Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Chapecó faz campanha pela redução do número de vereadores

14 de agosto de 2015 3
Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Espalham-se por municípios de Santa Catarina campanhas contra o aumento do número de vereadores e pela redução das Câmaras. A última manifestação aconteceu em Chapecó. Idealizada pela ACIC, CDL e SICOM e endossada por mais de 20 instituições, até o momento, a Campanha “Chega de Faz de Conta – Redução de 21 para 15 vereadores“. A intenção é promover essa redução através de uma Emenda de iniciativa popular à Lei Orgânica do Município de Chapecó (LOM).

A proposta foi apresentada aos profissionais da imprensa pelo diretor executivo do SICOM, Eduardo Perone, acompanhado pelos presidentes Bento Zanoni, da ACIC, José Carlos Benini, da CDL Chapecó, e do Sicom, Marcos Barbieiri. Os líderes empresariais justificam que o Estado brasileiro atravessa um importante momento de reafirmação institucional, política e econômica, no qual a sociedade civil organizada deve manter o seu papel de relevância neste cenário, contribuindo de forma democrática e republicana com as ações legítimas e legalmente constitucionais emanadas pelos cidadãos brasileiros.

Segundo os presidentes, as entidades empresariais vem reiteradamente, de forma discreta, há mais de quatro anos pleiteando junto às representações políticas municipais, a redução do número de vereadores do município e, consequentemente, redução de custos com o legislativo municipal, entre outras. Chapecó possui aproximadamente 200 mil habitantes e, desde 2010, aumentou o número de vereadores para o máximo permitido pela Constituição Federal, ou seja, 21.

Em tempos de economia recessiva e uma relação de custo x benefício inversamente proporcional aos cofres públicos e no ônus ao contribuinte, esse aumento corresponde a mais de R$ 3,2 milhões de acréscimo ao ano no orçamento do legislativo municipal.

A campanha consistirá na coleta de assinaturas para, por meio de iniciativa popular apresentar a Emenda à Lei Orgânica do Município. Considerando o número de eleitores do município, serão necessárias 6.874 assinaturas. O prazo para apresentação do projeto é junho de 2016.

Comentários

comments

Comentários (3)

  • Cláudio diz: 14 de agosto de 2015

    Não tem que reduzir o número de vereadores, o que tem quer reduzir são os salários. Eles aceitam trabalhar até de graça. Façam um teste por trinta dias, e vejam como todos eles voltam no mês seguinte.

  • acir diz: 14 de agosto de 2015

    Caro Moacir. Esta proposta parace ser boa .
    Mais nada vai resolver, se para manter a camara continua recebendo os mesmos valores. O que temos que reividicar é a redução dos percentuais estabelecidos. Não podemos mais adimitir que uma camara de vereadores tenha o direito de gastar 5% de toda a recadação do municipio. Esta proposta feita por está associação diminui a representatiidade e não provoca economia.

  • HELIO SILVA DE OLIVEIRA diz: 25 de agosto de 2015

    Gostaria de saber onde se pode assinar pela redução de vereadores e salários dos mesmos. Meus parabéns a essas entidades que lançaram esta campanha.
    Afinal de contas para quê tanta gente se, praticamente, não fazem nada e não existe retorno ao contribuinte. Até que enfim a sociedade está se dando conta de que a grande maioria dos Políticos são carreiristas, só se interessam por aquilo que lhe diz respeito. O povo que se dane.