Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.

Posse da diretoria da Acij e assinatura de convênio com a Jucesc em Joinville

30 de junho de 2015 Comentários desativados
Governador participa da posse da diretoria da Acij e assina convênios em Joinville - 30/06/2015 - Foto: Julio Cavalheiro/Secom

Governador participa da posse da diretoria da Acij e assina convênios em Joinville – 30/06/2015 – Foto: Julio Cavalheiro/Secom

A solenidade de posse da diretoria da Associação Empresarial de Joinville (Acij)  foi nesta segunda, 29, na Sociedade Harmonia Lyra. O governador Raimundo Colombo esteve presente. Permanece à frente da entidade até junho de 2016 João Joaquim Martinelli.  Também foram empossados os conselhos superior, deliberativo e fiscal, além de núcleos e coordenadores de gestão compartilhada.

Durante o evento o Governo do Estado celebrou convênio com a Junta Comercial de Santa Catarina (Jucesc) e a Associação Empresarial de Joinville (Acij). Também foi assinado protocolo de intenções com a empresa Krona Tubos e Conexões. A operacionalização dos serviços da Jucesc passará a ser realizada na sede da Acij. O objetivo é reduzir o tempo das operações de abertura de empresas para menos de 20 dias. Toda a transferência será concluída até o dia 30 de julho. O governador falou ainda da importância do setor empresarial perceber que a crise pode ser uma oportunidade para crescimento e expansão. “Já é da tradição de Santa Catarina a exportação de diversos produtos e temos de buscar mais o mercado internacional para continuar a crescer”. Colombo falou que o Governo está em tratativas para levar empresas catarinenses para a Alemanha e Correia.

 João Joaquim Martinelli, reempossado presidente, destacou a parceria com o Governo do Estado no ano em que esteve à frente da entidade e reforçou a continuidade. “Há um esforço do Estado em trazer mais empresas e ajudar a os investimentos das existentes”, disse. Ressaltou ainda os pedidos atendidos nas áreas da segurança pública, infraestrutura e as discussões para o ajuste fiscal.

Comentários

comments

Não é possível comentar.