Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

O lifestyle do colecionador por Marcelo Salum na Mostra Black

08 de junho de 2015 0
_MG_9273-Editado (2)

Fotos Mariana Boro.

O arquiteto Marcelo Salum participa pela primeira vez da Mostra Black, em São Paulo, considerada uma das mais importante do país no segmento. É a primeira vez também que um arquiteto catarinense participa dessa exposição – a Casa Cor SP e a Mostra Artefacto já abrigaram nomes como do escritório Marchetti + Bonetti e Roberta Zimmermann Buffon.

_MG_9293-Editado (2)

Para a Mostra Black, Marcelo buscou um espaço atemporal em seu projeto, pensado para um colecionador de livros que quer viver e relaxar próximo às suas paixões. Para isso, buscou referências como uma viagem recente a Paris, o lifestyle do empresário Pedro Sirotsky e o clima proporcionado pelo lugar da Mostra Black, a OCA, no Parque Ibirapuera. O movimento art déco predomina e está presente nas formas geométricas adotadas no revestimento da parede, nos móveis e em objetos garimpados em antiquários paulistas. Os 60 m² da Sala do Colecionador abrigam obras de arte, peças de design, móveis de época e livros raros, imprimindo o estilo próprio do arquiteto. Vale ressaltar ainda que a lareira é um dos destaques e parece se mimetizar com a obra do artista Juliano Aguiar. Ambos têm a mesma largura e sobem até o teto, criando a impressão de que são um único elemento único. A lareira serviu como o eixo principal para a criação do restante dos ambientes.

_MG_9340 (2)

Marcelo fez uma seleção de obras para o espaço num mix de artistas contemporâneos: Janor Vasconcelos, Juliano Aguiar, Rubens Oestroem e Luiz Henrique Schwanke, todos catarinenses;  imagens documentais, em P&B, do fotógrafo Valdir Cruz, fotografias de André Lichtenberg, aquarelas de Nara Amélia e esculturas de Saint Clair Cemin.

_MG_9347 (2)

_MG_9341 (2) _MG_9319-Editado (2) _MG_9314-Editado (2) _MG_9309-Editado (2) _MG_9287-Editado (2)

 

 

 

Envie seu Comentário