Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Itajaí e o futuro incerto do porto

21 de julho de 2015 Comentários desativados

Deputado federal Décio Lima(PT) cumpriu agenda em Itajaí, onde se reuniu com o presidente da Associação Empresarial, Eclésio da Silva, falou pelo telefone com o administrador do porto, Antônio Ayres dos Santos Junior, e manteve contatos com várias lideranças. Principal tema dos encontros: o futuro do Complexo Portuário de Itajaí.
A situação é considerada delicada. Há pouco mais de cinco anos Itajaí tinha os mesmos equipamentos usados pela Portonave. De lá para cá, o porto de Navegantes instalou novos transtaineres e equipamentos modernos, racionalizou custos e tornou-se mais competitivo. Itajaí estacionou. As empresas concessionárias não se dispõem a investir 160 milhões de reais, indispensáveis para reequipagem do porto. O contrato tem apenas 7 anos de vigência.
Décio Lima informa que há tres alternativas para o porto de Itajaí tornar-se mais competitivo, dentro da atual legislação: 1. Plano de expansão, com renovação do contrato por mais 20 anos, no mínimo; 2. Ajuste econômico, prevendo também ampliação da concessão; 3. Nova licitação por 25 anos de concessão, renovável por mais 25.
O parlamentar petista sustenta que uma solução para o Complexo Portuário de Itajaí é de interesse de toda a economia catarinense. Nos últimos anos, Itajaí passou à liderar o movimento econômico e atingiu níveis excepcionais de crescimento em função das atividades portuárias.
As alternativas são estudadas pela Secretaria Especial de Portos, em Brasília. São acompanhadas de perto por Décio Lima e agora encampadas pelo Fórum Parlamentar Catarinense.

Comentários

comments

Não é possível comentar.