Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

PMDB consolida posição dentro do governo Colombo

07 de abril de 2014 11

Antes mesmo da pré-convenção o PMDB pró-Colombo e o o governo articularam a favor da tese do prosseguimento da aliança. A presidência da Casan, que era ocupada por Dalirio Beber, do PSDB, conta agora com o engenheiro Valter Galina, do PMDB. Galina, ex-deputado estadual, era afinado ao grupo de Dário Berger. A hipótese de ser confirmado no cargo até o fim do governo já é considerada tranquila se a pré-convenção decidir pela reeleição de Colombo.

Na Fatma também confirmou-se a presença do PMDB no governo. O ex-deputado Gean Loureiro, que também era do esquema de Dário Berger, emplacou o sucessor, com a nomeação do advogado Alexandre Waltrick Rates na presidência da Fundação.

No encontro regional do PMDB em Tijucas, no último final de semana, os discursos ganharam mais contundência na linha do apoio ao prosseguimento da coligação com Raimundo Colombo. O prefeito de Braço do Norte, Ademir Matos, por exemplo, chegou a ligar para Eduardo Moreira para informar das comemorações dos líderes do PMDB no sul com os resultados da pesquisa Ibope e a surpreendente decisão de Edison Piriquito.

Comentários

comments

Comentários (11)

  • fiedler diz: 7 de abril de 2014

    É o fim do partido em Santa Catarina , além da base na grande maioria votarem contra os a favor de cargos , pousos haverá uma desfiliação em massa , aguardem … Desfiliações que começam por mim , que tenho 40 anos de PMDB… Saudações …

  • marcos matysiak diz: 7 de abril de 2014

    ESTÃO VENDO, É SÓ ARRUMAR UNS CARGUINHOS QUE TUDO RESOLVE….. E A COLIGAÇÃO CONTINUARÁ EM BENEFÍCIO DOS PARTIDOS COLIGADOS É CLARO, JÁ O POVO QUE REZE E PEÇA BENÇÃO A DEUS….

  • Walmor diz: 7 de abril de 2014

    Moacir alguma novidade nisso, a ocupação de muitos cargos dentro da máquina administrativa do Governo. Tem que perguntar é que benefícios isso traz para os contribuintes, que é quem paga a conta, mas pelo jeito os benefícios são só políticos, pois a máquina pública vive sempre emperrada e as ações administrativas demoram para sair do papel, e o resultado são obras atrasadas, saúde pública com problemas sérios, educação cambaleando, segurança pública um caos, falta de água e energia na temporada, mobilidade urbana deficiente, e por aí vai, essa é a comprovação de que esse loteamento da máquina pública não dá resultado. Tem político que é pau para toda obra, pois serve para qualquer cargo disponível.

  • juca diz: 7 de abril de 2014

    Ganha no primeiro turno o Colombinho.

  • observador diz: 7 de abril de 2014

    tudo por um carginho e um e$quema
    a política no Brasil acabou !

  • Aloisio Antoni diz: 7 de abril de 2014

    É uma pena um partido da envergadura do PMDB não saber resistir ao poder de uma simples caneta . Também é uma pena que as principais lideranças do partido usem seu poder político para sufocar as lideranças emergentes. Isto é antidemocrático e danoso ao partido, que fica a mercê de barganhas que fatalmente a médio prazo o levarão à autodestruição.

  • Joel Dias Sobrinho diz: 7 de abril de 2014

    porra em Tijucas?
    tá ruim mesmo. perderam tempo.
    nem filiado tem aqui.

  • artesão diz: 7 de abril de 2014

    Do jeito que estas oligarquias são tratadas pelos meios de comunicação em SC nunca mais saem do poder, não precisa nem gastar dinheiro com eleição, basta fazer uma pesquisa e colocar o sujeito no poder. Não haverá nenhum debate de ideias, a democracia esta subjugada ao dinheiro, caciques e coronéis piores do que no nordeste atuam em SC. É pior que no Maranhão!!!

  • Rogério Vieira diz: 7 de abril de 2014

    Essa é máxima do PMDB: Se há uma teta para mamar, la estaremos.

  • Irineu Roque Sberse diz: 7 de abril de 2014

    Nas ruas, nas rodinhas em bares, não se houve outra coisa a não ser a seguinte pergunta “Está mais que consolidado a coligação PSD e PMDB”. Consequentemente o PSDB não vai estar nesta tríplice, acreditam todos e pergunta-se “Se o Paulo Bauer do PSDB vai ser candidato ao governo em outra chapa, porque ainda não entregaram os cargos de confiança do Governador Colombo?”. Que são centenas no estado.

  • Lírio diz: 7 de abril de 2014

    O PMDB virou Partido de negócios escusos…..