Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Governo de SC libera R$ 1,3 milhão para conclusão da rede subterrânea de energia em Lages

09 de julho de 2015 Comentários desativados

A modernização do centro de uma das principais cidades de Santa Catarina ganhará um novo impulso nos próximos dias. O governador Raimundo Colombo autorizou a liberação de R$ 1,3 milhão para a retomada das obras da rede subterrânea de energia elétrica em Lages. Com isso, será possível realizar as melhorias necessárias e fazer a recomposição das calçadas das vias urbanas. O diretor de distribuição da Celesc, James Alberto Giacomazzi, explica que havia um impasse entre a companhia e a prefeitura de Lages com relação às calçadas porque o serviço, apesar de constar no edital, não estava previsto em contrato.

Giacomazzi lembra que toda a fiação das companhias de telecomunicação está nos postes, mas a Celesc é responsável apenas pela rede de energia elétrica. Porém, a companhia assumiu a responsabilidade e, com a liberação de mais R$ 1,3 milhão por parte do governo do Estado, será possível concluir os trabalhos. A rede subterrânea de Lages compreende um total de sete mil metros em algumas das principais ruas da área central da cidade, como Aristiliano Ramos, Caetano Vieira da Costa, Coronel Córdova, Correia Pinto, Emiliano Ramos (Via Gastronômica), Marechal Deodoro, Presidente Nereu e Quintino Bocaiúva.

O investimento do governo do Estado é de R$ 8 milhões, e como as obras dependem de tempo bom e não podem ser executadas com nenhuma umidade, a previsão é de que sejam concluídas até o fim de 2016. “A rede subterrânea diminui a incidência de curtos-circuitos, a queda de árvores nos fios, a poluição visual da cidade e até os acidentes de trânsito com batidas em postes. Além disso, garante maior confiabilidade do sistema de energia elétrica”, diz o gerente regional da Celesc em Lages, José Afonso Marin.

Comentários

comments

Não é possível comentar.