópolis da vontade de manter vivo o surf clássico e simplesmente curtir com estilo. As pranchas de madeira trazem a atmosfera da década de 60, com design retrô e processo de fabricação sofisticado.

Linha old school de skates refinada – produto composto de uma tábua de madeira maciça sobre um cilindro resistente e emborrachado, cuja função é desenvolver o equilíbrio e o controle dos movimentos nos mais variados esportes com prancha. O material é impermeável e possui uma camada de lixa transparente em cima do shape que garante aderência e segurança ao praticante.

24

Felipe e Fábio Siebert

17

20

 

Banco Mocho – esta peça foi a primeira desenhada pelo arquiteto Sérgio Rodrigues, considerado o pai do móvel moderno brasileiro. É uma peça icônica, que completou 60 anos em setembro de 2014. Foi inspirada nos banquinhos de um pé usados para tirar leite. Até hoje é produzida com as mesmas características da original. A exclusividade da venda em Florianópolis é da ICON Interiores, showroom do designer Jader Almeida.

 

sergio rodrigues, banco mocho

 

 

 

A Feira de Arte e Design acontece de 13 a 15 de março.

sexta-feira, dia 13, às 17h
Sábado, dia 14, das 16h às 22h
Domingo, dia 15, das 16h às 20h

Bilheteria
R$ 5,00 [valor único]
A bilheteria fecha meia hora antes do encerramento do evento.
Crianças até 10 anos não pagam entrada. 

GALERIAS:  Myrine Vlavianos, Helena Fretta, COR Galeria, Casa Açoriana Artes & Tramóias, Atelier de moda Bagagem Studio,  Espaço Design - Curadoria de Simone Bobsin

Editoras
Corpo Editorial, Tempo Editorial. Per(ent)esis Editora, Letras Contemporâneas, Pedro Franz, Lucas Gehre, Love Love 6, Miríade Edições, Céu da Boca

PROGRAMAÇÃO PROSA NO SÍTIO
Organização Fernando Boppré e Kamilla Nunes.

SÁBADO, DIA 14 DE MARÇO

17h Design + Moda + Informação
Há vida inteligente no meio de tanta massificação? – Prosa no Sítio
Laura Pereira e Nanina Rosa. Mediação: Simone Bobsin. Duração: 45min

18h Lançamento da publicação “Jornal de Borda”
O Jornal tem concepção de Fernanda Grigolin e projeto gráfico de Lila Botter. A publicação contém textos de Ana Luiza Lima, Fabio Morais, Paula Borghi, O grupo Bancada, Felipe Russo, Galciani Neves, Lívia Aquino e Raquel Stolf. Nesta edição de lançamento, participam Carolina Krieger, Isadora Krieger e Walter Costa, com homenagem ao artista argentino Juan Carlos Romero.

19h Publicações de Arte – Prosa no Sítio
Pedro Franz, Lucas Gehre, Love Love 6, Regina Melim, Dennis Radunz e Raquel Stolf. Mediação: Vanessa Schultz. Duração: 45min

21h Como sobreviver de arte? – Prosa no Sítio
Juliana Hoffmann, Diego de Los Campos e Rodrigo Cunha. Mediação: Raquel Stolf e Jorge Menna Barreto. Duração: 45min

DOMINGO, DIA 15 DE MARÇO

17h – Galeristas e Mercado de Arte – Prosa no Sítio
Helena Fretta, Myrine Vlavianos, Janga e Marina Baldini. Mediação: Kamilla Nunes e Fernando Boppré. Duração: 45min

18h Lançamento da publicação “Arte Digital. Fraturas, preservação proliferativa e dimensão afetiva”.
Inter-relacionando afecção e tecnologia e injetando na lógica da máquina as relações afetivas e sociais, o livro organizado por Yara Guasque, com ilustração de Pedro Franz. Contém textos de Joasia Krysa, Enrique Rivera, Cicero Inacio da Silva e Jon Ippolito, convidados do V Simpósio da ABCiber (Florianópolis 2011).

19h – Colecionadores e coleções – Prosa no Sítio
Ylmar Corrêa, Marcelo Collaço Paulo, Marcelo Salum e Letícia Cardoso. Mediação: Fernando Boppré. Duração: 45min

Informações no site http://ositio.com.br/agenda-2/

ArqSC chega a 7ª edição refletindo a expressão e o pensamento de uma nova equipe

12 de março de 2015 0
_MG_5307_FOTO MARIANA BORO 1

Equipe do ArqSC: Clarice Mendonça de Oliveira, Aline Senger, Simone Bobsin e André de Oliveira. Foto Mariana Boro.

capa

O anuário ArqSC foi lançado esta semana e já está nas bancas e livrarias de Florianópolis. Em breve, também nas principais cidades do estado. Compartilho o editoral que escrevi sobre a publicação, que está na 7ª edição.

“Ser um ponto de referência e compartilhar ideais que merecem ser espalhadas. Essa é a proposta do anuário, que nasceu há 7 anos para divulgar e educar o olhar para a produção arquitetônica do estado.  Referência porque apresentamos projetos de escritórios de arquitetura que são reconhecidos em suas cidades. O ArqSC traz 46 projetos incríveis de interiores, arquitetura hospitalar, corporativa, além de intervenção urbana premiada e 3 obras de habitação popular que primam pela qualidade do desenho e soluções urbanas.

Essa edição está cheia de novidades.  O anuário ArqSC se reinventou a partir do próprio nome: a capa vem assinada pela artista plástica Celaine Refosco, do reconhecido Orbitato, e o projeto ganhou novo design gráfico e direção de arte com a equipe da Nuovo Design, que desenvolveu ilustrações para alguns dos artigos trends. Essa é outra mudança, a publicação de artigos assinados por pesquisadores, professores e historiadores sobre assuntos relacionados ao amplo campo das artes, arquitetura e comportamento.

Temos textos sobre economia criativa de Ana Carla Fonseca e Edna dos Santos Duisenberg, principais nomes da cena brasileira sobre o tema. Nossa homenagem aos 30 anos do Laboratório Brasileiro de Design Industrial vem por meio do artigo do professor e designer Célio Teodorico, profundo conhecedor da história que ajudou a construir. O LBDI foi um marco sem precedentes, com repercussão nos cenários nacional e internacional. Também homenageamos o arquiteto Vilanova Artigas, que completaria 100 anos de nascimento em 2015, com artigo da filha e historiadora Rosa Artigas; e o ícone do jornalismo de arquitetura no Brasil, Vicente Wissenbach.  E ainda uma entrevista com Charles Watson sobre processo criativo, que quebra mitos e sugere atitudes.

Seguiremos ampliando o conteúdo do anuário nas próximas edições, para que seja sempre fonte confiável de consulta, reflexão e divulgação da arquitetura de qualidade. Destacamos também o respaldo das instituições parceiras Asbea-SC e IAB-SC.

Em sua 7ª edição, o ArqSC chega refletindo a expressão e o pensamento de uma nova equipe, exercitando o que acreditamos. Boa leitura!”

 

 

Zuhause Kretzer inaugura com lançamento do anuário ArqSC e mostra de Alexandre Freire

10 de março de 2015 0

Para quem curte decorar a casa, abriu em Florianópolis a Zuhause, uma aposta dos proprietários da fábrica de planejados Kretzer no segmento de mobiliário solto de alto padrão. O amplo showroom tem quase de tudo: da mobilía para a casa, aos complementos e acessórios como tapetes, luminárias e peças decorativas. O bacana é que a loja pretende ir além da venda. Quer oferecer uma experiência que inclua o olhar para a arte e outras manifestações. Por isso, está aberta a parcerias para somar conteúdo e venda.

Para a inauguração que acontece hoje em evento fechado para convidados, abriu as portas para o lançamento do anuário ArqSC, publicação focada em projetos de escritórios de arquitetura. E trouxe ainda uma exposição de telas do arquiteto de formação que atua exclusivamente com arte, Alexandre Freire.

Fica a dica para os arquitetos, designers e público final para conhecer mais uma  opção de loja de decoração em Florianópolis. A Zuhause Kretzer fica na Beira-Mar Norte, 5012.

marca_sem fundo

editada baixa

Equipe do ArqSC: Aline, Clarice, Simone e André. Foto Mariana Boro.

 

Desejos de inverno

08 de março de 2015 0

Uma linha de modelos feitos exclusivamente em couros e texturas de edição limitada anuncia a estreia da coleção Desejos para o inverno 2015 da designer Laci Baruffi. Ao todo, são 18 combinações em tons terrosos mais abertos, cores pulsantes como o púrpura e o vermelho-sangue, alegres como o azul intenso e um verde iluminado, além do clássico preto e o marsala – que lembra um bordô bem fechado -, apontado pela Pantone como a cor do ano.

Tudo isso em texturas com boas surpresas no croco – uma identidade da marca -, no matelassê elegante e também em novos efeitos incríveis, que lembram acabamentos naturais. Mas tem ainda o vinil, inspirado nos anos 1970, em releituras que trazem o olhar bem autoral de Laci Baruffi.

A Laci Baruffi está no Shopping Beiramar, em Florianópolis, e também em Blumenau, Curitiba e Joinville. Além do e-commerce para o Brasil inteiro através do endereço www.lacibaruffi.com.br.

laci 1 laci 2 laci 3 laci

Revestimento permite customização da parede

06 de março de 2015 0

image002

Synapsis parece ter sido uma das sensações da ExpoRevestir, que termina hoje, em São Paulo.  Criado pela arquiteta Fernanda Marques com exclusividade para a Solarium, é um revestimento composto por duas peças, um losango e um pentágono que, de acordo com a montagem, formam diversas paginações diferentes, agregando movimento e sofisticação à parede. A arquiteta reforça com esse produto o aspecto de customização característico do seu trabalho. A linha apresenta três componentes básicos de concreto que podem ser combinados livremente no revestimento de superfícies. Em SC, a marca é vendida em lojas multimarcas especializadas em revestimentos.

 

Marsala interpretada em joias

06 de março de 2015 0
unnamed

Foto Fernando Willadino.

Marcada por um tom de vermelho terroso, a cor marsala é sofisticada e traz embutida uma elegância sóbria, mas imponente. Desde que foi eleita e apresentada pela Pantone – empresa que é sinônimo de um sistema de cores universal – entrou na cartela de todas as empresas que atuam no setor de design.

Na Personnalité Atelier de Joias a interpretação vem através da granada, rubi ou rubelita, gemas que podem ser compostos com ouro amarelo, branco ou rose, e também com outras pedras preciosas. Pelo caráter versátil, são muito bem aproveitadas em criações femininas e masculinas e harmonizam com todos os tons de pele. Na moda, o marsala é bem mais vinculado ao inverno, na joalheria, entretanto, não tem época.

A Personnalité Atelier de Joias tem showroom na Avenida Beira-mar Norte, 960, em Florianópolis (048/3024-5576), e também no Continente Shopping, em São José (048/3094-9078).