Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Ladrão burro

16 de junho de 2006 4

É mole?/Divulgação/PRF
Pior que ser ladrão, é ser ladrão burro. Um erro de ortografia em uma placa falsa acabou colocando o comprador de um carro roubado na cadeia. Durante uma blitz de rotina realizada na rodovia Régis Bittencourt a Polícia Rodoviária de São Paulo estranhou o nome da cidade em que o carro havia sido emplacado: Frorianópolis.

Desconfiados, os policiais pediram para ver os documentos do veículo, onde também constava que o carro era da mesma Frorianópolis. Ao conferir os números do chassi e do motor a polícia constatou que o carro havia sido roubado em 31 de maio em São Bernardo, na Grande São Paulo.

O motorista, que confessou ter comprado o veículo em uma feira em Florianópolis por R$ 5 mil, foi preso. O carro, um Toyota Corolla, vale cerca de R$ 50 mil.

Uma coisa dessas devia contar como agravante de pena…

Postado por Sabrina e Lenara

Comentários

comentários

Comentários (4)

  • Eduardo de Oliveira Correa diz: 16 de junho de 2006

    É o que dá, deixarem ocorrer feiras de carros sem autorização nenhuma por este Brasil afora, os espertalhões de plantão estão aí, e os incautos ainda caem nestes velhos golpes.

  • mariainez rebelatto diz: 17 de junho de 2006

    Florianópolis já é a CAPITAL FEDERAL da lavagem de dinheiro sujo, se nessas feiras de carros, o Ministério Público se fizesse presente muito bandido seria encontrado, basta andar pela SC401 aqui na ilha de Santa Catarina.

  • leandro meneghetti diz: 17 de junho de 2006

    O ladrão é burro, mas imagine o “proprietario” que comprou o carro, sem faser as devidas comferencias dos documentos. O valor do carro na tabéla é +/- $ 50,000 comprou por $ 5,000. Iai ???

  • Lica diz: 17 de junho de 2006

    Tem que fazer ele escrever milhares de vezes, na parede da cela: FLORIANÓPOLIS – FLORIANÓPOLIS…

Envie seu Comentário