Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts de novembro 2015

Que tal abrir seu próprio negócio?

27 de novembro de 2015 0

Gosto muito de histórias de empreendedores. Eles movimentam a economia, trazem novas ideias, serviços, produtos. Em tempos bicudos, com empregos formais escassos, são ainda mais relevantes. Por isso, decidi dar espaço para eles aqui no Mundo dos Negócios. Vou contar histórias de pessoas que estão criando seus próprios negócios e prosperando com eles. É o caso do “Dudu das Caipiras“.

Muitos de vocês já devem conhecer o trabalho do Dudu, ou George Eduardo Silveira dos Santos, 45 anos. Foi dele a ideia de montar espaços em festas e eventos para fazer caipirinhas na hora, de diversos sabores. Quando você entra numa festa onde ele está, é atraído imediatamente pelo colorido das dezenas de frutas expostas em enormes potes de vidro. Dudu chama esse efeito de ‘mosaico’ de frutas’.

Divulgação

Divulgação

Em 1992, Dudu começou a trabalhar como garçom no restaurante Torta de Sorvete, na rua Padre Chagas, bairro Moinhos de Vento. Nessa época, muitas empresas e agências de propaganda começaram a se instalar por ali. Os clientes do restaurante eram publicitários, empresários, jovens empreendedores. Dudu se aproximou desse público, chamando cada cliente pelo nome. Como ele trabalhava na Padre Chagas de dia, aos poucos, esses clientes começaram a chamá-lo para trabalhar em festas à noite. “Muitos pediam que eu  também fizesse um clericot, uma caipirinha e assim eu comecei”, conta.

Até que, por ocasião do casamento de um desses clientes, a cerimonialista pediu que Dudu fizesse caipirinhas durante a festa. E ele ofereceu três sabores diferentes: limão, morango e abacaxi. Em 2007, o empreendedor deixou o emprego e passou a se dedicar apenas ao seu negócio.

No início, fazia uma média de oito eventos por mês. Hoje são 60. Em alguns sábados, chega a ter 15 festas. Nessas ocasiões, monta equipes extras para fazer o trabalho.

 

Divulgção

Divulgção

Atualmente, Dudu oferece muito mais que caipirinhas: faz também drinks especiais, coquetéis, clericot e até águas aromatizadas. Quem trabalha com ele, precisa ter habilidade, gostar de divertir as pessoas e saber preparar drinks com muito sabor e aroma.

Dudu trabalha com especiarias e temperos que diferenciam suas bebidas, como majericão, pimenta, canela, hortelã e flores comestíveis. Aqueles três primeiros sabores oferecidos no casamento, transformaram-se em 60 combinações diferentes. “Valeu a pena empreender. Hoje estou realizado e ganho muito mais do que ganhava como garçom”, diz.

dudu3

No próximo post sobre empreendedores, você vai conhecer a The Perfect Dress.

Natal terá presentes mais baratos este ano

25 de novembro de 2015 0

O Papai Noel deve ser generoso este ano, apesar da crise. Mas apenas no número de pacotes que vai colocar de baixo das árvores de Natal dos porto-alegrenses. O valor dos presentes deve diminuir. Pelo menos é isso que aponta uma pesquisa de intenção de compras encomendada pelo CDL e Sindilojas Porto Alegre a fim entender o comportamento dos consumidores no período mais importante para o comércio.  A pesquisa ouviu 300 consumidores residentes na Capital – homens e mulheres, com idades entre 18 e 65 anos (ou mais), das classes sociais A, B, C, D e E.

arvore
O levantamento realizado pela empresa Vitamina Pesquisas estima que a data movimentará R$ 399 milhões este ano na capital gaúcha, mas o gasto médio será um pouco inferior no comparativo com o do ano passado: R$ 538,78, contra R$ 551,59. Mas, como a maioria dos entrevistados pretende colocar, pelo menos, dois pacotes a mais no saco do Papai Noel (sete), o valor por unidade cai de R$ 110 para R$ 76,97.

Roupas seguem liderando o ranking de intenção de compras: 63% dos consultados afirmaram que pretendem presentear amigos e/ou familiares com itens de vestuário.

 Brinquedos ficaram em segundo lugar (35%),

Perfumaria/artigos de maquiagem e calçados  empatam na preferência, com 16%.

Parcelamento no cartão foi a forma de pagamento citada por 36% dos entrevistados, seguido do cartão de débito (35%) e dinheiro (31%). Cheque pré-datado aparece em último do ranking, com apenas 1%.

A entrada do 13º salário é um fator considerável na questão das compras de Natal: 12% afirmaram que pretendem utilizá-lo para adquirir os presentes, 7% para pagar dívidas e fazer novas aquisições e 3% utilizarão o benefício nas festas de final de ano. Entre os demais, 23% vão economizar/guardar, 13% quitarão pendências financeiras e 2% reformarão a casa.

Os centros comerciais foram os locais mais lembrados pelos entrevistados para a realização das compras (70%), à frente da loja de rua (37%) e da internet (11%). Um dado interessante é que, na comparação com o ano passado, houve um aumento de seis pontos percentuais na opção por aquisições pela web.

Além disso, 57% dos consumidores devem participar de, pelo menos, um amigo secreto neste Natal, gastando, em média, R$ 68 se for para presentear familiares e R$ 48 para colegas de trabalho e amigos.

A decoração da casa, em 46% dos casos, será feita com itens utilizados no ano passado, mas 30%  das pessoas ouvidas não abrem mão das tradicionais luzinhas piscantes.  Aliás, 35% disseram que a ornamentação das lojas os inspira a comprar.

E, mais uma vez, os porto-alegrenses deverão deixar para abastecer o saco do Papai Noel de última hora. A maioria dos entrevistados afirmou que deve adquirir presentes na semana que antecede à data (31%) ou na anterior (30%).

presente

 

Natal toma conta dos shoppings e das ruas

23 de novembro de 2015 0

A partir do próximo dia prmeiro de dezembro , o Parque Moinhos de Vento (Parcão) será palco da terceira edição do Brilha Porto Alegre, uma série de atrações artísticas, decoração e iluminação . O parque também vai ganhar um pórtico de luzes, arcos iluminados e uma árvore de Natal de sete metros de altura a apartir de primeiro de dezembro. O evento, uma parceria do Sindicato de Hospedagem e Alimentação de Porto Alegre e Região, da Câmara de Dirigentes Lojistas e o Sindilojas da capital, tem como objetivo principal, estimular os consumidores locais nessa época de festas de final de ano.

Acima de tudo, queremos resgatar o espírito de fraternidade entre as famílias, para que a população vivencie o final de ano com tranqulidade e inicie o ano de 2016 com a energia renovada e olhar no horizonte”, diz o presidente da CDL-POA, Gustavo Schifino. “Pretendemos que Porto Alegre esteja na rota turística de quem viaja no Natal”, diz o diretor do Sindha, Carlos Henrique Schmidt. “Mas a capital só será boa para os turistas, se também for para seus habitantes.” Os argentinos e uruguaios que costumam passar pela capital a caminho do litoral também são alvo da campanha.

A programação começa no dia 27 de novembro com a chegada do Papai Noel no Shopping Total. Haverá, ainda, cinco apresentações do espetáculo circense especial de Natal ‘Universo Casuo’, entre 17 e 19 de dezembro no Auditório Araújo Viana, além de shows de luzes e passeio ciclístico iluminado. Segundo o presidente do Sindilojas, Paulo Kruse, é importante que a população e os lojistas da cidade também participem  desse movimento, iluminando seus estabelecimentos e casas.

BARRASHOPPINGSUL

O BarraShoppingSul preparou seu Natal 2015 para encantar Porto Alegre e receber seus visitantes. A grande atração é uma árvore externa com 30 metros de altura, que equivale a um prédio de 10 andares. Batizada de “A Incrível Árvore Iluminada do Barra”, a árvore tem um sistema de iluminação em LED que permite mais de duas mil combinações de luz e cores. Esta é mesma tecnologia usada para controlar espetáculos como a abertura dos Jogos Olímpicos de Londres, musicais da Broadway e as últimas turnês de nomes como Madonna, U2 e The Police. “Queremos tornar a árvore uma referência no Natal de Porto Alegre. Faremos uma ambientação no estacionamento para que as pessoas possam contemplar, tirar fotos e aproveitar a decoração ao ar livre”, diz Tânia Nascimento, gerente do Barra.

Árvore Gigante do Barra Divulgação

Árvore Gigante do Barra Divulgação

Além disso, o clima festivo toma conta dos corredores do BarraShoppingSul com uma decoração especial que estimula o lado lúdico das crianças com um grande carrossel na Praça Rosa dos Ventos. No espaço, os pequenos podem se divertir no brinquedo e encontrar o Papai Noel. Ali está a tradicional árvore de 9 metros, repleta de enfeites vermelhos e dourados. Também fazem parte da decoração 12 bonecos animatrônicos, 17 árvores com até 2,7 metros de altura, quatro topiarias, oito guirlandas, 30 mil lâmpadas LED e cerca de 3200 enfeites diversos.

Com o conceito “Você Celebra”, o BarraShoppingSul conta com uma promoção inédita para premiar seus clientes com 18 carros, modelo Tracker, da GM. A cada R$ 500,00 em compras nas lojas participantes, os clientes poderão trocar suas notas fiscais por um cupom para concorrer para concorrer aos sorteios e ainda ganharão uma lata exclusiva de chocolates da Kopenhagen. A promoção irá acontece até 27 de dezembro. Os sorteios serão realizados nos dias 30 de novembro e 7, 14, 21, 28 de dezembro, às 10h. O balcão de trocas ficará localizado próximo ao Cinemark, no nível Jockey.Sucesso nos anos anteriores, os carrinhos de golfe continuam disponíveis durante o Natal para dar conforto no carregamento das compras. O serviço acompanha o horário de funcionamento do shopping e pode ser acessado nas portarias gratuitamente. Um dos diferenciais do BarraShoppingSul são as Shopping-Moças, equipe uniformizada que fica circulando no corredores do shopping, para dar informações, ajudar com sacolas, carrinhos de bebês e atender a portadores de necessidades especiais. Os clientes também podem dispor gratuitamente do serviço de guarda-volumes. São armários localizados no SAC no Nível Guaíba, para guardar bolsas, pequenas malas, sacolas, pastas, mochilas.

Os pets também não foram esquecidos. O Pet Spa oferece creche para os bichinhos de estimação por R$ 5,00 a hora. Também estão disponiveis para aluguel, carrinhos para cachorros até 10 kg por R$ 10,00.

Natal do Barra Divulgação

Natal do Barra Divulgação

IGUATEMI

Iguatemi Divulgação

Iguatemi Divulgação

Este ano, o Papai Noel chega de balão ao Iguatemi. O 1º piso da praça Erico Veríssimo abriga uma árvore de 15 metros e balões aéreos, além de uma loja de alfajores, montada especialmente no local para compor o clima natalino. Quem visitar o espaço também poderá se divertir no Samba Balloon, brinquedo interativo voltado para crianças, que simula um voo de balão. A decoração, inédita no Rio Grande do Sul, é assinada por Cecília Dale.

No Show de Natal, que acontece todas as quartas-feiras, às 19h30, no espaço da decoração, até 16 de dezembro, os irmãos ratinhos viajam de balão do Polo Sul para o Polo Norte, onde vão apresentar o número de sapateado que prepararam para uma Festa de Natal.

Na promoção de Natal deste ano, cada R$ 500,00 em compras equivalem a um cupom para concorrer a uma viagem de oito dias e sete noites, com direito à programação especial e passeio exclusivo de balão. Serão dois ganhadores que poderão levar cinco acompanhantes cada, para um dos principais destinos de balonismo no mundo: Turquia, Estados Unidos ou França. A promoção é válida de 5 de novembro a 6 de janeiro de 2016.

O bom velhinho também chega com novidade: o WhatsNoel. Por meio do telefone celular, as crianças poderão mandar mensagens para o Papai Noel, conversar e fazer seus pedidos. A promoção acontece entre os dias 1º e 23 de dezembro.

 

Para garantir o movimento de consumidores todos os dias da semana, e aliviar a grande concentração de público dos finais de semana, quem comprar nas segundas ou terças-feiras aumenta as chances de ganhar, pois serão distribuídos cupons em dobro. O sorteio será dia 7 de janeiro de 2016.

Iguatemi Divulgação

Iguatemi Divulgação

Como o fim do ano também é época de solidariedade, o Iguatemi promove, ainda, o Natal do Bem, com o projeto SuperSelfie. Na praça Erico Verissimo, no 2º piso, há uma instalação cenográfica que simula um balão, onde os clientes podem tirar uma selfie. As fotos feitas no local serão enviadas automaticamente para o site do Iguatemi e cada imagem será revertida em R$ 1,00 para três instituições de caridade de Porto Alegre: Spaan, Casa do Menino de Jesus de Praga e Pão dos Pobres. Além disso, todas as fotos com temática natalina feitas no shopping e postadas com a hashtag #iguatemidobem se somarão às doações. O Natal do Bem vai contar também com um espaço para doações de itens de necessidade para as entidades, localizado junto ao balcão de troca de notas da promoção.

Mais informações: www.iguatemiportoalegre.com.br/natal.

PRAIA DE BELAS

A estrutura montada na Praça da Magia do Shopping Praia de Belas reúne componentes lúdicos que levam encanto e entretenimento para adultos e crianças. Neste ano, a decoração ‘Correio do Noel com Doki e sua turma’ traz um correio natalino com diversos cartões, cartinhas, máquina de escrever e um Papai Noel animatrônico (com uso de eletrônica e robótica em bonecos ou fantoches mecanizados, eles parecem ganhar vida) em tamanho real, sempre à espera de visitas.

Praia de Belas Divulgação

Praia de Belas Divulgação

As crianças têm à disposição inúmeras brincadeiras com os personagens da turma de Doki (uma série de televisão original do Discovery Kids) em espaços interativos montados exclusivamente para as atividades com os bonecos da série. Personagens animatrônicos de Doki e seu amigo Oto estão no local para animar ainda mais a brincadeira. Os pequenos também podem se divertir em equipamentos como o Bola Gira-Gira e na simulação de Corrida de Trenó.

A Oficina de Cartinha para o Papai Noel integra a decoração. Ali, as crianças podem escrever seus pedidos e também colorir um desenho natalino. O bom velhinho da oficina atende diariamente, sempre das 14h às 20h.

Quem não quiser escrever e preferir fazer o seu pedido diretamente pelo telefone, terá, a partir de 25 de novembro, a possibilidade de fazê-lo. É neste dia que o shopping inaugura a atração Cabine do Noel, estrutura idêntica ao modelo londrino com um telefone à disposição, onde os pequenos poderão entrar em contato com o Papai Noel. A Cabine do Noel complementa a decoração do shopping, e estará localizada no 3º piso até o dia 24 de dezembro.

Junto à decoração na Praça da Magia, o Papai Noel espera pela visita das famílias em um espaço montado especialmente para ele. Durante o mês de novembro, o bom velhinho aguarda pelo carinho dos visitantes no horário das 12h às 20h. Já em dezembro, o Papai Noel estará no Praia de Belas sempre das 10h às 22h (ou até as 23h, nos dias em que o shopping operar em horário especial).

A decoração não se limita à parte interna do shopping. A fachada da avenida Ipiranga recebeu dois grandes laços vermelhos, com estrutura de alumínio que simula tecido aveludado durante o dia e, à noite, gera efeitos especiais com um jogo de lâmpadas LED. O formato exclusivo dos laços que compõem a decoração externa tem design francês, criado pela empresa Associate Blachere Brasil, e traz, mais uma vez a Porto Alegre, um projeto instalado anteriormente na Cartier de Nova Iorque. A matriz francesa da Blachere também é responsável pela iluminação natalina de ícones mundiais como a Torre Eiffel e o Champs Elysées, em Paris.

O Natal do Praia de Belas vai contemplar os clientes que fizerem compras a partir de 1º de dezembro. Cada R$ 400,00 em notas fiscais darão direito a um Chocottone Bauducco. Para retirar o brinde, basta apresentar o cupom/nota fiscal de compra no Posto de Troca da promoção, localizado no 3º piso do Praia de Belas, em frente ao GNC Cinemas. O limite diário de trocas é de 3 itens por CPF.

E tem mais. O Praia de Belas e mais 13 shoppings da rede Iguatemi lançaram um aplicativo que deve virar ‘febre’ na internet neste Natal. Através da plataforma online ‘Visita de Natal’ as pessoas podem criar seu próprio cartão natalino com uma mensagem personalizada.
A novidade é que todos podem fazer um vídeo registrando uma visita virtual do Papai Noel dentro de suas próprias casas e surpreender as crianças, os amigos e familiares com uma animação do bom velhinho chegando na sala ou no quarto do filho de cada um. Além disso, o áudio da lembrança colocará o bom velhinho interagindo com o destinatário.

Praia de Belas Divulgação

Praia de Belas Divulgação

Para participar desta campanha nacional do Grupo Iguatemi nos meios digitais, os interessados devem acessar www.praiadebelas.com.br/visitadenatal/, escolher o shopping desejado e depois fazer seu cadastro ou conectar-se através do Facebook. Depois, é só começar a criar o vídeo personalizado, incluindo as informações necessárias e uma imagem da sua residência ou de sua preferência. No meio do processo, é disponibilizado um tutorial que explica todos os passos. Após tudo preenchido, o vídeo será gerado e então é só assistir e compartilhar com sua rede de amigos.

Participam da ação os shoppings Iguatemi São Paulo, JK Iguatemi, Market Place, Iguatemi Campinas, Iguatemi Brasília, Iguatemi São José do Rio Preto, Iguatemi Ribeirão Preto, Iguatemi Esplanada, Iguatemi Alphaville, Iguatemi Florianópolis, Praia de Belas, Galleria, Iguatemi São Carlos e Pátio Higienópolis.

MOINHOS SHOPPING

Em meio às temperaturas quentes do final do ano, o Moinhos Shopping aposta no frio da Finlândia para a sua decoração de Natal. Desde o dia 16 de novembro, o shopping recebe seus frequentadores no clima da Lapônia, a “terra do Papai Noel”, destino turístico da promoção do Moinhos para a data. Ursos e renas animatrônicas em tamanho real, bolas coloridas, enfeites, cristais de gelo, 35 mil lâmpadas de LED e uma árvore com 12 metros de altura fazem parte da decoração do shopping.

O Papai Noel atende às crianças em um gazebo montado no andar térreo do shopping. No espaço, o bom velhinho ganha a companhia dos ursos que simulam movimentos reais e que garantem uma experiência inesquecível para os pequenos e adultos que visitarem o local. Já na entrada do shopping no segundo piso, uma área especial apresenta um típico iglu encontrado no Ártico Polar e uma rena animatrônica para que os visitantes possam fazer fotos divertidas e compartilhar nas redes sociais.

Moinhos Shopping Divulgação

Moinhos Shopping Divulgação

A decoração ganha ainda toques de elegância e sofisticação graças às cores prata e dourado dos mais de 3.500 enfeites espalhados pelo shopping, em árvores de Natal, topiarias e guirlandas.

A campanha de Natal do Moinhos Shopping sorteará uma viagem de sete dias para quatro pessoas para a Terra do Papai Noel na Finlândia. Para concorrer, os clientes do Moinhos Shopping devem trocar R$500,00 em notas fiscais por cupons e depositá-los na urna localizada no gazebo do Papai Noel, no andar térreo do shopping, até o dia 28/12. O sorteio será realizado no dia 29/12

REDE BOURBON SHOPPING

No dia 16 de novembro, a rede Bourbon Shopping apresentou a maior campanha de Natal entre os Shoppings gaúchos. Além de sortear mais de um milhão de reais em dinheiro para os contemplados comprarem o que desejarem, os estabelecimentos Wallig e Novo Hamburgo dispõem de uma fábrica de brinquedos ecológicos onde a criança pode fazer seu próprio brinquedo e levá-lo para casa. Para concorrer aos prêmios em dinheiro, é preciso juntar 400 reais em notas fiscais de qualquer Bourbon Shopping.

Bourbon Shopping Divulgação

Bourbon Shopping Divulgação Fábrica de brinquedos ecológicos

A Coca-Cola é parceira da rede por meio de uma loja conceito no Bourbon Wallig. Ela venderá acessórios, roupas, calçados, souvenirs e garrafinhas customizadas com os nomes dos clientes.

REDE BOULEVARD

A rede Boulevard já está no clima de Natal. Inspirada pelo universo lúdico infantil, a decoração propõe cenários que se integram com o paisagismo e a arquitetura dos empreendimentos. No Boulevard Laçador, a decoração remete às lembranças mais doces da infância, com árvores decoradas com guloseimas e diferentes enfeites natalinos. Soldadinhos de Natal e pacotes de presentes também marcam o cenário.

Boulevard Laçador Divulgação

Boulevard Laçador Divulgação

Já no Boulevard Assis Brasil, ursos em topiaria (a arte de adornar os jardins conferindo a grupos de plantas, por meio de podas e cortes, configurações diversas) Um trenó com renas, no mall do empreendimento, e cascatas iluminadas na praça de alimentação completam a decoração do shopping.

I FASHION OUTLET NOVO HAMBURGO

No Shopping localizado às margens da BR 116 é possível entrar no escritório do Papai Noel para entregar os pedidos de Natal e, depois, ir diretamente passear em um trenzinho.

I Fashion Novo Hamburgo Divulgação

I Fashion Novo Hamburgo Divulgação

Na segunda-feira (16), o outlet inaugurou sua decoração com o mote ‘Estação dos Presentes’, local onde o público pode conferir bonecos animatrônicos em tamanho real em meio a um cenário lúdico que transmite a magia da data para adultos e crianças.

A decoração está em diversos pontos do I Fashion Outlet, com concentração no jardim, onde a família de Noéis e seus ajudantes esperam pelos visitantes. No espaço, dois Papais Noéis animatrônicos interativos com 1,80 metro de altura e uma Mamãe Noel com 1,70 metro de altura, aguardam pelas crianças. Um deles fica em seu escritório, de onde, com a ajuda do amigo duende, recebe as cartinhas com os pedidos de presentes.

Os pequenos terão a oportunidade de colocar seus desejos de Natal em uma caixinha de correio. No mesmo espaço, um trenzinho com capacidade para transportar 10 crianças possibilita um passeio no jardim, tendo como ponto de partida o escritório do Noel. O passeio dura aproximadamente dois minutos, o acesso é gratuito e por ordem de chegada.

Idealizado e executado pela Top Luz, empresa de Novo Hamburgo especializada em inovações tecnológicas em cenários e produções para entretenimento, o projeto ‘Estação dos Presentes’ também leva brilho e cor a outros ambientes do I Fashion Outlet, com mais de 50 mil lâmpadas led na fachada.

Premiação encerra Semana da Comunicação

20 de novembro de 2015 0

Os premiados nas 15 categorias do Salão da Propaganda foram conhecidos durante o Jantar da Propaganda. Também foram entregues a seis representantes do mercado o título “Reconhecimento ARP”, além do Prêmio Lairson J. Kunzler, lançado em 2014, em homenagem ao ex-diretor da Paim Comunicação.

Veja abaixo a relação:

Reconhecimento ARP 2015

- Coletiva.net

- Germano Bedin (ARP)

- Inventa Evento

- Impresul

- José Pedro Goulart (Minima)

- Liquens Arquitetura e Design
Prêmio Lairson J. Kunzler

Romualdo Skowronsky (Global)
Vencedores do Salão da Propaganda:

- Serviços Especializados: Capacità Eventos

- Produção Publicitária de Imagem Gráfica: Estúdio Miagui

- Produção Publicitária Eletrônica e/ou Digital: Loop Reclame

- Profissional de Marketing de Cliente do Ano: Juan Pablo Boeira (Bourbon)

- Profissional de Atendimento de Veículo do Ano: Mauro Mabilde (Zero Hora)

- Profissional de Produção de Agência do Ano: Melissa Bordin (Morya)

- Profissional de Planejamento do Ano: João Miragem (Escala)

- Profissional de Mídia do Ano: Magali Barros (Matriz)

- Profissional de Atendimento do Ano: Liana Bazanella (Debrito)

- Profissional de Criação do Ano: Bártus Cobalchini (Dez)

- Diretor de Criação do Ano: Roberto Philomena (Matriz)

- Veículo do Ano: SBT-RS

- Anunciante do Ano: Zaffari

- Agência de Comunicação do Ano: Matriz

- Empresário ou Dirigente de Comunicação do Ano: Delmar Gentil (Dez)

 

CRIATIVIDADE FOI ESTRELA DA SEMANA 

Regina Augusto é uma das principais especialistas do Brasil no mercado nacional e internacional de comunicação, marketing e mídia. Após 19 anos no Grupo Meio & Mensagem, este ano ela fundou a GUME Reputação & Engajamento, uma agência de relações públicas com foco estratégico.

Regina também é escritora e professora do curso de Pós Graduação em Gestão da Comunicação e Marketing Digital da FAAP (Fundação Armando Álvares Penteado). Para ela, todas as relações atuais são mais humanas, inclusive, as entre marcas e seus consumidores. “Para ter sucesso, as empresas precisam estar focadas em cinco principais atributos: relevância, colaboração, propósito, experiência e transparência” explica.

Segundo a empreendedora, o momento é desafiador. “As agências precisam ter uma relação de confiança com seus clientes. É muito novo o que estou propondo. O contexto que vivemos hoje é diferente. A mídia perdeu sua força e é nesse cenário que eu entro”, conclui.

O Gerente Executivo de Digital no Brasil da Nestlé, Alexandre Waclawovsky, disse ao mercado gaúcho que, na era do contexto, possibilidades tecnológicas ultrapassam nossa capacidade de ter ideias. Para ele, as mídias evoluíram, mas os conceitos continuaram antigos. “Eu não preciso impôr uma conversa, eu possa contribuir no diálogo do meu consumidor. O que importa é entender o contexto e conversar”, destaca. Por isso, Alexandre acredita que as marcas precisam estar atentas ao calendário cultural. “No próximo ano, teremos Olimpíadas. Eu não preciso ser mágico para saber que, provavelmente, teremos um atleta revelação, um doping, um recorde alcançado e um fiasco”, diz.

Foto de Glauco Arnt

Foto de Glauco Arnt

O executivo destaca que a comunicação e o marketing são ferramentas fundamentais para os negócios de hoje, no entanto, para utilizá-los de forma assertiva precisamos entender o cenário da empresa e de seus públicos. Para ele, não importa a plataforma ou a ferramenta, como facebook e twitter, o que vale é o pensamento que está por trás, como planejar e pensar. “Às vezes, ficamos fissurados na ferramente e esquecemos o pensamento”, enfatiza.

Alexandre Waclawovsky tem mais de 20 anos de experiência em empresas de serviços e consumo. Entre suas principais realizações está o planejamento, desenvolvimento e lançamento de marcas e serviços, estratégias de aquisição e fidelização (B2C e B2B), desenvolvimento de ciclos de vida de consumidores, estratégias e plataformas de comunicação e conteúdo, com papéis de liderança sob equipes multi-funcionais, no Brasil e America Latina.

Mídia externa deve crescer em 2016

Violeta Noya, da Otima, especialista em mídia externa, estima um crescimento do mercado publicitário de 3,5% para 2015 e de 7% para 2016. “Mas a expectativa da participação da mídia externa passa de 3%, em 2015, para 15%, em 2016. Temos muito a crescer”, completa.
Só nos últimos quatro anos, a utilização da comunicação externa registrou um crescimento de 40%. Noya explica que as pessoas, em cidades como São Paulo, ficam cerca de 12 horas fora de casa e, destas, mais de duas horas transitando nas ruas. “As leis da cidade são rigorosas e precisamos respeitar. Mesmo assim ainda há muito o que se criar. Com as novas tecnologias, cada vez mais, a mídia externa vai proporcionar interação com o público”.

Para o mercado de Porto Alegre, a executiva diz que a agência Otima tem bons planos. “A capital gaúcha tem muito potencial. Está entre as maiores cidades do país. Acreditamos que seria mais efetivo para o mercado se tivesse uma lei da cidade limpa, como foi implementado em São Paulo”.

Violeta Noya é formada em Engenharia Civil e preside a agência Otima. Tem MBA pela INSEAD e especialização em Housing Finance pela Wharton School da Universidade da Pensilvânia e também já ocupou posições de diretora de Marketing da A.Telecom, do Grupo Telefónica, e diretora assistente para a América Latina da Telefônica Internacional, além de passagem pela Diamond Cluster International, Citybank e Unilever.

Violeta Noya - Foto Glauco Arnt

Violeta Noya – Foto Glauco Arnt

Relações Públicas e marketing de mãos dadas

Fábio Santos, da CDN, falou sobre o futuro da área de relações públicas. “O RP, definitivamente, tem que andar abraçado ao marketing. A publicidade, por exemplo, precisa ser pensada também como ação de RP. Para interagir com os públicos e conseguir enraizar, proteger e fortificar a imagem das empresas. As estratégias precisam estar relacionadas”.

Sobre o tema crise, Fábio explica que neste momento é preciso se comunicar e ser o mais transparente possível. “A partir do momento que você lança um negócio você cria uma crise e, quando der algo errado você precisa estar preparado para isso, a partir do gerenciamento e da prevenção. Quanto maior for a transparência e a comunicação, menor será o problema na crise”, diz jornalista.

Ler para se inspirar

Entre a leitura de um poema e outro, a roteirista e diretora de cinema, Mirela Kruel, confessou a Beto Callege quais são os sentimentos que movem seus projetos e o que motivou a produção do documentário “O Último Poema”. Uma das grandes inspirações da vida de Mirela é ler. “Meus pais sempre me incentivaram muito, mas acho que as pessoas estão lendo cada vez menos. A internet tirou essa profundidade do livro, das leituras dos grandes clássicos e dos poemas”,diz. “A vida anda muito dura e, às vezes, é preciso tentar ver o mundo de uma forma mais doce e mais lúdica para conseguir ir mais além ou até mesmo nos reencontrarmos”.

A ideia do documentário “O Último Poema”, que conta a história da jovem Helena do interior do Rio Grande do Sul, que trocava cartas com Carlos Drummond de Andrade nas décadas de 60 e 70, também veio a partir de uma leitura. “Estava lendo uma matéria de Emiliano Urbim na Revista Piauí sobre a relação da Helena com Carlos Drummond de Andrade, me encantei pela narrativa e pensei: eu tenho que filmar essa história”, lembra. “Esse texto me inspirou para a produção do documentário, assim como uma conversa com alguém ou uma troca de correspondência pode ser uma janela para alma”.

Diretora de filmes, criadora de imagens e jornalista, Mirela Kruel trabalha com imaginação. Acredita no poema imagem, debruçando a pesquisa de seu trabalho autoral na reutilização e na ressignificação de imagens. Seus filmes, Palavra Roubada, Nordeste B e Trilhos, um poema incurável, foram premiados em festivais importantes no Brasil, adquiridos e exibidos nos canais Canal Brasil, TV Brasil e Canal Futura.

O Projeto Inspirações foi conduzido pelo publicitário Beto Callage durante a Semana ARP da Comunicação, na Casa Destemperados. A edição deste ano recebeu figuras como Letícia Remião, Cláudia Tajes, João Pedro Goulart e Paulo Sérgio Rosa Guedes.Hyperlink

CRIARP premia melhores peças publicitárias

A Casa Destemperados foi palco da cerimônia de premiação do 3º CRIARP (Prêmio Criatividade ARP), na noite da quarta-feira, 18. Realizado pela primeira vez dentro da Semana da Comunicação, o evento reuniu mais de 150 profissionais do mercado. No total, 93 trabalhos foram premiados nesta edição, divididos em Bronze, Prata, Ouro, Grand Prix e Ideia do Ano.

“Este evento é a celebração de uma crença, de uma filosofia, de uma visão de mundo: nós acreditamos na criatividade. Nada supera a força de uma boa ideia. Quando a gente espreme a burocracia, as reuniões intermináveis, os processos, os medos, as inseguranças, é a boa ideia que sobra. É ela que constrói marcas, que muda o rumo de um negócio, que altera o ciclo de um produto, o share de um mercado ou a vida de uma empresa”, disse o presidente da ARP, Fábio Bernardi.

As agências Global, J. Walter Thompson e TH Comunicação foram as vencedoras na modalidade Grand Prix. A Global ainda ampliou a lista de prêmios ao conquistar o título “Ideia do Ano”, com o “Projeto Global”. A lista completa dos premiados está disponível em http://www.arpnet.com.br/.

 

Foto de Glauco Arnt

Foto de Glauco Arnt

 

Saiba mais sobre a Semana Da Comunicação aqui no Mundo dos Negócios.

Também poderá gostar deste post.

E deste.

 

 

Jornalismo e Propaganda se encontram na Semana ARP

19 de novembro de 2015 0

O Primeiro Papo de Mídia da Semana da Comunicação propôs uma debate sobre a “Geração de Conteúdo como Mídia”. O Grupo de Mídia do Rio Grande do Sul recebeu a jornalista Clarissa Barreto, da Cartola Agência de Conteúdo, e os publicitários Heloísa Lima, da BFerraz, e Ricardo Soletti, do Alambrado Colorado. “As agências estão superabertas e investindo cada vez mais na produção de conteúdo. Hoje, o encontro da propaganda com o jornalismo é fundamental. Em qualquer campanha, precisamos contar uma história”, diz Clarissa. Soletti, que é Diretor de Criação da Competence, também defende essa ideia: “Se você não tiver uma história bacana para contar, não vai conseguir conquistar o cliente. O que as pessoas querem é conteúdo relevante. É isso que envolve e desperta o interesse por uma marca”.

papomidia00

Debatedores do Papo de Mídia – Foto Glauco Arnt

ARP está no CENP

A Semana ARP da Comunicação 2015 também marcou o ingresso da Associação Riograndense de Propaganda (ARP) ao Conselho Executivo das Normas-Padrão (CENP). Primeira entidade regional brasileira a participar do Conselho, a ARP assume formalmente o compromisso com as normas-padrão da atividade publicitária. “Mais do que a concretização de um pilar, aderir ao CENP é entrar ainda mais nos negócios da propaganda. Além disso, a ARP sempre defendeu o Conselho e seus valores”, diz o presidente da Associação, Fábio Bernardi.

Para Caio Barsotti, presidente do CENP, ambas as entidades só têm a ganhar com o acordo firmado. “Zelamos pela autorregulação. O ingresso da ARP deve ter significado nacional para as demais entidades regionais que representam profissionais ligadas ao setor. É louvável essa iniciativa”, destaca.

O CENP é uma entidade com atuação nacional, criada e mantida exclusivamente pelo setor privado para assegurar boas práticas comerciais entre Anunciantes, Agências de Publicidade e Veículos de Comunicação. Associação dos Profissionais de Propaganda (APP), Grupo de Atendimento e Grupo de Planejamento são algumas das entidades que já aderiram ao CENP.

Fábio Bernardi, presidente da ARP e Caio Barsotti, presidente do CENP – Foto Glauco Arnt

Os facilitadores e palestrantes da escola de criatividade sueca Hyper Island, Cristiane Piza e Benito Berretta,  falaram sobre Inovações Exponenciais. Cristiane lembrou que as tecnologias e inovações estão em constante movimento. “Hoje, as inovações estão evoluindo cada vez mais rápido e, muitas vezes, não dá tempo para a gente se adaptar, pois continuamos aprendendo linearmente, enquanto a tecnologia cresce exponencialmente”, comenta.

Como exemplo, foi citado o novo investimento da Amazon na entrega de legumes e frutas frescas. Segundo Cristiane, é praticamente impossível que redes como Walmart consigam aplicar negócios nestes formatos. “A Amazon consegue compreender de maneira única as necessidades dos consumidores e de uma forma muito rápida. Atualmente, o modelo de negócio aplicado pelas empresas que estão crescendo é o da mudança. Sabendo usar a mudança, o que está em movimento, o crescimento das empresas é muito mais rápido”, explica a profissional.

Em um segundo momento, os palestrantes fizeram uma dinâmica. Os participantes precisaram listar em três colunas palavras e ideias que remetiam a “necessidades humanas”, “base de dados” e “tecnologia”. Após, os voluntários pegaram um item citado em cada um dos pilares e foram desafiados a criar um produto que preenchesse aquela necessidade humana, a base de dados e a tecnologia coletada.

Entre as ideias surgiu um relógio que, com imagens, lembra o que as pessoas precisam fazer ao longo do dia e um aplicativo chamado Nariz, que ensina ao idoso exercícios diferentes para respirar melhor. Berretta completou dizendo que “o objetivo no exercício não é só falar sobre necessidades humanas, base de dados e tecnologia. A intenção é conectar ideias e pessoas”.

arp22

Cristiane Piza e Benito Berretta – Foto Glauco Arnt

Bruno Hoffmann, do The Hoff Group, falou como utiliza as informações digitais em campanhas políticas de maneira estratégica. Ele afirmou que o banco de dados é fundamental para a produção de conteúdo e relacionamento digital. “A partir do monitoramento das menções das redes sociais, por exemplo, podemos ter uma pesquisa qualitativa. Antes, levávamos um mês para receber uma pesquisa, hoje, podemos ter atualizações diárias do que está se falando”, destaca. “Estamos conseguindo puxar os relacionamentos para outro nível. No meio político, por exemplo, já percebemos uma mudança de comportamento. Já há uma consciência da importância e podemos ver muitos profissionais de banco de dados e do meio digital, participando do planejamento das campanhas. Não é mais só a produção de conteúdo, é uma análise de tudo o que está sendo falado”.

Outro exemplo citado por Hoffmann foi o aplicativo Uber. “A empresa sabe usar o banco de dados que possui de maneira correta. Eles conseguem coletar apoiadores da marca a partir do auxílio que dão e do uso correto das informações que têm”.  Consultor estratégico digital de política, ele já recebeu diferentes prêmios na área, como “Pollie Award de OURO” da Associação Americana de Consultores Políticos (AAPC) em 2013. Hoffmann organiza campanhas políticas online no Brasil, servindo como coordenador estratégico, e já atuou na implementação de estratégias de comunicação online em diversas campanhas políticas nos EUA.

Letícia Remião, premiada fotógrafa, famosa por seus trabalhos conceituais para campanhas e para o mundo da moda, falou sobre o que tem guiado seus trabalhos e sua carreira. “O excesso de informações e conteúdos que recebemos faz com que as pessoas não prestem atenção no detalhe. Estamos perdendo a capacidade de olhar e temos que cuidar para não perder a capacidade de ouvir”, diz. “Olhar para o outro me inspira muito. Eu não quero iguais ao meu lado, eu quero pessoas diferentes. Adoro encontrar e observar os outros”.

O Projeto Inspirações é conduzido pelo publicitário Beto Callage durante a Semana ARP , sempre ao meio-dia, na Casa Destemperados.

Callage e Damião no Inspiraçõe - fot Glauco Arnt

Callage e Remião no Inspiraçõe – fot Glauco Arnt

A vez do Mobile

Terence Reis, professor de mobile marketing na ESPM, economista e cientista político pela UFMG, falou que o mobile, atualmente, ainda é visto pelas agências como risco e custo. “Era mais fácil fazer mobile quando as equipes ainda eram voltadas para o offline, do que com as agências digitais. Hoje, muitas vezes, a ferramenta mobile é vista como concorrente. As agências têm dificuldade de entender que ela é parte do negócio”, diz. “A nossa preocupação, agora, é saber onde está a nossa audiência e ir atrás dela. Com o mobile temos muitas alternativas para interagir com o consumidor”.

Reis esclareceu aos participantes a diferença entre mobile site e aplicativo, e quando se deve utilizar cada um deles. “Aplicativo é relacionamento, uma ação mais planejada para se aproximar do público e uma forma de fidelizar, mandar notificações. Mobile site usamos quando queremos passar informações mais pontuais, é uma ação mais impulsiva”, explica.

Pioneiro do mercado mobile no Brasil, o economista e cientista político Terence Reis, da Krux Digital, é também professor de marketing na ESPM e responsável pela estruturação da Mobile Marketing Association na América Latina. Anualmente, realiza o Mobility Index, estudo que mede a presença de anunciantes no ambiente mobile.

 

Semana ARP discute o futuro

17 de novembro de 2015 0

O público lotou a Casa Destemperados na noite de segunda-feira, 16, para ouvir o dinamarquês Peter Krönstrom, chefe do Copenhagen Institute for Futures Studies Latin America e fundador do future lounge, durante a Semana ARP da Comunicação 2015. Ele, que propôs um debate sobre o tema “Choque de realidades: como o futuro vai reconfigurar o rol de comunicação”, acredita na inexistência do futuro, mas estuda profundamente os próximos passos da humanidade. “O futuro se constrói diariamente e não tem fórmulas. É algo incerto e precisamos saber dessas incertezas para saber onde atuar. É como um exercício de imaginação, onde cenários são projetados com base em imprecisões”, diz.

 

arp44

Peter Krönstrom Foto de Glauco Arnt

Ao levantar a questão sobre o que acontecerá com a indústria da comunicação, o dinamarquês se diverte: “Eu não sei, ninguém sabe. Se você encontrar alguém que diga ter a resposta, fique alerta”. Ele ressaltou ainda que a mídia atravessou três horizontes, o tradicional, o moderno e o da nova mídia, este último marcado pela integração do produtor e do consumidor. Para ele, esse processo resulta em uma nova configuração e na necessidade de criar novoos formatos. “Irá sobreviver aquele que se adaptar mais rápido”.

Kronstrom também falou sobre a constante mudança no comportamento dos seres humanos. “Chegamos a um cenário onde o mais importante é a liberdade de ser dono. Não queremos mais ter. Hoje, o que vale é a economia de compartilhamento”, destaca. Se compartilhar é a ordem da vez, o momento também é oportuno para o maior alcance de pessoas e geração de concorrência. “Nunca foi tão fácil criar uma empresa e chegar ao mundo inteiro em tão pouco tempo. Atualmente, os competidores de uma marca estão espalhados por todos os cantos do globo”.

Big Data também pautou a conversa com o dinamarquês Peter Krönstrom. “Este é o novo petróleo. As pessoas esperam que o Big Data mude todo o cenário em que vivemos”,diz. Embora seja um entusiasta de novas tendências, ele não tem a fórmula certa para o futuro das empresas, mas adianta que “transparência e confiança serão os valores mais importantes para as marcas no futuro.”

Não deixe a CRIAnça morrer

Nesta terça, o Projeto Inspirações, comandado pelo publicitário Beto Callage, recebeu o psiquiatra Paulo Sérgio Rosa Guedes e o diretor de cinema José Pedro Goulart. Os profissionais contaram ao público, em uma conversa leve e divertida, sobre o que estimulou a coprodução do livro “É preciso viver no mundo da Lua (de lá se enxerga melhor a terra)” e o que move as demais produções de suas vidas.

A criatividade e a importância de mantermos viva essa chama foram fatores destacados pelos profissionais como norteadores de suas motivações. Para Paulo Guedes, nossas inspirações estão baseadas na criança que fomos e, muitas vezes, naquela que não fomos. “Criança é o ser que cria e não podemos nunca nos distanciar dela. Ela que vai nos levar a uma inspiração maior do que a do senso comum. A criança que temos dentro de nós vai sendo ensinada de que é errada e, ao entender isso, vamos perdendo nossa criatividade”, completa o psiquiatra.

O cineasta reforça o pesamento de Guedes e afirma que o pensar e a monotonia da responsabilidade nos tira a possibilidade de sermos criativos. “Quando somos avós, por exemplo, ativamos nossa criatividade e nosso lado lúdico, porque não temos a responsabilidade dos pais de ensinar”. Pelé foi lembrado como um bom exemplo de que precisamos agir antes de pensar para ser criativo. “Pelé não pensava antes de criar seus passes e dribles, ele simplesmente fazia. É dessa forma que temos que ser”, diz o psiquiatra.

“A crise na indústria da comunicação é de modelo de negócio”

Todos nós sabemos que hoje  está ocorrendo uma revolução no mercado de comunicação e mídia. E para falar sobre isso, a ARP trouxe a Porto Alegre o fundador da  The Factory, Adriano Silva. “O cenário não voltará a ser como era. Antes trabalhávamos com imagem. Agora trabalhamos com reputação. Ou seja, antes pagávamos para que falassem bem de nós, hoje, trabalhamos para que as pessoas possam falar bem das nossas marcas”, diz. Para ele , o mercado ainda tem muita demanda e necessidade de conteúdo de qualidade, o que precisa ser revisado é como estas produções serão entregues.

Segundo o comunicador é possível identificar uma evolução na maneira de utilizar a comunicação como ferramenta no meio empresarial. “Em um primeiro momento, estávamos preocupados no advertising, comprar mídia. Após, as marcas passaram a produzir e comunicar em seus próprios canais. Já, hoje, não basta apenas gerar conteúdo e fazer propaganda, precisamos criar experiência aos consumidores. Vivemos a era do storydoing e do live marketing”, afirma Silva.

arp55

Adriano Silva Foto de Glauco Arnt

Ele também salienta que o mercado não está fazendo o movimento na mesma velocidade que o público e a tecnologia. “O bom conteúdo continua sendo muito valorizado. O que precisamos saber é de que forma entregar, em que periodicidade e a que preço. Chega a ser um pouco paradoxal, pois aprendemos que somos comunicadores e o que temos que fazer hoje é ouvir e decodificar o que os nossos públicos estão falando sobre nós”, conclui Adriano Silva.

Ferramentas Digitais para fortalecer as marcas

O publicitário Gustavo Mini, da agência DZ Estúdio, falou que o ambiente digital nos induz a responder tudo rapidamente, mas temos que ser estratégicos. “O mais importante não é ser o primeiro em tudo. É preciso ser relevante. O Facebbok não foi a primeira rede social, nem o Google o primeiro site de busca. Mas hoje temos eles como as marcas mais consolidadas em suas áreas”, afirma. “Temos a descartabilidade permeando tudo e, principalmente, o meio digital. Por isso, precisamos exercitar com frequência o pensar sobre relevância e o real significado das nossas ações”. Mini defende que, mais do que responder aos movimentos e a todas as tendências digitais, é preciso ter um plano.

As ferramentas digitais bem utilizadas refletem diretamente na imagem e nos resultados das marcas e devem ser pensadas em paralelo às estratégias de negócio da empresa. “O digital é uma nova forma de ganhar receita, de lucro, de vantagem competitiva e, por consequência, até mesmo de ganhar market share”, conclui.

Head de Criação da agência DZ Estúdio, Gustavo Mini já foi colunista de Cultura Digital da Oi FM. Além disso, tem em seu portfólio trabalhos para marcas como Pepsico, Nutrella, Grupo RBS, Companhia Zaffari, Panvel Farmácias, Lojas Paquetá, Lojas Gaston, Banrisul e Ministério da Saúde.

Atendimento: o elo entre o cliente e a agência

Celina Esteves, vice-presidente executiva da agência Africa, falou sobre suas experiências durante a Semana ARP da Comunicação. Com o tema “Liderar de uma forma humana” e apontando alguns dos principais cases da agência, Celina defendeu relações vez mais humanas e próximas entre empresas e clientes e como isso está mudando o perfil dos profissionais de atendimento no meio publicitário. “Precisamos saber todo o histórico e o perfil das empresas que atendemos. Estudar, estar abertos e nos interessar pelo o outro é fundamental para fazer um trabalho com mais profundidade e entregar melhores resultados”, diz.

arp66

Celina Esteves Foto de Glauco Arnt

Além disso, a equipe de atendimento é o elo entre o cliente e a agência. É o atendimento que faz a relação entre os dois mundos. “A criação produz brilhantemente os projetos e, se nós, que estamos no meio de campo, não soubermos nos relacionar, nem defender as ideias, podemos colocar todo o trabalho por água abaixo. Precisamos saber nos relacionar e tirar o melhor de todos”, completa a publicitária.

Celina Esteves tem mais de 25 anos de carreira em Propaganda, dos quais dez dedicados às empresas do Grupo ABC como Africa, DM9 e Loducca.  É um dos nomes mais respeitados da área de atendimento no Brasil. Celina participou do desenvolvimento da Africa Zero ao lado de Nizan Guanaes, e se tornou vice-presidente executiva da Africa há dois anos, onde lidera os departamentos de atendimento, planejamento e gestão de pessoas.

Saiba o que está rolando na Semana ARP da Comunicação

16 de novembro de 2015 0

A Semana ARP da Comunicação 2015 começou nesta segunda e vai até o dia 19 de novembro, na Casa Destemperados (R. Marquês do Herval, 82 – Moinhos de Vento). Aqui no blog, você fica por dentro do que acontece por lá.

Pra começar, quem chegou hoje cedo para acompanhar as primeiras novidades, encontrou a Casa Destemperados ambientada com móveis da Tramontina.  Criados pela ZON Design para a empresa gaúcha, eles foram escolhidos especialmente para acomodar o público durante a Semana ARP. São cadeiras Sofia nas cores branca, amarela e marrom. Já a poltrona Oca, de tom azul, ganha destaque no palco.
Feitos em polietileno, os móveis são produzidos pela fábrica de Delta, uma das dez unidades da Tramontina no país. A marca possui um mix de mais de 18 mil itens entre utensílios e equipamentos para cozinha, eletros, ferramentas para agricultura, jardinagem, manutenção industrial e automotiva, construção civil, além de materiais elétricos e móveis em madeira ou em plástico.

Cadeira 'Sofia', da Tramontina - Divulgação

Cadeira ‘Sofia’, da Tramontina – Divulgação

 

Poltrona Tramontina - Divulgação

Poltrona Tramontina – Divulgação

 

O mundo não é mais massificado. Será?
O sócio-diretor da City Pesquisas, Martin Haag, abriu a programação de palestras da Semana ARP da Comunicação
com o tema “Insights Subterrâneos – Um Passeio pelas Ciências Humanas”. Segundo ele, estamos deixando de viver experiências massificadas, devido ao amplo acesso às tecnologias. “As divisões tecnológicas dos nossos conteúdos estão propiciando que cada um de nós produza nosso próprio conteúdo e casting. Fazemos parte de pequenas redes e vivemos experiências próprias”, disse.
Haag ainda declarou que as empresas precisam estar mais atentas aos movimentos de seus públicos de maneira individualizada. Além disso, toda comunicação precisa levar em consideração os cinco principais sentimentos que movem as pessoas: alegria, ódio, desprezo, tristeza e nojo. “As marcas têm dúvida de onde estão os seus públicos. Como as pessoas não estão mais concentradas em um único lugar, é necessário produzir valor e identificar o que realmente impacta cada público”. Haag também falou sobre projetos da City, que combinam métodos quali e quanti para interpretação dos porquês do comportamento, orientando decisões estratégicas de design, conteúdo, negócios e branding. O executivo, que trabalha para marcas de diferentes setores, já planejou para Coca-Cola Zero, Sprite, Fanta, L’Oréal, Nestlé Lácteos, Microsoft, Paramount Filmes, Lojas Renner, Lojas Colombo, Grendene, Unimed, entre outros.

Além das palestras, o público pode assistir o Projeto Inspirações, mediado pelo publicitário Beto Callage. No primeiro dia, a convidada Claudia Tajes disse que precisamos estar mais próximos das pessoas e dos nossos sentimentos. A escritora e publicitária falou sobre suas inspirações  e declarou ao público que as relações estão mais vazias nos dias de hoje. “Às vezes, tenho a impressão de que as pessoas não gostam mais de gente. Nada contra os cães, mas precisamos nos aproximar uns dos outros”.

A publicitária, que também é roteirista, confessou suas dificuldades em converter a linguagem livre, fundamentada na imaginação que utiliza nos livros, para as representações concretas das produções filmadas. “Para a TV, temos que transformar todas as cenas em imagens reais. Os cursos que fiz e minhas conversas com Jorge Furtado me ajudaram a adaptar as linguagens dos dois mundos”, diz.
Claudia é autora de romances como “Amores” (L&PM Editores, 2000); “Dores, Amores & Assemelhados” (L&PM Editores, 2002) e “A Vida Sexual da Mulher Feia” (2005). Além de escritora, é roteirista da Rede Globo e, em 2011, teve seu livro “Louca por Homem” adaptado para a série “Mulher de Fases”, do canal HBO.

Tajes

Inspirações com Cláudia Tajes Foto: Glauco Arnt

O Inspirações acontece até a próxima quinta-feira, 19, sempre ao meio-dia.

Precisamos mudar a nós mesmos para vencer a crise

PC Bernardes, diretor da Lua Propaganda, define crise como qualquer movimento inesperado que nos tire da zona de conforto. “Essa é uma ótima oportunidade para aprendermos e não podemos ver apenas pelo ponto de vista do negócio”, afirma. O tema “Lições da Crise” conduziu o bate-papo do início da tarde do primeiro dia da Semana ARP, na Casa Destemperados.

Para o criativo, a maior distância que as pessoas precisam percorrer tem 45 centímetros: está entre o coração e a mente. “Neste tempo de crise, devemos fazer uma mudança interior para criar de forma inteligente. Precisamos voltar a ser mais humanos. Mais do que ficarmos tristes pelo que vêm acontecendo ao redor do mundo e aqui no Brasil, precisamos agir, porque crises vêm e vão. Se não aprendermos, outras crises podem vir, igual ou diferente, e, de novo, não saberemos como reagir”, diz Bernardes, que também fez uma analogia da crise com a adolescência. “A crise mais completa que a humanidade vivencia é a adolescência. Nessa fase, temos crise financeira e emocional. Ao mesmo tempo, aprendemos a ativar os melhores sentimentos como compaixão, solidariedade, respeito e organização”.

PC Bernandes, que já criou jingles de sucesso para marcas como Guaraná Antarctica, Brahma, Parmalat e Honda, é produtor musical do seriado Mr. Brau, da TV Globo. Com mais de 30 anos de experiência, presidiu a agência Africa Rio por cinco anos e, atualmente, dirige a Lua Propaganda, em São Paulo.

Na noite dessa segunda-feira, a fundadora da Bloom contou aos participantes da Semana ARP da Comunicação como a agência vem se inovando em pesquisa digital. Na quarta palestra do primeiro dia da Semana ARP da Comunicação, a publicitária Laura Kroeff contou um pouco da sua experiência e visão sobre como usar a criatividade e se reinventar no mercado atual. “Nas Redes Sociais, temos um efeito desinibidor dos internautas que nos faz ter um Raio X mais fiel a opinião dos públicos. Com a análise correta dos dados, conseguimos pesquisas com bons resultados e com baixo custo”, diz.

Na análise de Kroeff, diversas empresas já possuem em sua mão uma excelente ferramenta de pesquisa – o Social Big Data (dados provenientes das redes sociais) – no entanto, nem sempre conseguem sugar tudo o que há de informações ali. “Muitas empresas já investem em monitoramente de menção nas redes sociais, mas esta ferramenta normalmente é só utilizada pelas equipes de CRM. O que as empresas precisam se dar conta é que com estes dados conseguimos saber, por exemplo, informações importantes de comportamento dos nossos públicos de interesse”.

A empresária relatou um episódio para exemplificar a força das redes sociais: ela teve apenas dois dias para realizar uma pesquisa de opinião. “Decidimos soltar um post patrocinado no perfil da marca com a pergunta: ‘Se a marca X fosse uma pessoa, quem seria?’ Em poucas horas já tínhamos diversas respostas interessantes e que nos deram bastante embasamento, com o exato perfil desejado”, lembra.

Laura Kroeff é fundadora e líder da Bloom, uma empresa de estratégia de mercado com expertise em ferramentas digitais e criativas de pesquisa. Antes de empreender, ela passou por empresas como Dez, Paim, Lew’Lara, Box1824 e W3haus. Durante mais da metade da sua carreira esteve no mercado de São Paulo, de onde liderou projetos nacionais e internacionais para clientes como: Itaú, Globosat, Fiat, C&A, O Boticário, Mondelez, Reckitt, Samsung, Ambev, Vivo, Melitta, Pepsi, Burger King, Nike entre outros.

Amanhã tem mais novidades aqui no Mundo dos Negócios. Até lá!

 

 

 

Qual o papel da área de inovação numa grande empresa?

13 de novembro de 2015 0

Por Maximiliano Carlomagno*

Nos últimos anos tivemos a oportunidade de apresentar diferentes modelos de estrutura de governança da atividade de inovação em grandes empresas. Nas palestras e workshops que realizamos tem sido frequente o questionamento sobre qual o papel da área de inovação.

pixabay

Identificamos 3 modelos que traduzem o papel da área de inovação. Acredito que conhecer tais modelos pode ajudar na reflexão da montagem da estrutura na sua empresa:

1) Inovação como articulador da inovação

A inovação precisa ser compreendida para que seja praticada. As pessoas tem que incorporar ferramentas, práticas e novos conceitos de trabalho para inovar mais e melhor. Articular a estratégia de inovação e estimular a cultura são atividades necessárias para fazer a inovação acontecer. Em um dos modelos que identificamos, a área de inovação é uma estrutura corporativa de suporte e prestação de serviço as BU’s – business units, afinal, as pessoas, custos e receitas estão alocadas nas unidades de negócio. Trabalhamos com uma indústria farmacêutica em que a área de inovação era responsável por atuar como suporte para as áreas de negócio provendo conteúdo, plataforma, métodos e momentos para gerar e refinar ideias inovadoras junto com as áreas interessadas. A área de inovação apoiava a definição de desafios estratégicos, auxiliava o desenho do processo, a moderação de workshops e a priorização de ideias. Ainda servia como instrumentalizador e coach dos times de projeto no desenvolvimento das ideias e como treinador de técnicas de captura de insights, ideação e project management. Nesse modelo, a execução dos projetos fica alocada nas unidades de negócio que “compram” as ideias que lhes interessa e desenvolvem as ideias com seus recursos existentes.

2) Inovação como executor de projetos

Nem sempre, em função do tipo de inovação que a empresa pretende desenvolver, a melhor opção de estrutura é focar a área de inovação na instrumentalização, articulação e fomento da inovação. Em determinados casos é preciso ir além. Os executivos das unidades de negócio tem tendência de focar em projetos de curto prazo que lhes garantam os resultados e bônus pelos quais são avaliados. Trabalhamos com uma empresa de bens de consumo na qual a área de inovação era focada na gestão e execução de um portifólio de projetos de inovação radical. Nesse modelo, a área de inovação executa os projetos. Para isso, tem um time, recursos, budget para desenvolver as ideias inovadoras enquanto que as BU’s ficam responsáveis pela operação do base business e não investem tempo em fazer aquilo que não estão acostumadas. Nesse modelo, a área de inovação fica responsável por um conjunto de projetos de ruptura e as BU’s ficam responsáveis pela operação do negócio existente e eventuais inovações incrementais. Há, claro, desafios quando essas ideias precisam ser posteriormente operadas pelas BU’s mas sem essa abordagem os projetos sequer iriam germinar.

 3) Inovação como articulador e executor

O terceiro modelo consiste em integrar os dois papéis numa mesma estrutura. Trabalhamos com uma empresa multinacional onde parte do time era focado na articulação e fomento e parte na gestão de projetos inovadores. O desafio desse modelo é seu caráter dual. São papéis, perfis de profissionais e atividades distintas a serem realizadas. Separar essas atividades dentro da área de inovação e balizar claramente as expectativas com a alta gestão é um tema crítico. Além disso, é fundamental o alinhamento com as unidades de negócio sobre esses papéis e a clara delimitação sobre que tipos de projetos são conduzidos pela área de inovação e quais são gerenciados pelas áreas de negócio. No caso concreto, as iniciativas de inovação radical que tem menor aderência com o modelo de negócio existente eram tocadas pela área de inovação ao passo que as iniciativas de inovação incremental, com encaixe com o modelo de negócio atual, eram gerenciadas pelas BU’s.

Há diferentes formas de posicionar a área de inovação numa empresa. O modelo de prestação de serviço ou de gestão e execução de projetos têm desafios, papeis e demandas de estrutura e recursos distintos. A definição do melhor modelo depende da estratégia de inovação de cada empresa e sua ambição de crescimento. Os 3 modelos apresentados são guias para uma análise inicial de cada empresa candidata a inovadora.

Boa reflexão e até a próxima inovação!

Veja outros artigos de Maximiliano Carlomagno aqui no blog

Maximiliano Selistre Carlomagno, colaborador do Mundo dos Negócios na área de inovação, dá dicas e conta o que há de novo sobre o tema nas empresas no Brasil e no exterior. Sócio fundador da Innoscience, Consultoria em Gestão da Inovação, é autor do livro Gestão da Inovação na Prática e do e-book A Prática da Inovação. É mentor Endeavor e presidente do Comitê de Inovação da Amcham.

Criative-se! Vem aí a Semana ARP da Comunicação

12 de novembro de 2015 0

 

A 12ª edição da Semana da Comunicação da Associação Riograndense de Propaganda - ARP, acontece entre os dias 16 e 20 de novembro, em Porto Alegre , com o mote”CRIative-SE“. Trata-se de uma provocação feita pelo presidente da ARP, Fabio Bernardi, que juntou as palavras Crise e Ative para instigar as apresentações e debates com o foco na superação e reinvenção do setor, como uma forma de inserir criatividade e inovação em meio à crise. Encará-la de frente, de forma ativa, reinventar-se e avançar são atitudes que a ARP propõe aos profissionais da área nesse período tão turbulento na economia global e nacional.

Este ano, a Semana da Comunicação terá seus eventos concentrados na Casa Destemperados, localizada na rua Marques do Herval, 82. Embora continue no Moinhos de Vento, dessa vez o grande encontro anual do setor de publicidade e propaganda não terá as tradicionais instalações e intervenções que sempre aconteciam nas ruas do bairro durante a semana. E prestará uma homenagem especial ao principal responsável por essas ativações, o arquiteto Joel Fagundes, morto no início deste ano, atropelado por um táxi enquanto pedalava sua bicicleta na zona norte da capital.

Destemperados

Casa Destemperados

Este ano, o público poderá ouvir especialistas como:

-  Peter Kronstrom, dinamarquês que comanda o Copenhagen Institute for Futures Studies Latin America;

- Celina Esteves, vice-presidente executiva da agência Africa;

celina2

Celina Esteves – divulgação

- PC Bernardes, produtor musical do seriado Mr. Brau, da TV Globo, e um dos principais criadores de jingles no País;

PC_BERNARDES

PC Bernardes – Divulgação

- Cristiane Piza, da Escola Sueca de Inovação Hyper Island, referência em Inovação e Pensamento Criativo;

- Martin Haag, pesquisador da City;

- Adriano Silva, da The Factory;

- Fábio Santos, da CDN;

fabio2

Fabio Santos – Divulgação

- Bruno Hoffmann, da The Hoffmann Group;

- Gustavo Mini, Diretor de Criação da DZ Estúdio;

- Violeta Noya, presidente da Otima;

violeta2

Violeta Noya – Divulgação

- Laura Kroeff, fundadora e líder da Bloom, uma empresa de estratégia de mercado com expertise em ferramentas digitais e criativas de pesquisa;

- Terence Reis, da Krux Digital;

- Regina Augusto, da Agência Gume;

- Alexandre Waclawovsky, da Nestlé;

Além das palestras, o endereço será palco do Projeto Inspirações, mediado pelo publicitário Beto Callage, do Papo de Mídia e da cerimônia de premiação do CRIARP – Prêmio de Criatividade ARP. O tradicional Jantar da Propaganda será realizado na quinta-feira, 19, na Casa NTX.
O hotsite da Semana de Comunicação da ARP entrou no ar na quarta-feira (11), realizado pela DZ Estúdio. http://www.semanaarp.com.br

Natal Luz e Sonho de Natal movimentam economia na serra gaúcha

10 de novembro de 2015 0

 

O Blog Mundo dos Negócios destaca hoje dois eventos grandiosos que acontecem em Gramado e Canela, na serra gaúcha, todos os anos entre novembro e janeiro. É uma espécie de homenagem a essas cidades que sempre atraíram turistas no inverno — quando a temperatura muitas vezes fica negativa e chegam a cair alguns flocos de neve –, mas que souberam se reinventar para enfrentar também o que antigamente era sua ‘baixa estação’. Os meses mais quentes do ano, com os eventos de Natal, apoiados e patrocinados pelo poder público, pelas empresas locais e pela população dessas cidades, tornaram-se tão ou mais importantes que o inverno para a economia local.

Natalluz5

eventos Foto de Cleiton Thiele

Há exatas três décadas, na cidade de Gramado, nascia um espetáculo que mudaria para sempre a história da região de forte influência da colonização alemã. Atraindo mais de 2 milhões de turistas todos os anos, o evento se tornou um símbolo da força e dedicação da comunidade local para recepcionar seus visitantes. Por isso, este ano, uma memorável e ainda mais grandiosa celebração marca a histórica 30ª edição do Natal Luz de Gramado.

Até 17 de janeiro de 2016, a cidade oferece muitas novidades, com grandes shows, espetáculos musicais, desfiles, paradas, concertos, teatro e música em mais de 500 apresentações.

natalluz6

Foto de Cleiton Thiele

As ruas e lojas de Gramado já estão enfeitadas e uma gigantesca equipe — são mais de 1,8 mil pessoas envolvidas diretamente no evento -, que inclui bailarinos, cantores, músicos, atores, produtores e diretores, alia talento e inspiração, transformando-a em uma cidade mágica para a temporada de Natal.

natal7

Fotos de Cleiton Thiele

A seguir, o blog sugere uma série de eventos que o turista não pode perder:

Eu sou Maria (Nativitaten)
Apresentado às terças, quintas e sábados a partir das 21h30min, no Lago Joaquina Bier, o espetáculo vem este ano de cara nova e muda o conceito de tudo que se apresentou antes em um grande musical épico. São mais de 200 artistas, entre atores e atrizes, cantores, sopranos, tenores, orquestra e bailarinos, ao vivo. A história começa no “Sim” de Maria para o Anjo Gabriel, aceitando e se comprometendo com a maior missão da humanidade, e se desenrola até o momento mais marcante do Natal: dar à luz ao menino Jesus.

Maria1

Fotos de Cleiton Thiele

Grande Desfile de Natal 30 anos
Apresentado às quartas, sextas e domingos, a partir das 21h30min, na área do ExpoGramado. Com mais de 1000 pessoas envolvidas a produção busca oferecer o maior desfile de Natal de todos os tempos. O público vai relembrar o que aconteceu no mundo em 30 anos de Natal Luz: na música, na moda, nos brinquedos, nas roupas, nas atitudes. Efeitos especiais, música cativante e muita animação são os ingredientes para esta viagem no tempo com muita participação da plateia.

desfile

Fotos de Cleiton Thiele

Natal pelo Mundo

O espetáculo substitui a Fantástica Fábrica de Natal e acontece às terças, quintas, sextas e sábados, às 18h30min, no Pavilhão do ExpoGramado. Sofia, a menininha que visitava a Fantástica Fábrica de Natal, agora tem 30 anos… Cresceu, amadureceu, se transformou. Mas, como todas as pessoas quando chegam a esta idade, se permitiu sonhar de novo e voltou a acreditar na Magia do Natal. Reencontrou seus amigos da Fábrica de Natal e foi mostrar a eles como são os Natais pelo mundo, suas curiosidades, suas festas. Um cenário altamente tecnológico proporciona uma viagem inesquecível pelo mundo para toda a família.

mundo

Fotos de Cleiton Thiele

Natal Mágico com Kronnus
Apresentado de sexta a domingo no Palácio dos Festivais, a partir das 17 horas – na grade de programação a partir do dia 13 de novembro. O maior mágico do Brasil desafia os olhos dos mais atentos e encanta adultos e crianças num espetáculo tematizado para o Natal em palco montado exclusivamente para este Show.

Show de Acendimento das Luzes
Durante todas as noites do evento, uma emocionante cerimônia no centro da cidade, com efeitos sonoros e luminosos sincronizados com a grande árvore de Natal, culminam no acendimento das luzes da cidade. A atração é gratuita e será totalmente renovada com novo conceito e performance de artistas em e m meio a espocar de luzes e sons. O evento está programado para as 20h30min em estrutura montada no Palácio dos Festivais em frente à Rua Coberta, no Centro de Gramado.

Os ingressos podem ser adquiridos nos sites www.natalluzdegramado.com.br ou www.eventicket.com.br

Em Canela, a poucos minutos de Gramado, o turista também pode se encantar com o tradicional clima de magia que toma conta da cidade nesta época. A 28a edição do Sonho de Natal acontece de 20 de novembro de 2015 a 10 de janeiro de 2016.

canela2

Foto: Sérgio Azevedo, divulgação

Na última edição, o evento levou mais de 1,4 milhão de pessoas à cidade. Para 2015, o formato segue o mesmo e irá contar com os shows consagrados de espetáculos como Christmas in Concert, Auto de Natal e Simplesmente Natal. A decoração lúdica e a Vila dos Sonhos montada na praça principal, ambiente de confraternização idealizado especialmente para a temporada, também darão o tom encantador para a temporada natalina da cidade.

A programação completa está no site oficial www.sonhodenataldecanela.com.br

Procurando destacar a participação da comunidade na realização do evento, o Sonho de Natal está sendo acompanhado, planejado e avalizado por uma comissão composta por empresários da região, produtoras culturais locais e pessoas da comunidade em conjunto com o poder público.

A seguir, as sugestões para o turista que for a Canela:

canela

Imagem Ricardo Varela – Divulgação

SIMPLESMENTE NATAL

Espetáculo multimídia em forma de concerto. São músicos, bailarinos, cantores e atores tocando clássicos das canções natalinas, tendo como cenário um dos pontos mais emblemáticos e imponentes da cidade: a Catedral de Pedra. O espetáculo é conduzido por 5 cantores, coral com crianças do projeto Academia de Arte e Cultura de Canela, 20 bailarinos, 10 acrobatas, 10 atores, somando mais de 200 artistas e técnicos envolvidos. As músicas são apresentadas com arranjos inéditos em quatro línguas diferentes: português, inglês, italiano e francês. Há ainda o surpreendente móbile humano, que eleva através de um guindaste de 200 toneladas, 10 acrobatas aéreos a 45 metros de altura para uma performance emocionante.

 

Foto: Ricardo Varela, divulgação

CHRISTMAS IN CONCERT

O Christmas In Concert combina o glamour das tradicionais músicas natalinas com o estilo consagrado por grandes cantores como Frank Sinatra e Tony Bennett. As canções deste espetáculo são interpretadas por músicos no melhor estilo “big band”, com o clássico trio guitarra, baixo e bateria além do teclado, naipes de sopro, crooner e coral de apoio. O diferencial fica por conta da releitura dos arranjos feita especialmente para o evento, dando um ar mais moderno às tradicionais canções natalinas, flertando com estilos empolgantes como o rock’n’roll. Para abrilhantar ainda mais o espetáculo, um corpo de baile interpreta belíssimas coreografias.

AUTO DE NATAL

O Auto de Natal conta a história de Jesus, que nasceu humildemente para mostrar seu amor por nós, ensinando-nos a amar uns aos outros, respeitando suas diferenças. Canela revive a fé e a esperança através do Auto de Natal, espetáculo que une teatro e música, mostrando o verdadeiro Espírito de Natal.

canela3

 

Espetáculos: Auto de Natal (6, 20 e 23 de dezembro às 21h), Christmas in Concert (5, 11 e 19 de dezembro às 21h) e Simplesmente Natal (12, 13 e 16 de dezembro às 21h).
Atrações: Vila dos Sonhos, Casa do Papai Noel, Encantorias Natalinas, Bichinhos da Vila – Contos de Natal, Bandas Locais, Festival de Dança Neusa Martinotto, Sempre é Natal, Coral Bocalis e Terno de Reis.