Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Greve da Saúde

30 de outubro de 2009 3

Governo do Estado está veiculando comunicado nas emissoras de rádio e TV sobre a greve dos servidores da saúde. Informa que eles tiveram reajustes, direito ao novo plano de cargo e que em dezembro de 2009 está sendo paga a última parcela de recente acordo salarial. Consideram a greve lesiva ao interesse público, classificando-a de política e eleitoreira.

Postado por Moacir Pereira

Comentários

comments

Comentários (3)

  • Thiago Ribeiro diz: 31 de outubro de 2009

    Cuidado, o abono não é para os militares. Mereceriam com toda a certeza, pois estão morrendo em serviço. O abono é para a polícia civil. Ou melhor, para os delegados. Deve haver algum motivo muito forte para a concessão do abono de R$ 2.000,00 só para a cúpula da civil. E a base da civil deve ter sido amordaçada. Será que a Saúde tem como fazer operação padrão?

  • Sergio Luiz da Silva diz: 31 de outubro de 2009

    A greve na Saúde é eleitoreira. Perfeito. E o abono para os militares pode ser avaliado de que forma? Há muito que a Saúde em SC merece um “tratamento” decente (para dizer o mínimo).

  • IRINEU JOSE NUNES diz: 30 de outubro de 2009

    Caro Moacir, não posso negar a sua trajetória ilibada, da convivência humilde na Agronômica, dos inúmeros serviços prestados ao jornalismo catarinende e brasileiro. Porem, por favor qdo for fazer críticas a greve da saúde, antes passe numa unidade hospitalar da SES, e veja o trabalho árduo dos servidores e comprove o salário c/ outros órgão públicos. Nós do CEPON te aguardamos p/ uma visita. Um abraço.