Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

O Incêndio

30 de abril de 2009 Comentários desativados

O presidente do grupo Aurora, Mário Lanznaster, informou que a unidade da Pinhalzinho, que foi parcialmente destruída por violento incêndio nesta quinta-feira, vai permanecer paralisada por 120 a 150 dias. A recuperação total só ocorrerá em 2010. A área destruída levará 12 meses para ser reconstruída e retomar a produção. Ali funcionavam equipamentos importados de última geração, que dependem de negociação, aquisição e importação.

Segundo nota da agência MB, de Chapecó “a indústria da Coopercentral Aurora é totalmente automatizada e emprega 329 trabalhadores. No momento do sinistro, trabalhavam na unidade 130 pessoas, mas nenhuma delas ficou ferida. Nos próximos quatro meses, os 600 mil litros de leite que a Aurora recebia e processava diariamente serão transferidos para empresas parceiras e/ou comercializados diretamente no mercado. A unidade da Coopercentral Aurora é considera a maior e mais avançada indústria de produtos lácteos do país. A planta está instalada à margem da BR-282, no município de Pinhalzinho (SC), com capacidade inicial de processamento de 600 mil litros de leite por dia, passando a 2 milhões de litros/dia no fim de 2009. O investimento total atinge R$ 160 milhões.”

Postado por Moacir Pereira

Comentários

comments

Não é possível comentar.