Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts com a tag "eleições 2014"

Dilma virá dia 16 a Santa Catarina

09 de outubro de 2014 8

Da coluna de hoje do Moacir Pereira:

A presidente Dilma Rousseff agendou para o dia 16 de outubro presença em Florianópolis para participar de uma concentração política reunindo os principais aliados. Anúncio feito pelo coordenador do Comitê, Paulo Eccel, depois de participar de reunião nacional em Brasilia, juntamente com o presidente estadual Cláudio Vignatti.

A campanha começa hoje. Com outro slogan: “Governo novo, ideais novas”. A temática também vai mudar no rádio e na televisão. Paulo Eccel sugeriu durante o encontro que Dilma reabrisse a discussão sobre o fator previdenciário. Constata que esta é uma das aspirações dos trabalhadores. Outros dirigentes pensam assim.

O marketing da campanha vai ser concentrado, também, em propostas e debate sobre a Petrobrás. Para fazer o contraponto das denúncias de corrupção na estatal, Dilma atacará a privatização.

Em Santa Catarina, o segundo turno dividiu claramente as forças políticas. O PSDB e o PP já haviam declarado apoio a Aécio Neves. O PSB formalizou a adesão em reunião da Executiva Estadual.

No outro lado estão o PT, o PSD e o PMDB. O PSD está decidido a acompanhar o governador Raimundo Colombo. Vai para as ruas pedir votos para Dilma. E a bancada do PMDB na Assembleia aprovou, por unanimidade, apoio à presidente. Há deputados que não concordam com esta posição. Estes ficarão fora. A justificativa do PMDB: se der Dilma, o partido que tem o vice fica forte em Santa Catarina. E se der Aécio, o novo presidente terá que negociar com o PMDB, maior partido no Congresso.

Colombo grava depoimento de apoio à reeleição de Dilma

08 de outubro de 2014 29

Os comandos nacional e estadual do PT estão empenhados em obter apoios politicos das lideranças dos partidos e autoridades de Santa Catarina à candidatura de Dilma Rousseff no segundo turno.  O governador Raimundo Colombo já gravou o primeiro depoimento, depois da reunião com a presidente em Brasilia.

Eleitorado distante das eleições para Câmara e Assembleia

30 de setembro de 2014 10

Da coluna de hoje do Moacir Pereira:

Ao contrário de eleições anteriores, este ano não foram realizadas pesquisas estaduais sobre as preferências do eleitorado catarinense entre os candidatos à Câmara Federal e Assembleia Legislativa. Assim, a bolsa de apostas varia conforme a região e as preferências dos pesquisadores.

Pelas avaliações políticas, a primeira conclusão a que chegam as lideranças partidárias é de que deverá ser mínimo o percentual de renovação das duas representações politicas de Santa Catarina.

Também por isso, as atenções voltam-se para as duas eleições majoritárias. A do senado, em turno único, será decidida no próximo domingo. A disputa para o governo deve ser definida dia 5 de outubro, segundo todas as pesquisas que indicam favoritismo do governador Raimundo Colombo, do PSD. Mas Paulo Bauer, do PSDB, e Cláudio Vignatti, do PT, não jogaram a toalha. Alegam que os números das prévias não conferem com a movimentação das ruas e mantém-se esperançosos. Os números oficiais das eleições de outubro, além de indicarem os eleitos, também darão uma ideia aos catarinenses sobre o nível de acerto e de confiabilidade das pesquisas.

Nestes últimos dias, dois fatores poderão oxigenar ou até desinflar os números: o debate desta noite na RBS-TV, a ser transmitido em horário nobre para todo o Estado, e a mobilização dos partidos e alianças. Além deste cenário previsível só algum fato novo na esfera judicial.

Leia também
::: Site especial do DC terá apuração em tempo real
::: Outras notícias das Eleições 2014

Acompanhe ao vivo debate entre os candidatos de Santa Catarina ao Senado

29 de setembro de 2014 1

Direto do Diário Catarinense

Seis candidatos de Santa Catarina ao Senado participam de debate nesta segunda-feira às 21h. A transmissão será feita diretamente do estúdio da TVCOM, no Morro da Cruz, em Florianópolis. Estarão presentes Alan Alves Moreira (PMN), Sargento Amauri Soares (PSOL), Dário Berger (PMDB), Milton Mendes (PT), Paulo Bornhausen (PSB) e Professora Junara Ferraz (PRP).  O debate pode ser acompanhado em tempo real pelo site do Diário Catarinense e também através do Twitter (confira abaixo).

>>> Leia também
::: Disputa pelo Senado esquenta na reta final da campanha
::: Site especial do DC terá 
apuração em tempo real
::: Outras notícias das Eleições 2014

Os encontros com Michel Temer em Lages

29 de setembro de 2014 2
Foto: Newton Wolff / Divulgação

Foto: Newton Wolff / Divulgação

O governador Raimundo Colombo não participou da programação cumprida em Lages, sua terra natal, pelo vice-presidente Michel Temer, também presidente do PMDB. A explicação dada pelo prefeito Eliseu Matos(PMDB): como era um comício de apoio à presidente Dilma Rousseff, do PT, e não haveria outra visita de sua coligação em Santa Catarina, a orientação foi a de evitar a presença dos candidatos majoritários do PMDB e do PT. Por isso, também lá não estiveram os candidatos Dário Berger (Senado, PMDB), Cláudio Vignatti e Miltom Mendes, ambos do PT.

O comício contou com a presença dos 9 partidos que respaldam a candidatura Dilma em Santa Catarina. Todos os 18 prefeitos da Amures e mais os prefeitos do PSDB, como o próprio presidente da Associação, Edelvânio Nunes Topanoti, prefeito de Bom Jardim da Serra, e do PSB, Ivonir Fernandes da Silva, prefeito de Anita Garibaldi.

Para marcar o apoio politico dos dois partidos lá estiveram o principal prefeito do PSD, Cesar Souza Junior, de Florianópolis, e do PT, Paulo Eccel, de Brusque.

A campanha vai se encerrar sem que apenas Dilma Rousseff tenha comparecido ao Estado. A presidente tinha os apoios do PT de Vignatti e do PSD de Colombo e disse várias vezes que só viria para eventos os palanques, em encontros isolados.
O coordenador de seu comitê estadual, Paulo Eccel, anunciou que Dilma virá no segundo turno. E, pelas pesquisas, com palanque único.

Leia também
::: Site especial do DC terá apuração em tempo real
::: Outras notícias das Eleições 2014

Os fundamentos do bloqueio da doação de Dário Berger pela Justiça

27 de setembro de 2014 9

Da coluna de hoje do Moacir Pereira:

O juiz Luiz Antônio Fornerolli, da 1ª Vara da Fazenda Pública da Capital, deferiu requerimento de Aderbal Lacerda da Rosa na ação popular impetrada originalmente pelo deputado Silvio Dreveck(PP), determinando ao Banco Central o bloqueio da doação de R$ 100.000,00(cem mil reais) que o candidato Dário Berger fez à sua própria campanha.

No fundamento, o magistrado sustentou que o ex-prefeito teve decretada a indisponibilidade de seus bens e valores, em ações que tramitam naquela e em outras varas de Florianópolis, no total de R$ 2.500.000,00.

Alega, ainda o juiz Fornerolli: “Estando o réu com seus bens móveis e imóveis indisponibilizados, está impedido de esvaziar seu patrimônio em quantia vultosa como aquela indicada pelo autor popular. (…) O desaviso, o descuido, o desconhecimento ou a esperteza de se valer de patrimônio proibido para alavancar massivamente o poder eleitoral, não pode debochar da boa-fé.” Finalmente, sustenta que “o erário não se encontra totalmente garantido pelos bens até então indisponibilizados”.

O advogado Paulo Moreira, que faz a defesa judicial do candidato Dário Berger, informou que vai aguardar a intimação para entrar com recurso no Tribunal de Justiça. Além disso, a filha do ex-prefeito, que é advogada, também examinará as medidas legais para as questões de natureza pessoal ou familiar. Polarizada entre Paulo Bornhausen(PSB) e Dário Berger (PMDB), a campanha ao senado está esquentando na reta final.

Leia também
::: Site especial do DC terá apuração em tempo real
::: Outras notícias das Eleições 2014

Bauer empolgado com visita de Aécio a Blumenau

25 de setembro de 2014 4

Senador Paulo Bauer liga para fazer um relato entusiasmado com o clima na visita de Aécio Neves em Blumenau. Contou 1.300 pessoas e a presença de Napoleão Bernardes, Esperidião Amin, Leonel Pavan, Paulo Bornhausen e Angela Amin. O prefeito lembrou que na Praça Dr. Blumenau há 59 anos, Juscelino Kubistchek profetizou sua arrancada para o Planalto.

Foto: J.L. Cibils, divulgação

Foto: J.L. Cibils, divulgação

A campanha das incoerências e das frustrações

22 de setembro de 2014 44

Da coluna de hoje do Moacir Pereira:

Na oposição, Lula e o PT consideravam Paulo Maluf o diabo na terra. No governo, Lula abraçou-se com Maluf para eleger o petista Fernando Haddad prefeito de São Paulo.

Na oposição, Lula e o PT metralharam Fernando Collor e lideraram o movimento pela sua cassação, por corrupção. No governo, o PT aliou-se a “anjo” Collor e hoje apoia sua candidatura em Alagoas.

Na oposição, Lula e o PT consideraram Jader Barbalho o demônio na política do Pará. No governo, tiraram as algemas por seus malfeitos e hoje estão fechados com os Barbalho.

Na oposição, Lula e o PT queriam o couro de Renan Calheiros. Era da lista dos corruptos. No governo, defenderam seus ilícitos e agora são seus aliados em Brasilia e em Alagoas.

Há dois anos, em Florianópolis, o prefeito Dário Berger(PMDB) só não chamou Raimundo Colombo(PSD) e Cesar Souza Júnior(PSD) de santos. A xingação pelo rádio e TV colocou a militância em pé de guerra. Na campanha pelas prévias do PMDB, Dário Berger valeu-se de adjetivos nada nobres para desqualificar o presidente do PMDB, Eduardo Moreira.

No fim de semana, Dário Berger, Cesar Souza Júnior e Eduardo Moreira, sob as bênçãos de Raimundo Colombo, fizeram caminhada e campanha em carro aberto, abraçados que nem réstea de cebola.

Depois ficam indagando por que a população está desinteressada, decepcionada e frustrada. Certos políticos, que depositaram a ideologia no lixo e a coerência no cemitério, também estão mandando até a dignidade para o espaço.

Trade: reinvindicações aos candidatos

19 de setembro de 2014 1

O Floripa Convention & Visitors Bureau assina o documento que está sendo entregue aos candidatos ao governo do Estado nas próximas eleições, junto com as demais entidades do Fórum de Turismo de Florianópolis. O Trade quer mudanças como a readequação do decreto 1309, de 2012, que disciplina o financiamento a programas e projetos culturais, o fomento de voos domésticos incluindo Florianópolis e demais aeroportos catarinenses, além da conclusão dos centros de convenções da capital, de Blumenau e de Balneário Camboriú. Também defende a criação do Observatório de Turismo para nortear as políticas públicas com pesquisa e monitoramento e ainda a nomeação de secretário estadual de Turismo com capacidade técnica e ampla experiência no setor, que hoje representa 12,5% do PIB estadual e cerca de 510 mil empregos formais.

Facisc irá entregar documento para os candidatos ao governo do Estado

18 de setembro de 2014 1

A Federação das Associações Empresariais de Santa Catarina elaborou a cartilha Voz Única. O documento será entregue no próximo dia 24/9 aos candidatos ao governo do Estado no Hotel Majestic em Florianópolis. Esta é a segunda edição do levantamento, que já foi realizado nas eleições de 2010. O documento conta com mais de 600 itens que envolvem temas como segurança pública, saúde, infraestrutura, política e gestão, tributário, trabalhista, meio ambiente e agricultura, e educação. Ao todo, 73 associações empresariais das 12 regiões do Estado mandaram suas reivindicações para compor o documento.