Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Sinte: adesão subiu para 92%

26 de maio de 2011 3

Presidente do Sinte, Alvete Bedin, confirma que dois ofícios foram protocolados no governo pedindo audiências para negociação salarial. Um diretamente na Casa Militar e dirigido ao governador. Outro, na Secretaria da Educação. Até agora, nenhuma resposta.
Reunida com o comando de greve, Alvete anunciou que os levantamentos regionais foram concluídos revelando que a greve aumento e não registrou qualquer refluxo, como anuncia o governo. Pelos dados do Sinte, a adesão agora é de 92% em todo o Estado.

Comentários

comments

Comentários (3)

  • jefferson diz: 26 de maio de 2011

    Isso era visto.
    Cresceu a greve, triplicou a revolta!

  • Marco A. Pereira diz: 26 de maio de 2011

    Boa noite, caríssimo Moacir, boa noite colegas professores!

    O movimento continua forte e cada vêz mais forte seguirá.
    Professores e sociedade estão juntos contra a banalização da educação no Estado.
    Professor: não fique em casa, compareça a todas as manifestações.
    Srs pais: compareçam aos atos dos professores, mostrem seu apoio! Cada pessoa a mais que comparece é uma força a mais que se agrega e engrandece a nossa reivindicação!

    Ao nosso querido Moacir, obrigado pelo apoio e pelo espaço dedicado diariamente a nossa defesa.
    Moacir, atente para as denuncias dos professores no blog do Sinte – São José: nem a medida provisória o Governo cumpriu: muitos professores não receberam nem um centavo a mais; os poucos que receberam, o valor não chega nem perto dos R$1600 e tal que o Governo anunciou !!

    Governo de gente enrolona e mentirosa! Uma vergonha! Não são dignos de nenhuma credibilidade!
    Quando dizem que existem apenas trina e poucos porcento de professores em greve, é para dar gargalhada!!!

  • julio cesar silveira diz: 26 de maio de 2011

    Professor José Heriberto de Oliveira recentemente acabei de concluir um TCC no curso de especialização em Gestão Escolar da UFSC que têm como título, a apuração da Violência no cotidiano escolar. Quero lhe afirmar que reconheço o quanto Vossa Excelência está coberto de razão, digo Vossa Excelência porque penso que quem tem o direito de usar essa prerrogativa é somente o professor e não essa cambada de ladrão que governa Santa Catarina, fora algumas raras exceções. No que se refere a sua analise penso que ela esta 100% correta e desde já lhe dou os parabéns e fico feliz em saber que na educação existam pessoas que pensam como o nobre educador. Nós professores no geral somos tratados como escória da sociedade porque vivemos em um país que historicamente retirou-nos toda autoridade. Sugiro o amigo e a todos os educadores que assistam ao desenho animado, O Cavalo do Dom Quixote, ali podemos fazer uma comparação do personagem central do filme que é o cavalo com a classe dos professores brasileiros. No mais agradecimentos a você e ao ilustre cidadão catarinense Moacir Pereira.