Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Colombo: 2o. maior em doações ocultas

15 de novembro de 2010 11

        O governador eleito de Santa Catarina, Raimundo Colombo, foi o segundo do país em doações ocultas,segundo informa levantamento da Folha.  Informa que “dos 18 governadores eleitos no primeiro turno arrecadaram cerca de 38% de suas doações de forma “oculta”, ou seja, via partidos ou comitês financeiros, o que torna impossível identificar a origem do dinheiro.  O montante representa R$ 120 milhões, de um total de R$ 318 milhões arrecadados pelos governadores.

         O valor doado a partidos e comitês é repassado para outros comitês e, por fim, aos candidatos, num caminho que chega a envolver até quatro intermediários.  A manobra, que é legal, permite que empresas doem a candidatos sem ter o nome associado diretamente a eles. 

          O campeão de doações ocultas entre os governadores eleitos é Siqueira Campos (PSDB-TO), com 98% de doações via partidos ou comitês. Em seguida, aparecem Raimundo Colombo (DEM-SC), com 92%, e Roseana Sarney (PMDB-MA), com 87%.”

Comentários

comments

Comentários (11)

  • Patrick Abdalla diz: 15 de novembro de 2010

    Ganhar da Roseana Sarney é de arrepiar a espinha!

  • NEY ARAUJO SANTOS diz: 15 de novembro de 2010

    RAIMUNDO COLOMBO REPRESENTA A COTA DOS EMPRESÁRIOS, É UM PRIVATISTA POR ISSO OBTEVE ESTAS DOAÇÕES, OS CATARINENSES NÃO SENTIRÃO SAUDADES DESTE GOVERNO.

  • Dracma diz: 16 de novembro de 2010

    Pois é. A respeito destas doações ocultas, me deixa também curioso valor das doações recebidas pelo Deputado Bonrausen (?), também quase todas oriundas do DEM. Porque será ? Quem seriam estes doadores que se escondem ? Mistério !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
    O total das doações recebidas pelo nobre Deputado alcançaram cerca de R$ 3 milhões de reais. Cada voto custou quase R$ 20 reais. Recorde brasileiro !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

  • Ednei Alves diz: 16 de novembro de 2010

    Parece-me que o-professor-que-veio-de-fora gosta de privatizações. Isso fecha com a informação do leitor Ney Araujo.

  • Pedro diz: 16 de novembro de 2010

    Mas, considerando-se a confiança nele depositada, via votação, com certeza ele logo, logo dará publiciade, tostão por tostão, de todos os que financiaram a sua campanha. Santa Catarina e os catarinenses merecem essa consideração. Afinal, o sr. Colombo tem pautado seu discurso, sempre, pela total transparência dos (seus) atos políticos. Ou não?

  • angela silveira diz: 16 de novembro de 2010

    EU FICARIA ENCANTADA E ADMIRADA, SE ALGUM POLÍTICO MOSTRASSE DE ONDE VEIO OS RECURSOS .
    QUEM FOI QUE FÊZ ISSO ATÉ HOJE???????
    É POR ISSO QUE MORAR NO BRASIL É BOM. NINGUÉM ACHA NADA RUIM E NEM COBRA NADA.
    DEVERIAM COBRAR DE TODOS ISSO.

  • waldemar krajeski filho diz: 16 de novembro de 2010

    Com certeza terão retorno garantido! O grupo RBS doou alguma coisa?

  • gilberto diz: 16 de novembro de 2010

    Isso bem demonstra como será este governo. Será de uma transparência irritante, principalmente, tratando-se de dinheiro. Vale lembrar que o partido do Colombo é o antigo PFL.

  • Jonas Albuquerque diz: 16 de novembro de 2010

    Puxa, mas ele era tão bonzinho nos programas de TV…

    Quem será que injetou tanto dinheiro na campanha do Raimundo?

    E o que será que vai levar em troca?

    Ah, se tivéssemos uma imprensa livre em Santa Catarina.

  • João Frederico H. Leite diz: 18 de novembro de 2010

    Moacir a tua resposta ao Waldemar é uma BRINCADEIRA. A RBS decidiu, e continua decidindo campanhas politicas em SC. De ingenuo ou burro voce não tem nada portanto não faça seus leitores perderem a cofiança em seu profissionalismo. A RBS envolve-se sim e muito e todos sabemos disso inclusive existem com farta documentação, é so ir nas pessoas certas. A RBS se envolve no RS,SC e a Golobo no Brasil.