Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Porque algumas empresas seguem investindo

25 de janeiro de 2016 0

Que a economia nacional está enfrentando uma grave crise, todo mundo sabe. Por isso, hoje vou falar aqui no Mundo dos Negócios sobre empresas que estão remando contra a maré e apostando que dias melhores virão.

 

Divulgação

Divulgação

A gaúcha Unesul, empresa de transportes há mais de 50 anos no mercado, está ampliando a sua frota de veículos em 14 ônibus, totalizando 455 veículos para atender seus clientes do Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná e Mato Grosso do Sul. Entre esses carros, quatro são leitos e farão a linha Porto Alegre – Passo Fundo – Erechim, com duas viagens diárias. A carência de transporte entre a capital e o interior do Estado, especialmente depois que companhias aéreas deixaram de atender muitas localidades, deu espaço para empresas como a Unesul melhorarem suas frotas e oferecer o serviço com qualidade.

Os novos veículos estão equipados com wi-fi, carregadores USB em todas as poltronas, entre outros equipamentos. Os assentos são mais confortáveis, com melhor ergonomia, com ângulo maior de inclinação, espaçamento maior entre eles e um descanso de pernas.

Além disso, a Unesul está investindo em tecnologia. Em breve, serão instalados aparelhos para monitoramento de veículos que permitirão oacompanhamento da frota em tempo real. Um dispositivo de botão de pânico também está sendo desenvolvido. Assim, a empresa poderá monitorar o que está acontecendo durante a viagem, e os usuários que estão aguardando nos terminais poderão ter informações precisas sobre o horário de chegada e saída dos carros.

A Unesul transporta cerca de 8 milhões de passageiros, que percorrem aproximadamente 48 milhões de quilômetros a cada ano. São cerca de 1,7 mil funcionários para operar as 222 linhas de caráter interurbano, intermunicipal, interestadual e internacional, atendendo mais de 400 municípios dos Estados do Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, Mato Grosso do Sul e o Paraguai.

A decisão de investir está baseada na demanda existente e na certeza de que ela irá aumentar quando houver a retomada do crescimento.

A mineira MRV Engenharia, única presente em 133 cidades de 19 Estados,  está lançando uma campanha nacional na mídia para mostrar os números surpreendentes do seu crescimento no País. Surpreendentes porque a indústria da construção é uma das mais atingidas pela crise e porque os anunciantes estão economizando justamente em comunicação. Pois a MRV investe R$ 1,2 milhão em campanha para celebrar a marca histórica de 300 mil unidades lançadas por uma incorporadora no Brasil.

Em seus 36 anos de atividades, a empresa conseguiu lançar 300 mil unidades habitacionais – um recorde no país – e proporcionar moradia para mais de 1 milhão de pessoas que ganham entre 3 e 10 salários mínimos, em 19 Estados do Brasil. Um dos maiores orgulhos da empresa é ter permitido às essas pessoas conquistarem o sonho da casa própria. “Tornamos acessíveis o primeiro imóvel à população de baixa renda em praticamente todos os Estados do País”, comemora Eduardo Fischer, presidente da MRV Engenharia. Hoje, a empresa é a maior operadora do programa federal de habitação popular, atuando na produção de unidades para as faixas 2 e 3, cujos recursos são originados do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS).

A campanha nacional, assinada pela Brokolis do Brasil, em parceria com a Impacto Comunicação, tem o mote “Nunca uma construtora fez tanto para tantos brasileiros”, e quer mostrar os números expressivos da empresa e o fato de a MRV ser uma empresa extremamente comprometida com os seus públicos de interesse, principalmente os clientes. “Temos o orgulho de dizer que todos os nossos empreendimentos tiveram começo, meio e fim”, destaca Fischer.

O projeto Parque Dubai, em Belo Horizonte, lançado em dezembro último, foi o 300° empreendimento da empresa. “Nós não chegaríamos tão longe se não tivéssemos investido em uma equipe extremamente engajada e motivada, que compartilha os nossos valores”, admite o presidente. Por isso, como forma de valorizar este time, os próprios colaboradores são as estrelas desta campanha.
A MRV vem crescendo desde a sua fundação e ampliando a sua abrangência geográfica. A empresa nunca saiu de nenhuma cidade em que lançou empreendimentos. Os clientes espalhados por 133 municípios brasileiros já somam 250 mil. “Até o final de 2016, um em cada 250 brasileiros estará morando num imóvel construído pela empresa”, observa Fisher. Em alguns municípios como Uberlândia e Ribeirão Preto, por exemplo, um em cada 20 habitantes já vive num imóvel da MRV.

INVESTIMENTOS SOCIAIS — Um dos pilares dos negócios da MRV é a visão de longo prazo. Dentro desta perspectiva, estão os investimentos em sustentabilidade. Só em 2015,  ela investiu quase R$ 130 milhões na revitalização de praças, parques e áreas de lazer, construção de escolas, postos de saúde, estações de tratamento de esgotos e pavimentação de vias urbanas no entorno de usas obras. No ano passado, a empresa inaugurou o Instituto MRV com foco na realização de projetos voltados para a educação e preservação ambiental das empresas do Grupo.

Com a verba de 1% dos lucros da empresa, o Instituto busca promover melhorais sociais no entorno de suas obras, incentivado por meio do voluntariado corporativo. “Queremos que o ‘DNA social’ da liderança da empresa vá contaminando todos os funcionários”, observa Fischer, que é o presidente do Instituto. “Nos próximos anos, queremos ser reconhecidos não apenas como construtores de casas para quem não tem moradia como também protagonistas de transformações sociais nas cidades onde atuamos”.

Divulgação

Divulgação

 

 

Envie seu Comentário