Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Blog de férias

26 de junho de 2012 12

A partir de hoje e até o dia 14 de julho este blogueiro estará de férias. Os internautas que prestigiam este blog continuam com o espaço aberto nas notas já postadas para comentários durante a ausência.
Reiterando agradecimentos pela audiência, cumprimenta a todos com fraternal abraço.
No retorno, com energias renovadas, se Deus quiser, dedicação plena para a cobertura das eleições municipais.
A coluna no Diário Catarinense e no Jornal de Santa Catarina terá o companheiro Mário Pereira, nosso competente editorialista e membro da Academia Catarinense de Letras.

Comentários

comments

Comentários (12)

  • Rubens Cardiga diz: 26 de junho de 2012

    Boas férias grande Moacir. Farás falta aos assíduos leitores, como eu. Precisamos da tua competência e agilidade na apuração das sempre bem informadas notas e análises.

  • E o salário, óh! diz: 26 de junho de 2012

    Pois é, meu caro Moacir o sr. já está tirando suas merecidas férias e as tão propagadas negociações entre governo e Sinte até agora NADA! Boas férias para o sr. por que as nossas serão, mais uma vez, amargas. Professor que votar no partido de Colombo (PSD – 55), tem que pastar!

  • carlos diz: 1 de julho de 2012

    Pior é essa porcaria de remoção e lotação dos professores, e para o act que perder suas horas? eu q tenho 40 horas com contrato até dezembro dia 21 como farão? me mandarão para a escola q o outro professor saiu? ou romperão contrato comigo sem avisar sem nada? fui contratado pra 40 horas até fim de ano e agora conseguiram estragar minhas férias, estou temeroso pra caramba com isso, ninguém até agora falou nada do que será dos act..

  • Sandro Livramento diz: 2 de julho de 2012

    Moacir

    Acabo de receber a notícia do falecimento do escritor e editor Chico Pereira. Peço a gentiliza de confirmar e divulgar no seu blog. obrigado

  • Gualberto Cesar dos Santos – FLN/SC diz: 4 de julho de 2012

    Volta logo Moacir Pereira.
    As pessoas necessitam desse canal de sintonia fina com a realidade a ser modificada, em favor da Gente de Santa Catarina.

  • JAIR GOMES diz: 5 de julho de 2012

    Moacir
    Sou leitor e fã do seu Blog e gostaria que postasse esta matéria do jornal local, onde escrevo uma Coluna a respeito dos candidatos precoces e completadores de legendas.
    Pois foi motivo de polemica semana passada na minha cidade.

    CANDIDATOS PRECOCES
    Na eleição passada tivemos alguns candidatos novos, marinheiro de primeira viagem como se diz, com muita força de vontade de ingressar na política, porém, desta vez, fomos além das expectativas em todos os sentidos, se esperava muita novidade mesmo para o pleito municipal. O que causa um pouco de estranheza e também, particularmente, me causa preocupação é o fato de jovens sem preparo e sem um projeto político serem postos precocemente como candidatos para as próximas eleições, para preencher cotas, agregar regiões ou entidades ou até mesmo para compor listas proporcionais, acredito eu que um candidato não se faz duma hora pra outra, ou em cima da hora. Um candidato se constrói com anos de antecedência, participando de entidades, se envolvendo em ações sociais e políticas, ocupando algum cargo público e, principalmente se preparando, isso inclui estudo, muito trabalho e preparação psicológica, financeira, familiar… Me preocupa também, pensar que muitos, ou a maioria destes candidatos precoces ou “cobaias” não vão chegar à lugar nenhum, pessoas que no futuro poderiam ser grandes políticos, grandes administradores públicos, mas por promessas, necessidade ou obrigação de concorrer nestas eleições possam se decepcionar e se frustrarem, pois para quem participou sabe que a política é na maioria das vezes justa para poucos e injusta pra muitos.
    Daqui há alguns dias será dada a largada para a campanha, e aqueles que até então eram amigos e companheiros, passarão a ser adversários, passarão a disputar os mesmos votos, disputar os mesmos espaços, aos jovens cabe a energia e vontade de competir na certeza de ganhar, pois se acredita muito; aos cancheiros velhos a busca pelos votos será pelos atalhos do caminho, pois como diz o ditado: “macaco velho não senta em galho podre”. Com tudo isso só lamentamos os jovens frustrados que ficarão pelo caminho, com um sentimento de serem usados e os profissionais dos cargos públicos que ficarão de camarote torcendo pela vitória dos seus candidatos para manterem seus cargos por mais 04 anos. Que venha a democracia!!!

  • Pedro Paulo de Miranda diz: 6 de julho de 2012

    Boa noite!

    Contagem regressiva.
    Que o retorno seja de muita energia e fidedignidade habitual, certo!

    Fraternal abraço.

  • Dorvalino Furtado Filho diz: 12 de julho de 2012

    Amigo Moacir,

    Vou “assumir a presidência da RBS” e nunca mais vou deixar vc tirar férias, vou contra a LEI…

    Saudades e ATÉ AMANHÃ…

  • Edemilson Praxedes ferreira diz: 12 de julho de 2012

    Bom dia caro jornalista. Primeiramente gostaria de agrecer por este espaço que nos permite comentar com a sociedade catarinense algumas tristezas, angústias e também nossas alegrias, quando ocorrem.
    Porém, hoje farei meu comentário baseado em leitura do diário catarinense de 12/07/2012 página oito. Onde consta que o nosso governador comenta do possível atraso do folha de pagamento dos funcionários públicos decorrente da queda de arrecadação. Bem, se hoje temos queda de arrecadação é por nossa classe politica nunca se preocupou em criar situações para evitar que isso ocorresse, ou seja, a cada crise se cria paliativos e não verdadeiros progrmas a longo prazo para estarem preparado para tal.
    Mas o que me ocorre é que na referida reportagem o governador também cita a economia quen esta fazendo com o corte de contratos, então pensei nas SDRs. Me desculpe se a minha geografia está desatualiza mas penso que: nosso estado é composta pelas regiôes,sul, norte, planalto serrano, meio oeste, extremo oeste, e pela sua importância a região do vale do Itajai, sem desmerecimento a nenhuma outra. Entãoo que explica a manutenção de trinta e tantas SDRs, a não ser pelo velho cabide e curral eleitoral de alguns políticos.
    Será que a folha que possivelmente pode atrasar será da educação, saúde, e segurança? ou os nobres deputados, secretários, gerentes, etcs, também correm o risco? bem não quero me estender mais, porém se nosso governador quiser mesmo economizar ele sabe o caminho só não o trilha por que não quer.
    Muito obrigado pela atenção

  • Mylene Margarida diz: 13 de julho de 2012

    Noticia para a volta ao trabalho:

    Eletrosul em greve a partir de segunda-feira

    A presidente Dilma fechou as portas para os empregados do grupo Eletrobrás/Eletrosul e, numa atitude intransigente, emperrou as negociações do Acordo Coletivo de Trabalho 2012/2013. As categorias não tiveram alternativa e precisaram recorrer à greve geral.

    Num momento inédito, em que a Intersindical e o Sinergia uniram-se contra o Governo Federal e, consequentemente, para o fortalecimento do movimento, os empregados da Eletrosul aprovaram, por ampla maioria, greve por tempo indeterminado a partir da próxima segunda-feira, dia 16, em Assembleias conjuntas realizadas na sede da Eletrosul, em Florianópolis, na Regional de Manutenção de Santa Catarina, em São José, e na Procuradoria da Fazenda, nesta sexta-feira.

    O contato para maiores informações, te enviei por SMS.

  • beto diz: 15 de julho de 2012

    seja bem vindo,

    gostaria que fizesse a gentileza, de comentar sobre a politica de sao jose, estamos tao perto, mas tao longe de informacoes.

  • Caren Regina de sousa diz: 11 de agosto de 2012

    Prezado Moacir;Parabenizo o D.C e RBs pela divulgacao dos 25 anos de historia que manchou o Pais com o trafico de bebes para Israel.Exemplo bem explicito do Municipio de tijucas sc a 40 kl de Florianopolis que la na maternidade Chiquinha gallotti nasceram muitos que ficaram orfaos do Brasil.Hoje vivem uma profunda crise de identidade,filhos e maes.Medicos,enfermeiras que la ainda atuam e outras pessoas que cometeram essa barbarie,ficarao impunes?