Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Múltiplos apoios

20 de agosto de 2014 6

IMG_6319

No evento que marcou o lançamento da candidatura do vice-prefeito de Florianópolis, João Amin (PP), à Assembléia Legislativa, o prefeito Cesar Souza Junior (PSD) discursou ao lado dos candidatos ao governo Paulo Bauer (PSDB), o vice Joares Ponticelli (PP) e ao Senado, Paulo Bornhausen (PSB). O prefeito afirmou que estava em um palanque com “amigos”, mas reforçou que seu candidato ao governo é Raimundo Colombo e sua posição na chapa majoritária é partidária. Curiosidade desse emaranhado eleitoral: Cesar Junior apoia Colombo e apoia João Amin, sendo que esse último apoia Bauer.

Comentários

comments

Comentários (6)

  • Darlan diz: 20 de agosto de 2014

    Literalmente um balaio de siris.

  • Felipe diz: 20 de agosto de 2014

    E, por posição partidária, César Souza Júnior apoia Dário Berger para o Senado…

  • Olho de Tundera diz: 20 de agosto de 2014

    É por estas e outras que a política brasileira está uma merda, pois com o cenário que se apresenta fica do tipo, eu perco mas não perco, e, nós pobres mortais recebendo toda titica que eles produzem.
    Acorda meu povo.

  • Virgulino Lampião diz: 20 de agosto de 2014

    Por que não vão estudar e batalhar por concursos públicos como muitos fazem, com tantos sacrifícios, e seguir uma carreira digna que lhes propiciem o desempenho de importantes funções sociais? Vocês querem é moleza, sempre associada a majestosos benefícios!

  • Giffoni diz: 20 de agosto de 2014

    A eleição em SC é grande candidata ao título da série “me engana que eu gosto”, pois, são “adversários e cupinchas” ao mesmo tempo: só o povão, mesmo, para achar que muda alguma coisa entre uns e outros: são os mesmos de sempre: com novas fantasias. Os mesmos fantasmas que assombram o estado há muito tempo: aliás, os miliquentos e os consentidos.

  • Marcos diz: 21 de agosto de 2014

    Apoiando o Amin pra ver ele longe da prefeitura e o PSD ficar com todo o bolo! Digo isso, pois caso o Amin ganhe uma vaga na ALESC, o cargo de vice fica vago e na ausencia do prefeito assume o presidente da Camara (Cesar Faria).

    Pelo jeito, o filhote de Amin não é bem vindo na PMF.