Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts na categoria "Bienal Brasileira de Design 2015 Floripa"

Design em festa hoje

15 de outubro de 2015 0

bienal

 

O Centro Design Catarina anuncia hoje, dia 15, os vencedores do Prêmio D. Catarina, em cerimônia de premiação no auditório da Univali (SC-401). Ao todo, 37 produtos estão no páreo, em 11 categorias. O Prêmio D. Catarina é destinado a designers de produto comprovadamente domiciliados em Santa Catarina, embora o certame esteja aberto a empresas de todo o Brasil.

Criado em 2014 para estimular a competitividade da indústria catarinense, o prêmio D.Catarina é uma promoção conjunta do Centro Design Catarina, e da Associação Catarinense de Design (SCDesign).

Jurados

São parte do corpo de jurados do Prêmio, os designers e professores Freddy Van Camp (que preside o júri), João de Souza Leite e Marcus Dohmann, além do economista e curador de design Valdick Jatobá e do diretor de eventos e curador de arquitetura e design da Casa Cor SC Lucas Petrelli.

 

Bienal Brasileira de Design pra ver ou rever no Missão Casa

08 de julho de 2015 0

Pra ver ou rever o programa sobre a Bienal Brasileira de Design 2015 Floripa.

Ideias para o morar hoje no Missão Casa

06 de julho de 2015 0

O Missão Casa de hoje traz muitas ideias para a casa a partir de dois ambientes da Casa Cor SC selecionados pelo programa: um loft com espaços fluidos e referência na cidade de São Paulo, da arquiteta Juliana Pippi, e cozinha funcional que acolhe quem chega, dos arquitetos da PSF Arquitetura. Tem ainda entrevista com a designer de produtos Lourena Genovez, que nos conta um pouco da sua trajetória e da história dos pioneiros da decoração em Santa Catarina na exposição paralela a Bienal Brasileira de Design 2015 Floripa, Lourena Genovez: a história do design desde 1980. Vê se não vai perder. É as onze e meia da noite, na TVCOM.

pippi 8

Ambiente 5xSão Paulo com Deca. Foto de Marco Antonio.

pippi 5

Juliana Pippi. Foto Marco Antonio.

 

FOTO_PSF_SÓCIOS_LIO (438 x 600)

Mário Pinheiro, Dirlene Serrano e Ricardo Fonseca, da PSF Arquitetura. Foto de Lio Simas.

psf1

Ambiente Como queres que te sirva?, foto Lio Simas.

_DSC3815

Lourena Genovez, foto de Ronald Pimentel.

 

Coletivos Criativos da Bienal de Design promovem oficinas

03 de julho de 2015 0

geodésica

A partir de hoje acontecem várias atividades organizadas pelo Coletivos Criativos,  grupo formado especialmente para a Bienal para pensar intervenções no espaço urbano de Florianópolis, e que também dá nome a uma das exposições em cartaz no MIS (Museu da Imagem e do Som), no CIC.

As atividades – que se estenderão por dois fins de semana – são bem variadas e educativas. Uma Geodésica Cultural Itinerante irá oferecer oficinas voltadas para ensinamentos práticos: de culinária a como montar uma horta vertical em pneu; de agroflorestar quintais, fazer sementeiras em argila e fazer papel artesanal a arte dos malabares e de tocar orocongo. Festival de Pipa e Bazar de troca também fazem parte da programação.  As oficinas estão marcadas para começar nesta sexta, dia 3.

Outras duas oficinas acontecerão paralelamente à Geodésica. Promovidas pela JA8 Arquitetura e Paisagem, serão realizadas na caixa de ideias da mostra Coletivos Criativos, no MIS. Para o dia 3, às 14h, está marcada uma oficina criativa para crianças, com o objetivo de incentivar a reflexão sobre o uso dos espaços públicos na cidade. No sábado, 4, das 9h às 13h, acontece a Oficina Criativa para o projeto da Praça da Av. Madre Benvenuta, com apoio da AsBEA/SC (associação brasileira dos escritórios de arquitetura, departamento de SC). Um grupo de profissionais se reunirá para um brainstorm coletivo.

O Coletivos Criativos é formado por arquitetos, jornalistas, designers e artistas, com curadoria da designer Bianka Frisoni, da jornalista Simone Bobsin, da arquiteta Katia Veras, e da artista plástica Isabela Sielski.

 

Coletivos Criativos – Mostra integrada à Bienal Brasileira de Design 2015 Floripa

De 24 de maio a 12 de julho

Museu da Imagem e do Som – MIS, no Centro Integrado de Cultura

Avenida Governador Irineu Bornhausen, 5.600 – Agronômica, Florianópolis

Entrada Franca

Visitação:

Terça a sexta: das 10h às 18h

Sábados, domingos e feriados: das 10h às 16h

Site Bienal: www.bienalbrasileiradedesign.com.br

 

 

Tapetes com tecnologia digital são expostos na Bienal de Design

16 de junho de 2015 0

Tapetes assinados pelas designers Bia Lettiére e Márcia Bergmann para a Avanti foram escolhidos para a exposição Design para Todos, da Bienal Brasileira de Design que pode ser vista até o dia 12 de julho no Museu de Arte de Santa Catarina, no Centro Integrado de Cultura.

Os modelos Águeda e Manahá, representados com exclusividade pela loja Casa a Caso, apresentam o DNA da marca que faz a fusão entre o high e o low tech na área têxtil. Os tapetes foram projetados pensando na manutenção da temperatura interna do ambiente e no amortecimento no caso de quedas, além da absorção de ruídos, segundo a empresa. Para a empresária Wilma Maria, proprietária da loja, a escolha de peças das novas coleções Seychelles e Poesia entre 4 Linhas pelo curador Freddy Van Camp traduz a soma de investimentos em tecnologia de ponta e o esmero de artesãos experientes da marca que é líder no mercado no segmento sob encomenda.

O uso da tecnologia digital na elaboração de produtos têxteis destaca a Avanti no cenário nacional:   “A empresa tem um longo e reconhecido histórico de uso do design e de designers no seu corpo técnico e seus padrões refletem isso com desenhos inéditos somente possíveis de serem executados com tecnologias digital. Muito ao contrário de seus concorrentes diretos que copiam padrões estrangeiros de sucesso”, diz o Van Camp.

Após a bienal os  modelos da Avanti Tapetes estarão na loja Casa a Caso, no bairro Santa Mônica.

Tapete_Avanti_A_gueda_Casa_a_Caso_2 (1024 x 682)

A superfície do Águeda cria um diálogo contínuo entre passado e presente, revisitando momentos da história da azulejaria portuguesa.

Tapete_Avanti_Manaha__Casa_a_Caso_2 (512 x 341)

A natureza é uma fonte de inspiração inesgotável. O tapete Manahá foi inspirado no destino turístico formado por mais de 100 ilhas de paisagem paradisíaca – Seychelles, na costa africana, Oceano Índico.

Tapete_Manaha__pq (400 x 600)

Tapete_Avanti_A_gueda_Casa_a_Caso (512 x 341)

 

Design é tema da edição especial do Missão Casa nesta segunda

15 de junho de 2015 0
mont serrat 3

Instalação de equipamento urbano no Mont Serrat, resultado dos debates no grupo Coletivo Criativo, com criação do coletivo Design Possível.

 

O programa de hoje é tido sobre a Bienal Brasileira de Design 2015 Floripa, que acontece pela primeira vez na capital catarinense até o dia 12 de julho. O tour acontece no Centro Integrado de Cultura com os curadores-adjuntos da mostra Design Para Todos, os designers Célio Teodorico e Pedro Paulo Delpino, que está no Museu de Arte de Santa Catarina. Eles citaram algumas peças que representam um excelente design sob o ponto de vista do projeto. Veja ainda a exposição sobre tecnologia 3 D, que está na Sala Lindolf Bell, e a mostra Coletivos Criativos, no Museu da Imagem e do Som, da qual integro a curadoria coletiva com muita honra. Essa exposição é a única da Bienal que se relaciona diretamente com Florianópolis no sentido de  propor o debate sobre intervenções urbanas. A intenção foi deixar legados tangíveis como a instalação do Estar Urbano na rua Luiz Delfino, no centro, e em Jurere; os balanços Ninho Ovo em frente ao CIC, na Lagoa da Conceição e em Jurere; e o corrimão no Mont Serrat. Tudo isso poderá ser visto no MIS e nos locais citados.

É segunda, às 23h, na TVCOM.

IMG_4887 (600 x 450)

Célio Teodorico e Pedro Paulo Delpino em entrevista ao Missão Casa, no MASC.

IMG_4915

Estar Urbano implantado pelo Coletivo Criativo na rua Luiz Delfino, no centro de Florianópolis, com criação do coletivo Delfino 146.

Coletivos Creativos 04 Creditos Sandra Puente

Balanço Ninho Ovo instalado em frente ao CIC, co-criação Coletivo Criativo e Juliana Castro, que desenvolveu as peças e o projeto final. Foto Sandra Puente.

Coletivos Creativos 05 Creditos Sandra Puente

O banco Onda tem criação do coletivo Geodésica para a exposição Coletivos Criativos. Foto Sandra Puente.

BIENAL 2015. Estar urbano. Coletivos Criativos. Fotos Sandra Puente (4)

Eu, Abreu Jr. e Katia Véras inaugurando o parklet na rua Luiz Delfino. Penso que é o primeiro neste formato que recebeu autorização da prefeitura para ficar de forma permanente em Florianópolis. Um legado dos Coletivos Criativos com Delfino 146.

IMG_4901

Tampa de garrafa que vira brinquedo. Produto exposto no Design para Todos, no MASC.

IMG_4953

Modelos e anéis impressos em 3D para as vitrines das lojas do Antônio Bernardo. Exposto na sala Lindolfo Bell.

IMG_4879

Coleção One by One, da Melissa, premiada no IF Design Awards em 2014, é um exemplo de projeto bem resolvido. Nove modelos geram 81 combinações. Em exposição no MASC.

IMG_4486

Up em exposição no MASC foi desenhado por uma equipe 100% brasileira.

bel mooc-332_670

Peças da coleção Mooc, da arquiteta bel Lobo.

bel mooc-237_670

Coleção Mooc, da Bel Lobo para a Tok & Stok.

 

 

 

 

Semana de Design UDESC começa hoje

15 de junho de 2015 0

Projetos de Design associados a serviços, propostas que visam economia de água, projetos de sinalização, de utensílios para a gastronomia, editoriais e de Web Design. Estes são alguns dos temas dos projetos que serão apresentados na Semana Design Udesc, que ocorre entre os dias 15 e 19 de junho no Centro de Artes (Ceart) da Universidade do Estado de Santa Catarina (Udesc).

Organizada semestralmente pelo curso de Design da Udesc, a semana tem como objetivo apresentar à comunidade acadêmica e externa os projetos desenvolvidos em disciplinas dos cursos de Design Gráfico e Design Industrial, incluindo a exposição de modelos e protótipos. Durante o evento, também haverá apresentação de curtas de animação realizados na disciplina de Produção da Imagem e Movimento (PIMO) e de projetos de modelamento virtual desenvolvidos na disciplina de Computação Gráfica III. Ao longo da semana os alunos apresentarão seus projetos no auditório do bloco amarelo da Udesc Ceart, que serão expostos no hall do bloco central, com visita guiada por monitores nos períodos da manhã e da tarde.  

Palestra
Neste semestre, o evento integra a programação das ações paralelas da Bienal Brasileira de Design, que ocorre até 12 de julho em diversos locais de Florianópolis e pretende aguçar a percepção do público sobre a presença do design no dia-a-dia e promover a atividade como fator decisivo de competitividade para produtos e serviços no país.

A Semana Design Udesc promoverá na sexta-feira, 19, às 19h, a palestra “Uma leitura sobre a Bienal de Design 2015 e o Design no Brasil”, com o curador geral da Bienal 2015, Freddy Van Camp, e os curadores adjuntos Célio Teodorico e Pedro Paulo Delpino. Os designers são curadores da principal exposição do evento, “Design para todos – para uma vida melhor”, que pode ser visitada até o dia 12 de julho no Museu de Arte de Santa Catarina (Masc), localizado no Centro Integrado de Cultura (CIC), em Florianópolis. (Assessoria de Comunicação da Udesc Ceart).

O QUÊ:  Semana Design Udesc
QUANDO: De 15 a 19 de junho
ONDE: Auditório e hall do Centro de Artes da Udesc (Av. Madre Benvenuta, 1907, Florianópolis/SC)
QUANTO: Gratuito

Economia Criativa é o novo paradigma econômico

11 de junho de 2015 0
Crédito-Saulo-Tomé-2 (600 x 400)

Ana Carla Fonseca Reis irá falar sobre Economia Criativa na Pedra Branca. A economista tem artigo publicado no ArqSC, numa feliz parceria com o anuário. Foto Saulo Tomé.

Economia criativa é a bola da vez. Um assunto difícil de definir, e como diz a economista Ana Carla Fonseca Reis, “desde que surgiu, há pouco mais de 20 anos, já foi confundido com vários outros como economia solidária, colaborativa, economia da cultura. Nessa torre de Babel conceitual, o que se dilui é justamente o mais importante: a lógica que embasa o conceito de economia criativa como paradigma econômico para os tempos que vivemos”. Esse assunto tão instigante quando complexo será tema do Seminário Inovação e Sustentabilidade, na Pedra Branca, dia 11 de junho. A jornalista Natália Garcia, criadora do projeto Cidades para Pessoas, será outra palestrante no evento que integra a programação do Prêmio Personalidade de Vendas da ADVB/SC disputado por vários empresários catarinenses e vencido por Valério Gomes, presidente da Pedra Branca.

O seminário é gratuito e as inscrições podem ser feitas no site  www.advbsc.com.br

AS PALESTRANTES

Ana Carla Fonseca Reis é economista, mestre em administração, doutora em urbanismo (tese pioneira em cidades criativas) pela USP, e administradora pública pela FGV/SP, com MBA pela Fundação Dom Cabral. Liderou projetos globais em marketing e inovação para empresas multinacionais, com base na América Latina, em Milão e em Londres. Autora e editora de vários livros referenciais, dentre os quais Economia da Cultura e Desenvolvimento Sustentável (Prêmio Jabuti 2007 em economia, administração e negócios), Economia Criativa como Estratégia de Desenvolvimento (2008) e Cidades Criativas, Soluções Inventivas – o Papel da Copa, das Olimpíadas e dos Museus Internacionais (2010). Consultora e palestrante internacional em 22 países e em cinco línguas, é assessora especial para a ONU, professora convidada de MBA da FGV/SP, curadora de congressos internacionais, membro da Associação Internacional de Economia da Cultura e da Associação Internacional de Desenvolvimento Urbano. É Sócia-Diretora da Garimpo de Soluções – economia, cultura & desenvolvimento, empresa de consultoria em economia criativa e cidades criativas.

 

Natália Garcia é jornalista especializada em planejamento urbano e criadora do projeto Cidades para Pessoas, idealizado em 2010. Tem como principal ferramenta de trabalho uma bicicleta dobrável, a Dora. No ano de 2011, Natália Garcia partiu para a primeira viagem e percorreu sete cidades europeias (Amsterdam, Copenhague, Friburgo, Londres, Lyon, Paris e Estrasburgo), entrevistando urbanistas, gestores públicos e líderes de movimentos de engajamento cívico. De volta ao Brasil, ministrou mais de 20 palestras em cidades para disseminar as ideias apuradas pelo projeto.

 

SERVIÇO

O que – Prêmio Personalidade de vendas ADVB/SC 2015

Quando – 11 de junho de 2015

Onde – Passeio Pedra Branca, em Palhoça.

 

PROGRAMAÇÃO

10h30 – Recepção

11h – Fórum das Personalidades de Vendas ADVB/SC – “Perspectivas e Tendências do Mercado Brasileiro” (para convidados)

12h30 às 13h30 – Almoço e Premiação Personalidade de Vendas ADVB/SC 2015 (para convidados)

Local -  Costelaria Ponta d´Agulha – Passeio Pedra Branca

 

14h15 – Seminário Inovação e Sustentabilidade (aberto ao público, com inscrições pelo www.advbsc.com.br, limitadas a 250 lugares)

Local -  Praça Coberta do Passeio Pedra Branca

 

*Palestra Ana Carla Fonseca, especialista em economia criativa e urbanismo sustentável – “Cidades Criativas – de conceito charmoso a prática possível”.

 

*Palestra Natália Garcia, jornalista especializada em planejamento urbano – “Cidades para Pessoas”
16h – Encerramento

 

Bate-papo sobre indústria, design e gestão de marca na Infinita Surfaces

11 de junho de 2015 0
DSC05416

Mesa Fifities, design de Guilherme Torres para a Infinita, lançada na Mostra Casa & Cia em 2013. Foto minha.

A Infinita Surfaces, processadora premium DuPont™ Corian® , promove no dia 11 de junho, às 19h30, no showroom no Shopping Casa & Design, o bate-papo sobre “Indústria, Design e Gestão de marca”. E traz o case da empresa, com sua linha autoral e parceria firmada há dois anos com a Nos, plataforma comercial de design.

Participam da conversa o arquiteto e designer Guilherme Torres, o criativo da Infinita Surfaces Rodrigo Meinert, a diretora executiva da Infinita Surfaces Deise Meinert e a CEO da NOS, Larissa Jabur Vanzo. O evento faz parte da programação paralela da Bienal Brasileira de Design, que ocorre em Florianópolis até 12 de julho. O showroom também apresenta a exposição “A Geração Criativa do Corian®” com lançamento exclusivo de peças da marca, além dos produtos desenvolvidos juntamente com a Nos, com assinatura de Guilherme Torres e estúdio Fetiche. São 20 peças que ambientam o endereço que podem ser conferidas pelos visitantes.

 

SERVICO

O que: Exposição Geração Criativa do Corian®, aberta ao público, até 12 de julho

Bate-papo sobre “Indústria, Design e Gestão de marca”, dia 11 de junho, às 19h30, na Infinita Surfaces, Shopping Casa & Design, Fpolis.

Como os designers lidam com a mudança de comportamento e seus reflexos nos espaços? A resposta pode estar na exposição de design holandês

09 de junho de 2015 0
Design Holandês no Palácio do Povo.  BIENAL 2015. Crédito Sandra Puente (1)

Design Holandês no Palácio do Povo. Fotos de Sandra Puentes.

Design Holandês no Palácio do Povo.  BIENAL 2015. Crédito Sandra Puente (2)

A exposição “Design holandês no Palácio do Povo”, que integra a Bienal Brasileira de Design Floripa 2015, compartilha a experiência holandesa no design voltado para o uso diário.  Expostas no Palácio Cruz e Sousa, antiga residência dos governadores do estado de Santa Catarina, criações assinadas por designers consagrados e estreantes buscam o contraponto entre a casa tradicional, representada pela exposição permanente (que mostra como viviam os governadores) e a nova casa, epicentro de muitas mudanças que acompanham o novo modo de vida e de uso das residências, uma tendência mundial.

- A ideia é que a mostra funcione como um espelho que “traduza” a casa para o presente – explica Jorn Konijn, curador da mostra. – A ideia central é o uso da casa no dia a dia, e as transformações desse uso em tempos recentes.  As novas tecnologias – mas também a crise econômica – mudaram drasticamente a função da sala de estar – exemplifica. – Hoje em dia, uma casa pode se transformar facilmente em hotel (veja o “airbnb”) ou em escritório (para quem trabalha em casa).  Além disso, a planta das residências também vem mudando muito depressa. A tevê, por exemplo, não é mais a peça central da sala de estar; na verdade, não parece haver mais um foco central para esse cômodo. A separação histórica rigorosa entre sala, cozinha e quarto também parece estar desaparecendo – constata.

Segundo Konijn, o “Design holandês no Palácio do Povo” trata justamente dessas questões e dessas mudanças.  – Como os designers lidam com essas situações mutantes? Elas alteram o design desses profissionais? E os profissionais, oferecem novas ferramentas de suporte às mudanças? Até que ponto esse novo contexto mudou o trabalho deles? – questiona o curador, e acrescenta que, no atual contexto europeu, esse tema é extremamente relevante – Há numerosos exemplos históricos de arquitetos como Gerrit Rietveld ou Alison e Peter Smithson, que realizaram experimentos bastante aprofundados relativos à sala de estar em transformação.  Experimentos  assim vão acontecer também na mostra de design holandês da Bienal Brasileira de Design Floripa 2015 – antecipa.

 

Serviço

Design holandês no Palácio do Povo

Parte integrante da Bienal Brasileira de Design Floripa 2015

Rua Arcipreste Paiva – Centro, Florianópolis – Tel.(48) 3028-8091

Visitação: 17 de maio a 12 de julho de2015

De terça a sexta das 10h as 18h

Sábado, domingo e feriados das 10 as 16h.

Design Holandês no Palácio do Povo.  BIENAL 2015. Crédito Sandra Puente (3) Design Holandês no Palácio do Povo.  BIENAL 2015. Crédito Sandra Puente (5) Design Holandês no Palácio do Povo.  BIENAL 2015. Crédito Sandra Puente (9)