Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Novos diretores da Eletrosul tomam posse

28 de julho de 2015 6
Esq. p/ dir.: Antônio Vittori, Claudio Vignatti, Djalma Berger, Ronaldo Custódio e Paulo Afonso. Foto: Hermínio Nunes / Divulgação Eletrosul

Esq. p/ dir.: Antônio Vittori, Claudio Vignatti, Djalma Berger, Ronaldo Custódio e Paulo Afonso. Foto: Hermínio Nunes / Divulgação Eletrosul

“Em cerimônia realizada na manhã desta terça-feira (28), na sede da Eletrosul, em Florianópolis, tomaram posse na Diretoria Executiva da empresa, Djalma Vando Berger, na Presidência, Claudio Antonio Vignatti, na Diretoria Financeira, e Antonio Waldir Vittori, na Diretoria de Operação. A nomeação dos novos titulares havia sido aprovada pelo Conselho de Administração da Eletrosul no último dia 16. Aproximadamente 600 pessoas, entre empregados, autoridades e representantes do setor elétrico nacional, acompanharam a solenidade.

O compromisso com a continuidade da expansão da atuação da Eletrosul nos segmentos de geração e transmissão, com o propósito de contribuir com a segurança energética nacional, deu a tônica dos discursos dos diretores empossados. “É, sem dúvida, com muito orgulho, mas também com muita responsabilidade, que assumo o cargo de presidente da Diretoria Colegiada da Eletrosul, ciente da sua importância no crescimento, desenvolvimento econômico e social da sua região de atuação e do setor elétrico brasileiro”, afirmou Djalma Berger.

Já o presidente da Eletrobras, José da Costa Carvalho Neto, lembrou do esforço da Eletrosul para recompor seu parque gerador, que já soma mais de 2 gigawatts de capacidade instalada, e da expectativa de que a empresa chegue aos 3 gigawatts de potência em um futuro muito próximo, com uma matriz de energia limpa, baseada, principalmente, nas fontes hídrica e eólica.

O secretário de Planejamento e Desenvolvimento Energético do Ministério de Minas e Energia, Altino Ventura Filho, que esteve representando o ministro Eduardo Braga na cerimônia, destacou a relevância do papel da Eletrobras e da Eletrosul na ampliação da oferta de energia para fazer frente ao crescimento do País. “Hoje, nós temos 140 mil megawatts de capacidade de geração e temos o desafio de dobrar o sistema elétrico nos próximos 15 anos”, afirmou, lembrando da participação da Eletrosul em importantes obras estruturantes como as hidrelétricas Jirau e Teles Pires, no Norte do Brasil, que irão compor essa expansão.(Do site da Eletrosul)

Comentários

comments

Comentários (6)

  • Pedro Paulo de Miranda diz: 28 de julho de 2015

    POIS AGORA!

  • Gabriel diz: 28 de julho de 2015

    Com certeza devem estar lá por terem um invejável curriculum.

  • gualter diz: 29 de julho de 2015

    Um Ex-Governador do Estado sendo mandado pelo Djalma Berger. Se bem que, de escandalos, os dois entendem bem………..Talvez por isso, tenha aceitado tamanha humilhação.

  • Paulo César da Rosa Romão diz: 29 de julho de 2015

    Salve-se quem puder!

  • fernando diz: 29 de julho de 2015

    Nojo, tralharada, DJALMA BERGER , PAULO AFONSO, o Homem das letras e do atraso na folha de pagamento dos funcionários públicos, DJALMA BERGER não tem competência para administrar nem um condomínio Residencial é só perguntar para a População de São José, que fez ele sair da prefeitura com o rabinho entre as pernas, FOI HUMILHADO NAS URNAS … democraticamente…

  • leda diz: 29 de julho de 2015

    Cara-de-pau!!! Deveriam se esconder de vergonha!!! Só na mamata!!!