Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Afogadilho

30 de março de 2010 1

O pacote de 12 projetos beneficiando setores diversos do funcionalismo público vai ser lido, avaliado, discutido e terá que ser aprovado em apenas dois dias. Exigência da Lei Eleitoral. A leitura das matérias será feita na sessão de hoje da Assembleia. A aprovação, no máximo, até amanhã.

Há duas informações sobre o aumento das despesas: a primeira dos líderes governistas, de que elevará o custo este ano de R$ 40 milhões; e a segunda, das oposições, de que atingirá R$ 80 milhões.

Comentários

comments

Comentários (1)

  • Pedro de Quadros Du Bois diz: 30 de março de 2010

    Exemplo vivo do descalabro administrativo. O mesmo grupo exerce o poder por 7 anos e não consegue – ou não quis – ter qualquer política pública: nada, nada e mais nada, a não ser viagens turísticas internacionais e os benefícios e os privilégios dos cargos públicos. As políticas (na maiúscula acepção do termo), nem pensar: com certeza iriam os “negócios”. E o Estado – leia-se, população – paga os pecados, como sempre. Quer dizer, como sempre, se os nobres e ínclitos deputados, agora, aprovarem tudo de afogadilho: aliás, aprovam e depois eles mesmos (executivo) não cumprem: sobra para o futuro que, nestas alturas, nem a deus pertence. Haja Santa Catarina.