Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.

Senado aprova PEC dos jornalistas: aleluia. aleluia...

30 de novembro de 2011 3

Informação que se transcreve com foguetório, enviada pelo companheiro Fábio Figueiredo, assessor do senador Casildo Maldaner: “O Senado acabou de aprovar a PEC Nº 33/99, que determina a exigência do diploma de curso superior de comunicação social, habilitação jornalismo, para o exercício da profissão de jornalista. Os senadores Casildo Maldaner, Luiz Henrique e Paulo Bauer votaram favoráveis à proposta.
É uma grande conquista para quem defende qualificação e valorização da profissão!”
Nota dez para os três senadores de Santa Catarina. Resgatam a dignidade, o aprimoramento e o que melhor pode se esperar do exercício profissional.
E observa-se: o titular deste blog não é formado em jornalismo, pois na década de 1960 a opção não havia em Santa Catarina. o primeiro curso, instalado na Ufsc, começou em 1979. Formei-me, por isso mesmo, em Direito.
Adquiri o registro, de acordo com a legislação federal, em função do tempo de exercício profissional.

Comentários

comments

Comentários (3)

  • Aline diz: 30 de novembro de 2011

    Para a atuação destes políticos mencionados na valorização dos profissionais do magistério durante os 8 anos de LHS e Paulo Bauer como secretário da educação, bem como seus partidários que descaracterizaram o plano de carreira dos professores, desvalorizando quem tem Mestrado, eu dou nota zero. Eles por acaso sabem o que é um diploma? Aliaram-se a Colombo que nem faculdade tem. O que eles entendem de educação?

  • Carlos Henrique diz: 1 de dezembro de 2011

    E quando é que será instituída a obrigatoriedade de nível superior para a prática do magistério? Sim, porque com os baixos salários praticados na rede estadual é cada vez mais difícil encontrar interessados em preencher temporariamente as vagas que o governo reluta em oferecer via concurso público. Na falta de profissionais devidamente habilitados, serve qualquer um que se sujeite às condições humilhantes oferecidas em nossas escolas públicas.

  • Moacir Dourado diz: 3 de dezembro de 2011

    Estou dando rizada sem parar. É uma sequência de decisões afastando o cidadão da realidade.
    Não se trata da defesa dos Jornalistas, estão querendo calar o povo. Só que tem um detalhe, a internet é livre. Os blog’s não vão parar de dizer o que se passa. Os celulares estão apontados para a face dos criminosos.
    Qualquer blog em que vou postar exige aprovação. Não se sabe o que o cidadão vai dizer. Já não somos tão livres.

    Parabenizo o Satanás por seu inferno particular o resto vive tentando ter o seu e não consegue porque tem sempre alguém entregando o serviço. São tantos os que se corrompem aos próprios interesses que já se tornou banal. E gostaria que ao invés de perder tempo tentando controlar o que vai ser publicado na manhã seguinte, os governantes se preocupassem se o brasileiro vai ter o que comer, onde morar. Estou sendo obrigado a entrar na política, não para pedir votos, mas para evitar que votem em mentes desocupadas.