Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts com a tag "IAB-SC"

Evento no Teatro Álvaro de Carvalho comemora o Dia Nacional do Arquiteto

15 de dezembro de 2014 0

convite

Projeto premiado espelha árvores da praça na fachada

01 de setembro de 2014 0

hippo - Cópia

O projeto do supermercado Hippo, na Pedra Branca, é um dos assuntos do programa de hoje no Missão Casa, às 23h, na TVCOM. Em vidro, aço, parede verde para marcar a entrada e muito bem resolvido em seu layout interno, o projeto do escritório Bragaglia Arquitetura ganhou primeiro lugar no 2º Prêmio Arquitetura Catarinense. Ricardo Bragaglia, do escritório Bragaglia Arquitetura de Chapecó, fala sobre o projeto que procurou espelhar, nas colunas em aço da fachada, as árvores da praça,promovendo uma licença poética ao cenário do Passeio Pedra Branca.

 

foto (8)

 

Direitos autorais na arquitetura, um antigo debate

21 de agosto de 2014 0

Curso - Direitos autorais na arquitetura

Regulamentados pelo Conselho de Arquitetura e Urbanismo (CAU/BR) no fim de 2013, os direitos autorais no setor hoje são obras intelectualmente protegidas, contemplando projetos, obras e demais trabalhos técnicos. Para orientar os profissionais catarinenses neste tema, o Instituto de Arquitetos do Brasil no estado (IAB/SC) realiza no próximo dia 22 de agosto, entre 14h e 18h, na Unisul, centro de Florianópolis, curso que vai esclarecer as dúvidas para proteger os autores e suas ideias.

Ministrado pelo advogado Leandro Flores, autor do livro Arquitetura e Engenharia com Direitos Autorais e consultor do CAU/BR na regulamentação, o curso deve ajudar na valorização dos projetos como peças autorais, resultantes da capacitade técnica e criativa de cada arquiteto. “É  preciso que os profissionais tenham ciência de vários detalhes para não cometerem erros. Muitas vezes por desconhecimento podem violar obras de colegas e também perder direitos caso não se protejam”, afirma, lembrando um exemplo típico de apropriação. “Existem casos de arquitetos que, na ânsia de garantir um trabalho, apresentam projetos sem antes garantir meios para que não sejam copiados”. (texto Palavra Comunicação).

Atenção: dia 28 de julho encerram as inscrições para o concurso que irá revitalizar o Mercado Público de Lages

25 de julho de 2014 0

Mercado Público de Lages

Encerra no próximo dia 28 de julho o prazo para inscrições no concurso nacional que selecionará o melhor projeto para a adequação e requalificação do Mercado Público de Lages, na Serra Catarinense. Os interessados precisam procurar o site do Instituto de Arquitetos do Brasil – Santa Catarina (IAB-SC) e a entrega dos trabalhos deve ser feita até 15 de setembro.

A competição escolherá o projeto que apresentar melhor qualidade, atendendo às necessidades da comunidade e também preservando as características deste prédio da década de 1940, construído em estilo art déco. “Esta modalidade rende ótimos resultados e é uma forma democrática de valorizar nossos profissionais”, afirma Vania Burigo, presidente do IAB/SC no Estado. Para Jorge Raineski, secretário de Planejamento do município, “grandes projetos e obras no país e no exterior passaram por concurso para sua execução. A ideia é escolher o melhor”, explica.

A primeira banca do júri será constituída por cinco profissionais de arquitetura que selecionarão os três melhores projetos. Depois disso, os finalistas passarão pelo crivo de segunda banca representativa, formada por diversos segmentos da sociedade civil (entidades, associações e universidades de Lages). “Nossa meta é fazer com que os desejos da sociedade sejam atendidos. Estamos buscando a participação efetiva da população na escolha do projeto e acredito que iniciaremos uma nova história do Mercado Público”, diz Malek Ráu Dabbous, arquiteto e presidente do núcleo do IAB em Lages. (Palavra Comunicação).

2º Prêmio de Arquitetura Catarinense

07 de maio de 2014 0

Cobertura do 2º Prêmio de Arquitetura Catarinense, assista aqui!

No Missão Casa de hoje: resort atualizado, prêmio de arquitetura e checklist da construção

21 de abril de 2014 0
Arquiteta Carla Michel em entrevista ao Missão Casa no resort Ponta dos Ganchos.

Arquiteta Carla Michel em entrevista ao Missão Casa no resort Ponta dos Ganchos.

No Missão Casa de hoje, a partir das 21h30min, mostramos o projeto de atualização do resort Ponta dos Ganchos, em Governador Celso Ramos, na grande Florianópolis. A arquiteta Carla Michel substituiu bambus por outros materiais e deu um toque de cor às áreas comuns. Tem ainda prêmio aos melhores projetos arquitetônicos do estado pelas entidades representativas do segmento: AsBEA e IAB. E uma entrevista com o autor do livro “Como Construir sua Casa”, o empresário Vicenzo Berti, que é arquiteto de formação e decidiu compartilha sua experiência. Ele fez um checklist da construção para os leigos.

Segunda, dia 21, às 21h30min, na TVCOM.

VicenzoBerti_FotoGiselleMaestri (6)

Vicenzo Berti, foto de Giselle Maestri.

capa_comocontruirsuacasa

Editora Caminho de Dentro, o livro também está disponível em versão digital, acesse http://www.construirasuacasa.com.br/

 

Premiação ao arquitetos no Palácio Cruz e Sousa. Foto Mariana Boro.
Premiação ao arquitetos no Palácio Cruz e Sousa. Foto Mariana Boro.

 

Prêmio pela qualidade da arquitetura catarinense

06 de abril de 2014 0

O 2º Prêmio Arquitetura Catarinense – divulgado dia 21 de março,  no Palácio Cruz e Souza -, é o único que premia pelo mérito e qualidade profissional a partir de um júri qualificado. Desta forma, garante a qualidade do projeto acima de tudo e colabora para criar, junto à sociedade, uma cultura arquitetônica referencial.  “É um esforço da categoria de arquitetos de tentar organizar a arquitetura enquanto expressão de cultura de uma comunidade”, afirma o arquiteto Nelson Teixeira Netto, que já participou de premiações internacionais e pela primeira vez submete projetos do escritório à premiação estadual. 

Foram 60 trabalhos inscritos em 12 categorias, um número que deverá crescer na medida em que o prêmio se consolidar no estado.  O prêmio classificou 14 projetos, destes seis foram premiados e oito receberam menções honrosas.  Criciúma, Chapecó, Joinville, grande Florianópolis são cidades representadas por arquitetos que têm expressiva produção. O prêmio é recente e foi criado para valorizar a produção arquitetônica, urbanística e paisagística e ser referência no traçado da identidade da arquitetura local. Além disso, cria um legado para a sociedade e desperta o olhar para a produção. Trata-se de uma boa oportunidade para os profissionais participarem de um concurso que julga a qualidade do projeto.

O arquiteto José Angelo Mincache foi o coordenador da comissão julgadora, que contou com os arquitetos Ricardo Fonseca, presidente ASBEA/SC; Vânia Stepahn Marroni Burigo, presidente do IAB/SC; Thiago Borges Martins, diretor cultural do IAB/SC; e Dalton Vidotti, da Asbea Nacional.

Lançado no fim de 2013, o concurso compreendeu categorias como projetos comerciais, residenciais, corporativos, de interesse social, de interiores, serviços públicos ou privados, paisagismo, edifícios ou conjuntos residenciais multifamiliares, restauro e conservação de sítios históricos. 

Esta edição teve apoio do Instituto dos Arquitetos do Brasil, regional Santa Catarina, e patrocínios da Portobello, Santa Rita e do Conselho de Arquitetura e Urbanismo de Santa Catarina.

Premiados

Categoria Residências – Jobim Carlevaro Rotolo Arquitetos – Casa WN

Casa WN - Cópia

Categoria Edifício e/ou Conjuntos Residenciais Multifamiliares - Jobim Carlevaro Rotolo Arquitetos – Residencial Le Vert

Edifício Levert - Cópia

Categoria Edifícios Comerciais - Bragaglia Arquitetura – Hippo Pedra Branca

hippo - Cópia

Categoria Edifícios de Serviços Públicos ou Privados - Studio Methafora – WK Imóveis

WK Imoveis - Cópia

Categoria Arquitetura de Interiores - Borges e Robles Arquitetura – Panificadora da Vila

panificadora_vila_ok - Cópia

Categoria Projetos de Restauro e Conservação de Edificações e Sítios Históricos - Prospectiva Arquitetura, Restauro e Consultoria – Restaurante e Bistrô Delícias Portuguesas

trabalho 47 - Prospectiva - Cópia

Categoria Arquitetura Paisagística - Jardins e Afins Arquitetura Paisagística – Passeio Pedra Branca

passeio pedra branca - Cópia

 

Menções Honrosas: 

Categoria Residências -

Nelson Teixeira Netto Arquitetura e Urbanismo – residência

Marcos Antônio Martins – Casa das Paineiras

Norberto Zaniboni – Residência JP – Farol de Santa Marta

Ruschel Arquitetura – Residência MR

 

Categoria Edifícios e/ou Conjuntos Residenciais Multifamiliares

Nelson Teixeira Netto Arquitetura e Urbanismo – Pátio das Flores Pedra Branca

 

Categoria Edifícios Comerciais

M2 Arquitetura – O Melhor Suco do Mundo – Joinville

 

Categoria Edifícios Institucionais Públicos ou Privados

Idein Ideia + Desenvolvimento – Laboratório Médico Santa Luzia

 

Categoria Edifícios de Serviços Públicos ou Privados

Marilia Ruschel, Cristina Piazza e Maria Lucia Mendes Gobbi – Sede Sinducon Florianópolis

 

Categoria Arquitetura Corporativa

M2 Arquitetura – Franke Joinville

 

Categoria Arquitetura de Interiores

AT Arquitetura – Apartamento LG

 

Categoria Projetos de Restauro e Conservação de Edificações e Sítios Históricos

Beatriz Kubelka Fernandes – Café do Museu – MESC

Arquiteto Cássio Orlandi Sauer vence concurso para Revitalização do Centro Histórico de São José

26 de março de 2014 0

Imagem 02 - projeto Centro histórico

O  arquiteto Cássio Orlandi Sauer, de Porto Alegre, foi o vencedor do  concurso de Revitalização do Centro Histórico de São José, em solenidade realizada no hall da Prefeitura de São José esta semana. Os projetos arquitetônicos dos quatros finalistas – vencedor, segundo e terceiro lugar e menção honrosa – ficam expostos ao público até o dia 4 de abril. O concurso, de alcance nacional, foi realizado pelo Instituto de Arquitetos do Brasil (IAB/SC), em parceria com a Prefeitura de São José. O primeiro colocado receberá R$ 40 mil; o segundo R$ 20 mil; e terceiro colocado R$10 mil. Os recursos serão repassados aos vencedores diretamente pelo IAB/SC. 

O responsável técnico pela equipe do projeto vencedor é Cássio Orlandi Sauer, de Porto Alegre. Em segundo lugar, ficou o projeto do responsável técnico Josiane Carolina Viana, de São Paulo. O terceiro lugar ficou com o projeto do responsável técnico João Serraglio, de Florianóplis, e ainda foi entregue a menção honrosa para o projeto assinado por Arthur Eduardo Becker Lins, também de Florianópolis.

O projeto é o primeiro passo para a efetiva recuperação e reurbanização do Centro Histórico de São José segundo a superintendente da Fundação Municipal de Cultura e Turismo, Elenita Gerlach Koerich. Para o coordenador estadual de concursos do IAB, Sérgio Oliva, é um avanço importante a realização, pela primeira vez, de um concurso desta amplitude em São José.  A coordenadora do concurso público nacional pelo IAB/SC, Sônia Suzete Roese, explica que os projetos tiveram um processo diferenciado de julgamento, que é uma prática no IAB-SC, onde foram submetidos a uma avaliação técnica com um júri composto pelos arquitetos e urbanistas Ademar José Cassol, Betina Adams, Humberto Tadeu Hickel, Irã Taborda Dudeque e Louise Caroline Stulzer Riedtmann Levy.

O próximo passo depois do projeto arquitetônico em mãos, será a elaboração do projeto executivo para lançar a licitação da obra. Como a revitalização representa uma grande intervenção, as obras devem ser realizadas em partes. A primeira etapa contempla a construção do Parque Cultural do Beco da Carioca.

Os participantes do Concurso deviam apresentar soluções e ideias para intervenções de sinalização, mobiliário urbano, pavimentação e equipamentos que voltem o convívio da comunidade com o mar, como espaço histórico de base luso-açoriano, a retomada do mercado público e outros pontos históricos. As intervenções devem ocorrer no trecho compreendido entre a Praia Comprida e o acesso a Ponta de Baixo, com foco no núcleo central e arredores da Praça Hercílio Luz e Igreja Matriz.

 

Vencedores do 2º Prêmio Arquitetura Catarinense serão revelados em solenidade no Palácio Cruz e Sousa

20 de março de 2014 0

asbea iab

O Palácio Cruz e Sousa, em Florianópolis, será palco nesta sexta, dia 21, para o anúncio dos vencedores do 2º Prêmio Arquitetura Catarinense. Disputam 60 trabalhos inscritos, em 12 categorias. O evento inicia às 19h.

O concurso compreende categorias como projetos comerciais, residenciais, corporativos, de interesse social, de interiores, serviços públicos ou privados, paisagismo, restauro e conservação de sítios históricos. A edição consolida a iniciativa, que obteve sucesso em sua primeira edição, em setembro de 2011. A realização é da AsBEA/SC e do IAB/SC, com patrocínio do CAU/SC e Portobello.

“Criamos o prêmio com o compromisso de estabelecer um marco cultural, um legado para as gerações de estudantes de arquitetura e urbanismo, e criar novas referências inovadoras e sustentáveis”, afirma Ricardo Fonseca, presidente da AsBEA/SC. Henrique Pimont, vice-presidente da AsBEA/SC, reforça a importância do prêmio, lembrando que os 109 inscritos na primeira edição formaram um acervo extremamente representativo da produção de arquitetura catarinense. Já os 19 premiados na época estão em exposição itinerante em instituições de ensino superior, disponibilizando aos acadêmicos rico material para discussão dos rumos do segmento.

O IAB e os arquitetos acreditam que a arquitetura pode e deve contribuir para nossa cultura, nossas cidades e o bem estar das pessoas. Mais do que uma distinção aos melhores projetos de cada categoria, o Prêmio de Arquitetura Catarinense tem o papel essencial de divulgar a excelência da produção profissional dos arquitetos e urbanistas associados à ASBEA e ao IAB. As obras premiadas devem servir de referência à sociedade e aos arquitetos catarinenses em geral, como exemplos de soluções desejáveis, criativas, que aliam inovação e sustentabilidade, valores fundamentais para a arquitetura e urbanismo”, defende a presidente do Instituto de Arquitetos do Brasil/Departamento Santa Catarina (IAB/SC), Vania Stephan Marroni Búrigo.

Definido júri técnico para avaliar trabalhos do Concurso de Requalificação do Centro Histórico de São José

20 de março de 2014 0

Já está definida a comissão julgadora responsável pela avaliação dos 40 trabalhos inscritos no Concurso Público Nacional de Requalificação Urbanística do Centro Histórico de São José (SC). O júri técnico é formado pelos arquitetos e urbanistas Ademar José Cassol, Betina Adams, Humberto Tadeu Hickel, Irã Taborda Dudeque e Louise Caroline Stulzer Riedtmann Levy.
A etapa de julgamento prevê avaliação dos trabalhos inscritos no período de 20 a 22 de março. A segunda fase do julgamento do júri representativo acontece em 22 de março. A revelação do projeto vencedor está confirmada para 25 de março, com exposição dos trabalhos no hall de entrada da Prefeitura de São José, local do evento.

Sobre Concurso Público: O IAB/DC e a Prefeitura Municipal de São José, através da Fundação Municipal de Cultura e Turismo de São José, lançaram – em dezembro de 2013 – o edital para o Concurso Público Nacional para Requalificação Urbanística do Centro Histórico de São José.  O objetivo é selecionar o melhor projeto de estudo preliminar de arquitetura para a área considerada patrimônio histórico do município. (Texto de Luciana de Moraes).
Júri Técnico:
ADEMAR JOSÉ CASSOL - Arquiteto formado na URGS (1964). Trabalhou no DEA da UFSC de 1966 a 1973, tendo lecionado desenho no curso de Engenharia da UFSC em 1971/2. Foi conselheiro do CREA-SC e na COHAB-SC. Foi sócio no escritório de projetos Liz Cassol Monteiro Arquitetos Asssociados até 1980 quando passou a dirigir o setor de engenharia da empresa familiar Cassol Pré-fabricados Ltda. Atualmente faz parceria com Arq. Carmem  Seara Cassol na Cassol Arquitetos Ltda.
BETINA ADAMS - Arquiteta e Urbanista na Universidade Santa Ursula/RJ (1977), com especialização pelo IBAM/RJ no Curso de Metodologia e Projetos de Desenvolvimento Municipal e Urbano (1980). Mestre em Geografia na Área de Concentração Desenvolvimento Regional e Urbano pela UFSC (2001). Reside em Florianópolis. Desde 1977 atua junto ao IPUF- Instituto de Planejamento Urbano de Florianópolis, no Serviço do Patrimônio Histórico Artístico e Natural do Município. Na área institucional foi membro do Conselho Superior do IAB/SC durante 3 gestões e do ICOMOS -  Internacional Council on Monuments and Sites. Possui publicações na área e preservação urbana e patrimônio histórico.

 HUMBERTO TADEU HICKEL - Arquiteto e Urbanista, formado pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos  - UNISINOS (1981), com especialização em Desenho Urbano pela UFRGS – (1986), mestre em planejamento Urbano e Regional pela UFRGS – (2003). Reside em Porto Alegre RS. Aposentado como arquiteto da Secretaria de Planejamento da Prefeitura de Porto Alegre onde atuou por 32 anos, foi professor de urbanismo e paisagismo na UNIRITTER (2000 a 2010), hoje atua como profissional autônomo. Na área institucional foi Vice Presidente IAB/RS por duas gestões e é membro do Conselho Estadual do IAB/RS.

 IRÃ TABORDA DUDEQUE-  Arquiteto e Urbanista graduado pela PUC PR (1994), graduado em História pela UFPR (1992), Mestre e Doutor em Arquitetura (FAUUSP). Professor do Curso de Arquitetura e Urbanismo da Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR). Na área institucional é Vice Presidente da Direção Nacional do IAB (gestão 2012-2014) e Presidente do IAB-PR (gestão 2014-2017). Autor dos livros “Espirais de Madeira: uma história da Arquitetura de Curitiba” (São Paulo: StudioNobel, 2001) e ”Nenhum dia sem uma linha: uma história do Urbanismo em Curitiba” (São Paulo: StudioNobel, 2010). É ainda articulista da revista AU - Editora Pini.

 LOUISE CAROLINE STULZER RIEDTMANN LEVY - Arquiteta e Urbanista formada pela UFSC (2005), Pós graduada em Projeto e Planejamento da Paisagem pela UniSul (2009). Reside em Florianópolis. Atua há 9 anos na área de arquitetura de exteriores e paisagismo na empresa Harmonia Verde Paisagismo e Arquitetura de Exteriores. Na área institucional em 2011 ajudou a fundar a ABAP em SC.

(Texto de Luciana de Moraes).