Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

A Defesa

29 de maio de 2009 4

A contratação do advogado Fernando Neves para fazer a defesa do vice-governador Leonel Pavan foi sugerida, com alguma insistência, pelo ex-presidente Fernando Henrique Cardoso.

A atuação de Neves e equipe de advogados foi fundamental na virada do julgamento de Luiz Henrique.

Postado por Moacir Pereira

Comentários

comments

Comentários (4)

  • Adreia diz: 29 de maio de 2009

    O COMENTARIO PERFEITO

    LHS ou Amin? Dúvida cruel. É mais ou menos como ter que responder a seguinte pergunta: “Queres ser enforcado ou eletrocutado?” No fim das contas, não muda muito. Se ruim está (e está), melhor não ficaria. Possivelmente também não ficaria pior. O PMDB deve ter trabalhado forte nos bastidores. E o PP (ou Arena, ou PDS, ou PPR, ou PPB) já morreu há tempos.

    AUTOR: BERLOQUE GOMES

  • Gentil P.Santana diz: 30 de maio de 2009

    Caro Moacir.
    Li sua coluna no DC sobre a atuação do advogado Fernando Neves. Ficou evidente a importância do “trânsito e amizades que o advogado junto a membros da justiça”.
    É uma realidade lastimável que esses fatores tenham, frequentemente, mais importância que o peso das argumentações.

  • joao carlos diz: 31 de maio de 2009

    Não sou um daqueles que são fãs do Sr Amim, mas lembro de outro Ex Governador Catarinense (Paulo Afonso) também do “PMDB” esteve envolvido em julgamento (Letras) lembram?
    Porquê só acontece com políticos do PMDB?
    A resposta eu sei….

    PMDB e tríplice aliança, nunca mais.

  • Aline diz: 31 de maio de 2009

    Eu gostaria de saber quem pagou a conta dos advogados. Seria interessante o MP/SC dar uma verificada…

A Defesa

29 de maio de 2009 Comentários desativados

O advogado Fernando Neves, que fez a melhor sustentação oral em defesa do governador, creditou a três colegas de Santa Catarina a vitória do governador Luiz Henrique no Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Destacou o trabaho da advogada Katherine Schreiner, do escritório Bornholdt Advogados, e dos advogados Ivo Carminati e Gerson Luiz Schwerdt, este procurador concurso do Estado e licenciado para atuar no caso.

Neves transferiu para Katherine Schreiner os méritos pela qualidade do memorial acolhido pelo relator Félix Fischer e pelos outros cinco votos favoráveis ao governador catarinense. 

Postado por Moacir Pereira

Comentários

comments

Envie seu Comentário