Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Carnaval: Cesar Junior faz questionamentos

30 de novembro de 2012 19

A equipe do prefeito eleito Cesar Junior (PSD) tornou públicos os questionamentos feito à atual administração sobre a realização do próximo Carnaval. O pessedista diz que só vai tomar uma decisão após receber as respostas.

Ontem, o prefeito Dário Berger (PMDB) afirmou que só libera os recursos para as escolas de samba em uma fórmula em que as duas primeiras parcelas (R$ 110.000,00 as escolas de samba do grupo A, outras duas de R$ 62.500,00 do grupo B e R$ 30.000,00 para as grandes sociedades) fossem pagam na atual gestão e outras duas nas próxima.

Confira os questionamentos, assinados pelo coordenador da transição Gustavo Miroski, futuro secretário de Administração e Previdência.

1 – Qual o valor, individualizado, do custo total para a realização do desfile das Escolas de Samba, desfile das Escolas de Samba do Segundo Grupo, Grande Sociedades, Blocos Carnavalescos e Carnaval de rua?

2 – Quanto será pago no corrente ano?

3 – Quanto restará à próxima administração?

4 – Qual a razão do não cumprimento do cronograma de pagamento acordado com as Escolas de Samba em 11/10/2012, mediante ofício Setur número 343/2012?

5 – Qual o estado atual das licitações de estrutura, bilhetagem, palco, luz, som e segurança para a realização do carnaval?

6 – Qual a situação do Segundo Grupo e a participação da agremiação Unidos do Caramuru no desfile do Primeiro Grupo em 2013?

7 – Especificamente em relação à passarela Nego Quirido: qual a situação estrutural; quais os procedimentos licitatórios instaurados e quais os investimentos necessários para o Carnaval 2013?

8 – Qual o valor repassado para a Liga e sua destinação?

Florianópolis, 30 de novembro de 2012.

Gustavo Miroski
Coordenador do Grupo de Transição

Comentários

comments

Comentários (19)

  • Iara diz: 30 de novembro de 2012

    Não tem que pagar, com dinheiro público, contas atrasadas, se existirem.
    Antes de pagar festas, é preciso arrumar a casa. Investir em educação, saneamento básico, segurança, saúde, cultura, mobilidade, transporte,…
    Penso que as escolas devem se profissionalizar e contribuir com a cidade, trabalharem para terem autonomia e não ficarem esperando o meu, o seu, o nosso rico dinheirinho.

  • angela diz: 30 de novembro de 2012

    A PREFEITURA NÃO RESERVA UMA PARTE DOS BENEFÍCIOS PARA O CARNAVAL??????????
    HÁ ALGUM DOCUMENTO QUE DIZ ,QUE É A GESTÃO SEGUINTE QUE PAGA O RESTANTE???????????
    ESSA HISTÓRIA ESTÁ MUITO MAL CONTADA!!!!!!!!!!1
    TEM QUE HAVER MAIS EXPLICAÇÕES!!!!!!!!!!!

  • Camile diz: 30 de novembro de 2012

    agora vai faltar tapete pra esconder a sujeirada, 8 anos de dominio, quero ver o que sobra para o próximo prefeito, além da péssima gestão e dividas!

  • angela diz: 30 de novembro de 2012

    IARA.

    CONCORDO COM VOCÊ PLENAMENTE!!!!!!!
    MAS A REALIDADE DESSES PATIFES SÃO OUTRA.
    ATÉ CONFECÇÃO DAS FANTASIAS NO RIO DE JANEIRO ESTÃO MANDANDO FAZER!!!!!!!!!!!
    É A MANEIRA DE FATURAR SEM NINGUÉM DESCOBRIR!!!!!!!!!!
    ANTES DE MUDAR O CARNAVAL, TEMOS É QUE MUDAR OS POLÍTICOS!!!!!!!
    PORQUE OS QUE ESTÃO NOS OFERECENDO, É UMA ABERRAÇÃO!!!!!!!!!
    TEMOS QUE NOS UNIR CONTRA ELES!!!!!!!!!!!!

  • Giffoni diz: 30 de novembro de 2012

    Concordo com a Iara: botar dinheiro público (sempre tão escasso) em carnaval privado, serve a quem, mesmo? Num exame sério, quem seria capaz de dizer a quantidade de turistas que vão à Floripa pelo desfile fechado das escolas de samba? Nenhum, com certeza. Querem fazer carnaval, façam com dinheiro próprio.

  • Aline diz: 30 de novembro de 2012

    Boa.

    Mas que tal perguntar especialmente para o Super-secretário de Governo Gean Loureiro? Já que durante a campanha ele se gabava por conhecer todos os números da prefeitura, e deve ter esses questionamentos na ponta da língua também.

  • Emídio Jr. diz: 30 de novembro de 2012

    A vida é repleta de opções e, em determinado momento, a população da capital escolheu Dário Elias Berger para governar o município. Na verdade, escolheu em dois momentos. Hoje, Dário está de malas prontas para “alçar” novos vôos e o município arcará com o legado deixado pelo prefeito. Algumas notícias dão conta de vários atrasos em repasses para inúmeras ações, outras nos informam que nem o aluguel do antigo prédio da fazenda foi pago. Culpar Dário por isso é o meio mais fácil, mas os verdadeiros culpados foram aqueles que o conduziram ao governo. Cada povo tem o governo que merece. Que sirva de exemplo e, na próxima vez, quando ele com sua cara lavada e panca de “bom moço” novamente tentar cargos públicos que a população não esqueça da tragédia que foi sua gestão nos últimos oito anos…

  • Luana Simas diz: 30 de novembro de 2012

    Estão preocupados com o BELISSIMO CARNAVAL e estão esquecendo do principal: EDUCAÇÃO, SAÚDE, SANEAMENTO BÁSICO, SEGURANÇA, ETC, ETC…
    Por favor né, festinhas depois das PRIORIDADES.

  • Willian Tadeu diz: 30 de novembro de 2012

    A meu ver, há uma visão limitada e simplista sobre o carnaval. “Estão investindo no carnaval o que deveria ir para a educação, saúde”. Carnaval não é apenas uma festa. É cultura popular. É geração direta e indireta de empregos, fonte de renda para diversas famílias. As verbas são separadas. Falta verba para a educação e para a saúde? Não falta! É mentira!! As verbas são mal empregadas, muitas vezes não chegam. Não é cancelando o carnaval que isto será resolvido. Para onde irá o dinheiro que iria para o carnaval? Para “reformar escolas, hospitais”, como dizem os que aderem à versão mais fácil? Parem, parem, nem tentem me convencer de uma bobagem como essa! Há verba para tudo isso e, também, para cultura, turismo, etc. Inclusive, são verbas diferentes e separadas no orçamento.
    Quarta-feira fui ao ensaio da minha escola de samba. Mais de 100 ritmistas tocavam lá. Mais da metade eram jovens, menores de idade, quase todos do Maciço do Morro da Cruz, que se dedicam quase diariamente ao aprendizado musical. Onde estariam esses jovens se não estivessem lá? Que tipo de espaço seria oferecido a eles? Carnaval não é só uma “festa”. É cultura, é lazer, é geração de emprego, turismo… há toda uma reação em cadeia em torno do que vocês acham que é uma “festa” de “um dia”.

  • Marcelo Dias diz: 30 de novembro de 2012

    Estão com medo de cair da LEI DE RESPONSABILIDADE FISCAL??? Ué esta lei existe a pelo menos 8 anos e não podem dar desculpas esfarrapadas de fluxo de caixa… O candidato GEAN não sabia das contas da prefeitura??? Quanto ao dinheiro do Carnaval para as escolas, o que a prefeitura arrecada em impostos com a festa, cobre os gastos e sobra muitoooooooo em caixa.

  • rebecca diz: 30 de novembro de 2012

    Sou contra dinheiro público para as escolas de samba. Acho que dinheiro público é para a infra estrutura, para poder receber bem o turista que vem assistir o carnaval de Florianópolis. As escolas que aprendam a se auto gerir, a fazer campanhas junto à empresas privadas, menos contar com dinheiro público tão escasso para aquilo que importa: saúde, educação , segurança pública.

  • BAR diz: 30 de novembro de 2012

    JÁ DISSERAM – “BRINCA QUEM PODE”

    O POVO (E)LEITOR ESTÁ DEIXANDO DE LADO A SINDROME DA MÚSICA E DO CHICOTE.

  • Décio diz: 30 de novembro de 2012

    É isso ai Aline
    Cade o GEAN LOROTEIRO que na campanha eleitoral se apresentava como o mais preparado, o mais inteligente, o que tinha o maior conhecimento da maquina publica municipal, que ja tinha garantido mais de 100 milhões para a Educação, que iria comprar 5.ooo (cinco mil) tabblets, que daria passe livre para todos os estudantes de Florianópolis ? dentre outras baboseiras.
    A tão falada e propagada CAIXA PRETA, na época se referindo ao Transporte coletivo pelo Prefeito DARIO BERGER, não temos duvida alguma, é a PREFEITURA DE FLORIANÓPOLIS. As dividas acumuladas pela Administração DARIO BERGER vai deixar o povo de Florianópolis estarrecido. Acredito que só estão sendo pagos neste apagar das velas as Empreiteiras que durante o mandato do Prefeito tiveram relações estreitas com o Primeiro Ministro JUQUINHA, o resto infelizmente cairá no colo do próximo Prefeito, alguem tem duvida ainda ?

  • Dayana diz: 30 de novembro de 2012

    Gosto muito do carnaval, mas nada adianta fazer a festa sem que a cidade esteja com tudo certinho, sem pagar os salários dos funcionários municipais…sem colocar a casa em dia. Além disso, as escolas de samba precisam ter autonomia, promovendo eventos durante todo o ano para que o carnaval ajude a cidade e vice-versa, e com isso, as pessoas que dependem do carnaval também serão beneficiadas!

  • Gersonlobato diz: 30 de novembro de 2012

    Agora está na hora do futuro prefeito abrir a caixa preta da atual administração.Não foi com a bandeira de abrir a caixa preta do sistema de transporte da Capital que o Sr. Dário Berguer se elegeu no primeiro mandato?
    Passados oito anos da sua administração, a caixa preta do seu governo está repleta de sujeira, que atá hoje não foi limpa.

  • angela diz: 30 de novembro de 2012

    DÉCIO.

    COM CERTEZA DÁRIO VAI FAZER O POVO PENSAR QUE A PREFEITURA ESTÁ SEM DINHEIRO , PORQUE FOI O CESAR QUEM GASTOU.
    O MESMO FEZ A ANGELA, DEIXOU UMA GRANDE DÍVIDA E NÃO EXPLICOU NADA!!!!!!!
    DÁRIO FARÁ O MESMO!!!!!!
    E ASSIM POR DIANTE.
    ELES SÃO A LEI NESSE PAÍS. NÃO EXISTE NADA QUE OS OBRIGUE À PRESTAR CONTAS.
    ISSO NÃO ACONTECE EM OUTROS PAÍSES, POR ISSO NOS OLHAM SEMPRE COMO SE FOSSEMOS TROMBADINHAS!!!!!!!!!!!
    POR CAUSA DELES QUE SÃO IMORAIS, PAGAMOS O PATO!!!!!!!!!!
    SINTO MUITA VERGONHA DE NOSSO PAÍS TÃO MARAVILHOSO ESTAR NA MÃO DESSES POLÍTICOS E DESSA “INJUSTIÇA”!!!!!!!!!!!!!

  • Dayana diz: 30 de novembro de 2012

    Ah e outra, para autonomia das Escolas de samba, estas precisam de espaço para tal, para promover eventos. Coisa que o Sr Dario Berger prometeu em umas das suas campanhas eleitorais ( a tal da Cidade do Samba).

  • Cacah diz: 1 de dezembro de 2012

    As licitações de carnaval são feitas em cima da hora para que não se tenha muita fiscalização e se possa pagar valores exorbitantes às empresas. Deem uma olhada na licitação passada, olhem aluguel de som, tendas e outros, só pra começar. Exemplo claro era as tendas que são coisas que foram cobrados mais de 2mil reais por unidade e por ai nao se paga mais de 500 (isso ja sendo superfaturado). Todo ano tem carnaval e parece que eles resolvem tudo como se fosse um evento inesperado. Eles adoram fazer essas coisas em cima da hora porque é mais fácil desviar dinheiro. Simples assim.

  • Rodrigo Leifer diz: 1 de dezembro de 2012

    O INTERESSANTE SERIA TRAZER A PÚBLICO UMA ENTREVISTA COM O CANDIDATO ELEITO E VER DA POSSIBILIDADE DA REALIZAÇÃO DA FESTA POPULAR EM 2013. DE MANEIRA TRANSPARENTE, UMA VEZ QUE O CARNAVAL AGREGA MUITA RECEITA AOS COFRES DA PREFEITURA.
    O NOSSO CARNAVAL POPULAR E DE IDENTIDADE MANÉ, VEM RETOMANDO A CADA ANO SEU ESPAÇO. E O MELHOR, NO GRANDE PALCO DA CIDADE, A PRAÇA XV. SUGIRO PELO MENOS, QUE RESPEITE A TRADIÇÃO LOCAL MOMESCA, AS GRANDES SOCIEDADES E SUAS ALEGORIAS HISTÓRICAS.
    ATRAI MUITOS TURISTAS NO ENTORNO DO CENTRO HISTÓRICO. MUITO INTERESSANTE E GENUÍNAMENTE MANÉ. SUBSÍDIO MUITO BARATO! QUASE DE GRAÇA PELO QUE PROPORCIONAM!!!