Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Combate ao crime será ampliado (19/02/2013)

19 de fevereiro de 2013 8

Policiais civis, militares e especialistas de vários órgãos da área de inteligência daqui e da Força Nacional de Segurança Pública prosseguem nas investigações, no levantamento de dados e na checagem de novas informações sobre os atentados no Estado. A qualquer momento devem ocorrer novas prisões dos envolvidos com a quadrilha do crime organizado.

Tanto autoridades estaduais como federais reiteraram a disposição de dar continuidade à operação deflagrada, com mais amplitude, energia, determinação e profundidade. O cerco contra a criminalidade vai ser estendido
em novas frentes.

Integrantes da Força Nacional estão distribuídos em várias penitenciárias e presídios estaduais. Fazem o trabalho de contenção para evitar motins ou manifestações contrárias à transferência dos líderes das facções criminosas para prisões federais. O clima ali é normal, diz o Departamento Estadual de Administração Prisional (Deap).

O esquema de inteligência envolve os especialistas da Polícia Militar, Polícia Civil, Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal, Exército e Aeronáutica. As informações e provas são concentradas no Departamento de Investigação Criminal (Deic), que decide sobre pedidos de prisão. As medidas preventivas e ações de repressão à criminalidade são decididas na Sala de Situação, no QG da Polícia Militar.

A avaliação feita no comando da operação é de ocorrência esporádica de atentados e mais frequente a ação de vândalos e oportunistas. O ministro José Eduardo Cardozo (PT) e governador Raimundo Colombo (PSD) continuam sintonizados, em relação direta entre Brasília e Florianópolis. Os presídios federais continuam com vagas disponíveis. Além de novas prisões previstas para os próximos dias, a hipótese de outras transferências não está descartada.

O mutirão dentro do sistema penitenciário só deverá começar nos próximos dias.

A campanha eleitoral fora de época começa a ganhar força em Criciúma. Márcio Búrigo (PP) fez o lançamento oficial de sua candidatura (foto acima), com a presença de lideranças estaduais do PP, do ex-prefeito Clésio Salvaro (PSDB) – vencedor em outubro, mas com a candidatura indeferida pela Justiça Eleitoral – e da senadora Ana Amélia Lemos (PP-RS). O principal adversário, deputado federal Ronaldo Benedet (PMDB), segue a agenda de caminhadas.

Décio Góes vence no TRE
O Tribunal Regional Eleitoral (TRE/SC) acolheu recurso do ex-deputado Décio Góes (PT), candidato à prefeitura de Balneário Rincão. A candidatura foi liberada por 4 votos a 2. Os juízes eleitorais catarinenses estão de parabéns. Fizeram justiça. Góes foi o mais votado na eleição de outubro no Sul do Estado.

Ruídos
Em absoluto sigilo, foram montados os procedimentos para autorização da transferência dos presos. Tudo articulado no Judiciário pelo secretário da Casa Civil, Nelson Serpa. Seria tudo centralizado. Na quinta-feira, foram surpreendidos por pedidos isolados da Secretaria da Justiça. Por pouco não comprometeram a operação.

Advogados na Polícia Militar
A pedido da OAB/SC, os advogados Simone Vissoto, Gustavo Becker, Francine Brüggemann e João Barros Filho, indiciados por envolvimento com o crime organizado, devem ser transferidos hoje para o 8o Batalhão da PM, em Joinville. Lá já está a advogada Fernanda Fleck.

Fora da Rede
No ano passado, Marina Silva apoiou três candidatos a vereador em Santa Catarina. Destes, apenas Anna Carolina (PPB), de Itajaí, foi eleita. Agora, a vereadora recebeu o convite para ingressar na Rede Sustentabilidade, nova legenda que a ex-senadora iniciou processo de criação. Anna Carolina agradeceu, mas disse estar feliz no PRB.

Juntos pela Copa
A deputada estadual Angela Albino (PC do B) e o prefeito de Joinville, Udo Döhler (PMDB), encontram hoje o ministro do Esporte, Aldo Rebelo (PC do B). Na pauta, ampliação da Arena Joinville e a escolha da Capital por duas seleções como subsede do Mundial.

- A Frente Parlamentar do Varejo terá reunião amanhã, as 15h30min, na Assembleia, com a presença dos presidentes das federações empresariais do Estado. A pauta é uma só: pedir a revogação do decreto 1.235/2013. Segundo eles, aumenta a carga tributária.

- Ordem de serviço para compra do radar meteorológico de Santa Catarina e lançamento do Sistema de Prevenção de Desastres acontecem hoje, às 16h, em Rio do Sul.

- O melhor noticiário oficial sobre a operação contra o crime organizado em Santa Catarina no sábado foi produzido pelo site da Policia Civil de Santa Catarina. Nota dez.

Comentários

comments

Comentários (8)

  • Alexandre S. diz: 19 de fevereiro de 2013

    Lembrando que foi na administração do papa “Benedet 15″ que o PGC se articulou nos presídios… Não esqueçam…

    A imprensa denunciava e eles negavam.

  • Walmor diz: 19 de fevereiro de 2013

    Prezado Moacir, desculpa tratar de assunto diferente do seu comentário, mas não poderia deixar passar em branco o assunto que vou abordar. Estou lendo hoje no Diário Catarinense sobre o aumento do pedágio na BR 101, e que o índice de reajuste foi mais do que o dobro da inflação de 2012. A empresa concessionária não cumpriu o contrato relativamente as obras do entorno de Florianópolis e ainda por cima é premiada pela ANTT com um reajuste desse tamanho no preço da tarifa de pedágio que todos teremos que pagar, muito estranho isso. Falando das obras do entorno de Florianópolis, seria interessante a RBS fazer uma reportagem para saber a quantas andam as providência para que essa obra saia do papel e acabe de vez com o martírio diário dos motoristas usuários da rodovia em torno de Florianópolis. Também deveriam se manifestar as autoridades, as lideranças políticas, os representantes das entidades representativas da sociedade e da imprensa, que atuaram recentemente nas discussões sobre essa obra.

  • Colby Bluff diz: 19 de fevereiro de 2013

    Não fosse a autorização do pmdb da fiapada de bigode o Ponticelli estaria fazendo escola de BLEFE do governador. Explico: quem ainda acredita que o Estado não tem dinheiro é uma enormidade de catarinenses, sem escola, sem segurança sem saúde. Ainda explico: o blefe é que a AL precisa de reforma de muitos bilhões de reais. Isso é uma afronta a toda sociedade catarinense ou um deboche direto ao magistério em pé de guerra. Alunos e pais de escolas desabando estão indignados. Numa crise dessas é jogar a última pá de cal no no túmulo do respeito público e dar gasolina em galões para os incendiários de todas as espécies. Não adianta mais esquemas, especialistas, união de forças, segurança em debate… nada mais segura uma revolta catarinense geral, ampla e irrestrita, na trilha da nacional contra Calheiros e o congresso. Não adianta mais nada, é o fim da linha do ônibus da moralidade pública incendiado. Com governador, sem governador, trabalhador ou malandro, nada mais importa. O caos é tão completo que chego a pensar estar ele de gozação com o Colombo. Afinal alguém tem que devolver a ele o sorriso sarcástico de misantropo monge do deserto. Alguém tem que dar a largada do pacto da derrubada.

  • José Germano Cardoso diz: 19 de fevereiro de 2013

    Em tempos tão sombrios, em calores tão aquecidos… Nada como cantar… Pois quem canta seus males espanta, é o dito.
    ” Nada do que foi será… Do jeito… que já foi um dia ” ( não lembro o autor – escusas de crédito – agradeço se ajudarem – grato )

  • Moacir Pereira diz: 19 de fevereiro de 2013

    Caro Germano
    E música intitula-se “Como uma onda”, de Lulu Santos. A letra completa segue:
    Nada do que foi será
    De novo do jeito que já foi um dia
    Tudo passa
    Tudo sempre passará

    A vida vem em ondas
    Como um mar
    Num indo e vindo infinito

    Tudo que se vê não é
    Igual ao que a gente
    Viu há um segundo
    Tudo muda o tempo todo
    No mundo

    Não adianta fugir
    Nem mentir
    Pra si mesmo agora
    Há tanta vida lá fora
    Aqui dentro sempre
    Como uma onda no mar
    Como uma onda no mar
    Como uma onda no mar

    Nada do que foi será
    De novo do jeito
    Que já foi um dia
    Tudo passa
    Tudo sempre passará

    A vida vem em ondas
    Como um mar
    Num indo e vindo infinito

    Tudo que se vê não é
    Igual ao que a gente
    Viu há um segundo
    Tudo muda o tempo todo
    No mundo

    Não adianta fugir
    Nem mentir pra si mesmo agora
    Há tanta vida lá fora
    Aqui dentro sempre

    Como uma onda no mar
    Como uma onda no mar
    Como uma onda no mar
    Como uma onda no mar
    Como uma onda no mar

  • Walmor diz: 19 de fevereiro de 2013

    Pois é meu caro Colby Bluff, enquanto escolas são interditadas por falta de condições para receberem os seus alunos, no novo Presidente da Assembléia, que acaba de assumir já fala em obras de ampliação nas instalações dos prédios da Assembléia Legislativa, que certamente irão consumir milhões de reais oriundos dos impostos que todos nós pagamos diairiamente neste país. Não poderia ser mais inoportuno o Presidente da Assembléia em anunciar essas obras, num momomento delicado por que passa o Estado de Santa Catarina, com atentados em vários Municípios e crise economica que pode acarretar redução da arrecadação do Estado. O Estado necessitando investir mais nas suas áreas estratégicas como saúde, educação e segurança pública, que é do conhecimento de todos que necessitam de mais recursos financeiros e que são escassos. Certamente o nobre Deputado Presidente da Assembléia está mais preocupado em realizar as obras fisicas de ampliação da área da Assembléia para ver o seu nome colocado em uma placa na parede registrando a obra de ampliação, enquanto o Estado vive momentos difíceis, inclusive com a carência de recursos financeiros para aplicar em serviços que vão atender a população. Sinceramente não dá para entender os homens públicos e a falta de espírito republicano que demonstram.

  • ademir santos diz: 19 de fevereiro de 2013

    Caro Jornalista,
    Todo o problema catarinense se resume na passividade do desgovernador Raimnudo Colombo. Ele não consegue se posicionar diante da menor crise que seja. Parece estar desiludido com o seu desgoverno.
    Cada dia deve ser um dia de tortura para ele. Olha para um lado e vê a Ada de Luca com a sua Secretaria de Insegurança. Olha para outro e vê o Dalmo com a sua secretaria da Doença. Olha para o terceiro lado e vê o óleo ascarel escorrendo ladeira abaixo. por outro lado vê a deseducação implantada. É muito problema para uma cabeça só…. e essa cabeça não é acostumada a ser esquentada. Daí para não ser canditado a reeleição é um passo!!!!

  • DERLY DO SUL E MARCELINHO DOS TECLADOS diz: 8 de abril de 2013

    http://www.youtube.com/watch?v=-R-xL3JMnOg
    http://www.youtube.com/user/marcelo37369
    https://www.facebook.com/AVidaValeMaisQueAsDrogas

    vamos juntos combater esse mal da sociedade pois o crime organizado que esta destruindo esse pais e o mundo,
    traficantes teriam de ter leis mais fortes com penas severas para quem for corrupto e traficantes e bandidos em geral, do tem de ter leis de primeiro mundo tanbém codigo penal de verdade é aquele que pune os errados não aquele que absolve o culpado, abraços a todos