Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Entre o bom humor e a crise

30 de junho de 2015 4
Foto: Diorgenes Pandini

Foto: Diorgenes Pandini

Bem-humorado e otimista, o governador Raimundo Colombo (PSD), em entrevista a jornalistas do Grupo RBS na tarde desta segunda-feira (29), nem parecia o mesmo que, pela manhã, recebeu oficialmente do Tribunal de Contas do Estado (TCE) o alerta de que o governo ultrapassara pela primeira vez desde 2001 o limite da Lei de Responsabilidade Fiscal com folha de pagamento. De certa forma, era esperado. A arrecadação do Estado vinha dando sinais mês a mês de que não conseguiria manter o crescimento acima da inflação e que a crise econômica nacional fatalmente aportaria em Santa Catarina.

De acordo com o TCE, o Estado está gastando 49,15% da Receita Corrente Líquida com os salários dos servidores – 0,15 ponto acima do que determina a regra. Está legalmente de promover reajustes salariais e contratações, salvo algumas exceções. Também corre o risco de ver convênios federais bloqueados. O pior de tudo: o próprio governador admite que a tendência da economia é piorar – o que vai continuar afetando a arrecadação.

Diante disso, de onde vem o bom humor do governador? Existem diversos fatores para explicá-lo. Na questão econômica mesmo, Santa Catarina ainda apresenta índices favoráveis na comparação com demais Estados e  o contexto nacional. O governo terá R$ 3 bilhões do Pacto por Santa Catarina para obras – mais do que a iniciativa privada estima investir este ano, que é R$ 2,4 bilhões. A expectativa é que esse montante estimule a economia neste momento de retração.

Além disso, Colombo acredita estar vivendo seu melhor momento politicamente. As disputas internas entre PSD e PMDB  entraram em hibernação – pelo menos até esquentarem as brigas das eleições municipais. Talvez por isso tenha optado por apresentar agora o projeto que rebatiza as secretarias regionais para agências regionais e corta 217 cargos nas 36 estruturas. É hora de economizar e ele tem um documento do TCE para comprovar.

*Texto de Upiara Boschi (interino)

Comentários

comments

Comentários (4)

  • Norberto diz: 30 de junho de 2015

    Eu acredito…e confio neste Senhor.

  • Luciana diz: 30 de junho de 2015

    “Gestores de hospitais de SC fazem protesto e falam até em colapso do sistema de saúde”; Professores Estaduais em greve por mais de dois meses e ainda sem receber o reajuste e o piso nacional na carreira. Com que o governador Colombo está otimista? E esse “bom-humor” deve ser resultado do dinheiro público que está sobrando por conta do descaso com saúde e educação. O governador está rindo à toa enquanto o povo padece. Mas as SDRs vão muito bem, cabides de emprego por toda SC.

  • leda diz: 30 de junho de 2015

    Lei de responsabilidade fiscal – fechamento dos cabides de emprego, curral eleitoral ou simplesmente, SDRs. Tá resolvido o problema!

  • Cleusa elena do Nascimdnto diz: 1 de julho de 2015

    Ninguém acredita mais neste babaca!