Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Colombo veta projeto que liberava servidores para sindicatos

30 de julho de 2015 8

O governador Raimundo Colombo vetou projeto de lei aprovado pela Assembleia Legislativa que ampliava o número de sindicalistas dispensados do trabalho. O projeto é de autoria do deputado Aldo Schneider, do PMDB. Segundo a Secretaria da Administração, a lei autoriza liberação do ponto apenas dos presidentes dos sindicatos. O projeto beneficiava também os vice-presidentes.

Comentários

comments

Comentários (8)

  • Mané Estrangeiro diz: 30 de julho de 2015

    Matar o mal pela raiz. Hoje o vice, amanhã o secretário e no fim, todo mundo. Iria virar um poço sem fundo.

  • Cláudio diz: 30 de julho de 2015

    Fez muito bem, por falar nisso quero de volta minha “contribuição” compulsória de um dia de trabalho, seus parasitas.

  • bento diz: 30 de julho de 2015

    Esse deputado merece o desprezo de seus eleitores.
    Fazer esmola com dinheiro do povo
    Puxa saco de $indicali$ta$ !

  • Herbert diz: 30 de julho de 2015

    Tem muito dinheiro rolando nos sindicatos.É preciso uma nova legislação nesta área para acabar com essa pilantragem que é sustentada com nosso dinheiro suado. Antes esse dinheiro fosse aplicado em algo construtivo para a sociedade.

  • Alemão da Gamboa diz: 30 de julho de 2015

    Dizem que na Celesc tem mais de 40 sindicalistas que não trabalham, liberados para curtirem a vida.
    Bando de sem vergonhas. Parasitas.

  • Décio diz: 31 de julho de 2015

    Qual o interesse deste Deputado no aumento de mais um Funcionário a disposição dos Síndicatos ? Este Deputado poderia usar seu precioso tempo para fazer alguma coisa em favor dos Catarinenses. É muita mediocridade.

  • Empregado da Celesc diz: 31 de julho de 2015

    Não é verdade que na Celesc tem mais de 40 sindicalistas liberados do ponto diario.
    São só uns 30.
    Mas é verdade que nunca trabalharam na empresa.

  • Marcia diz: 31 de julho de 2015

    Este deputado deve conhecer muito bem o funcionalismo público para saber o quanto é importante a presença do sindicato perante os servidores. Parabéns pela iniciativa do Projeto.