Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Dilma defende reforma política

30 de julho de 2014 4

A presidente Dilma Rousseff defendeu com ênfase a reforma politica e uma luta constante contra a burocracia. Novas declarações:
– Estou feliz com os investimentos em infraestrutura. Somos herdeiros de uma situação lamentável. O Brasil acabou com o planejamento. Os engenheiros deixaram as empresas de projetos e de engenharia.
– Fomos, contudo, o governo que mais investiu em concessões de infraestrutura.
– Ninguém duvida que o Brasil precisa de uma reforma politica. Mas acho que tem que haver participação popular. Um plebiscito, por exemplo.
- Temos que correr contra a burocracia e pela aprovação da reforma politica.

Comentários

comments

Comentários (4)

  • Irineu diz: 30 de julho de 2014

    Se o congresso nacional não apoiar a presidente para estas reformas, nada vai acontecer. Agora, pela retrospectiva, se qualquer reforma depende realmente do congresso nacional, nem daqui a dois séculos nenhuma reforma vai acontecer. Somente remendos.

  • Reimar diz: 30 de julho de 2014

    Para seu padrão de governo, deve estar mesmo feliz com os investimentos em infraestrutura. Forte concorrente para “Piada do ano”.

  • Irineu diz: 31 de julho de 2014

    Para seu conhecimento, recorra ao google, no portal da transparência e veja o quanto o governo Dilma aplicou em infraestrutura e compare com o mesmo item no teu governo tucano e veja a diferença. Aquele velho ditado diz”até papagaio fala”.

  • Reimar diz: 1 de agosto de 2014

    Não sou Tucano. Apenas penso que em matéria investimentos em infra-estrutura nenhum governo até hoje chegou perto do que os militares fizeram. Agora, você deve considerar que fazer porto em Cuba, estradas na Bolívia, comprar Refinarias Superfaturadas e outras bandalheiras é aplicar em infra-estrutura. Do jeito que defende esses incompetentes deve ter um carguinho.
    Aproveite enquanto pode.