Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Saulo Sperotto deixa Secretaria Regional de Caçador

27 de fevereiro de 2013 6

O Secretário de Desenvolvimento Regional de Caçador, Saulo Sperotto, reuniu a imprensa para anunciar o seu pedido de exoneração. A decisão foi tomada após Saulo ser informado da decisão de juíza Luciana Pelisser Gottardi Trentini, determinando o seu afastamento imediato de Saulo no cargo. O secretário estava em Florianópolis no dia em que saiu a decisão, se reuniu com advogados e encaminhou a carta pedindo a exoneração ao governador Raimundo Colombo.
Disse que “o principal motivo da decisão foi a de não prejudicar o Governo e nem a Secretaria Regional em Caçador, uma vez que, recorrendo e continuando no cargo, uma multa diária poderia ser aplicada por descumprimento de ordem judicial e os trabalhos devido ao processo poderiam ser prejudicados ou interrompidos.”
– Estou saindo do cargo de secretario regional para não causar complicações ao Estado, mas vou recorrer judicialmente fora do cargo até a ultima instância e vou atrás dos meus direitos”, completou.

Comentários

comments

Comentários (6)

  • leda diz: 27 de fevereiro de 2013

    Quem vai ser nomeado para mamar nesta “teta” vacante???

  • marcelocardosodasilva diz: 28 de fevereiro de 2013

    …ÔÔ Magistério Público Catarinense precisa inventar-se à toda hora; para superar ÔÔ “CRIME” imposto pela irresponsabilidade do “estado”!!!

  • Curió diz: 28 de fevereiro de 2013

    ” Cai o rei de espada, cai o rei de ouro, cai não fica nada… ”
    * Acaba logo com isso! Tem que pagar o magistério, só o judiciário não vai dar certo. O berro vai ser grande demais e o João Raimundo Colombo vai levar um grande tombo.

  • Sérgio diz: 28 de fevereiro de 2013

    Basta que o felizardo tenha uma “mácula” para que seja nomeado para a SDR.Esta parece ser o principal item do currí
    culo dos pretendentes.Qual será o próximo “pau de galinheiro”?As SDR’s só confirmam o que o Colombo falava:Cabidaço de Empregos.Parabéns ao MP!

  • Santos diz: 28 de fevereiro de 2013

    Vou repetir o que postei a alguns dias sobre este meliante (não merece nem ser chamado de indivíduo).
    A algum tempo atrás, qdo aquele “distinto” senhor era presidente da JUCESC, enviei várias mensagens para vários setores do Governo do Estado e nunca obtive resposta. Realmente uma verdadeira vergonha o Governador nomear este indivíduo para algum cargo público. Registro que quando ele foi expulso da Prefeitura de Caçador pelo TRE/SC, o TCE/SC foi instado pelo então Prefeito Ilmar Galvão. O que se encontrou foi um cenário típico do sertão nordestino (perdão por essa analogia com o Nordeste).
    Se este ser possui respaldo do PSDB para “assumir cargos”, então o partido está muito mal de partidários. Precisa urgente renovar seus nomes.
    Agora, a sociedade deve prestar atenção e o Governador irá nomeá-lo para outro cargo. Se isso acontecer, quem tem que

    Ps.: O MP estadual não fez mais do que sua obrigação. Repito: foi instado a se manifestar, pois houve denúncias dos cidadãos. Esses sim verdadeiros paladinos e abnegados.

  • Giffoni diz: 28 de fevereiro de 2013

    Ele ter “pedido” para sair depois da decisão judicial, em si, não é o verdadeiro problema que assola o desgoverno raimundiano: sua nomeação, assim como a de muitos outros investigados, denunciados, pronunciados, processados e condenados pela justiça, sim, é o que realmente demonstra a que vieram esses raimundianos: é só dar uma passadinha no “google” e digitar os nomes que o compõe.