Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Confusão salarial

31 de março de 2010 9

Berreiro geral em vários segmentos do funcionalismo com as medidas provisórias. Injustiças e discriminações foram denunciadas hoje por líderes sindicais e deputados do governo e das oposições. Os benefícios só poderão ser concedidos por atos que terão de ser assinados até esta quinta-feira. Correria geral no Centro Administrativo e na Assembleia.

Comentários

comments

Comentários (9)

  • theodora mussi diz: 31 de março de 2010

    Moacir, ontem a tarde(30/03) os funcionários do nível médio da Secretaria da Saúde já estava mobilizados no Hall da Alesc, por causa da MP que beneficiava somente os funcionarios de nivel superior daquela pasta, e hoje (31/03) pela manha o SINDSAUDE ainda nao tinha conhecimento da referida Medida Provisória que seria votada a tarde, isso porque a presidente é esposa do Deputado Soares. É uma bagunça.

  • Michelli A Bueno Ausen diz: 31 de março de 2010

    Entre as MPs enviadas pelo governo à Assembléia Legislativa, analisei o teor da MP 174, a qual concede gratificação, de forma discriminada aos funcionários com nível superior da saúde e que deixou de fora a grande maioria. Que amargura, há 8 anos recebendo baixos salários e trabalhando em péssimas condições de trabalho recebi essa notícia com muito desânimo. Fica por conta disso cristalino que o chefe do executivo privilegia apenas os cargos mais elevados e se nega a ter um funcionário satisfeito em receber uma pecúnia face aquilo que produz. Não vê ele que é o técnico em enfermagem que mais tempo fica com o paciente; que se serve muitas vezes de psicólogo a família; de médico nos procedimentos quando chama estes para realizá-los e que realmente é quem cuida do doente. Infelizmente é assim em nosso Estado, mas, espero que mude. Felizmente sou consciente e amo o que faço e amanhã acordarei bem cedo e cuidarei dos meus pacientes da mesma forma que venho fazendo ha 16 anos, ofertando vontade, conhecimento, disciplina e eficiência.

    Michelli A. Bueno Ausen
    Técnica em Enfermagem

  • Pedro de Quadros Du Bois diz: 31 de março de 2010

    Deve ser porque todos os pareceres jurídicos foram emitidos em menos de 24 horas: só pra agradar o novo patrãozinho. Ora, ora e ora: o que mais poderíamos esperar se não lambança generalizada? E, tenhamos certeza, o pior ainda está por chegar: do Japão.

  • Mauro J Pereira diz: 1 de abril de 2010

    Amigo Moa, recebeste o convite para a minha vernissage no BRDE? Se não deu pra ir no dia, não deixa de dar uma espiada lá, vais gostar. Abração

  • Daniel diz: 1 de abril de 2010

    E mais uma vez nós do sistema prisional fomos esquecidos perante à Segurança Pública, será que acham que é fácil ter contato com presos nas 24h de plantão.? Policiais civis e militares ganharam abono, e nós não somos merecedores?
    Sem querer desmerecer os nobres colegas policiais civis e militares, pois, acho que merecem muito mais!

  • Silvana diz: 1 de abril de 2010

    Estou com o meu colega Daniel,mais uma vez fomos esquecidos podemos ser poucos mais fazemos a diferança quando estamos segurando as chaves dos cadeados das celas dos reeducandos e quando trabalhamos para que eles voltem para a sociedade como homens de bem, por isso acho que deveríamos estar incluídos neste abono salárial que os policiais ganharam pois sofremos os mesmo risco que eles, além de estar em contato direto com os detentos.

  • santos silva diz: 1 de abril de 2010

    ai theodora, ou seja quem for; antes, e parece que gostavas, tinha no Sinsaúde uma diretoria que assinou acordo salariais até 1012, inclusive com proibição de movimento reividicatório…ai era legal. ou então fechando acordo de juste salarial para profissionais de uma ndeterminada categoria, sabes qual qem sabe pertences a ela ou esta ligado alquem que pertence…ai era legal olha te liga e ao invés de tentar denegrir a entidade Sindical me respondes: contribui com o sindicato, de que forma?… participas de momento das lutas pela setor?…falando nisso em qual sistema a Atenção a Saúde Publica esta incorporada…
    Michelli es otima, primeiramente não sabia que a unidade de Atenção a Saude Publica que trabalhas é de tua propriedade, pensei que era do POVO!…assim sendo o Serviço Publico não tem “cliente e nem paciente” e sim USUÁRIO…encerro lembrando-te que a proeficiencia, a eficacia e resolutividade do Serviço Publico depende, de maneira amplificada, da ética, moral e dignidade do SERVIDOR PUBLICO e que este seja COMPROMETIDO…

  • Sergio diz: 1 de abril de 2010

    Com relação ao comentário do Senhor Pedro dus Bois (ou dos Burros), apenas uma observação.
    O governador Leonel Pavan ficou apenas dois dias no cargo, não nomeou, ainda, nenhuma pessoa estranha a administração do ex-governador LHS.
    Lambança é o que o PMDB deixou, agora vai ser consertado.

  • theodora mussi diz: 1 de abril de 2010

    Santos Silva, contribuo todo mes com 1% do meu salario p o sindsaude, e nao admito desinformação, má vontade e má gestão.