Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Posts com a tag "Pedra Branca"

Agenda SC: MOSQ - Feira de Artes Visuais acontece na Pedra Branca

26 de novembro de 2015 0

A Fundação Hassis em conjunto com as promotoras culturais Denise Becker, Vania Rossi e Leilah Corrêa Vieira, está organizando a MOSQ – Feira de Artes Visuais, que irá acontecer no Passeio Pedra Branca, em Palhoça, de 27 a 29 de novembro. Mais de 500 obras de novos e consagrados artistas serão apresentadas ao público e estarão disponíveis para venda em diferentes linguagens como pinturas, gravuras, desenhos, fotografias, esculturas e xilogravuras. Destaque para obras de Elias Andrade, Rodrigo de Haro, Digo Tertchitsch, Glaucia Olinger, Juliana Hoffman, Leandro Serpa, Roberta Tassinari, Vera Sabino, Claudia Cárdenas, Lauro Maeda, Ingrid Thaler, Ilca Barcelos, entre outros. A MOSQ chega com propósito único de democratizar a arte, tornando-a acessível à contemplação e comercialização.

A MOSQ acontece em uma estrutura montada especialmente para a Feira, em uma área de 180m², e tem entrada entrada gratuita, das 10 às 22 horas. A Comissão Curatorial da MOSQ é integrada por Denise Becker, Leilah Corrêa Vieira, Denilson Cristiano Antônio e Fifo Lima (organizador da Feira de Artes de Florianópolis).

Informações, acesse: http://www.mosq.com.br/

mosqconvite

"Dar voz ao cidadão para que ele exerça sua cidadania", Ana Carla Fonseca

14 de junho de 2015 0
cainha 2

Ana Carla Fonseca Reis em palestra na Pedra Branca. Fotos de Renato Gama e Luciano Nunes.

O Seminário Sustentabilidade e Inovação foi o ponto alto no evento que entregou o Prêmio Personalidade de Vendas da Associação dos Dirigentes de Vendas e Marketing de Santa Catarina (ADVB/SC)ao empresário Valério Gomes, criador do bairro sustentável Cidade Criativa Pedra Branca.

valerio

Empresário Valério Gomes.

A plateia acompanhou as palestras da doutora em urbanismo, Ana Carla Fonseca Reis, e da jornalista Natália Garcia, criadora do projeto ‘Cidades para Pessoas’.  As especialistas falaram um pouco sobre o conceito e a construção de ‘cidades criativas’. Segundo elas, estas cidades devem somar espaços de qualidade para propiciar maior convivência entre as pessoas, com diferenciais culturais e um ambiente de inovação.

Segundo Ana Carla, as inovações podem vir das novas governanças urbanas e da inteligência coletiva. “Todos podem ajudar a melhorar a cidade. É dar voz ao cidadão para que ele exerça de fato sua cidadania, com ideias de quem está ali vivendo o dia a dia daquele espaço”, explicou. Para Natália, quem pode ‘construir’ uma boa cidade para se viver são as pessoas que vivem ali. “Às vezes temos um super projeto, mas que não se adequa ao uso de quem está naquele espaço. As cidades podem ser pensadas como um hardware, um computador em que vamos colocando os softwares, os programas ou aplicativos que desejamos, ou seja, vamos criando soluções variadas para melhorar o uso”, comparou.

natalia 1

Natália Garcia.

O Missão Casa esteve presente no evento  para entrevistar a economista Ana Carla, que foi parceira do anuário ArqSC onde tem artigo publicado sobre cidades criativas. Fica a dica para a leitura do primeiro livro organizado por Ana em torno do assunto no mundo, é só baixar no site http://garimpodesolucoes.com.br/

cainha 1

Ana Carla Fonseca fotografa com o anuário ArqSC.

cainha

Livro disponível para download.

Economia Criativa é o novo paradigma econômico

11 de junho de 2015 0
Crédito-Saulo-Tomé-2 (600 x 400)

Ana Carla Fonseca Reis irá falar sobre Economia Criativa na Pedra Branca. A economista tem artigo publicado no ArqSC, numa feliz parceria com o anuário. Foto Saulo Tomé.

Economia criativa é a bola da vez. Um assunto difícil de definir, e como diz a economista Ana Carla Fonseca Reis, “desde que surgiu, há pouco mais de 20 anos, já foi confundido com vários outros como economia solidária, colaborativa, economia da cultura. Nessa torre de Babel conceitual, o que se dilui é justamente o mais importante: a lógica que embasa o conceito de economia criativa como paradigma econômico para os tempos que vivemos”. Esse assunto tão instigante quando complexo será tema do Seminário Inovação e Sustentabilidade, na Pedra Branca, dia 11 de junho. A jornalista Natália Garcia, criadora do projeto Cidades para Pessoas, será outra palestrante no evento que integra a programação do Prêmio Personalidade de Vendas da ADVB/SC disputado por vários empresários catarinenses e vencido por Valério Gomes, presidente da Pedra Branca.

O seminário é gratuito e as inscrições podem ser feitas no site  www.advbsc.com.br

AS PALESTRANTES

Ana Carla Fonseca Reis é economista, mestre em administração, doutora em urbanismo (tese pioneira em cidades criativas) pela USP, e administradora pública pela FGV/SP, com MBA pela Fundação Dom Cabral. Liderou projetos globais em marketing e inovação para empresas multinacionais, com base na América Latina, em Milão e em Londres. Autora e editora de vários livros referenciais, dentre os quais Economia da Cultura e Desenvolvimento Sustentável (Prêmio Jabuti 2007 em economia, administração e negócios), Economia Criativa como Estratégia de Desenvolvimento (2008) e Cidades Criativas, Soluções Inventivas – o Papel da Copa, das Olimpíadas e dos Museus Internacionais (2010). Consultora e palestrante internacional em 22 países e em cinco línguas, é assessora especial para a ONU, professora convidada de MBA da FGV/SP, curadora de congressos internacionais, membro da Associação Internacional de Economia da Cultura e da Associação Internacional de Desenvolvimento Urbano. É Sócia-Diretora da Garimpo de Soluções – economia, cultura & desenvolvimento, empresa de consultoria em economia criativa e cidades criativas.

 

Natália Garcia é jornalista especializada em planejamento urbano e criadora do projeto Cidades para Pessoas, idealizado em 2010. Tem como principal ferramenta de trabalho uma bicicleta dobrável, a Dora. No ano de 2011, Natália Garcia partiu para a primeira viagem e percorreu sete cidades europeias (Amsterdam, Copenhague, Friburgo, Londres, Lyon, Paris e Estrasburgo), entrevistando urbanistas, gestores públicos e líderes de movimentos de engajamento cívico. De volta ao Brasil, ministrou mais de 20 palestras em cidades para disseminar as ideias apuradas pelo projeto.

 

SERVIÇO

O que – Prêmio Personalidade de vendas ADVB/SC 2015

Quando – 11 de junho de 2015

Onde – Passeio Pedra Branca, em Palhoça.

 

PROGRAMAÇÃO

10h30 – Recepção

11h – Fórum das Personalidades de Vendas ADVB/SC – “Perspectivas e Tendências do Mercado Brasileiro” (para convidados)

12h30 às 13h30 – Almoço e Premiação Personalidade de Vendas ADVB/SC 2015 (para convidados)

Local -  Costelaria Ponta d´Agulha – Passeio Pedra Branca

 

14h15 – Seminário Inovação e Sustentabilidade (aberto ao público, com inscrições pelo www.advbsc.com.br, limitadas a 250 lugares)

Local -  Praça Coberta do Passeio Pedra Branca

 

*Palestra Ana Carla Fonseca, especialista em economia criativa e urbanismo sustentável – “Cidades Criativas – de conceito charmoso a prática possível”.

 

*Palestra Natália Garcia, jornalista especializada em planejamento urbano – “Cidades para Pessoas”
16h – Encerramento

 

Marchetti Bonetti assina dois ambiente na Mostra Casa & Cia

20 de outubro de 2014 0

O escritório MarchettiBonetti+, dos sócios Taís Marchetti Bonetti e Giovani Bonetti, está com dois ambientes na Mostra Casa & Cia 2014: o Espaço Hus, um apartamento de dois quartos com planta versátil, em que um dos quartos se integra à sala, possibilitando diversos usos, e a Casa Pedra Branca, uma townhouse ou apartamento-jardim, conceito de residência comum em outros países, de apartamentos térreos com varandas.

Hus significa casa em dinamarquês e para esse espaço a dupla apostou nas portas divisórias de ambiente, que permitem a integração de um dos quartos com a sala. A alternativa na planta torna o espaço versátil, podendo ser moldado de acordo com a necessidade do momento.

IMG_5798

Apartamento HUS. Todas as fotos são da Rô Reitz.

IMG_5802

Outra tendência são os revestimentos em grande formato, como os presentes nos banheiros do apartamento. Esse tipo de porcelanato está cada vez mais em alta, e é destaque em feiras mundiais como a Cersaie, de revestimentos cerâmicos e louças sanitárias, em Bolonha, na Itália.

IMG_5810

As nuances acinzentadas e creme e os tons médios de madeira se firmam como opções de cores neutras para ambientes. Entre o mobiliário, peças dos arquitetos -designers Jader Almeida e Sérgio Rodrigues são destaque, assim como a estante leve e fluida que reveste uma das paredes.

Casa Pedra Branca

IMG_8642

Apartamento jardim, fotos Rô Reitz.

Cores vivas e muita criatividade são os partidos para a Casa Pedra Branca, ambiente conceitual da mostra.  Tons de amarelo, verde e vermelho estão presentes nas paredes, nos painéis grafitados pelos artistas Ishbel, Marcelo Barnero e Pedro Drim, vetorizado pela Over Digital e plotado pela Visual Decor, e nos móveis com forte identidade. Neste espaço o escritório Marchetti Bonetti fez parceria com a produtora de eventos Lica Paludo.

IMG_8654

Atenção: a Mostra Casa & Cia acontece até 26 de outubro em dois locais: na Primavera Garden Center, na SC 401, e no Passeio Pedra Branca, na Cidade Pedra Branca, em Palhoça.

IMG_8686 IMG_8667 IMG_8617

Chef's de Rua, em Palhoça, tem inspiração no Butantã Food Park

13 de setembro de 2014 0

Sou fã assumida do projeto da Pedra Branca, que acompanho há vários anos. E são ações como esta de hoje – Chef”s de Rua – que conferem ao bairro a dinâmica de uma cidade criativa, com conceitos que unem lazer, cultura, convívio. Deixo aqui o convite para curtir o parque de alimentação a céu aberto promovido hoje, dia 13, no Passeio Pedra Branca, na rua compartilhada, a partir das 11h.

O objetivo é ser um espaço aberto para os amantes da boa gastronomia com 10 barracas de chefs e produtos que representam a diversidade da cozinha de Palhoça e região.

O evento, criado pelo Núcleo de Gastronomia da Associação Empresarial de Palhoça (ACIP) e apoiado pela Pedra Branca, buscou inspiração no Butantã Food Park, que foi criado este ano em São Paulo. Trata-se de um espaço de alimentação a céu aberto, com barracas, food trucks, trailers e outros veículos que vendem comida sobre rodas.

Funcionando das 11h às 18h, o Chef’s de Rua será um espaço para conhecer pratos e produtos inusitados, com pessoas circulando entre as barracas e os deliciosos aromas que ficam no ar. Todos os pratos serão oferecidos aos preços de R$5,00 a R$20,00. Entre os estabelecimentos gastronômicos que já confirmaram presença no Chef’s de Rua estão: The Lifrey Pub (chope artesanal), Bernino (batata bourmet), Temakin (temaki), Chuvisco (doces), Koala Burguer (sanduíche), Pollos Petiscaria (frango frito), Eu Amo Cupcake (cupcakes), Dona Felícia (paella), Dona Fulana (tortas) e o Armazem Secos e Molhados (sopas).

SERVIÇO:

O QUE: Chef´s de Rua

QUANDO: Sábado (13 de setembro), das 11h às 18h

ONDE: Praça Central do Passeio Pedra Branca

INFORMAÇÕES: Monique – fone (48) 9998-9383.

Para conhecer um pouco mais do conceito que inspirou o Chef’s de Rua, seguem fotos do Butantã Food Park e de food trucks.

Butantan-Food-Park-1050x700 abertura-food-park-no-butanta-sao-paulo-1400616757710_956x500

 

Qualidade de vida provoca mudança de endereço

04 de agosto de 2014 0

O Missão Casa mostra hoje, dia 4 de agosto, como um espaço com qualidade urbana transformou a vida de dois casais. Eles mudaram de cidade, de casa e construíram uma vida mais tranquila e saudável em um bairro que promove a sinergia entre  morar, trabalhar e se divertir no mesmo local. Alexandre e Fabiana trocaram o centro pelo bairro Pedra Branca, e Fernando concentrou trabalho, estudo e morada na rua compartilhada depois de ver sua saúde prejudicada pela correria entre Palhoça, Barreiros e Florianópolis.

Hoje, às 23h, na TVCOM.

PEDREA BRANCA

Alexandre e Fabiana na Pedra Branca onde moram e trabalham.

Missão Casa desta segunda: Cidade Criativa e ações que promovem o encontro; TOp 100 é lançando em Florianópolis; projeto de loft explora a luz natural e o design nacional

30 de junho de 2014 0
loft

Loff de 220m2 com projeta de Moacir Schmitt Jr. e Sálvio Moares Jr. O ambiente foi considerado o melhor da Casa Cor SC 2014.

O programa exibe hoje, dia 30 de junho, projeto de um loft de 220m2 planejado para um casal antenado com o comportamento atual. O layout é integrado, o mobiliário solto e a TV é coadjuvante da cena.  Acervo de móveis de design, livros e arte caracterizam os moradores.

Vale assistir as ideias e destaques do do espaço como o sofá de 7 metros e o tapete de pele que pode ter o desenhado modificado.

unnamed (5)

Com os Juniors, como é chamada a dupla. Eu no centro com modelito Bobstore.

O Missão Casa traz ainda duas coberturas: o lançamento da Mostra Casa& Cia na Cidade Criativa Pedra Branca e a repercussão da realização da exposição entre os arquitetos e empresários da região. O tema da mostra está sintonizado com os conceitos do bairro e de uma cidade que promove ações culturais entendidas como essenciais a qualidade de vida de quem mora e trabalha na Pedra Branca.

TOM DE LUIZA event

Uma Cidade Criativa promove o encontro, o bate papo de ideias, ações culturais voltadas para a comunidade. Na foto, evento realizado na livraria Tom de Luiza, no Passeio Pedra Branca.

A outra cobertura é do lançamento nacional da premiação TOP 100, uma realização da Revista Kaza em parceria com o Shopping Casa e Design, em Florianópolis. O evento de confraternização aconteceu no Costão Golf e reuniu profissionais do estado em torno de um torneio de golf. A ação foi uma palhinha do que está por vir, em setembro, no encontro nacional dos profissionais em Porto de Galinhas.

DSC07633

DSC07639

Tudo isso no Missão Casa, hoje às 23h, na TVCOM (canal 36 da Net e Viamax).

 

 

 

 

 

 

Missão Casa na web

05 de junho de 2014 0

Perdeu o programa? Assista em outras plataformas: no blog, nossa página no youtube (youtube.com/missaocasa) e no site da TVCOM (tvcomsc.com.br).

Perdeu o programa? Assista aqui!

16 de maio de 2014 0

Bloco 1 – Projeto de interiores com Cláudia Couto

Bloco 2 – Camas versáteis com Marco Antônio Martins

Bloco 3 – Projeto do Office Green com André Schmitt

Mostra Casa Nova agora é Casa&Cia, será realiza em dois endereços e provoca debate sobre o habitar

14 de maio de 2014 0
unnamed (1)

Cinema no Passeio Pedra Branca.

O que é uma cidade criativa? Quais ideias inovadoras contribuem para revitalizar os locais onde vivemos e trabalhamos? O que é preciso para transformar uma cidade em cidade criativa? Essas interrogações tem tudo a ver com a proposta da Mostra Casa Nova 2014 e surgiram a partir de minhas leituras sobre o conceito de cidade criativa.  A apresentação do formato da exposição de arquitetura e decoração acontece hoje a partir do meio-dia, na sede do Diário Catarinense. É importante registrar que, assim como o caderno,  a mostra também muda de nome e passa a se chamar Casa&Cia, uma padronização no nome dos cadernos e mostras de decoração do grupo RBS (lamento porque o caderno é o mais antigo de todo o grupo RBS, completa 20 anos em novembro de 2014, e perde sua raiz regional).

O curador, arquiteto Abreu Jr., tem questionado, desde as duas últimas edições, não apenas o formato do evento mas qual o papel da própria mostra. Dentro de suas possibilidades, tem proposto debates que envolvam o pensar as cidades, o habitar em seu sentido mais amplo, envolvendo o ambiente e o planeta.  Na 13ª edição, permanece provocando ao realizar o evento em dois locais simultaneamente: Passeio Pedra Branca, em Palhoça, e Primavera Garden Center, em Florianópolis.

Na Primavera,  a mostra terá 25 ambientes divididos em dois apartamentos modelos, espaço para os patrocinadores, além de restaurante aberto ao público. Já no Passeio Pedra Branca, acontecerão as intervenções culturais de rua, ações de mobilidade urbana, onde os visitantes poderão passear de bicicletas, e ainda visitar 10 ambientes.

unnamed

Na praça.

“Criação de lugar”

Uma cidade criativa promove oportunidades para descobertas, experiências e novidades sem abrir mão de sua identidade e do cuidado com a sua memória. Torna-se um destino!  

Para Regina Miranda,  artista e gestora cultural, idealizadora do coletivo Cidade Criativa, no Rio de Janeiro, “as práticas culturais que envolvem bairros e regiões próximas a instituições importantes acabam por desenvolver o que ela chama de “criação de lugar”. É um processo criativo que envolve empresas, famílias, governo e instituições civis que unem esforços para aumentar as oportunidades econômicas, culturais e sociais da comunidade.” Acredito que realizar a mostra no Passeio é uma ação que aponta para a cidade que se quer criar em Palhoça.

Finalizo com as quatro dimensões do desenvolvimento sustentável levantado Regina Miranda, no Fórum Internacional Cidade Criativa: “crescimento econômico, responsabilidade ambiental, igualdade social e cultura criativa, um conceito baseado em potência, abundância e partilha de conhecimentos e ideias; sentimento de pertencimento ao lugar; apreciação e integração da diversidade do tecido social; autonomia de pensamento e liberdade de expressão”.